Socialista Morena
Politik

Marina Silva, a carranca e o estado laico

Não tenho medo da vitória de Marina Silva. O povo é sábio e soberano. O que ele decidir, será. Irei respeitar e torcer para que dê certo, porque o País é o mesmo. Mas não voto em Marina. Obviamente, como pessoa de esquerda, me preocupa uma possível guinada neoliberal no governo com sua chegada ao […]

Cynara Menezes
05 de setembro de 2014, 16h11
carranca

(A carranca do rio São Francisco no saguão do ministério da Cultura)

Não tenho medo da vitória de Marina Silva. O povo é sábio e soberano. O que ele decidir, será. Irei respeitar e torcer para que dê certo, porque o País é o mesmo. Mas não voto em Marina. Obviamente, como pessoa de esquerda, me preocupa uma possível guinada neoliberal no governo com sua chegada ao poder assessorada por economistas que seguem esta cartilha. Existe, porém, uma razão mais forte que me impede de votar nela. O projeto de Brasil de Marina não é o meu, mas não voto nela principalmente porque não sinto confiança de que governará, sendo evangélica da Assembleia de Deus, a partir da concepção de um estado laico, como promete.

Há uma história que circula no ministério da Cultura desde a época de Gilberto Gil que para mim é emblemática. Gil ganhara uma carranca de madeira, daquelas que ficam na proa dos barcos no rio São Francisco, e chamou Marina, sua colega de prédio e ministra do Meio Ambiente, para “inaugurar” a obra, no hall de entrada comum a ambos ministérios. As carrancas são utilizadas pelos pescadores do rio como adorno e com a crença de que espantam maus espíritos. Marina teria se recusado a participar da cerimônia dizendo que a obra representava o “diabo”. Teria inclusive pedido para que fosse retirada do saguão. Se foi assim que ocorreu, o episódio não abalou sua proximidade com Gil, porque ele vai votar na ex-colega para presidente.

Em outra versão da história, contada em reportagem da revista Época de maio de 2008, a própria Marina teria sido presenteada pelos prefeitos da região do rio São Francisco com a carranca e teria se negado a receber o regalo, que ficou coberto até o final da cerimônia. Na mesma reportagem, uma bióloga do ministério do Meio Ambiente conta que, com Marina Silva à frente da pasta, reuniões técnicas chegavam a ser interrompidas para a realização de cultos evangélicos. Seu assessor Pedro Ivo, um dos coordenadores da campanha de Marina atualmente, negou os cultos durante o expediente, mas admitiu que, na hora do almoço, “funcionários se juntavam para rezar nas salas de reunião” (leia aqui).

Marina não me assusta. Fundamentalistas, sim. Estamos assistindo atônitos, nos últimos anos, à forte investida deles contra as bandeiras progressistas: a descriminalização do aborto como questão de saúde pública, a defesa dos direitos dos cidadãos LGBTs, a descriminalização das drogas. No segundo turno da última eleição, em 2010, os fundamentalistas jogaram as trevas sobre nós ao acusar Dilma Rousseff de ser “abortista”, levando a campanha ao mais baixo nível da história.

Eleita Dilma, não lhe deram trégua: à base de ameaças e chantagens, conseguiram barrar um kit educativo anti-homofobia por eles batizado como “kit gay”. Depois, no Congresso, os fundamentalistas lançaram sobre a Nação a praga de projetos medievais como o da “cura gay” e o Estatuto do Nascituro, apelidado de “bolsa-estupro” por seus críticos, porque prevê o pagamento de uma pensão à mulher que, vítima de estupro, decidir não abortar.

Por que falo em “fundamentalistas” e não “evangélicos”? Porque existem evangélicos progressistas. Gente cristã de verdade, que segue na vida o preceito de amar ao próximo como a si mesmo, e não odiar, como pregam alguns destes pastores insanos. É preciso separar o joio do trigo, distinguir os fiéis destes falsos “servos do Senhor”, interessados apenas em poder e dinheiro. Tenho certeza que muitos evangélicos não os suportam e conseguem enxergar com clareza a falta de cristianismo em suas palavras.

Marina é evangélica, mas honestamente não acredito que seja fundamentalista. De qualquer maneira, a história da carranca me deixou com o pé atrás. Também me chama a atenção o fato de nunca ter visto Marina em uma só foto que seja junto a representantes das religiões de matriz africana, alvos frequentes da intolerância dos fundamentalistas, embora tenha participado de uma campanha presidencial inteira em 2010. Eduardo Campos, sim. Inclusive sancionou em 2012, quando governador, um projeto que tombou terreiros de candomblé em Pernambuco.

Nos últimos dias, tivemos a notícia de que a campanha de Marina Silva voltou atrás e apagou do seu programa de governo o trecho que defendia o casamento gay e justamente após um dos fundamentalistas mais fanáticos e repulsivos, o pastor Silas Malafaia, tê-la criticado no Twitter. Malafaia, aliás, declarou voto na candidata. Marina também ganhou a declaração de voto no segundo turno de outro pastor fundamentalista, o deputado federal Marco Feliciano, já defendido por ela como “vítima” de hostilidades por ser evangélico e não por ser o autor de frases de cunho homofóbico e racista.

Se, ameaçada por esta gente, a presidente Dilma Rousseff foi capaz de recuos em projetos importantes para a comunidade LGBT, como acreditar que, tendo eles a seu lado e professando do mesmo credo, Marina Silva não fará igual? Ou pior?

O fundamentalismo religioso e sua perseguição aos homossexuais, à esquerda e aos progressistas de maneira geral são a minha maior preocupação no Brasil hoje. Tenho falado constantemente sobre a importância de o PT aproveitar este momento histórico para se livrar deles, definitivamente até porque preferem Marina. E conquistar a simpatia dos evangélicos que pensam de maneira diferente, mais condizente com o mundo moderno do que com preceitos ultrapassados ou mal interpretados propositalmente por pastores manipuladores.

Se Marina ganhar, espero de todo coração que eu esteja errada e que ela saiba de fato diferenciar Estado de religião. Que consiga domar os fundamentalistas a seu redor. Que lute pela tolerância com os gays e os adeptos de religiões de matriz africana com tanto fervor quanto prega por tolerância em relação aos evangélicos. E que cumpra sua promessa de fazer o governo laico que eu, infelizmente, não acredito que seja capaz de fazer.


Apoie o site

Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para assinar, você pode usar apenas qualquer cartão de crédito ou débito

Ou você pode ser um patrocinador com uma única contribuição:

Para quem prefere fazer depósito em conta:

Cynara Moreira Menezes
Caixa Econômica Federal
Agência: 3310
Conta Corrente: 23023-7
(126) comentários Escrever comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da Socialista Morena. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Fernando Nunes de em 05/09/2014 - 16h31 comentou:

Só um adendo, Cynara. A Dilma ter cedido à pressão dos fundamentalistas, no caso do "kit gay", assim como cedeu em outras questões, não a difere de Marina. Assim como a Marina cedeu nesse momento de campanha, Dilma cedeu em nome da governabilidade, ou seja, negociou algo inegociável que são os direitos humanos.

Responder

    Patrick em 05/09/2014 - 18h21 comentou:

    O seu "relativismo" de entender as duas candidatas como "iguais" nessa questão não resiste à declaração de voto do próprio Malafaia.

    Mauricio em 05/09/2014 - 21h38 comentou:

    Com a diferença que o mantra da Marina é a "nova política" livre desse tipo de postura.

    Vitor em 08/09/2014 - 16h38 comentou:

    O PT também era, há uns 12 anos…

    Ângela em 05/09/2014 - 22h22 comentou:

    É, mas vamos combinar que hoje todos os candidatos e políticos são reféns dos fundamentalistas. E que uma coisa é ceder nas tumultuadas "costuras" do congresso, por falta de força política – e outra é ceder após apenas alguns tuítes, ainda por cima provavelmente em consonância com convicções íntimas. Resumindo: o que está ruim pode estar para ficar bem pior. E não é retórica vazia do medo: tem base real nos atos dos fundamentalistas e no recuo a céu aberto de Marina à investida de Malafaia. Política é feita de sapos e submissão. Mas tão rapidamente, tão acintosamente, e ao que a sociedade tem de mais atrasado? Só consigo imaginar o que viria pela frente com muito pior que agora. Em outras palavras: não estou dizendo, e creio que ninguém está, que "tudo bem" se Dilma ou quem quer que seja rifa DDHH pela governabilidade e que "Dilma pódi". Mas não consigo não ver como um passo mais largo para o abismo empossar quem faz parte das mesmas fileiras que exigem a rifa dos DDHH.

    maria lourdes em 07/09/2014 - 14h40 comentou:

    perfeito

    Tonio em 07/09/2014 - 11h53 comentou:

    Por que a esquerda tem mania de chamar os cristãos de fundamentalistas? Pra mim isso é uma mostra clara de como eles não toleram ninguém com opinião diferente deles. Quem não compartilha de suas ideias "progressistas", está condenado à fogueira do linchamento moral. Na minha opinião, abortistas é que deveriam ser consideradas as fundamentalistas. É no mínimo interessante pessoas com tendências homicidas quererem vir falar de tolerância.

    E essa história de que a Marina cedeu a pressões está muito mal contada. Até onde eu sei, Malafaia declarou em vídeo na última terça que não apoiará a Marina. Apenas calhou da revisão do texto do programa da candidatura ocorrer no mesmo dia em que o Malafaia começou com as críticas. E a revisão, ao contrário do que os petistas falam, só trocou 6 por meia-dúzia. O programa continuou basicamente o mesmo, o objetivo da mudança foi apenas substituir o jargão utilizado na versão anterior por uma linguagem mais comum. O que pra mim, na verdade, é um ponto contra a Marina, e não a favor.

    Ao contrário dos "progressistas", não acho que ficar incentivando as crianças na escola a virarem gays seja algo que uma sociedade responsável faria. Mas o programa do PSB é na verdade mais incisivo na defesa às questões LGBTT (ou seja lá qual for a sigla da moda) que o do PT.

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 02h55 comentou:

    Apesar de ser Centralista (na opinião), sou de Direita e chamo cristão de fundamentalista e vitimista (adora se fazer de perseguido). E aí?

    Ainda q eu critique algumas visoes ingenuas (ou nao tao ingenuas) de Esquerdistas (e de Direitista tb) aqui, nao misture coisas: Esquerda ou Direita sao assuntos humanos e nao de supersticiosos fanaticos. Deus ta fora dessa parada. Deus nao vota, um candidadto de esquerda como Marina é evangelica e outros evangelicos sao de Direita; Deus é esquerda ou direita? Onde ta na Biblia?

