Socialista Morena
Politik

Os 20 centavos e a indignação da esquerda com o abandono de bandeiras pelo PT

Por que tantos jovens aderiram à campanha contra o aumento de tarifas de ônibus e não às manifestações convocadas, com o apoio maciço da mídia, contra a corrupção e os réus do mensalão? A resposta é simples: porque esse é um protesto de esquerda, com reivindicações caras à esquerda. A direita não está nem aí […]

Cynara Menezes
14 de junho de 2013, 22h38

Por que tantos jovens aderiram à campanha contra o aumento de tarifas de ônibus e não às manifestações convocadas, com o apoio maciço da mídia, contra a corrupção e os réus do mensalão? A resposta é simples: porque esse é um protesto de esquerda, com reivindicações caras à esquerda. A direita não está nem aí para o aumento das tarifas do transporte público, até porque ela anda de SUV. “São só 20 centavos”, foi a reação mais comum que vi deles nas redes sociais. Condenaram o movimento desde a primeira hora, e vão condenar ainda mais daqui para a frente, porque, em minha opinião, o aumento da tarifa em São Paulo foi apenas o detonador de uma insatisfação crescente nos últimos anos e que agora parece prestes a explodir. E que diz respeito não à direita, mas ao PT.

É uma indignação já antiga, que começou a brotar quando o PT chegou ao poder, em 2002, e passou a substituir o verbo “lutar” de suas origens por “acochambrar” –em nome da tal governabilidade, uma palavra cada vez mais suja. Em 2010, a esquerda brasileira se uniu em torno de Dilma Rousseff porque não queria que chegasse ao poder a corja de fundamentalistas que apoiava o outro candidato. Mas, para nosso espanto e asco, eles estão hoje do lado do PT, influindo nos destinos da Nação. Pior ainda, junto com os ruralistas que sempre abominamos. Imaginem, quando poderíamos pensar que a direita ficaria feliz com o PT no poder, e a esquerda, contrariada? Parece um pesadelo.

No poder, o PT abandonou praticamente todas suas bandeiras históricas –a única que se mantém verdadeiramente de pé é a diminuição da pobreza, da desigualdade social e étnica. Todos aplaudimos as conquistas inegáveis neste setor. Mas a gente não quer só comida, lembram? Queremos todas as outras bandeiras de volta, também. Abandoná-las tem um custo eleitoral e, se o partido não resolver fazer algo a respeito, a fatura será cobrada em 2014.

As bandeiras que o PT abandonou:

– A moralidade. Não importa que seja caixa 2 ou outra coisa, o mensalão representou uma mancha num partido que se construiu em cima de um discurso ético e não para fazer “o que os outros também fazem”. Não houve mea culpa por parte do PT até hoje, e nem sequer uma reflexão conjunta sobre o ocorrido, apenas críticas à mídia e ao Supremo.

– Os direitos humanos. Este ano, o PT, ao optar pela presidência de outras comissões “mais importantes”, deixou de estar à frente de uma comissão que tradicionalmente sempre prezou, a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara. Isso deu espaço para que se instalasse na presidência da Comissão, para horror da sociedade civilizada, um pastor fundamentalista com histórico de homofobia e racismo, Marco Feliciano. Esta semana, diante da selvageria da PM nas manifestações de quarta-feira em São Paulo, o governo federal, em vez de denunciar a violência policial, fazendo jus à história do PT, ofereceu “ajuda” a Geraldo Alckmin, do PSDB, contra um protesto de jovens. O prefeito petista da capital, Fernando Haddad, em lugar de se portar ao lado dos manifestantes como seria digno de um membro do partido que tem greves no DNA, se colocou ao lado do governador tucano e da truculenta polícia.

– A reforma agrária. Dilma Rousseff conseguiu ser pior que o governo neoliberal de Fernando Henrique Cardoso em famílias assentadas: apenas 21,9 mil, o menor número desde 1995. São dados do MST (Movimento dos Sem-Terra), velho parceiro de lutas do PT, não do “PIG”. É o MST quem diz que o governo de Dilma é um dos piores nos últimos 20 anos em desapropriação de terras para assentamentos. Não é à toa que a líder ruralista e senadora Kátia Abreu chegou a declarar que se sente próxima à presidenta “pela concordância de ideias” e por sua “compreensão da agropecuária brasileira”. Por favor, respondam: quem, na esquerda, votou no PT esperando ver uma ruralista contente?

– Os direitos LGBTs. A bandeira da diversidade, tão cara ao PT desde os seus princípios, inexiste hoje em dia no partido, que cedeu inteiramente à pressão dos pastores evangélicos. Os petistas se encontram tão reféns do fundamentalismo em nome da “realpolitik” –surrealpolitik, melhor dizendo–, que o ministro da Saúde telefonou ao pastor-deputado Marco Feliciano antes de decidir suspender uma campanha pelo uso de camisinhas entre prostitutas. E quem vai esquecer que o governo Dilma voltou atrás em lançar uma campanha anti-homofobia nas escolas só para atender ao obscurantismo dos políticos evangélicos? O apego ao poder deixou o valente PT medroso.

