Socialista Morena
Mídia

Cruzada antissexo do tumblr silencia vozes marginalizadas

Decisão da hospedeira de blogues de banir conteúdo adulto afeta sobretudo profissionais do sexo, mulheres, negros, trans e LGBTs

Foto: reprodução
Weudson Ribeiro
13 de dezembro de 2018, 14h01

Como um pecador arrependido, o tumblr decidiu passar um borracha em seu passado libertino a fim de se ajustar ao rol das redes sociais anódinas que dominam a internet há algum tempo: a empresa hospedeira de blogues comunicou que, a partir de 17 de dezembro, vai varrer de sua plataforma todo conteúdo adulto, num ato moralizador que, na avaliação de especialistas, tende a silenciar grupos que se veem cada vez mais marginalizados ante a onda conservadora que se espalha mundo afora.

Desde 2007, quando foi fundado pelo empresário David Karp, o tumblr tem servido de refúgio para profissionais do sexo, sobreviventes de abusos sexuais e subculturas focadas em compartilhamento e produção de fanfiction, pornô amador, literatura erótica e arte LGBT. Para o psicólogo clínico norte-americano David J. Ley, o movimento antissexo da rede de microblogues representa um golpe à diversidade sexual das mulheres, que integram a maior parte da base de usuários ativos no site. “Elas usam GIFs como uma maneira de evitar gatilhos, leem contos a fim de superar traumas, buscam vídeos excitantes e conseguem limitar a exposição ao que consideram ofensivo. Como de costume, a repressão ataca primeiro as damas”, disse.

Pior ainda: a decisão do tumblr é um lembrete de como as gigantes da internet tendem a censurar nudez com mais pulso firme do que se dedicam a policiar conteúdos destrutivos, tais como o disparo de notícias falsas e ódio racial –enquanto entusiastas de publicações NSFW (não seguras para o local de trabalho, na sigla em inglês) têm sido individualmente instruídos a “limparem” suas páginas de quaisquer expressões impudicas, a comunidade neonazista presente na plataforma segue firme e forte, muito embora a empresa, como tantas outras, se posicione expressamente contra o discurso de ódio.

A decisão do tumblr é um lembrete de como as gigantes da internet tendem a censurar nudez com mais pulso firme do que se dedicam a policiar conteúdos destrutivos, tais como o disparo de notícias falsas e ódio racial

Pesquisador da Universidade de Michigan, Oliver Haimson aposta que a guerra ao sexo travada pelo tumblr vá afetar em especial a população trans online. “O tumblr foi um espaço importante para essas comunidades por muitos anos. O conteúdo NSFW é frequentemente educacional e terapêutico em contextos de transição de gênero, positividade sexual e aceitação ao próprio corpo”, explica. De acordo com a escritora e dominatrix Jenny Nordbak, os coletivos feminista, afrocêntrico e LGBT perdem um fórum outrora valioso para auto-expressão e interconexão: “Há várias mulheres me perguntando onde podem acessar materiais que lançam um olhar feminino sobre a sexualidade. Agora eu não sei mais o que recomendar a elas”, comenta. “O tumblr foi um dos poucos lugares na internet onde era possível encontrar expressões da sexualidade negra sem as distorções comuns das mídias convencionais.”

Em 2013, o tumblr foi comprada pelo Yahoo e se tornou parte de uma unidade chamada Oath, que é de propriedade da Verizon –a aquisição de 1,1 bilhão de dólares transformou a mais underground das redes sociais à época em apenas uma das pontas de um monólito neoliberal. No feriado de Ação de Graças deste ano, a Apple excluiu o aplicativo do tumblr de sua loja virtual após o Yahoo ter apresentado falhas em seu filtro de seleção: o vacilo abriu uma brecha para que o site fosse brevemente utilizado por internautas que visavam à disseminação de pornografia infantil via web. A empresa, por sua vez, não explicou o que um erro de triagem tem a ver com a publicação lícita de registros sexuais em seu sistema: “Não faltam sites na internet que toleram conteúdo adulto”, justificou o CEO da empresa, Jeff D’Onofrio, num anúncio publicado em 3 de dezembro. “Vamos deixar isso para eles e focar nossos esforços em criar o ambiente mais acolhedor possível para nossa comunidade.”

O tumblr foi um dos poucos lugares na internet onde era possível encontrar expressões da sexualidade negra sem as distorções comuns das mídias convencionais

Em 2016, um grupo de cientistas de dados da Bell Labs descobriu que menos de 1% das contas do tumblr produziam imagens de teor erótico. No entanto, cerca de 22% dos usuários seguiam esses perfis de olho no material libidinoso. O estudo observou, ainda, que 28% dos usuários do Tumblr foram expostos “não intencionalmente” a imagens indecorosas. Professora do departamento de ciência da informação da Universidade do Colorado, a pesquisadora Casey Fiesler prevê um êxodo em massa da rede social após a higienização da plataforma. “Quando o LiveJournal resolveu banir conteúdos sexuais de sua rede de fanfics, os usuários criaram o Archive of Our Own, o que foi positivo para a comunidade de fandoms. Talvez o mesmo possa ocorrer em relação ao tumblr: um novo espaço voltado a pessoas do espectro LGBT, escritores, ilustradores, sobreviventes de abuso sexual, profissionais do sexo, artistas queer e comunidades fetichistas”, disse. “Se manifestar contra a censura ao sexo não é sobre apoiar a pornografia… É sobre defender a liberdade.”

 


(2) comentários Escrever comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da Socialista Morena. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Anny Velasco em 14/12/2018 - 13h34 comentou:

Claro que como uma empresa privada o tumblr tem td direito do mundo de mudar os termos de uso a hora q quiser. mas como bem apontou o autor as redes sociais parecem mais preocupadas em banir mamilos do que banir fascistas, pq é mais fácil e comodo pra eles. além disso, o setor privado q vive defendendo sua soberania economica sobre o Estado ao adotar essas praticas moralistas acaba entrando no jogo dos políticos reaças que veem sexo e pornografia como uma coisa ruim. eu nao consumo esse tipo de material e mesmo assim acho essa medida do tumblr contraproducente e vergonhoso

Responder

Erick Fonseca em 22/12/2018 - 20h41 comentou:

Se tem vários empresários progressistas e parte da comunidade LGBT, então bem que eles poderiam criar uma plataforma para esse povo.

Responder

Deixe uma resposta

 


Mais publicações

Politik

Justiça rejeita ação de ruralista contra ativista que o chamou de… “ruralista”


Valdir Colatto (PMDB-SC) alegava ter sido vítima de ofensas à sua honra e imagem durante audiência pública, mas o que a Justiça enxergou foi tentativa de intimidação

Politik

Stranger Things é uma metáfora sobre como estamos nos perdendo no mundo virtual


***SPOILER***NÃO LEIA ESTE TEXTO SE VOCÊ AINDA NÃO ASSISTIU A SÉRIE ATÉ O FINAL***SPOILER*** Numa leitura óbvia, Stranger Things, a série do canal por assinatura Netflix cuja primeira temporada virou febre entre os brasileiros, é…