    Cleusa Pozzetti Siba em 08/09/2014 - 14h07 comentou:

    Prezados, muita coisa difere entre a Dilma e a Marina. Para mim a menor preocupação de uma eventual eleição de Marina é a questão religiosa. Já que Gil vota nela comprova que o cara é como o Caetano – não votam com consciência de um Brasil grande e soberano. Se a questão é ambiental – como é que a Marina fará se tem como seu vice um ruralista ligado aos transgênicos?????Pelo jeito quando estes falam em pobres em suas músicas é só para se fazerem de preocupados com a miséria. Daí quando temos uma presidente que faz muito pelos mais humildes, eles resolvem votar na anti-nacionalista, entreguista e refém de banqueiros – Sra. Marina. Cinara – você só não vota em Marina por conta da questão religiosa? Deveria estar mais preocupada com a soberania do Brasil! MEU VOTO É DILMA DISPARADO! A Marina, é a representante de banqueiros, tendo como coordenadora de sua campanha uma banqueira – que deseja o Banco Central Independente (independente para quem???????????????), da velha e corrupta diireita do DEM, Clube Militar, Malafaia, entre outros. Graças aos governos do PT – temos agora uma excelente política externa, mais distribuição de renda, salário-mínimo reajustado anualmente (ainda não é o ideal, mas representa 350$ e à época de FHC eram 70$), Pronatec, Prouni, ENEM, Ciência sem Fronteiras, entre tantos outros!! Sabe, se essa mulher ganhar – chegarei à triste conclusão de que o povo brasileiro gosta de sofrer, de ser espezinhado, chicoteado, perder sempre, não se sente merecedor de uma vida soberana e digna – isso que é complexo de vira-latas e burrice extrema! Cinara, você acredita mesmo que a Marina poderá ser boa presidente? Ela não é a Madre Teresa de Calcutá dos pobres, mas de apenas 1% mais rico do Brasil"! Valha-nos Deus desse ser do mal – lobo com veste de cordeiro!!!

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 02h57 comentou:

    Viu ai Socialista Morena ate seus companheiros comunistas querendo mandar na sua opiniao com criticas.

Denilson Telaroli em 05/09/2014 - 19h03 comentou:

Nós como seres humanos, sempre usamos nossas crenças e valores em todas as nossas decisões. Basta assistir qualquer video sobre coaching que isto fica bem claro. Me adimira muito uma opinião tão particular ser veiculada como uma verdade tão forte e influenciadora. O voto do eleitor é soberano, mas um presidente tem o direito de ser também uma pessoa com crenças. Não querer entrar num lugar porque sua crença é diferente é totalmente justo, mas realmente um presidente deve aprender a respeitar e separar crenças particulares do trabalho, assim como todos devem fazer em qualquer profissão.

Como o próprio Fernando comentou, todos acabam cedendo a pressões fundamentalistas, mesmo não sendo um fundamentalista.
Acredito que mais importante que ter ou não uma carranca no saguão é o presidente fazer o que é necessário para o país como um todo. Remover uma carranca não desqualifica ninguém.

Responder

Azrael em 05/09/2014 - 19h16 comentou:

"Tenho falado constantemente sobre a importância de o PT aproveitar este momento histórico para se livrar deles, definitivamente –até porque preferem Marina. E conquistar a simpatia dos evangélicos que pensam de maneira diferente, mais condizente com o mundo moderno do que com preceitos ultrapassados ou mal interpretados propositalmente por pastores manipuladores." Estamos aqui sofrendo com o mal que estes trazem sobre nossa nação com razões que distorcem o evangelho do Cristo e não chamo este canalha malafaia de pastor, conheço pastores e padres de verdade que deram e dão a vida por este país. Eu tenho medo da vitória da marina, porque ela nada mais e que o plano B da direita do ódio ao PT e ao Lula, e é lastimável que em se dizendo cristã se sujeite a isso, conscientemente, o povo é soberano, sábio não, ainda não.

Responder

    Carlos Jefferson em 05/09/2014 - 21h59 comentou:

    Um perigo este parágrafo!
    Querem criminalizar o cristianismo no Brasil, isso sim!!!

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 03h02 comentou:

    Do mesmo jeito q querem criminalizar o Candomblé, homossexuais, exceto a questao das drogas (q sou contra independente de fé, esquerda, etc.).

    E vc ta usando tatica do vitimismo: isso nao cola. Vai se fazer de coitado noutro lugar.

@bittix em 05/09/2014 - 19h24 comentou:

Vale a pena assistir :
https://www.youtube.com/watch?v=xqpe4fXsRqw

Responder

    Andre Costa em 06/09/2014 - 17h01 comentou:

    muto obrigado. Discurso fantástico e lúcido.

Pablo Trindade em 05/09/2014 - 20h38 comentou:

O uso do espaço ministerial para o culto é uma demonstração do aparelhamento religioso, por que em um estado laico permite-se o convívio entre as crenças. Mas este convívio precisa ser pautado pelo respeito a diferença religiosa presente ou não no corpo funcional da instituição. Se era permitido como relata o coordenador da campanha Pedro Ivo nos horários de intervalo, pergunto por que tal espaço não foi dado as religiões não evangélicas? Se lá estivessem seguidores dos cultos afro-brasileiros,eles poderiam utilizar o bem público para tal? A priori a estrutura fisica do Estado (prédios) não podem ser espaço para cultos evangélicos ou não, pois assim como o espaço público não pode virar comitê partidário, também não pode virar terreiro,igreja,templo. O Estado laico e democrático precisa assegurar no exercido de qualquer gestão o convívio adequado entre os diferentes, já que esta estrura tem a obrigaçào de servir a todos sem distinção de credo, raça, genero e condição social. Flertar e estar refém do fundamentalismo exlcui e não permite uma regra básica da ecologia, tão conhecida pela candidata Marina,a diversidade. Ela não existe só na floresta, ela também esta entre os seres humanos.

Responder

vinicius em 05/09/2014 - 21h05 comentou:

O que me assusta na sua candidata, Dilma Roussef, é o fato dela não só buscar apoio, como manifestar apoio, aos quatro candidatos do Rio de Janeiro, com bandeiras absolutamente antagônicas e, em comum, a má fama: Lindbergh, Garotinho, Pezão e Crivella (da Assembléia de Deus e sobrinho do Pastor Edir Macedo, que, ao que parece, vc não considera fundamentalista, mas da ala progressista, correto?)) O que me assusta é sua candidata, Dilmas Roussef, não só ser aliada como frequentemente ceder às pressões, criar Ministérios e alterar Ministros por pressão de pessoas como Sarney, Henrique Eduardo Alves, Renan Calheiros, Waldemar Neto, Eduardo Cunha, Roberto Jeferson… O que me assusta é ver seu lider Supremo, Lula, pedir autorização a Paulo Maluf pra ir na casa deste último tirar fotografias e anunciar alianças… O que me assusta é sua retórica pobre, muito pobre, de redigir um texto absolutamente terrorista, mas permeado por inserções "reflexivas e lucidas" a respeito da Marina. Em portugues claro: Um texto morde assopra… Lastimável.

Responder

    Hugo em 06/09/2014 - 03h09 comentou:

    Bravo! A demagogia esquerdista nunca termina… Texto permeado de incoerência. Nos faz perguntar quem é fundamentalista afinal…

    carlos em 07/09/2014 - 00h49 comentou:

    A você Vinicius que efetivamente mostra de quem é seu voto, vou me dar ao grande trabalho de Ctrl C e Ctrl V na resposta de outra pessoa sobre este poste….

    O seu "relativismo" de entender as duas candidatas como "iguais" nessa questão não resiste à declaração de voto do próprio Malafaia.

    nem vou me preocupar em alterar nada, acredito que entende….

    Vitor em 08/09/2014 - 16h40 comentou:

    E o seu "relativismo" de entender as duas candidatas como "iguais" não resiste à declaração de voto do Sarney.

Carlos Jefferson em 05/09/2014 - 21h58 comentou:

Desculpe, mas seu txt não é bom em seu conteúdo. Me faz ter mais certeza sobre a intenção de alguns esquerdistas de manipular a laicidade do Estado para calar a voz cristã na Sociedade. Há fundamentos que os cristãos de qq segmento não abrem mão por princípios. Nós não precisamos que a sociedade os reconheça ou os reproduza para praticá-los. Mas não ache que os cristãos não se manifestarão democraticamente quando levantarem a possibilidade de criminalizar seus fundamentos.
De todo jeito, o cristão verdadeiro seguirá o evangelho, com ou sem o aval da sociedade. Mas como estamos numa democracia, nos faremos representar em todos os aspectos dentro de nossos princípios. E é essa intolerância de esquerda-direita que vai acabar criminalizando o cristianismo no Brasil.

Responder

    João em 06/09/2014 - 15h08 comentou:

    "criminalizar seus fundamentos"
    Um desses fundamentos seria a homofobia?
    Fale mais sobre esses fundamentos que a esquerda quer criminalizar.

    Cesar em 06/09/2014 - 19h45 comentou:

    "O cristão verdadeiro seguirá o evangelho." Certíssimo. Pena que os fanáticos seguem o velho testamento e nunca o evangelho, pois neste último, Jesus fala de dividir riquezas, tolerar e não julgar os outros em suas diferenças, perdoar o próximo e nunca de discriminar ou desejar o inferno para homossexuais (os publicanos de agora). Frequentei igrejas pentecostais e nunca ouvi trechos do evangelho nelas. É sempre Levítico, Deuteronômio e outros livros que incitam o ódio, a misoginia e a ganância. Aliás, tem uma fala de Jesus que ilustra o que deveria ser a obrigação de toda empresa religiosa de qualquer denominação: "A César o que é de César, a Deus o que é de Deus." Jesus achava legal pagar imposto.

    Carlos em 07/09/2014 - 00h52 comentou:

    Bravo João, tambem quero saber mais desses "fundamentos" pode me falar mais sobre o “bolsa-estupro” Carlos Jefferson….

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 03h17 comentou:

    —- Desculpe, mas seu txt não é bom em seu conteúdo. Me faz ter mais certeza sobre a intenção de alguns esquerdistas de manipular a laicidade do Estado para calar a voz cristã na Sociedade.