– Os índios. Dilma Rousseff, ao contrário de seus antecessores, nunca recebeu no Palácio do Planalto as lideranças indígenas. Só recentemente, após um índio ser morto pela Polícia Federal no Mato Grosso do Sul é que o secretário-geral da presidência, Gilberto Carvalho, recebeu lideranças (em um anexo do Palácio) e admitiu erros na condução da política indígena e na discussão em torno da usina de Belo Monte. A presidente Dilma é, até agora, a governante que menos concedeu terras a índios desde o governo FHC. Enquanto isso, no Mato Grosso do Sul, prosseguem os conflitos: na segunda-feira 12 outro índio foi morto em uma emboscada. É ou não é para um cidadão de esquerda ficar indignado?

– Transporte público barato e de qualidade. Sim, o PT já acreditou nisso. Quando Luiza Erundina se tornou a primeira mulher prefeita de São Paulo, em 1988, o partido defendia a mesma tarifa zero que os meninos do MPL (Movimento Passe Livre) que estão nas ruas protestando, defendem (leia mais aqui). Por aí fica claro quem foi que mudou.

P.S.: Não deixe de ir à manifestação PACÍFICA programada para segunda-feira em São Paulo, às 17h, no Largo da Batata.


Apoie o site

Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para assinar, você pode usar apenas qualquer cartão de crédito ou débito

Ou você pode ser um patrocinador com uma única contribuição:

Para quem prefere fazer depósito em conta:

Cynara Moreira Menezes
Caixa Econômica Federal
Agência: 3310
Conta Corrente: 23023-7
(265) comentários Escrever comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da Socialista Morena. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Eduardo Lima em 14/06/2013 - 22h50 comentou:

A verdade é que o PT se acomodou no poder, fez do pragmatismo sua ideologia, esqueceu os movimentos sociais. É uma notícia ruim atrás da outra, a última é a de que Dilma teria rifado a candidatura de Lindberg, ou seja, é uma mediocridade só. Ridículo mesmo, me deu nojo ver Haddad defendendo os policiais junto com Alckmin. Dá ainda para salvar o PT?! Acho que essa pergunta ninguém sabe responder.

Responder

    pedro em 16/06/2013 - 09h09 comentou:

    Concordo quando vc fala do abandono de bandeiras de luta. Mas queridos combatentes, qual é a proposta. Reconduzir a direita ao poder.

    pedro em 16/06/2013 - 09h14 comentou:

    Que blog de esquerda é este que tem censura aos comentários. Já entendi. O socialismo moreno é somente até a página quatro. Azar o de vcs. Tomara que obtenham sucesso na recondução da direita ao poder. Tenham certeza de que a primeira providencia será a de censurar a brincadeirinha de fazer revolução.

    morenasol em 16/06/2013 - 14h10 comentou:

    pedro, não há censura alguma. todos os comentários civilizados são publicados. mas aqui não temos robôs para ficarem dia e noite mediando. sou uma só e tenho outras coisas a fazer no sábado. está acostumado a dar ordens, é? tenha paciência

    castro em 16/06/2013 - 14h57 comentou:

    Ou você é HIPÓCRITA, DESPEITADO ou MAL INFORMADO, esta claro que este MOVIMENTO NÃO REPRESENTA nem 20% dos BRASILEIROS, é um movimento da extrema direita com SUSTENTAÇÃO da MÍDIA PIG (Partido da Imprensa Golpista), COM APOIO de ALGUNS PARTIDOS de ALUGUEIS, na tentativa de retornar ao poder federal, ficam divulgando informações MENTIROSAS COM O OBJETIVO de TENTAR levar a eleição de 2014 para 2o turno.

    Eles estão desesperados com a QUANTIDADE de OBRAS FEDERAIS SOCIAIS e de INFRA-ESTRUTURA que serão inauguradas nos próximos meses por todo o Brasil.

    ESTOU INVENTANDO?

    Atento em 18/06/2013 - 07h35 comentou:

    Que adianta cara, inaugurar várias obras, se não existe uma gestão decente? É fácil construir hospitais, estradas, escolas, difícil é gerir isso tudo. Difícil é manter a qualidade do sistema. Isso que é o difícil, e vemos que o governo de hoje, independente de ser PT ou não, não gere. Isso é fato! Fora os superfaturamentos que o governo anda fazendo aproveitando essas obras. Obras essas, que por sinal, só estão sendo feitas para atender interesses das empreiteiras e dos eventos futuros que ocorrerão no Brasil. Porque eu duvido que essas construções vão deixar algum legado para o povo. O PAM não deixou nada! Estou engando no que eu estou dizendo? Só falta você dizer um hipocrisia que estou errado.

    Germano em 16/06/2013 - 20h20 comentou:

    isso aí. e a fotinha do Haddad apertando a mão do maluf?

    João Batista Martins em 17/06/2013 - 00h34 comentou:

    Com diabo no corpo Miss Dilma e o ministro margarina.

    Dilma já afirmou, que para vencer a eleição faz pacto com diabo façinho. Traindo os evangélicos que recebem o espírito santo diariamente para fazer milagres. Cura do câncer de Lula e dela.

    Mentiram sobre Inflação:

    1)Queijo mussarela hoje R$19,90. Ontem R$9,90= 101,01%
    2)Queijo prato hoje R$19,90. Ontem R$14,40= 38,19%
    3)Privatizações
    4)Transposição do Rio São Francisco até 2050.

