Socialista Morena
Politik

Serra posta foto com Carina Vitral, presidenta da UNE, e é massacrado por coxinhas no Face

O senador tucano e ex-ministro das Relações Exteriores José Serra, em um momento de nostalgia de seu passado de esquerda, resolveu postar no Facebook uma foto ao lado de Carina Vitral, atual presidenta da União Nacional dos Estudantes, entidade que ele presidiu em 1963, pouco antes do golpe. Carina havia ido entrevistá-lo para um filme […]

Cynara Menezes
09 de maio de 2017, 00h44
serracarina

(Carina e Serra. Foto: reprodução)

O senador tucano e ex-ministro das Relações Exteriores José Serra, em um momento de nostalgia de seu passado de esquerda, resolveu postar no Facebook uma foto ao lado de Carina Vitral, atual presidenta da União Nacional dos Estudantes, entidade que ele presidiu em 1963, pouco antes do golpe. Carina havia ido entrevistá-lo para um filme que a UNE está produzindo sobre seus 80 anos de história. Ao final, ambos posaram simpaticamente para uma foto, que Serra postou em sua página na rede social.

Ele escreveu: “recebi hoje a presidente nacional da UNE, Karina Vitral, para a gravação do filme Praia do Flamengo 132. Foi ótimo relembrar o início de minha vida política, as angústias e os desafios da época. Para hoje, continuo convicto das minhas obrigações para a construção de um país mais igualitário e justo.”

Foi o suficiente para ser atacado por centenas de seguidores “decepcionados” com sua aproximação com Carina, militante do PCdoB. A maioria repetia clichês anticomunistas e acusava a presidenta da UNE de apoiar o regime de Nicolás Maduro.

serra1

serra2

serra3

Houve quem dissesse que Serra é, na verdade, “petista disfarçado”.

serra4

E vários disseram que não vão mais votar nele.

serra5

serra6

Teve até um para quem a foto só fez comprovar sua certeza de que Serra é um seguidor de Karl Marx.

serramarx

Felizmente, apareceram uns sensatos para chamar os coxinhas à razão. Afinal, não havia nada demais em dois presidentes da UNE posarem juntos para uma foto.

serra7

E, para alívio geral, apareceu até um gozador para tirar onda e quebrar o climão.

serramunhoz

Confira a postagem do senador.

O pior é que, do lado de Carina, também houve quem atacasse ao postar a foto, acusando-a se de se juntar a “golpistas”. No post, a presidenta da UNE contava do “depoimento emocionado” de Serra ao documentário, mas acabou sendo forçada a “se explicar” a seguidores de esquerda mais exaltados, de forma elegante.

“O diálogo entre pessoas de posições divergentes ou mesmo opostas faz parte da democracia e, na verdade, é a sua essência para a construção de uma sociedade que saiba respeitar todos os seus membros, independente de credo, raça, posição social, política ou opção sexual. É preciso ter maturidade para compreender que dialogar não significa mudar de lado, ou ficar amigo; é simplesmente uma ação política, e o Serra faz parte da história da instituição que eu presido.”

 

 

 


Apoie o site

Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para assinar, você pode usar apenas qualquer cartão de crédito ou débito

Ou você pode ser um patrocinador com uma única contribuição:

Para quem prefere fazer depósito em conta:

Cynara Moreira Menezes
Caixa Econômica Federal
Agência: 3310
Conta Corrente: 23023-7
Nenhum comentário Escrever comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da Socialista Morena. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Deixe uma resposta

 


Mais publicações

Politik

Donos da bola: a geração latino-americana que não aprendeu a perder


Por Rafael Holanda Barroso, de Quito* Com a proclamação de vitória do socialista Lenín Moreno (Alianza PAÍS) neste domingo, o Equador se soma a outros países da região em que a oposição de direita se…

Politik

Argentina: farsa de Macri não vinga e Cristina vence prévias para o Senado


O presidente festejou vitória antes da contagem final de votos, em um episódio que lembra o caso Proconsult em 1982 no Rio, quando quase roubaram a eleição de Leonel Brizola