    ▆ Sou de Direita e to pouco me lixando pra sua crença boba.
    DIREITA ≠ RELIGIÃO. Nao misture a coisas.

    —- Mas não ache que os cristãos não se manifestarão democraticamente quando levantarem a possibilidade de criminalizar seus fundamentos.

    ▆ Agora deu medo! É ameaça?
    VITIMISMO CRISTÃO DETECTED! MIMIMIMI

    —- De todo jeito, o cristão verdadeiro seguirá o evangelho, com ou sem o aval da sociedade. Mas como estamos numa democracia, nos faremos representar em todos os aspectos dentro de nossos princípios.

    ▆ Se fará representar como? Proibindo pesquisas de celulas-tronco, etc.? AMEAÇA 2? Nao se preocupe q o contra-ataque dos perseguidos pelos cristaos pode acontecer tb.

    E é essa intolerância de esquerda-direita que vai acabar criminalizando o cristianismo no Brasil.

    ▆ ESQUERDA-DIREITA? Um ora é esquerda depois direita. Daqui pouco vc vai falar em CRISTÃOS-ATEUS. Q non-sense vc é.

Douglas em 05/09/2014 - 22h45 comentou:

Cynara entenda uma coisa. O problema não é o Estado Laico. É a economia estúpida.

Responder

    Carlos Vital em 07/09/2014 - 00h53 comentou:

    Mesmo? so isso? intolerancia, racismo e "bolsa estupro" entre outros é tranquilo pra você?

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 03h20 comentou:

    Estado laico nao tem haver necessariamente com economia mas com democracia.

    Independente da situação economica-social estado laico é algo sem discussão e nem abertura pra voto em plebiscito (pq se nao é capaz da maioria cristã votar a favor da Teocracia ou pelo menos em parte), deve ser aplicado logo.

Clayton em 05/09/2014 - 22h50 comentou:

Me entristece ver tal comentário em uma página que até hoje admirava e recomendava. Mais lendo o tal, vejo mais uma revista que defende seus próprios pensamentos e ideologias ainda que estes firam a crença de grande parte daqueles que por asar possam abrir ainda que seja por curiosidade.

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 03h22 comentou:

    Me entristecedá tedio ouvir mesmo MIMIMI de cristao chorao e vitimista.

    Ferir a crença? vai chorar longe!

zé eduardo em 05/09/2014 - 23h16 comentou:

Parabéns, Cynara, como sempre um texto lúcido, crítico e reflexivo que nos ajuda a pensar.

Responder

    eleane em 06/09/2014 - 19h54 comentou:

    Concordo com seu comentário, Zé Eduardo. Muito consciente a postura da autora do texto…

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 03h23 comentou:

    "Como sempre" nao. As vezes

Elisabete em 06/09/2014 - 00h48 comentou:

Acho mesmo que esse acirramento de coisas está na intolerância de todos os lados, vejo muitas uma esquerda absolutamente inflexível e um discurso intolerante de quem fala dos evangélicos e vice-versa. Eu acho que quem fala desse jeito, o PT deve se aproveitar para se livrar dessa gente dificilmente está mostrando um lado tolerante, Cynara, seu discurso não é diferente dos evangélicos que falam que têm que se livrar de certas pessoas.Por isso eu procuro ficar longe dessa discussão, esse comentário é uma exceção, não vejo nenhum dos dois lados buscando paz verdadeiramente.

Responder

    André Costa em 06/09/2014 - 17h08 comentou:

    Cynara fala de selivrar dos fundamentalistas e não dos evagélicos em geral. Voce leu o texto?

    Funamentalistas religiosos não devem ter espaço no mundo moderno. São aberrações medievas. Monstruosidades que pregam o ódio e a intolerancia. São como os Racistas, ou Pedófilos. Não merecem qualquer consideração.

Carlos Barbosa em 06/09/2014 - 01h33 comentou:

Mas é preocupante sermos governados por figuras como esse Malafaia. Pensemos nisso antes que seja tarde.

Responder

Anti-fascism Press em 06/09/2014 - 02h02 comentou:

Oportunismo. Marina só se tornou popular ao eleitorado graças ao sistema de manipulação da poderosa mídia tradicional. Marina foi promovida com superexposição nos noticiários da Rede Globo e do Estadão porque esses canais tinham a segunda intenção de usá-la para atrapalhar Dilma e ajudar Serra do PSDB em 2010. Mas o feitiço se voltou contra o feiticeiro e Marina acabou prejudicando mais ao Serra do que à Dilma, assim como hoje também prejudica mais ao Aécio do que à Dilma. Em combinação com a ignorância de uma parte considerável da população Marina acabou se tornando um Frankenstein eleitoral que foge ao controle da própria mídia manipuladora que o criou. Vou votar na Dilma mesmo. O PT continua sendo a melhor opção para o Brasil, justamente por continuar sendo o alvo predileto dos ataques da poderosa máquina midiática.

Responder

    Denilson Telaroli em 09/09/2014 - 16h08 comentou:

    E os 19.636.359 de votos que ela teve na última eleição, onde ela não era apoiada por ninguém…???
    Eu, particularmente, não sou telespectador/leitor dos veículos citados e voto nela. Definitivamente, os últimos acontecimentos provam que a candidata da Situação não se preocupa com a transparência e punição dos corrúptos e o Brasil não precisa mais disto. Mas claro que um cabo eleitoral defenderia o partido, se fosse o contrário, se identificaria.

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 03h27 comentou:

    Melhor opção ou menos ruim?
    No Brasil ja foi provado: Esuqerda e Direita nao conseguiram eliminar todos os males do subdesenvolvimento.

    No Brasil nao existe Direita de vdd. ate pq no Brasil muitos empresarios recebem dinheiro publico pra pagar dividas, Estado se mete na economia, etc. Isso nos EUA é comunismo, pois lá o estado deve intervir so o necessario e minimo possivel.

Claudio em 06/09/2014 - 04h24 comentou:

Apesar de 12 anos da bancada evangélica na base aliada, em apoio ao governo do PT, das relações muito próximas do Bispo Macedo e da Igreja Universal com Lula e Dilma, do PT com o Dep. Feliciano, a colunista tem medo de Marina ????

Responder

    Carlos em 07/09/2014 - 00h56 comentou:

    Estes são o que são, já Marina é uma incognita, muda de opnião a todo momento, se cala quando é pra falar, recua, muda o discurso é cheia de respostas vazias…..mais que a dos demais, neste momento vejo a falta que o Eduardo faz…..

    Alessandra em 08/09/2014 - 18h24 comentou:

    Finalmente um comentário sensato!

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 03h30 comentou:

    Aqui no Brasil tem cada coisa: tem evangelico de esquerda. Tem negros q apoiam Marco feliciano, q afirmou q os africanos eram malditos.

    Deve ser a tal da sindrome de Estocolmo q falam por aí.

Vanessa Cabral em 06/09/2014 - 06h22 comentou:

Olá, amigos!

Dando continuidade (por minha conta) às palavras de nossa querida Maria Luisa Luisa Medeiros (amiga em comum com muitos aqui) no intuito de somar esforços, também informando aos eleitores indecisos e, ainda, alertando àqueles da “Turma do Brax” que nos manteremos firmes, aí vai:

Ainda que sendo um Governo de centro-esquerda (acredito que mais de centro do que de esquerda) como o é o PT, ainda que não representando diversas das forças e movimentos sindicais e, ainda que mantendo alianças um tanto duvidosas, as gestões do Ex-Presidente Lula e da Presidente Dilma insuflaram e deram poder à classe trabalhadora como não se via desde a década de 60 (estes tempos não vivi, obviamente, mas os livros e os estudos humanísticos tem aí o seu valor), abriram as portas para uma gente que não existia, que era invisível perante os olhos da sociedade, e para muitos outros, mesmo com toda a força oposicionista impondo obstáculos em cima de obstáculos para que as mudanças efetivas ocorressem. Existe muito a se fazer? Existe muito o que melhorar? Sem sombra de dúvidas! E aqui, cabe dizer: não esperem que 12 anos de um governo progressista, consertem mais de 500 anos de exploração e de erros não só desastrosos, mas catastróficos dos setores conservadores com o nosso Brasil. Precisamos de mais tempo, e de mais tempo neste caminho que tem seguramente dado bons frutos, apesar do que maldiz a mídia nacional, sabidamente inescrupulosa.

A entrega da Petrobrás e dos nossos patrimônios e de tudo o que isso representa, a diminuição das articulações com o MERCOSUL, a estagnação do salário mínimo e das leis trabalhistas, a diminuição da geração de empregos, a redução do papel dos bancos públicos em prol de maior participação dos privados, uma política de juros altos, uma reafirmação do Estado Mínimo, o contínuo negligenciamento em torno das reformas intrínsecas a uma sociedade democrática (reforma política, tributária, agrária…), rejeição da participação ativa da sociedade civil na política, total desinteresse pela democratização e regulação econômica da mídia, a não revisão da Lei de Anistia e a não responsabilização dos militares torturadores da ditadura, o retrocesso nas conquistas dos diretos humanos (homossexualismo, divórcio, aborto…) e evidentemente um Estado falsamente laico como teríamos com a derrota do populismo?? NÃO!!!

Um Governo contra o povo, contra o desenvolvimento e contra o progresso NÃO ME REPRESENTA MESMO (para usar um bordão de que todos gostam)!!!

Nenhum de vocês nunca se perguntou o porquê de os conservadores neoliberais terem tanto horror e se esmerarem tanto em derrotar o PT? O próprio José Agripino, velho conhecido nosso do coronelismo potiguar e coordenador da campanha de Aécio Neves, declarou abertamente nestes dias que vale tudo (se referia à um possível apoio à Marina no segundo turno) contra um mal maior, que seria o PT. Por que estas pessoas com tanto dinheiro (nosso dinheiro), que nem de longe defendem os nossos interesses, têm tanto medo do PT?
Ou o porquê de os candidatos da direita não entrarem em detalhes de seus programas de governo durante os debates eleitorais e seguirem se equilibrando em um discurso demagógico? Se estes assumissem publicamente que suas gestões resultariam em desemprego e dependência, não teriam 0,1% das intenções de voto.

É por tudo isto e mais um monte que tenho votado e mantenho o meu voto no Partido dos Trabalhadores, e que publico e reproduzo textos, matérias e charges a favor do Governo e contra os setores reacionários. As minhas ações e intenções, com isto, não são a de meramente uma militância cega e descomprometida, são atos que acredito serem responsáveis por causar algum impacto (por menor que seja) no meu círculo de amigos e que também acredito poderem fazer estes mesmos amigos refletirem e tomarem a decisão que confiarem ser a mais acertada para toda a nação.