    Atento em 18/06/2013 - 07h39 comentou:

    Essa da inflação é a coisa mais maquiada do governo. Eu fico abismado como o brasileiro gasta caríssimo com alimentação. Em nenhum país do mundo desenvolvido se gasta tanto pra comer, eu duvido, nem na França, em Paris tu paga tão caro, por exemplo, em uma coca-cola de 2 litros. E eu sei que não paga, porque lá a coca, custa uns 3 euros e pouco, aqui no RJ, não se paga menos de 4,50. Ah.. mais tem a taxa cambial… Não interessa quem ganha em euro, gasta em euro, o mesmo vale para o nosso real aqui no brasil.

Mauricio em 14/06/2013 - 23h01 comentou:

Acho que o protesto já é maior do que a esquerda, pois não se trata mais de 20 centavos, mas de 500 anos. Pagamos uma das maiores cargas tributarias do mundo e vemos todo esse dinheiro ir para o ralo da corrupção. Conheço várias pessoas de direita ou que nunca votaram em PT ou partidos de esquerda e que estão indo para os protestos também.

Responder

Cesaroliv em 14/06/2013 - 23h16 comentou:

"A direita não está nem aí para o aumento das tarifas do transporte público, até porque ela anda de SUV." Puxa vida, quanto preconceito, quanto ranço, quanta dor de cotovelo! Sou de direita por falta de opção mesmo (essa nossa esquerda é ridícula, a maioria filhinhos de papai nostálgicos de um tempo que nem viveram), e nunca andei de SUV…com certeza eu chego lá, estou trabalhando muito para isso…

Responder

    joão josé natalin em 15/06/2013 - 18h32 comentou:

    cesaroliv- concordo com voce. Esquerdistas com o dinheiro púbico. Díficil encontrar esquerdistas
    ralando duro e andando de bus.

    David em 16/06/2013 - 03h41 comentou:

    Vocês não entenderam nada. E ainda corroboraram o que a Cynara disse.

    T. Silva em 16/06/2013 - 20h42 comentou:

    Concordo contigo. Até porque hj quem anda de SUV são os companheiros do partidão, meu amigo! Não tenho partido, e vejo essa tentativa do autor do texto de partidarizar a causa não passa de uma desonestidade intelectual. A luta contra os custos estatais (custo brasil) e pela maior efetividade do estado é uma luta de qualquer cidadão brasileiro, seja de empresários que sustentam esse estado inchado, seja de professores mal pagos, seja dos trabalhadores – só não é uma luta daqueles muitos que mamam nas tetas do governo.

    Cassiano Amoedo em 16/06/2013 - 22h56 comentou:

    Que ando vendo hoje, infelizmente, são os companheiros do PT andando de SUV, Land Rover e demais, e acho mais ! Acho que essas passeatas são mais apartidárias, e já vi vários manifestantes pedindo pra retirar bandeiras de teor politico, na verdade o povo está enojado tanto da direita, como da esquerda, a politica em nosso país virou roubalheira !

    Marcos em 16/06/2013 - 23h08 comentou:

    Você quer dizer "de empresários que mamam nas tetas do governo a 500 anos. Empresários não sustentam nada, quem paga impostos mesmo são os consumidores. Este papinho do custo Brasil já encheu!

    T. Silva em 17/06/2013 - 03h21 comentou:

    Sim, muito empresário mama nas tetas do governo no Brasil (vide Eike Batista). Mas o que dizer do dono da padaria da esquina da tua casa. Esse empresário, te garanto, não consegue financiamento no BNDES, não consegue nenhuma isenção fiscal, não consegue nada do governo. Produzir neste país parece que é crime. Isso explica o nosso gigantesco índice de informalidade.

    Gustavo em 17/06/2013 - 05h12 comentou:

    E por gente que trabalha duro para que? Comprar um carro grande e imbecil é que esse país vai lento nas estradas. Trabalhe para prazeres melhores e humanos, quem sabe sua alegria não contagie uma vida mais digna e democrática do que se esconder no ar condicionado na cidade poluída !

    Rodrigo em 17/06/2013 - 06h04 comentou:

    E o José Dirceu, Genuíno e outros companheiros, andam de onibus ou SUV???

    Alexandre Araújo em 18/06/2013 - 02h27 comentou:

    Boa David, mas se permite eles nunca vão entender nada a respeito de cidadania, sociedade civil, democracia. Sabe por que? O cerébro deles é mirrado de ideais, parco de civilidade e pobre de espírito, tomando emprestado um termo cristão. E partindo para um super clichê, o que você pode esperar de quem lê Veja e assiste o JN? Não há como eles escaparem deste destino. Saudações

    Losovoi em 18/06/2013 - 13h07 comentou:

    Bom artigo, mas aí vem esse preconceito inútil, que se dane o carro da pessoa, o que tem de esquerdista com carro grande, isso não diz nada. É fácil ser "esquerdista" quando você nasce com a vida ganha, estuda em escolas boas, tudo bancado pelo papai capitalista.Patético

    Essa visão que afasta o trabalhador comum da esquerda, que na verdade é apenas outra face da elite.

Irene Mello em 14/06/2013 - 23h17 comentou:

Pois e, quando eu era jovem tive de pagar faculdade, onibus, etc,etc.Hoje temos bolsa de tudo que e jeito, masnada esta bom, temosde protestar. Na minha epoca me formei em Administracao e fui trabalhar em uma loja porque nao tinha emprego, hoje da para escolher, mas nao ta bom ainda, vamos protestar. Minhas filhas acordam meio dia, mas nada esta bom nesse pais, vamos protestar. So lembrando, na decada de 80 tiramos um presidente sem quebrar uma unica vidraca.

