Socialista Morena
Cultura

Cine Morena: Conterrâneos Velhos de Guerra, de Vladimir Carvalho

Hoje, 21 de abril, Brasília completa 53 anos de sua inauguração. Para celebrar a data, Cine Morena apresenta o documentário Conterrâneos Velhos de Guerra (1990), de Vladimir Carvalho, que conta uma história muito pouco conhecida sobre a construção da cidade: o levante de operários, no carnaval de 1959, contra as condições de trabalho no canteiro […]

(foto da página Brasília - Patrimônio da Humanidade)
Cynara Menezes
21 de abril de 2013, 13h59

Hoje, 21 de abril, Brasília completa 53 anos de sua inauguração. Para celebrar a data, Cine Morena apresenta o documentário Conterrâneos Velhos de Guerra (1990), de Vladimir Carvalho, que conta uma história muito pouco conhecida sobre a construção da cidade: o levante de operários, no carnaval de 1959, contra as condições de trabalho no canteiro de obras da construtora Pacheco Fernandes que levaria a um massacre executado pela Guarda Especial da então futura capital. Fala-se em pelo menos 9 candangos (como são chamados os pioneiros de Brasília) mortos e 60 feridos.

Carvalho foca seu filme nos trabalhadores e recolhe relatos de maus-tratos, péssimas condições de trabalho e acidentes fatais encobertos para não macular a nova cidade que nascia, em pleno Centro-Oeste do país. É, até o grande Juscelino Kubitschek, que tantos políticos citam como exemplo na hora de se candidatarem, teve seus esqueletos no armário…

Criadores de Brasília, Lucio Costa e Oscar Niemeyer têm reações distintas diante das câmeras. Lucio nega ter ouvido falar do assunto. Niemeyer interrompe bruscamente a entrevista com o cineasta. Esta semana, Vladimir Carvalho finalmente lançou em DVD Conterrâneos Velho de Guerra. Enquanto vocês não adquirem uma cópia, assistam o filme, que foi colocado por algum fã na íntegra no youtube. Não sei quanto tempo permanecerá por lá.


Apoie o site

Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para assinar, você pode usar apenas qualquer cartão de crédito ou débito

Ou você pode ser um patrocinador com uma única contribuição:

Para quem prefere fazer depósito em conta:

Cynara Moreira Menezes
Caixa Econômica Federal
Agência: 3310
Conta Corrente: 23023-7
(2) comentários Escrever comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da Socialista Morena. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Tahia Sarapo em 21/04/2013 - 15h47 comentou:

Cynara,meus parabéns
Tenho quase 70 anos você sabe.Tenho imensa alegria de ver uma pessoinha como você que FAZ MESMO A DIFERENÇA. Pessoinha é no bom sentido….Quisera ter você como filha ,aliás você é ,um pouco. Você me comove. beijão e bom domingo

Responder

Tahia Sarapo em 21/04/2013 - 17h19 comentou:

É um documentário doloroso que será visto por poucos e como a mente da Casa Grande é engessada dirão que era para ser assim mesmo como diz o Lúcio Costa no início: boataria de candango…..
Triste,essa história será contada daqui a vinte anos.

Responder

Deixe uma resposta

 


Mais publicações

Politik

7 malfeitos de Agnelo em Brasília. Ou: o que é preciso fazer, afinal, para…


Quando muitos defenderam a expulsão de José Genoino e José Dirceu pelo PT eu discordei. Ora, injustiçados ou não, eles agiram em nome do PT e foram presos por causa disso. Não faz sentido algum…

Cultura

Brasília deu certo


Tenho um amigo que costuma fazer galhofa dizendo que Brasília não deu certo. Acho hilário, mas é calúnia. A capital de Juscelino Kubitschek, Oscar Niemeyer e Lucio Costa não só funciona enquanto cidade como desenvolveu…