Fica a opção de refletir ou não aos que lerem…

13jos à todos também rsss

Responder

    André Costa em 06/09/2014 - 17h13 comentou:

    Faço minhas as suas palavras, Vanessa! Excelente reflexão.

    Ricardo em 07/09/2014 - 10h02 comentou:

    Interessante defensores de governos populistas falarem em Estado laico. Na Venezuela inventaram a oração do Chavez. Em um governo socialista, o culto ao ditador é a religião oficial do Estado. O que há de Laico nisto?

    Joel em 08/09/2014 - 05h22 comentou:

    Sou progressista e no início eu estava bastante desconfiado da candidatura da Marina, no entanto, parece que quanto mais ouço as críticas exageradas dos petistas contra ela e em defesa da Dilma, mais eu me identifico com a Marina. Neste comentário, por exemplo percebo que quase todos os itens que você citou poderiam figurar em uma lista de motivos para não votar em Dilma Rousseff. A presidenta que tem ojeriza por política externa, não se importou em delegar esta função para os líderes de seu partido que transformaram o MERCOSUL em nada mais que uma agremiação partidária que em nada lembra o período em que o Brasil sob Lula (e em uma menor medida FHC) assumia uma posição de um dos mais importantes negociadores e líderes na região e no mundo. Dilma abriu mão de todas as suas posições progressistas ao fazer um dos governos com as menores taxas de ampliação da reforma agrária e ao desistir de defender várias pautas importantes de direitos humanos em troca de apoio político de líderes religiosos fundamentalistas, e diga-se de passagem, de uma forma muito mais condenável que Marina Silva, que é taxada fundamentalista por ter modificado seu programa de governo ainda que este programa (mesmo depois da mudança) continua muito mais progressista do que o de qualquer outro candidato (sim mais até do que o da Luciana Genro). Quanto a política econômica, não vejo Marina como sendo uma aliada maior do grande capital do que foi o governo do PT, e apesar de ter preferência por uma política econômica voltada para o social, eu acredito que deve haver um equilíbrio entre as forças do estado e do mercado. Lula conseguiu administrar esse equilíbrio de forma exemplar, já a Dilma é muito mais intervencionista neste ponto, e acredito que boa parte da instabilidade que vivemos hoje é fruto de sua política descuidada. Por mais que eu queira acreditar na propaganda do PT, eu não consigo ver nesta muito mais que falácias e táticas de propagação do medo da mesma natureza das que foram utilizadas pela direita contra o PT desde sempre.

    Vitor em 08/09/2014 - 16h37 comentou:

    Pois é… Os militantes do PT me deixam seriamente inclinado a votar em Marina..

    Carlos em 09/09/2014 - 01h59 comentou:

    Boa! nao que o PT seja a solução, mas votar certinho pensando no bem de alguns banqueiros…ops! digo da população tranquilo não? Votar em quem critica e ataca seus adversarios e baseia seu plano em copia e cola das ideias deles, isso mostra toda a criatividade em uma politica diferente!
    Hummmm, entendi! aqui cabe a fraze celebre de um grande comunicador não é:

    Aqui nada se cria, tudo se copia….!

    Tem razão! Marina é a solução…

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 03h35 comentou:

    500 é muito tempo, EUA e Australia tem menos tempo de existencia e sao desenvolvidos. Até Dubai se modernizou em menos tempo. Cingapura parece q em 20 anos deixou de ser produtora de arroz pra ser um país mais moderno.

    Problerma nao é tempo e sim serviços malfeitos.

maria araujo em 06/09/2014 - 06h36 comentou:

não desgosto de marina silva. desgosto do que ela resolveu representar. a questão religiosa também é preponderante. enquanto ela esteve ligada ao pt e pv era uma questão de cunho pessoal. parece que não é mais. aí fica mais patente essa pusilanimidade que permeia tudo o que diz que vai que vem que é mas não é bem assim veja bem talvez. não votaria nela de qualquer forma mas tenho respeito pela trajetória humana. nunca mais pela figura política.

Responder

Paulo em 06/09/2014 - 06h54 comentou:

Como cristão creio que existem diversos pontos a serem levados em consideração são durante a campanha de qualquer candidato, olhando o Brasil do lado de fora é óbvio a grande necessidade de mudança, nossa sistema educacional esta aos frangalhos, problemas estruturais se agravam, competitividade da indústria esta na lama, etc…. Não creio que isso tudo seja culpa da Dilma/PT, mas também não vou dar a eles os créditos da aparente melhora do Brasil, seria injusto depois de 12 anos do poder ainda continuarem culpando a antiga administração, sendo que já fizeram bastante e não acho que foi ruim, entretanto a quantidade de acordos políticos para dar a famosa governabilidade engessou a administração pública e fazem três anos que nada acontece…. O povo então pede por mudanças, e eu também.
Acho a Marina uma opção interessante frente aos outros dois concorrentes, talvez não seja a melhor mas eu votaria nele se estivesse no Brasil agora, gostaria de ver o que ela é capaz, acreditei um dia no Lula, porque não posso tentar outra opção, sem duvida a minha perspectiva ela terá que fazer alianças e etc, entretanto como os "evangélicos" já contam com um número expressivo de cidadãos brasileiros, podem sim decidir o que quiserem e também votar em peso nela, isso é Democracia…
Sobre o Estado Laico, queridos leitores, o Estado só não é Laico nos feriados de Natal e no que se refere a não trabalhar os sete dias da semana, tendo um para descanso, para o restante o queremos pintado assim…
Não importa quem vencer ou peder, torço pelo meu País!

Responder

    André Costa em 06/09/2014 - 17h19 comentou:

    Voce pode votar para presidente mesmo estando fora do pais, Paulo. só procurar uma reopresentação diplomática.
    Farei isto. Voto PT, pois embora admita que as coisas não estão tão boas, a opção que Marina apresenta é a volta das políticas neo-liberais nas quais não acredito. Não acho que sejam o caminho.
    Mudar só por mudar, não vem ao caso. Gostaria de mudanças, porém que continuássemos no caminho da social-democracia. Não voto em quem defende estado mínimo.
    Voto é geralmente a escolha do melhor, ou do menos ruim, se preferr. Po isso voto Dilma

Aivisitor em 06/09/2014 - 08h57 comentou:

Crianças defecando uma nas outras, enquanto a mãe observava e fazia anotações para depois refletir no grupo de psicanálise freudiana. Parece absurdo, certo?
Mas aconteceu. “‘Kinderladen’ Movement” em 1969 chegou ao seu ponto máximo: crianças de todas as idades se masturbando, os pais pelados incentivando as crianças a fazerem isso. Tudo pelo marxismo. Acreditavam os pais nos ensinamentos de Marx e Freud. Em Fevereiro de 1969, a revista Der Stern (Alemã) publicou fotos e os diários deste movimento marxista-libertário-freudiano. Fora as crianças se defecarem umas nas outras, o que mais chamou atenção da reportagem foi “Os pais se sentiam excitados em que crianças de 3-10 anos tocassem em seus orgãos genitais”.

Depois ainda dizem que “isso é culta da direita”. Tá certo. Que fique com essa moral do movimento “Kinderladen” esses comunistas honestos e de coração bom!

Mais informações sobre esse ocorrido – que o mundo todo não divulgou até hoje (por que será?!) – no livro de Dagmar Herzog "Sex After Fascism", na pág 150 do "Journal of Curriculum Theorizing" – neste link: http://www.spiegel.de/international/zeitgeist/the… e no documentário "Erziehung zum Ungehorsam".

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 03h48 comentou:

    Se beber nao post!

    Sou de direita e sempre vejo posts de pessoas com teoria de conspirações loucas. Q tem haver Freud com Comunismo?

    Vc é religioso, ponto. Acabou ai a discussão. Quem acredita em seres sobrenaturais tem tendencia a viajar na imaginação.

Elisabete em 06/09/2014 - 13h15 comentou:

Ah, só um complemento, não vou votar em Marina, não porque ela seja ou não evangélica, mas porque as propostas de governo dela, como a independência do Banco Central, o que daria passe livre aos bancos para aumentar os juros, tirar dos bancos públicos o programa de casa própria e dar aos privados, o que acabaria com as chances dos pobres de adquirir seu canto e parar o pré-sal, o que vai gerar milhões de desempregados, só isso já a desqualifica para governar o país, a meu ver, além do fato dela ficar jogando em dois lados o tempo todo. Ela é realmente na minha visão uma ameça à estabilidade do país. Mas acho que é mais para esses aspectos que devemos olhar, penso eu.

Responder

    Ricardo em 07/09/2014 - 09h49 comentou:

    Vc está certíssima Elisabete. Porém, a Sra. que escreve esse artigo gosta de levar o debate político para níveis baixos. Ela não leu o programa de governo da Marina, ou de qualquer um dos candidatos. Leitura não é a praia dela.

    Tonio em 07/09/2014 - 12h09 comentou:

    Os petistas costumam criticar os outros partidos por adotar uma postura neoliberal, mas na prática não vejo diferença quase nenhuma na política econômica do PT. Essas diferenças só existem no discurso. Quais são as reais diferenças entre o PT e o PSDB, quando se retiram os discursos bonitinhos? Eu não vejo quase nenhuma. E até onde eu sei, a concentração de renda no governo do PT aumentou, ao invés de diminuir. Progressismo interessante esse. Deve ser o tal do socialismo do século XXI.

    E quem falou que a Marina vai parar com o pré-sal? Ainda não tinha me deparado com esta (des)informação.

Reinaldo em 06/09/2014 - 13h37 comentou:

é isso ai… sem comentário… ô morena baiana socialista arretada ..bjs

Responder

Telmo em 06/09/2014 - 13h59 comentou:

"Orgulho de ser discriminador": uma possibilidade preocupante para nosso pais em: http://saudepublicada.sul21.com.br/2014/09/02/org

Responder

Paulo Vitor em 06/09/2014 - 15h33 comentou:

Estado laico não é Estado anti – religioso, nós cristãos temos o direito de nos manifestar contra o aborto, o casamento gay e a legalização das drogas. O aborto não é uma questão de saúde pública, é uma qustão criminal, pois é um assassinato. O casamento gay nunca poderia ser equiparado ao casamento hétero, pois no casamento gay é impossível a geração de filhos, e o código civil diz que a função principal do casamento é gerar filhos. A legalização das drogas levaria ao aumento no consumo dessas, o que gerraria caos social. E o Ibope fez uma pesquisa que disse que a maioria dos eleitores são contra o aborto, o casamento gay e a legalização das drogas. O Brasil é um país de raízes cristãs, e isso deve ser respeitado.