Responder

    Márcia em 16/06/2013 - 02h59 comentou:

    Você acredita mesmo que foram os manifestantes que quebraram?????????? Ou foram infitrados para desmoralizar o protesto. Tem um vídeo que mostra um policial quebrando o vidro de uma viatura. Porque será que ele estava fazendo isso?????? Affff!!!!! Acorda gente. Eles estão nos colocando uns contra os outros para nos enfraquecer enquanto assistem de seus camarotes em Paris, em seus palácios etc… E tudo as nossas custas. Eles são nossos funcionários, nós os págamos e temos que nos virar do jeito que der pra fazer valer nossos direitos. Ou vocês estão contentes com as pecs, bolsa estupro, genuino, maluf, sarney(não merecem os nomes em maiúsculo) e todo o resto da quadrilha de calhordas (o idiota do feliciano- vale lembrar) roubando inclusive os nossos brios (além de todo o nosso dinheiro ensopado de suor). Temos que nos unir e apoiar.

    David em 16/06/2013 - 03h43 comentou:

    Pois é. Tem gente que não consegue entender que entre 1992 e 2013 muita água rolou. O mundo mudou. As pessoas mudaram. Muitas de suas causas também. Não é porque há "facilidades" que as coisas estão perfeitas. Sempre haverá algo que mudar!

    Jefferson em 16/06/2013 - 11h54 comentou:

    Esse discurso da Irene é o mais clichê que há de pessoas alienadas e acomodadas que fazem de tudo pra tentar justificar sua inércia com o atual estado das coisas.

    Pensei que essa gente já tivesse saído de cena e este tipo de discurso batido já não fosse mais utilizado, especialmente por alguém que possui acesso à informação.

    Saia de sua bolha, dona Irene! Mas se quiser continuar dentro dela, você e sua família, então não tente atrapalhar aqueles que estão lutando pra fazer o mundo caminhar para frente, pois se dependêssemos de gente acomodada e egoísta igual a senhora, que acha que tudo já está bom o suficiente, pode apostar que não teria havido nenhuma dessas melhorias que a senhora tanto alardeia. Provavelmente, parte dessa sua crítica seja justamente rancor por saber que mais pessoas lutam para usufruir de facilidades as quais a senhora não teve oportunidade de usufruir em sua juventude. Seu relato exala um indisfarçável cheiro de ciúme da juventude atual. Que lástima!

    marcio em 16/06/2013 - 20h18 comentou:

    hehehe gostei!!

    Eliane em 18/06/2013 - 00h20 comentou:

    "Minhas filhas acordam ao meio dia…" Eu teria vergonha em declarar isso, crianças ou adolescentes, deveriam estar estudando, se ocupando.
    Ah esqueci, elas não precisam disso…
    Se você não procura solução, já é parte do problema.

nubiaolivv em 14/06/2013 - 23h18 comentou:

Triste, mas é verdade. Todos já perceberam isso.
Eu voto no PT porque acredito que AINDA seja a opção mais viável. O combate à miséria é muito importante. Porem não há como defender o partido nos pontos que você citou. Não está bom. Sinceramente, não acho que hoje o partido precise se descaracterizar tanto para obter essa governabilidade. Enfim, vão dizer que é ingenuidade nossa pensar assim, que só se obtém resultados dessa forma e bla bla bla… espero que isso não seja verdade. Espero que isso um dia mude.

Responder

    Paulo em 19/06/2013 - 03h42 comentou:

    Mas o tal movimento não está ligando pra isso, o que querem é alimentar a mídia com badernas para que elas
    Caiam no colo do pt, é a juventude direitista paulista que iniciou essa idiotice, o que eles querem é a volta dos eternos privilégios para uma classe restrita. Eles querem e só vao parar quando o psdb voltar ao poder.

Felipe em 14/06/2013 - 23h35 comentou:

Plínio 2014

Responder

Fernando em 14/06/2013 - 23h44 comentou:

O PT, PT mesmo acabou faz tempo.

Responder

henriquealdias em 14/06/2013 - 23h52 comentou:

É do que tento convencer os governistas. Temos que ficar do lado da esquerda, não do PT. Legendas são legendas, ideal é algo bem mais forte.

Responder

    Cassiano Amoedo em 16/06/2013 - 23h03 comentou:

    Amigo, que esquerda ! que direita ! Temos é que ficar um ao lado do outro (POVO UNIDO !!!) reivindicando nossos direitos, ou você acha que esses m… que estão no poder irão fazer algo por nós ???? Eu já desacreditei faz tempo ! Isso só vai mudar quando o povo saber a força que tem, independente de direção de partido. O Lula está podre de rico, o filho dele está rico. Gente quando vamos aprender que se quisermos mudar algo por aqui, vamos ter que arregaçar as mangas e sair as ruas, como essa mulecada está fazendo agora ! E Aplausos a eles !

Carlos em 15/06/2013 - 00h08 comentou:

Precisam informar que o fotógrafo preso ontem era da CC, e foi preso por jogar o capacete do guarda e chuta-lo, precisam deixar claro, que profissional e esse? Que atitudes irão tomar?

Responder

    morenasol em 15/06/2013 - 04h15 comentou:

    essa história não existe

Jose Matos em 15/06/2013 - 00h53 comentou:

Eu agora sou PSDB por que eles não deixam fazer manifestação em seus territórios. Como PSTU,PSOL e equivalentes são radicais da esquerda, opto pelos radicais da direita, como diz a Cynara o PT alinhou-se.
Viva o PSDB. Aqui em Salvador mudei também ,agora sou Grampinho até a alma

Responder

Exoman em 15/06/2013 - 01h08 comentou:

Li várias coisas a respeito dos protestos em Sampa mas só lendo essa reportagem foi que me dei por conta (fiz as contas) de que o impacto no orçamento com o aumento da passagem não é dos mais significativos, mesmo no bolso dos que ganham menos.

Responder

    Antonio em 15/06/2013 - 16h05 comentou:

    Se fizer mais contas vai descobrir que o resultado para os pobres donos do transporte coletivo é bem compensador. Impacto positivo!

    Exoman em 16/06/2013 - 19h17 comentou:

    É mesmo, Antônio, aqui em Porto Alegre é engraçado ver os donos dessas empresas de transportes de passageiros reclamarem dos "prejuízos". Mas largar o osso (usar seu capital pra investir em outro negócio vendendo a empresa) eles não largam nunca.
    Geralmente esse tipo de empresas é das mais beneficiadas pela "política da privatização dos lucros e socialização dos prejuízos". Ou seja, uma mina de ouro!
    Carlos Fischborn.

Jose Rocha em 15/06/2013 - 01h09 comentou:

Voto na esquerda desde a primeira vez que votei, em 1981. Estive nas passeatas pelas Diretas Já, participei de comicios debaixo de chuva, enfrentei o medo da policia, o medo de dizer que pensava como esquerda, porem o PT tem se mostrado incapaz de implantar o que muitos de nos acreditamos, está descaracterizado das lutas do passado.
Penso que isso vai custar caro em 2014.

Responder

    helcio dias de sa em 15/06/2013 - 15h25 comentou:

    O Cazuza dizia que faz parte do nosso show,esse museu de novidades,o tal protesto,agora,cheio de rotulos,com direito a garrafa de vinagre,xuxu anestesista governador,tomate inflacionario,ganhou essa dimensao graças as criminosas/boas intençoes do cartel midiatico em colar no poste de lula ,o noviço hadad,a culpa do episodio.nao conseguiram contagiar/motivar nenhum psicopata para premiar com uma morte proprorcionando o sangue nosso de cada dia dessa midia rasteira,raquitica,panfleto politico.Sem o hadad na prefeitura seria um novo carandiru com direitos a palmas do governador,sem nenhuma linha no cartel midiatico.O poste hadad é a luz/alvo dessa festança midiatica.

    Edyneuza Ávila em 18/06/2013 - 00h59 comentou:

    Concordo com você, eu também voto na esquerda desde sempre mas tenho muito receio de que retornemos ao passado, não tão longínquo mas de antes do LULA, afinal fomos massacrados e humilhados por tantos outros políticos que agora estão torcendo e providenciando o descrédito do PT pela própria incompetência deles.

Marcelo H. Marotta em 15/06/2013 - 01h16 comentou:

Ótimo o texto Cynara, mas está faltando dois itens fundamentais ai nesse Caldeirão: O abandono da Educação e das questões relativas ao Meio Ambiente. De resto, parabéns!

Responder

    Germano em 16/06/2013 - 20h34 comentou:

    Excelente marcelo. Faltou isso mesmo: Educação e Meio ambiente. Deu vontade de chorar, desculpa…

    Osiris Viana em 18/06/2013 - 03h19 comentou:

    abandono da educação? vc tá em qual planeta? toda semana o governo federal anuncia a criação de universidades federais novas.

    Paulo em 18/06/2013 - 04h57 comentou:

    Abandono da educação em outras esferas administradas pelo PT

    Paulo em 19/06/2013 - 03h45 comentou:

    Discursinho verde é foda. E quanto a educação foi boa na epoca dompsdb? Foi boa na epoca da ditadura? Quanto ao meio ambiente voce prefere preservar para quando os americanos precisarem?

Raphael em 15/06/2013 - 02h51 comentou:

Tava pensando nisso mais cedo. PT se satisfez com os programas que dão certo como bolsa família. Garantiram boa popularidade e estão achando que só isso bastará pra mantê-los no poder. Aliás, isso e a falta de uma oposição consistente e coesa têm garantido a popularidade de Dilma. Mas não vai garantir o poder pra sempre

Responder

Andr Thibes em 15/06/2013 - 03h02 comentou:

Posso fazer observações?
Vamos lá:

Primeiro, concordo em muitos pontos do texto e na posição antigovernista a qual se coloca, mas quando faço análises do governo do Pt, não consigo deixar de ser mais radical, considerando aqui a radicalidade enquanto prática analítica de ir na raiz da questão e não se deixar iludir por discursos velados.