Responder

    joao em 07/09/2014 - 23h22 comentou:

    Quer dizer que casais héteros estéril que não podem ter filhos de maneira alguma também não tem o direito de casar? ou a regra aqui não vale( e olha que tem um monte de casais héteros que não querem ter filhos).

    Paulo Vitor em 09/09/2014 - 23h10 comentou:

    Mas um casal hétero estéril pode fazer um tratamento para ter filhos e um casal hétero que não quer ter filhos não deveria poder casar, já que está descumprindo a constituição que, como eu disse, estabelece que o motivo principal do casamento é a geração de filhos e a formação de uma família.

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h16 comentou:

    Na Escandinavia ta cheio de casais sem filhos, so pra citar um exemplo.

    CONSTITUIÇÃO so se for da sua cabeça imaginativa!

    Constituição q proibe pessoas estereis de se casarem é INCONSTITUCIONAL, IMORAL e INJUSTO.

    É por causa de gente como vc q o Estado laico deve ser instituido já!

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h11 comentou:

    — O aborto não é uma questão de saúde pública, é uma qustão criminal, pois é um assassinato.

    ▆ Entao leva as crianças pra tua casa e cuida delas! O problema q vcs religiosos falam em liberdade de opiniao, mas querem liberdade pra impor suas opinioes e manipular opiniao publica. Eu considero crime pastores fazendo o q fazem com os ingenuos. Deveriam criminalizar algumas igrejas como fizeram em Angola. E aí vc se importa? E as pessoas mortas pelos fanaticos protestantes vao ficar sem justiça, Vc se importa? Entao nao venha querer determinar o q é ou nao assassinato. Pois seu Deus mandou matar crianças inocentes. Ele é um assassino e vc adora ele. Entao sua opiniao nao passa de MIMIMI.

    — O casamento gay nunca poderia ser equiparado ao casamento hétero, pois no casamento gay é impossível a geração de filhos, e o código civil diz que a função principal do casamento é gerar filhos.

    ▆ BAHAHHHHA. Piada? E os casais heteros q nao querem filhos? E os q vivem sem ser casados? É cada uma (FACEPALM).

    — A legalização das drogas levaria ao aumento no consumo dessas, o que gerraria caos social.

    ▆ Um ponto de concordancia, mas no contexto geral vc é muito erroneo.

    — E o Ibope fez uma pesquisa que disse que a maioria dos eleitores são contra o aborto, o casamento gay e a legalização das drogas. O Brasil é um país de raízes cristãs, e isso deve ser respeitado.

    ▆ Se a maioria gostar de comer lixo sou obrigado a comer e gostar tb?
    A Africa do sul é um país de raizes cristãs e racistas e por isso deveria ter se mantido assim? E como fica os q nao pensam dessa forma? Praq então foi feita Revolução Francesa, etc.? Pra nada? Quer ser cristao e impor sua crença, vá prum covento e isole.

    ARRANJE ARGUMENTOS MELHORES. ESSES NAO COLAM!

antonio em 06/09/2014 - 16h44 comentou:

O Brasil incendiando de tanta corrupção e vc aí preocupada com questões religiosas. A religião de todo político é o poder! Discussão estúpida essa aki…

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h18 comentou:

    Estupida coisa nenhuma. No dia q vc precisar de celulas-tronco pra algum tratamento ou tiver aprentes q sejam discrimandos ou vc mesmo por causa de religiao — só pra citar exemplos — ai quero ver vc reclamar.

    Qdo Estado laico for instituido ai sim religiao pode ser "deixada de lado" (até q se apareça mais fanaticos e volte a briga de novo).

Giordano em 06/09/2014 - 16h46 comentou:

acredito que Marina Silva é uma mulher de um "minimo" de bom-senso, para nao misturar Estado e Religiao, defesa da liberdade de expressao de cada individuo, e conviccoes religiosas.. afinal, o Estado é laico.. ela é uma mulher defensora de causas ambientais e humanas, é so ver sua trajetoria na vida publica. Nao "caiu de paraquedas".. Nao podemos nos basear em "boatos" ou suposicoes de "fulano ou beltrano, que uma vez viu, ou ouviu falar…" nao juguemos com parcialidades! que a verdade prevaleça sobre juizos baseados em achismos.. vamos debater propostas.. vamos nos informar..

Responder

    Francisco-Sá em 06/09/2014 - 20h10 comentou:

    O Brasil prefere o PT a “qualquer” coisa, isto a Aécio, Marina, etc. Osmarina é a versão mulher e sem caráter de Forest Gump, o idiota que se deu bem. Mas ela jamais conseguiria resolver as contradições que propõe, como, por exemplo, a crítica (hipócrita) às coalizões do PT, com sua busca descarada de apoios dos mesmos partidos que diz desprezar. Diz-se socialista, mas é tutelada por Malafaia e apoiada pelos militares que protagonizaram a repressão, torturas, assassinatos. Vive mudando de opinião e se retratando da retratação. Uma metamorfose ambulante. Marina quer a submissão do país ao cartel financeiro. Busca qualquer tipo de apoio para perseguir seu projeto pessoal de poder. Um museu de grandes novidades, representa o retrocesso para o neoliberalismo desastroso da era FHC. Uma moralista seletiva, que não explica a origem do jatinho em que viajava Eduardo Campos. Um caso de caixa 2 que pode levar à cassação de sua candidatura. Campos, nem a sonegação de renda (para ganhos de 1,5 milhão, declarou apeans 135 mil reais.

    milena1070 em 09/09/2014 - 00h24 comentou:

    Obrigada! Seu comentário foi o único sensato. Concordo plenamente.

Eduardo em 06/09/2014 - 17h14 comentou:

O estado brasileiro na prática nunca foi Laico. O vinculo histórico da igreja de Roma com o estado brasileiro, e as recentes conquistas dos neopentecostais em relação nos últimos governos evidenciam a influência das igrejas cristãs sobre o estado.
Um governo da Marina talvez gere uma ruptura com as relações que o estado tem hoje com a Igreja de Roma, ou na pior das hipóteses seria um governo que igualaria as relações do estado com as diversas vertentes do Cristianismo.
O PT tenta se aproximar de grupos fundamentalistas pois está em dívida, pois estreitou as relações do governo com a Igreja de Roma, insulflando a fúria destes grupos que querem as mesmas benesses.
Uma pergunta que não quer calar: Quem eram as autoridades presentes na fundação do Templo de Salomão? A Marina estava lá?

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h24 comentou:

    Reposta: Dilma tava.

Tutameia em 06/09/2014 - 17h48 comentou:

quem gosta de pastor é ovelha..

Responder

Lenir Vicente em 06/09/2014 - 19h51 comentou:

"Se Marina ganhar".Vira essa boca pra lá Cynara! Ela demonstrar aversão à uma simples carranca de madeira evidencia sua intolerância. É preciso separar o joio do trigo.Todo mundo sabe que há evangélicos e evangélicos. Pois ela parece ter escolhido o lado daqueles que são o joio,não o trigo.

Responder

Gustavo em 06/09/2014 - 21h47 comentou:

Ora, se Dilma se diminuiu e recuou perante pressão dos religiosos, o que faz pensar que ela terá pulso firme e vontade para levar adiante tais projetos, de aborto e etc, futuramente?
Outra coisa que precisa ser demonstrado aqui é, em que momento alguma fala ou algum ato de Marina justifica esse temor e ameaça ao Estado Laico? histórias com duas versões é uma prova bem fraca, e reza durante almoço mais fraca ainda.
Quem foi que disse a frase "O Estado é laico, mas feliz é nação cujo Deus é o senhor" (não me lembro como foi dita exatamente, mas foi nesse sentido)? Isso sim é uma demonstração de quem desconhece o conceito de Estado Laico.

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h26 comentou:

    Resposta nº 2: Dilma

Ursie em 06/09/2014 - 23h45 comentou:

O mais interessante é que vivemos em um estado laico; mas, quando algum cristão não-católico, chamado agora de fundamentalista chega ao poder, os intelectuais entendem que é uma ameaça ao estado laico. Será que é laico mesmo? Ainda não, queridos, pois se assim o fosse, sequer colocaríamos a religião em xeque. A Igreja continua…

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h27 comentou:

    A Igreja continua… .
    .. a ser fanatica, infelizmente

Leonardo Lani em 07/09/2014 - 01h19 comentou:

Este episódio da carranca demonstra a mentalidade infantil da Marina, que se manifesta em outras ocasiões, como quando ela fala que vai chamar os "bons" para governar. Atitude maniqueísta, que não capta as nuances da realidade.

Responder

nadja em 07/09/2014 - 05h46 comentou:

Se osamarina ganhar será pior do que Collor , pq o povo irá às ruas pode acreditar, quem esta comendo não vai querer deixar de comer, quem está estudando não vai querer deixar de estudar, e quem recebe subsídios do governo não vai aceitar a falta do recebimento assim tão fácil. O povo irá a pau e pedra.será a Venezuela ao contrário

Responder

    Vitor em 08/09/2014 - 16h43 comentou:

    Qualquer semelhança do comentário acima com a campanha anti-Lula em 2002 é mera coincidência…

Ricardo em 07/09/2014 - 09h43 comentou:

Muito desonesto o artigo (ou intolerante mesmo). Uma pessoa tem todo o direito de não querer receber uma carranca ou frequentar determinados lugares. O que ela não pode é impor sua visão de mundo para outras pessoas. Diferente da Sra. Cynara Menezes que obriga as pessoas a aceitarem carrancas, frequentarem terreiros de macumba e fazerem propaganda da causa gay (proposta clara do kit, que não falava nada a respeito de homofobia). Triste essa gente que leva o debate eleitoral para este nível.

Responder

    Ursie em 08/09/2014 - 00h54 comentou:

    Falou tudo!