O PT não abandonou suas bandeiras no poder, ele deixou suas bandeiras para entrar na lógica de governabilidade que já existia, abandonou as bandeiras pra entrar no poder. É um governo que não representa e nunca representou o povo no poder. Isso se explica na estrategia que abandonou princípios que em países democrático populares da america latina não foram abandonados, sendo o principal destes: a congruência das mobilizações populares a um governo democrático popular. Tal tese afirma que alinhadas essas duas formas de luta, os benefícios que são hoje dos ricos seriam aos poucos transportados aos pobres, aliando as medidas parlamentares a mobilizações sociais, daí sim teríamos o povo no poder. No governo do Pt, esse projeto foi abandonado e subtituído por um projeto eleitoreiro. Lula abandonou as bandeiras dos movimentos sociais e se aliou a burguesia representada em alguns partidos que hoje compõem a base aliada. Isso explica o porque quê em todos esses anos de presidencia petista a gente não tenha conseguido avançar em pautas realmente populares, como a reforma agrária (um dos carros chefes das primeiras campanhas de Lula), ou o não pagamento da dívida pública.

Quanto à "única" bandeira que o governo supostamente não abandonou, deminuição da pobreza, desigualdade social e étinica, as políticas que são adotadas seguem uma lógica totalmente inversa. Nos é dado crédito para consumir ao passo que nos é tirado o emprego estável. O pobre se endivida, porém nos números aparece que nós nunca tivemos um poder de compra como estamos tendo agora (Eu mesmo estou devendo ao banco). As políticas de combate a desigualdade social são na verdade políticas de segregação. As terras que são dadas para a construção de casas populares em pouco tempo se tornam subúrbio sem amparo do estado, morando no Rio de Janeiro eu vi diversos lugares se "favelizarem" em poucos anos, não é diferente aqui na Bahia. A primeira casa própria do meu pai foi de uma política de casas populares e em menos de 5 anos já era uma favela comandada pelo tráfico e depois com as Upp's, pela milícia. Ou seja, a ideia que nos é vendida de que o governo está comprometido com a diminuição da pobreza, desigualdade social e etnica, é na verdade a continuidade do projeto de FHC que não conseguiu se concretizar num governo explicitamente neoliberal, e que agora é aplicado por um governo que na propaganda ideologica se diz de esquerda.

Mas a culpa não é de A ou B, são consequencias da estrategia aplicada pelo PT para conseguir as eleições. Não é possível fazer transformações democratico populares sem os movimentos sociais estarem nas ruas. As alianças que foram feitas pesam mais do que a própria presidencia. E quando a autora fala de "moralidade" é só mais um reforço do que são essas alianças. O Mensalão foi uma máfia de compra de votos dos parlamentares. Foram comprados para aprovarem emendas, não se trata de corrupção ou moralidade, se trata de uma contradição estrutural do capitalismo (necessária para reprodução do mesmo).

Ou seja, só com o povo voltando as ruas e tomando as rédias de seu próprio destino que a gente consegue avançar numa sociedade mais igualitária. É disso que eu gosto nesses momentos de efervecência de mobilizações

Responder

    Jueli Cardoso em 15/06/2013 - 14h00 comentou:

    até hoje vc não sabe a história do chamado mensalão?… Vc precisa se informar melhor companheiro!…

    Ana Paula em 15/06/2013 - 19h05 comentou:

    Concordo plenamente com vc e sinto-me particularmente feliz neste momento, só que não consigo mais acreditar na mudança. Perdi mesmo a esperança.

    Germano em 17/06/2013 - 00h32 comentou:

    como é assustador e perverso esse sistema aí que montaram pra manter o poder, né? E, com tudo isso, os banco vão faturar amis e mais milhoes enquanto a class c ascendente se endivida mais e mais, até a economia explodir de vez.

    Juan em 18/06/2013 - 12h45 comentou:

    Jueli Cardoso resposta extensa a sua. Com certeza ele parece bem informado… E você, se informou bem? Por onde, pela revista Veja e Globo News?

    Mariana em 18/06/2013 - 12h10 comentou:

    Muito bom o texto, eu sinto isso mesmo que o PT era a nossa única opçao, esquerdistas, e decepcionou porque ao chegar no topo só pensava em se manter no poder, e o Mensalao é isso e nada mais. Nao souberam reproduzir as eficientes políticas sociais e ficamos na diminuiçao da miséria e pouco mais.

    Tania em 30/06/2013 - 15h47 comentou:

    Concordo plenamente. E acrescento que a solução é UMA REFORMA POLÍTICA AMPLA, TOTAL E IRRESTRITA! Todos os partidos que aí estão, estão corrompidos no cerne. O povo percebeu que estamos sem escolha política. Estamos por assim dizer, sem saída. Pois se saí o PT, quem poderemos alçar ao governo? Não existe mais esquerda, nem direita, dada a situação que estão todos juntos no mesmo barco, atrelados a se manter no poder e mais nada. São discursos vazios, demagogos nenhum se salva. Como diz Cynara Kátia Abreu, o símbolo de poder de direita, que passa como um trator arrastando tudo e todos, pois quando quer que um pedaço de terra passe a pertencer aos ruralistas, ela consegue. Nós já vimos. Com representantes desta estirpe junto ao PT, o que podemos esperar? REFORMA POLÍTICA! É a única solução. E que os eleitores guardem bem o nome dos atuais deputados, senadores, governadores, vereadores, prefeitos, para que não seja possível nenhum destes ser elevado ao poder. Sei que é utópico. Mas é a única solução. Precisamos de novos nomes, novas caras, outros partidos que se mantenham fiéis aos seus ideais. É difícil. Reconheço. Mas não impossível.

paulo em 15/06/2013 - 03h16 comentou:

Voltando aos velhos tempos da Veja hein Cynara?!!

Responder

    Gustavo em 15/06/2013 - 04h42 comentou:

    Imbecil. Cego. Leia o comentários dos companheiros e veja que a maioria já abriu o olho. Infelizmente é triste, estamos numa sinuca de bico no Brasil

    Jose Matos em 15/06/2013 - 10h21 comentou:

    Discordo completamente! Qual sinuca? Tem PSOL,PSTU,PCO, esses radicais à esquerda. Ou PSDB, DEMO radicais à direita. Eu optei pelo PSDB, como disse Cynara; O PT aliou-se a eles.Não precisa ideologia na feira tem para todos os gostos.Ou você acha que nessa manifestações são todos ingênuos. Não chama o rapaz de Imbecil não fica feio..

    Eudes em 15/06/2013 - 13h22 comentou:

    Tá nervosa?

    Germano em 17/06/2013 - 00h34 comentou:

    patrulha ideológica? ou não é pemitido questionar e apontar erros para melhorar e evoluir?

    jose em 17/06/2013 - 18h16 comentou:

    Verdade, esse texto muito tendencioso a la Arnaldo Jabosta!

andreromeo em 15/06/2013 - 04h16 comentou:

E os direitos humanos dos boxeadores cubanos?

Responder

marcio em 15/06/2013 - 04h41 comentou:

Mas vamos aos pontos principais destacados pela blogueira, aos quais ela diz que o PT decepcionou:

Passe livre> o PT ja defendeu essa politica, é verdade, mas era um mundo onde o socialismo não tinha fracassado, não era certa sua ineficiencia e os ideais marxistas ainda eram muito fortes. Hoje essas politicas baseadas em subsidios gerais para todos os setores da sociedade(sendo eles carentes ou não) se mostraram como insalubres para economia diminuem a movimentação de capital e inibem o crescimento e modernização de tais setores.

Questão dos indios> A critica é que a Dilma é a presidente que menos concedeu terras aos Indios, mas então peraí o presidente tem que conceder sempre mais e mais terras aos indios?? A questão de concessão de terras é algo bem mais complexo do que a blogueira aborda, terras concedidas aos indios impedem agricultura, mineração, obras como belo-monte, transito livre da população em geral etc. Não existe so o interesse dos indios nesse país, pelo contrario. Terras concedidas aos indios são terras negadas a outros. O governo tem que equilibrar esses interesses e não priorizar nenhum deles.

Direitos dos gays e lesbicas> não teve partido que lutou mais por eles, inclusive a senadora marta suplicy é um icone dessa frente, so que mais uma vez os evangelicos e catolicos que se colocam contra o sancionamento de leis pelas quais os homossexuais lutam também tem direitos a representação na comissão dos direitos humanos, e assim se inibe que um lado imponha a toda sociedade seu ponto de vista ad-eternum. Se agora a bancada evangelica tem mais força, que a bancada gay se mobilize para amanha ter mais voz.

Quanto a reforma agraria> O argumento dela: "alguem que votou no PT pensando em ver uma lider ruralista feliz?" eu votei!!!! Eu quero ver baqueiros, ruralistas, empresarios da industria todos felizes. Isso não quer dizer que a população tenha que viver triste. Mas a economia do Brasil querendo ou não é de materias primas, agro-pecuaria-mineradora, e vivemos uma epoca de crise, a base de nossa economia tem que fortalecida por isso os ruralistas estão com mais poder. Mas negar as terras distribuida s pelo Lula é uma omissão manipuladora e baixa. O PT tem que equilibrar seus atos, se em um governo vai em direção a reforma em outro tem que ajudar na competitividade da produção nacional.

Quanto a manifestação em sampa> querem colocar a culpa da ação da policia liderada pelo PSDB sobre o PT?? E mesmo com excessos dos PMs, houve tb excessos da população. Um não apaga o outro, so que o da PM mesmo sendo excesso regenera a ordem, o excesso da população gera o caos. E ser governo tem dessas escolhas, aonde suas alternativas estão entre o mal maior e um mal menor.

Quanto a questão moral> o mensalão ocorreu no primeiro governo Lula, quando o governo era minoria no congresso. Se vc conseguir citar uma alternativa factivel( que não seja dissolução do congresso) para passar projetos em um congresso direitista em um governo de minoria e de esquerda, eu me calo!!!

Para quem teve paciencia para ler meu texto ate aqui: o que eu quis falar é que Ser partido de esquerda não quer dizer que vc tem que governar so para a população mais carente, o país é feito de ricos e pobres e todos tem sua parcela de importancia. É muito oportunismo sempre pegar opiniões desfavoraveis ao governo, sempre vai ter uma. A critica certa é a que aponta os dois lados de cada ação do governo!!!

Responder

    Marcílio em 15/06/2013 - 12h55 comentou:

    Entretanto, há um ponto indefensável no governo Dilma: a falta de diálogo. Vide o péssimo exemplo da MP595/12 (a famigerada MP dos Portos) em que antes de ser editada não houve o devido debate (foi uma decisão de gabinete como na ditadura militar). Outro exemplo é em relação à MP editada para as universidades federais, também não houve o devido debate.E isso, infelizmente, tem sido a marca deste governo. Enquanto isso, onde está a MP do marco regulatório da mídia?

    marcio em 16/06/2013 - 20h27 comentou:

    é realmente, diferente do Lula, a Dilma não é muito de diplomacia e dialogo. E paradoxalmente foi uma das maiores criticas ao Lula. Prefiro o jeito dele, mas cada jeito tem suas vantagens e desvantagens.