OSVALDO em 07/09/2014 - 11h57 comentou:

SITE: http://correiodobrasil.com.br/noticias/politica/j

Jatinho pago até por peixaria falsa complica campanha de Marina

28/8/2014 15:28
Por Redação – de Brasília e São Paulo

MODESTAMENTE, EU, COMO UM CIDADÃO COMUM, NÃO EVANGÉLICO, NÃO CATÓLICO, NÃO RELIGIOSO FANÁTICO, PENSO NUMA GRANDE INTRIGA ARQUITETADA PELAS HOSTES DE EVANGÉLICOS PARA ASSASSINAR O CANDIDATO EDUARDO CAMPOS E LANÇAR, COM, VÊM, EFETIVAMENTE, FAZENDO AS HORDAS DOS DITOS EVANGÉLICOS (NA VERDADE CHACAIS QUE ARRECADAM RIOS DE DINHEIRO DOS TROUXAS E IMBECILIZADOS QUE SEGUEM ESSAS TAIS DENOMINAÇÕES EVANGÉLICAS, NA VERDADE, GRANDES FÁBRICAS DE DINHEIRO FÁCIL, DEPOIS QUE, QUANDO DA ELABORAÇÃO DO NOVO CÓDIGO CIVIL ELES CONSEGUIRAM, SORRATEIRAMENTE, INCLUIR UM ARTIGO QUE ELIMINOU A COBRANÇA DE IMPOSTOS SORE O DÍZIMO, SOBRE AS DOAÇÕES DE DINHEIRO (DINHEIRO FÁCIL) QUE OS TROUXAS E SEMI-ANALFABETOS QUE SE ENFIAM NESSAS SEITAS ARRECADADORAS DE DINHEIRO FÁCIL, RETIRAM DE SEUS PARCOS SALÁRIOS PARA FAZER ENRIQUECER OS TAIS BISPOS… UMA IGREJA DESSE NAIPE, DITA EVANGÉLICA, É O MELHOR NEGÓCIO DO MOMENTO… E VOCÊS QUE SE CUIDEM, FALO DOS NÃO=EVANGÉLICOS, QUE, SE A MARINA SILVA VENCER A ELEIÇÃO PRESIDENCIAL, ESTAREMOS TODOS NO MATO-SEM-CACHORRO, OU SEJA: ESTAREMOS LITERALMENTE "FO….DOS"!!! (OU "FU…DOS")… ESTE PAÍS SERÁ TRANSFORMADO NUM GRANDE COFRE DE DINHEIRO FÁCIL ARREBANHADO, ARRECADADO PELOS TAIS DITOS "EVANGÉLICOS", QUE NÃO PAGAM IMPOSTOS SOBRE OS RIOS DE DINHEIRO QUE ARRECADAM E, ASSIM SENDO, ESSA TAL MARINA SILVA VAI AJUDAR A ENRIQUECER MAIS E MAIS OS TAIS DITOS "EVANGÉLICOS", E AI DE QUEM NÃO FOR "EVANGÉLICO" NESTE PAÍS, POIS ESSA É UMA FORMA DE TRANSFORMAR ESTE JÁ TÃO SOFRIDO PAÍS NUM VERDADEIRO LAMAÇAL DE DESVIOS DE DINHEIRO E ENRIQUECIMENTO DESSAS HORDAS, DESAS HOSTES DOS TAIS EVANGÉLICOS… FOOOOOOOOOOORRRRRRRAÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ MARINAÁÁÁÁÁ!!! FOOOOOOOOOOOOOOOORRRRRRRAAAAAAAÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ ESSES TAIS EVANGÉLICOS QUE BUSCAM MEIOS DE SE ENRIQUECER MAIS E MAIS ÀS CUSTAS DO VOTO POPULAR!!! FOOOOOOOORRRRRRRRAAAAAAÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ!!!!!!!!!! ELEITORES: SE ACAUTELEM!!! SE CUIDEM!!! SE PREVINAM!!! PENSEM BEM!!! PARA NÃO PERMITIR QUE NOSSO PAÍS SE TRANSFORME NUM GRANDE LAMAÇAL CHAFURDENTO DE PESSOAS QUE, ENGANANDO OS QUE SE DEIXAM LEVAR PELAS HORDAS DOS TAIS "EVANGÉLICOS", BUSCAM DOMINAR ESTE PAÍS E TRANSFORMÁ-LO NUM GRANDE COFRE ABERTO PARA AS FACILIDADES DE ARRECADAÇÃO DE DINHEIRO E, MAIS, AINDA, O MAIOR PERIGO, SERÁ A IMPOSIÇÃO DAS TAIS DENOMINAÇÕES DITAS "EVANGÉLICAS", POIS QUEM NÃO SE INCLUIR, QUEM NÃO ADERIR A ESSAS TAIS DENOMINAÇÕES, SERÁ LITERALMENTE PERSEGUIDO E ABANDONADO, DESTRUÍDO, RELEGADO A UM QUINTO PLANO, POIS BEM ESTÁ, É CLARA A INTENÇÃO DA CANDIDATURA DESSA TAL MARINA, QUE CONSISTE EM TRANSFORMAR ESTE PAÍS NUM GRANDE BANCO DE NEGÓCIOS EVANGÉLICOS, FATO E PRETENSÃO QUE VEM SENDO ARQUITETADO HÁ ANOS PELOS TAIS "BISPOS" E QUE TAIS… SE CUIDEM, BRASILEIROS, SE CUIDEM!!! AQUELES QUE, AINDA, NÃO SE DEIXARAM ENGANAR, NÃO SE DEIXARAM LEVAR, NÃO FORAM LITERALMENTE HIPNOTIZADOS POR ESSAS TAIS HOSTES E HORDAS DOS DITOS "EVANGLÉLICOS", QUE, VERDADEIRAMENTE, SOMENTE QUEREM ARRECADAR MILHÕES DE REAIS E SE TORNAREM MILIARDÁRIOS, DEVEM ESSES QUE AINDA NÃO SE DEIXARAM LEVAR POR ESSA ENGANAÇÃO QUE É A VERDADEIRA ARRECADAÇÃO DE DINHEIRO FÁCIL, ESSES QUE NÃO SE DEIXARAM LEVAR POR ESSAS BABAQUICES E SAFADEZAS DA ARRECADAÇÃO DE GRANA LIMPA E FÁCIL DE RECEBER, VOCÊS QUE AINDA NÃO SE DEIXARAM LEVAR POR ESSES VERDADEIROS CHACAIS QUE ARRECADAM RIOS DE DINHEIRO USANDO A BÍBLIA COMO ESCUDO, VOCÊS NÃO PERMITAM QUE ESSA TAL MARINA SILVA CHEGUE À PRESIDÊNCIA, POIS SEREMOS TODOS OU TEREMOS QUE SER TODOS EVANGÉLICOS, PORQUE A PERSEGUIÇÃO A QUEM NÃO ACEITA ESSA SAFADEZA QUE É O GANHO DE DINHEIRO FÁCIL DOS FIÉIS QUE VÃO A ESSAS TAIS "IGREJAS EVANGÉLICAS" E DOAM PARTE DE SEUS SALÁRIOS PARA FAZER ENRIQUECER OS TAIS "BISPOS", A PERSEGUIÇÃO SERÁ INEVITÁVEL, PRINCIPALMENTE TENDO COMO PRESIDENTA DE NOSSO PAÍS UMA MULHER QUE COMPARTILHA DESSA VERDADEIRA E INEGÁVEL, IRREFUTÁVEL, CLARA E DISTINTA SAFADEZA QUE É A ARRECADAÇÃO FÁCIL DE GRANA DOS TROUXAS, SEMI-ANALFABETOS E DESPOLITIZADOS TOTALMENTE (VERDADEIROS ANALFABETOS POLÍTICOS) QUE SE DEIXAM LEVAR PELA ENGANAÇÃO DESSAS TAIS DENOMINAÇÕES EVANGÉLICAS QUE ENRIQUECEM ÀS CUSTAS DAQUELES QUE DOAM PARTE CONSIDERÁVEL DE SEUS SALÁRIOS… PRESTEM ATENÇÃO!!! OBSERVEM BEM!!! PENSEM MUITO E ANALISEM!!! VOCÊS ESTÃO SENDO ENGANADOS E O SEU RICO DINHEIRINHO, DE SEUS PARCOS SALÁRIOS, SERÃO COBRADOS SEM DÓ E NEM PIEDADE POR ESSES VERDADEIROS CHACAIS!!! ABRAM SEUS OLHOS!!! ABRAM SEU OLHOS E MENTES!!! FALEI E DISSE!!!

Responder

Tonio em 07/09/2014 - 13h06 comentou:

Gostaria de comentar alguns pontos sobre o texto:

1) Esquerdistas têm uma concepção engraçada de estado laico. O estado só é laico quando defende as suas posições. Na visão deles, seria impossível, por exemplo, um estado ser contra o aborto e ser laico ao mesmo tempo. Como se apenas pessoas religiosas pudessem ser contra o aborto, ou contra a libertinagem sexual, ou contra a maconha, etc.

Se os religiosos quiserem obrigar todo mundo a assistir missa no domingo, isso sim seria misturar religião com o estado. Mas o que a esquerda quer, com este discurso, é apenas impedir que um certo segmento da sociedade tenha participação no poder e que suas opiniões sejam ouvidas. Isso sim é que é ser totalmente anti-democrático.

A esquerda diz defender a igualdade para todos. Pena que alguns grupos definitivamente parecem ser mais iguais do que outros: feministas, gays, maconheiros e outros tentam ser tratados como cidadãos privilegiados pela lei, enquanto outros setores, como os ambientalistas, os que lutam contra o mensalão, e os religiosos ganham um chega-pra-lá, pelo crime de não serem Progressistas o suficiente. Moralismo? Ética? Que coisa mais medieval! Nem parece que estamos no século XXI!

2) Os funcionários públicos que ficam fazendo culto na hora do almoço, mesmo que talvez estejam praticando a sua religião no lugar errado, não estão tornando o estado menos laico por causa disso. É melhor rezar na hora do almoço do que utilizar os prédios públicos para organizar cervejadas e shows de pagode, como vários sindicatos costumam fazer.

3) Aborto não é questão de saúde pública, e sim questão de cadeia. Não vejo problema nenhum em chamar a Dilma de abortista. Os religiosos, neste caso, estão apenas dando o nome certo aos bois. Continuo achando que kit gay é um nome muito melhor do que kit anti-homofobia. Existe diferença entre simplesmente querer acabar com a discriminação e fazer apologia e propaganda do homossexualismo.

E eu gostaria de saber quem seriam estes tais evangélicos progressistas. Deve ser a turma do Edir Macedo.

Por fim, foi interessante ler o texto defendendo o PT, o partido do Comunista Moderno e pra frentex. Só gostaria de ler agora o texto de algum autor aqui da Carta defendendo algum outro candidato. Não consegui achar nenhum. Alguém poderia me ajudar? Tem uma candidata do PSOL que deve agradar a esse setor progressista, mas não vejo ninguém defendendo ela. Por que será?

Responder

    Ursie em 08/09/2014 - 00h57 comentou:

    Excelente!

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h41 comentou:

    […] impedir que um certo segmento da sociedade tenha participação no poder e que suas opiniões sejam ouvidas. Isso sim é que é ser totalmente anti-democrático. […]

    ▆ Participação? Mas ja tem um monte participando pra fazer esse um país fanatico teocratico. Se for pra participar sem meter religiao no meio blza. mas muito dificl religioso mais cedo mais tarde nao meter alguma coisa de religiao no meio.

    — 3) Aborto não é questão de saúde pública, e sim questão de cadeia. Não vejo problema nenhum em chamar a Dilma de abortista. Os religiosos, neste caso, estão apenas dando o nome certo aos bois.

    ▆ Quem vai cuidar das crianças é vc? Se for caso de estupro, de anencefalia, e coisas do tipo? Eu nao sou favor da banalização do aborto mas ser contra aborto so pq questoes morais cristãs, esse argumento é invalido!

    Cristianismo é um crime contra a razão. e os bois q vc deu nome, tem bois, ovelhas de todo tipo seguindo fanaticos como Malafaia e lixos do tipo.

    Va pregar la longe, aqui nao cola! e nem colará!

Nando em 07/09/2014 - 14h45 comentou:

REGINA DUARTE, É VOCÊ??? Ahahahaha Cynara, não viaja.

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h43 comentou:

    Satanás é vc?
    Ela pode viajar muito mas dessa vez falou q era correto.

Talita em 07/09/2014 - 14h50 comentou:

Quando Marina era senadora, um dos seus assessores era o ativista LGBT, Germano Marino, gay e candomblecista. Ele relata aqui a sua convivência com Marina: http://terramagazine.terra.com.br/blogdaamazonia/
Em anos como deputada federal e senadora, Marina nunca teve qualquer relação com a bancada evangélica. Quanto ao Feliciano, ela não o defendeu, ela disse que Feliciano não tem tradição de defesa dos direitos humanos e que ele deveria ser criticado por isso e não simplesmente por ser evangélico. https://www.youtube.com/watch?v=xXeoxBgdEzA
Esse rótulo de fundamentalista não cola na Marina.

Responder

adrian em 07/09/2014 - 15h26 comentou:

Poxa Cinara, vc diz mais de uma vez no texto que "não tem medo" da Marina ser eleita, mas sua oposição a ela está baseada em medos! Medo de "uma possível guinada neoliberal", medo de "porque não sinto confiança de que governará, sendo evangélica da Assembleia de Deus, a partir da concepção de um estado laico". É só isso que encontro, no discurso da esquerda, contra ela. Medo. Ela está cercada de pessoas Laicas (a imensa maioria das pessoas que foram o partido que ela tentou criar) e se começar a governar com tendenciosidades claramente fundamentalistas irá ser massacrada no congresso, já que a maioria do Brasil não é fundamentalista. Aliás, a entrada dela colocaria muito mais em voga as questões pertinentes. A nossa Laica Dilma engoliu, em nome das alianças, o pastor doido na comissão de direitos humanos, né? Quanto ao neoliberalismo, esse sim é um fantasminha bem curioso implantado na cabeça das pessoas. Ela tem horror ao PSDB, estava negando subir no palanque deles antes do desastre que matou o outro, agora é um risco iminente a volta do PSDB ao poder? não compreendo

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h46 comentou:

    Aqui no Brasil nao é como EUA
    Tem de tudo: nazista do Candomblé, Fanatico religioso gay (ver uma tal de Lana Holder), etc.

    Brasil é uma mistura de incoerencias.
    Aqui tudo é superficial no Brasil: comunistas, democraticos, etc. É so na superficie, na essencia parece tudo igual.

beto em 07/09/2014 - 16h50 comentou:

Diante de tudo, voto na Sra. Roussef.

Responder

Martha Lucienne em 07/09/2014 - 19h54 comentou:

Martha
Estou muito triste e muito preocupada com a ideia da possível vitória de Marina Silva. Ela transmite tristeza, obscuridade, a voz dela dói os ouvidos, a cada instante muda sua opinião, falseia as respostas com argumentos metafóricos e alegóricos. O povo enganado está cuspindo no prato que comeu. As pessoas melhoram de vida, sim, durante os 12 anos do PT. É visível a distribuição de renda e bens materiais, antes, adquiridos apenas por pessoas ricas ou funcionários públicos bem situados economicamente. O pobre foi e está indo para a UNIVERSIDADE, está fazendo Mestrado, Doutorado, participando do Ciências sem Fronteiras. Àqueles, mais controlados em seus gastos, puderam até guardar dinheiro em poupança, reformar casa, viajar de Avião ………… Dilma meu voto e da minha Família é seu, estamos dispostos a acreditar em seu trabalho sério.

Responder

Martha Lucienne em 07/09/2014 - 20h24 comentou:

Martha
Estou muito triste, muito preocupada da possível vitória de Marina Silva. Ela é obscura, estranha, a voz dói os ouvidos, não olha nos olhos das pessoas ao ser indagada, muda de opinião a cada instante com argumentos metafóricos e alegóricos. O povo enganado está cuspindo no prato que comeu. A vida das pessoas melhorou, sim, nestes 12 anos do governo do PT. O pobre foi e está indo para a UNIVERSIDADE, está fazendo Mestrado, Doutorado, participando do Ciências sem Fronteiras. Àqueles mais controlados, economicamente, fizeram poupança, reformaram casa, compraram carro sem financiamento a perder de vista, andam de avião a trabalho ou mesmo para turismo. Sou uma dessas pessoas. Meu voto e da minha FAMÍLIA será de DILMA.

Responder

Luiz Moraes em 08/09/2014 - 01h46 comentou:

E aí Cynara, beleza?!… Você sabe que sempre te admirei né? Mas, só que continuo sendo àquele ranzinza… rss

___ Se a Marina ganhar… Vou Abrir uma fabrica, será a "Maxi-saias new burca", vou ficar milionário. rss

Como muita gente sabe, sempre votei em Lula, voto Dilma, e, voltarei a votar em Lula!!!

Agora, na boa, esse negocio de aborto, kit gay, e drogas… to fora!…

___ O Resto, vale tudo!!! Pela liberdade de Todos!!!

Quanto a carranca, ora bolas… Não é seu Tiriri?!…

Pano rápido.

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h49 comentou:

    — Agora, na boa, esse negocio de aborto, kit gay, e drogas… to fora!…

    ▆ Vc tem problema com fetos malformados? Foi estruprada e ficou gravida? Entao na boa continue fora se ja ta la.

    Kit gay ou hetero nem devera estar em escolas.

    Drogas to fora. Mas religioes sao drogas tb.

Mauricio em 08/09/2014 - 02h15 comentou:

Relaxa, o mercado dos blogs continuará aquecido

Responder

Rinaldo Lucas em 08/09/2014 - 12h57 comentou:

Sempre achei que os melhores governos são ATEUS, aqueles que não acreditam em Deus, nem em Religião, porque nesse caso de ser ATEU, a liberdade é melhor e mais ampla, pois fazendo uma política voltada para todos sem preconceitos e livre para todos e todas, só os ATEUS tem maior capacidade, não se pende nem pra uma lado nem pra outro, iguais e iguais, independente da religião, da não religião, etc, etc ..
Libertando o Estado da religião, da não religião, o estado é feito por todos, ele atende a todos e todas, e o ser humano livre em sua alto liberdade de se decidir pelo seu corpo, sua religião, a não religião, o deus o não deus, só um governo ATEU tem maior capacidade.

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h54 comentou:

    Se isso foi ironia, nao colou. Pq nenhum ateu sensato vai dizer q ser ateu em si torna pessoa boa. Mas crer em sobrenatural torna? Veja Tiago qdo fala q ate demonios creem e tremem e nem por isso dexam de ser maus.

    Se nao foi. sinto muito: mas sou ateu e sei q ser ateu em si nao dtermina ser bom ou perfeito. Sou ate pq nao creio em sobrenatural e ponto. nada mais.

levemente em 08/09/2014 - 13h42 comentou:

"Alguns defendem que devemos utilizar o termo história para a narração de fatos documentados e situações reais sobre o passado da humanidade e o termo estória para a narração de fatos imaginários, de ficção." O fato narrado pertinente à carranca está mais para estória, sinceramente. Quanto os votos de Silas Malafaia e Marco Feliciano, direcionados a Marina, pertencem ao caráter livre das eleições, aquele mesmo que permite que o famoso, de má fama, Paulo Salim Maluf declare voto em Dilma Rousseff, sem que isso represente qualquer mácula ao caráter da presidenta do Brasil.

Não, não voto em Marina. Não voto por confiar no projeto político atualmente em curso no Brasil, que tem, dentre suas realizações, o Prouni, o Minha Casa Minha Vida, o Pronatec, o Mais Médicos etc. Marina? Esta oferece a "independência do Banco Central", aquela que, uma vez concedida, levará os recursos públicos para o bolso do setor rentista, através do pagamento da dívida pública com juros estratosféricos.

O que me preocupa? Pessoas com visibilidade midiática, favoráveis ao atual governo, debatendo ESTÓRIAS sobre a vida da candidata Marina Silva – aquela, que adora posar de vítima, que tem nesses ataques desastrados a oportunidade mestra para seguir crescendo nas eleições, rumo à vitória.

Responder

Patrick Dalpaz em 08/09/2014 - 14h34 comentou:

Parei de ler em: "sendo evangélica da Assembleia de Deus, a partir da concepção de um estado laico, como promete".

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h56 comentou:

    Ainda bem q nao opinou, pois se parou de ler nao poderia dar opiniao sem ler texto direito e completo.

Fabio em 08/09/2014 - 17h31 comentou:

Usar uma plataforma dessas para desvirtuar o debate travestindo um preconceito por meio de contrapreconceito é um verdadeiro desserviço à esquerda, que neste momento precisa de uma abordagem séria de questões que efetivamente são contestadas pelo povo. Quanto ao seu progressismo de macumba e aborto, é um debate meio pequeno perto de tantas questões sérias que temos no momento, não acha?

Responder

    morenasol em 08/09/2014 - 20h22 comentou:

    realmente, você é uma pessoa desprovida de preconceito. sua referência às religiões afro-brasileiras como "macumba" são um retrato fiel disso

Romualdo em 08/09/2014 - 17h39 comentou:

Por mais que queiramos um governo de esquerda, infelizmente o ano que vém, talvez tenhamos uma crise financeira sem precedentes. Seja ele de (direita) Aécio Neves, de (centro) Marina Silva, de (centro esquerda) Dilma Rousseff ou (esquerda) Luciana Genro, a grande verdade é que o Trabalhador vai estar ferrado, pagando com o desemprego, graças as políticas que o grande capital vai obrigar os candidatos eleitos a se sujeitarem.
E aí não vai ter "oração" que vai dar jeito nesta situação, a nova ordem mundial está comprando a tudo e a todos, 2015 promete.

Responder

flaliman em 08/09/2014 - 17h59 comentou:

Me impressiona a ignorância daqueles que não diferem estado laico de estado ateu…tá mais para fraude intelectual mesmo…

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 04h59 comentou:

    entao defina as diferenças pondo no contexto do texto la em cima?

    Pode ser?

Marcelo em 08/09/2014 - 18h17 comentou:

Cynara, impressão minha ou seu post é totalmente baseado em boatos? Alguém disse uma história de uma carranca que um dia, talvez, foi entregue a alguém… Você sabe que não é assim que o bom jornalismo funciona.

Responder

    morenasol em 08/09/2014 - 20h21 comentou:

    a história foi obviamente checada com quem estava lá. eu não publicaria se assim não fosse. fiz, inclusive, questão de publicar a versão da revista época para que não houvesse reclamação sobre qual seria a certa

FFlk em 09/09/2014 - 07h10 comentou:

Saiu na FoxNews a corrupção da Petrobras. Privatizaram a Estatal http://latino.foxnews.com/latino/news/2014/03/20/

Responder

Joyce em 09/09/2014 - 14h26 comentou:

Apesar de ter retrocedido na questão do casamento gay e da criminalização da homofobia, as propostas da Marina para a luta LGBT são infinitamente mais claras e progressistas do que as do Aécio e da Dilma. Hoje a União Civil entre pessoas do mesmo sexo pode ser convertida em casamento, e quando a candidata diz que vai garantir todos os direitos da União Civil essa possibilidade também está garantida. O casamento gay (casamento direto, sem o tramite da conversão de união civil para casamento) é INCONSTITUCIONAL. Para ser aprovado é necessário uma Emenda Constitucional. Que candidato iria propor uma emenda constitucional durante uma campanha? Isso é completamente impossível. Até como presidente eleito seria quase impossível passar um projeto destes no Brasil. É muita ingenuidade acreditar que algum candidato se comprometeria de forma responsável com isso. A carranca é um simbolo religioso, e a Marina, sendo evangélica tem todo direito de não querer participar da inauguração de um simbolo contrário a religião dela. Acho até que, assim como os bancos e órgãos públicos deveriam tirar o crucifixo das paredes a carranca também não deveria estar em um prédio público. A Marina foi super transparente e sincera em seu posicionamento, tanto que não ofendeu seu colega, que hoje votará nela. E outra … assim como ela nunca apareceu em fotos junto a representantes das religiões de matriz africana, nunca apareceu ao lado de representantes da bancada evangélica. "Não sinto confiança de que governará, sendo evangélica da Assembleia de Deus, a partir da concepção de um estado laico, como promete." Achei esse comentário extremamente preconceituoso. Então por ser da Assembléia de Deus a Marina necessariamente não governará a partir da concepção de um estado laico? É sempre isso que se espera de um evangélico? Realmente nossa sociedade é extremamente preconceituosa, como diz a marina, trocamos um preconceito por outro. Defendemos Gays e perseguimos evangélicos, bela troca.

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 05h02 comentou:

    — Realmente nossa sociedade é extremamente preconceituosa, como diz a marina, trocamos um preconceito por outro. Defendemos Gays e perseguimos evangélicos, bela

    ▆ VITIMISMO DETECTED! MIMIMIMIMI

Paulo |Cezar Soares em 10/09/2014 - 15h00 comentou:

Não tinha conhecimento a respeito do episódio divulgado no seu texto. O que deixa claro, mais uma vez, o lado fundamentalista da candidata Marina Silva. Em relação aos seus projetos para o país, uma coisa fica clara como a neve: caso sejam colocados em prática, o povão vai ficar de fora. Só irão beneficiar o mercado financeiro.

Responder

Marcela Soares em 13/09/2014 - 12h45 comentou:

Cynara,adoro o seu blog, e gostaria de te fazer uma pergunta.Temos outra ala terrível no congresso, a dos ruralistas. Eu não votarei na Presidente Dilma porque ela fez concessões demais à esta turma. Como você vislumbra a relação de Marina presidente com a turma de Katia Abreu?

Responder

    morenasol em 13/09/2014 - 14h34 comentou:

    acho que será complicadíssimo

Alexandre em 15/09/2014 - 16h08 comentou:

Excelente texto.

Responder

Nell em 15/09/2014 - 19h34 comentou:

O dinheiro que Dilma recebeu do Edir Macedo e a proximidade dela com a Universal ninguem comenta né.

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 05h03 comentou:

    Eu comento: Esquerda, Centro ou Direita, misturou Religiao e Politica dá em lixo!

@rjpinheiro em 18/09/2014 - 15h24 comentou:

—-8<—
Por que falo em “fundamentalistas” e não “evangélicos”? Porque existem evangélicos progressistas. Gente cristã de verdade, que segue na vida o preceito de amar ao próximo como a si mesmo, e não odiar, como pregam alguns destes pastores insanos. É preciso separar o joio do trigo, distinguir os fiéis destes falsos “servos do Senhor”, interessados apenas em poder e dinheiro. Tenho certeza que muitos evangélicos não os suportam e conseguem enxergar com clareza a falta de cristianismo em suas palavras.
—->8—-

Por ser um desses que é evangélico, é progressista e não fundamentalista, por acreditar q "novos céus e nova terra" começam aqui, agradeço de montão pela distinção. Infelizmente você é uma das poucas (senão a única) q fez a separação. Obrigado, Cynara.

A propósito, se alguém quiser saber pq eu sou de esquerda, escrevi no meu blog alguns meses atrás: http://estudiodaintrospeccao.blogspot.com.br/2014… .

Responder

Soraya em 23/09/2014 - 13h06 comentou:

Cynara: concordo com tudo que você escreveu e Marina também não me assusta.
Só discordo de um ponto, quando você educadamente tentou considerar um verniz progressista para a candidata. Evangélico com verniz progressista para mim é o atual candidato a governador do Rio, Marcelo Crivella (mas nem por isso votaria nele). Marina é fundamentalista sim, conservadora e reacionária e ainda obscurantista. Seria um imenso retrocesso à democracia que estamos conquistando até aqui.

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 05h15 comentou:

    Marcelo Crivella tb nao.
    Pode parecer progressista de um lado mas nao por outro.
    Alem do mais isso pode ser mascara social pra parecer democratico.

Junior em 25/10/2014 - 18h20 comentou:

Cara, não sou um militante, mas apenas um simpatizante das causas da esquerda, mas é preciso separar uma coisa da outra. Não existe um bloco de demandas progressistas que deve ser aprovado só porque dizem fazer parte do mesmo pacote…Eu, por exemplo, vejo com bons olhos a criminalização da homofobia e a conquista de direitos por homossexuais, mas não sou a favor da descriminalização do aborto. Sei que é uma questão complicada e por isso mesmo ainda não tenho uma ideia totalmente "polida" a respeito, mas acredito nos direitos de cada ser humano, inclusive nos do que ainda estão no corpo de uma outra pessoa. Penso que a esquerda seja algo popular e que defende a dignidade de cada ser humano. A exigência das mulheres por tomarem conta do próprio corpo (sendo que, na verdade, não se trata apenas do dela) me parece um tanto liberal e irresponsável.

Responder

    @Centralista1 em 28/10/2014 - 05h17 comentou:

    — mas não sou a favor da descriminalização do aborto.

    o termo certo seria "banalização do aborto". POis em casos de ricos de vida pra mãe e estupro ai nao é tao simples julgar e dizer "sou contra".

@Centralista1 em 28/10/2014 - 02h43 comentou:

Agora parece q falou uma coisa sensata nesse blog. Mas o Comunismo de certa forma tem semelhanças com Religiao: Fanatismo (sinto muito mas NAO CONHEÇO comunista q seja moderado ou imparcial na hora de tomar posições e definições) e Utopia.

A diferença do Comunismo pra Religiao: Tira-se Deus e poe-se o Estado. Karl Marx disse q religiao era o opio do povo, mas ele criou outra religiao outro opio chamado Comunismo.

O Capitalismo e Democracia nao sao perfeitos mas foram os sistemas q se deram melhor pro desenvolvimento.

Ja o Comunismo se alimenta numa Utopia de igualdade irreal, onde todos terão mesmas oportunidades (Jesus de certa forma tentou uma coisa assim). Sinto muito mas isso nao existe nem na Natureza (veja seleção natural das especies) nem na vida social humana. Os mais aptos e q aproveitam melhor as chances sao os q se dao melhor. Se essa visao é "moralmente" certa ou errada, tanto faz, pois a Realidade nao vai deixar de ser realidade pq vc nao aceita ela.

Encarem os fatos Comunismo é um mito. URSS ta aí de prova. Mas fazer o q? Como os religiosos, os comunistas reformulam suas visoes mas teimam no seu idealismo.

Vcs q gostam de criticar o Capitalismo mas usam carros, PCs, sistemas operacionais criados por empresas capitalistas ou por pessoas q fazem parte do mundo capitalista.

Responder

Deixe uma resposta

 


Mais publicações

Politik

Mais reaças que o rei


Entre todos os candidatos presentes ao primeiro debate entre os presidenciáveis na rede Bandeirantes, nem mesmo o pastor evangélico assumidamente de direita foi capaz de dizer que existe uma ameaça à democracia no Brasil sob…

Direitos Humanos

Oposição consegue adiar votação da PEC que reduz maioridade penal para 16 anos


Encolerizado, senador reaça Magno Malta vociferava "dados" que não condizem com a realidade: jovens são responsáveis por apenas 3% dos crimes cometidos