    Luciano em 15/06/2013 - 14h12 comentou:

    Te contaminou tb veio…que dois lados da moeda! Enriquecer banqueiros aos bilhoes e praticar meia caridade

    marcio em 16/06/2013 - 20h29 comentou:

    Cara se o banqueiro enriquece é um bom sinal para a economia. Ruim são bancos quebrando sem poder pagar os investidores e a população que faz poupanças.
    Isso eu não considero contaminação, e sim analisar o cenario baseado nas regras do jogo: Capitalismo(pois é o jogo que o mundo joga).

    Luiz Gomes em 16/06/2013 - 03h47 comentou:

    Estou de acordo com o Marcio.

    Fernando em 16/06/2013 - 14h52 comentou:

    Acho justo sua tentativa de defender o PT, porém quando vc diz sobre a questão moral vejo que realmente ainda nao aprendeu ou compreendeu o significado de democracia e todas as vantagens que ela traz consigo. Governar com minoria no Congresso Nacional realmente é uma tarefa árdua, podendo se tornar impraticável, porém existem outros meios, que acredito sejam mais éticos e morais, do que a compra de parlamentares para aprovação de projetos. Você somente vislumbrou a ideia de dissolução do Congresso, algo muito radical para uma democracia, não acha? Penso que com algumas aparições em cadeia nacional, em "horário nobre" o presidente Lula poderia não só manifestar a tentativa de mudar o país com projetos para acabar com a pobreza e miséria,como poderia expor que o Congresso Nacional não tem o menor interesse de representar o povo. Enfim, essa foi o primeiro pensamento que passou em minha cabeça. Fico triste e decepcionado com os brasileiros que aceitam o mensalão (seja do PT ou PSDB) como algo natural, lógico e aceitável. Isso além de ir contra a democracia, vai contra o meu voto, contra a minha vontade, fere minha cidadania!!! Mensalão e corrupção não podem e nem devem ser considerados, pensados e realizados, muito menos defendidos sobre hipótese alguma!!! CHEGA de CORRUPÇÃO!!

    Osvaldo em 16/06/2013 - 16h59 comentou:

    "Se vc conseguir citar uma alternativa factivel( que não seja dissolução do congresso) para passar projetos em um congresso direitista em um governo de minoria e de esquerda, eu me calo!!!" – Seria bom se vc se calasse, simplesmente, marcio. O maquiavelismo do discurso dos pró-governo no caso mensalão esclarece a condição ética destes militantes. Um governo que se diz popular preferiu o mensalão a buscar o apoio popular na política congressista. A corrupção é injustificável, assim como não dá para justificar a incongruência de um governo que levanta a bandeira de eliminação da miséria e aplica uma política de favorecimento e beneficiamento a grandes grupos nacionais, na tentativa de torná-los campeões internacionais, que só pode resultar em monopólio e déficit público. Nenhum destes efeitos favorecem a eliminação da miséria, aumentam a desigualdade e tornam a administração pública suspeita de favorecimento pessoal.

    Vilson em 17/06/2013 - 00h10 comentou:

    Li muitos comentários aqui a respeito do seu texto Marcio, onde se falou de quase tudo um pouco, mas não li nada a respeito da questão indígena. Eu como descendente dos mesmos tenho algumas coisas a dizer: 1- começou tudo errado desde a colonização do Brasil por Portugal. Primeiro com a vinda do Vasco da Gama e seus cupinchas que tiveram suas espadas simbolizadas com a cruz de malta e a bênção do papa para que viessem para o Brasil e dizimassem os índios! mas chegando aqui depois de uma série de massacres e devido a extensão do território e das dificuldades naturais que impediam êxito da expedição, resolveu-se então a usar outros métodos e para isso nada melhor do que a própria igreja através dos seus missionários jesuítas que com o tempo foi ganhando reforço de outras denominações religiosas Todos nós sabemos o resultado disso e o quanto isso foi nefasto para os índios que tiveram como recompensa o roubo de suas terras, que na verdade eram bem menos extensas do que hoje, visto que os índios consideravam como suas, as terras dentro do seu limite de sobrevivência e do seu relacionamento social com outras tribos, quando isso era possível, lembrando que na época existiam muito mais índios do que hoje! aí chega-se à conclusão de que quanto menos índios, mais terras são demarcadas para eles e economicamente isso não trás nenhum benefício para o Brasil e muito menos para eles mesmos, a menos que eles se enquadrem às regras da nossa constituição como todos os brasileiros. Na minha modesta opinião, o Governo Federal, juntamente com os demais poderes da República, deveriam se juntar para encontrar uma maneira de reparar pelo menos em parte todos os erros que vem sendo cometido ao longo dos anos a respeito da questão indígena. Já que a maioria tem a opinião de que os índios tem que ter alguns artigos específicos na constituição, então que se façam emendas à constituição onde se regulamenta as demarcações de terras indígenas e que se tire de campo sertanistas e missionários que estão tentando contato com tribos ainda desconhecidas e que deixem eles viver a vida deles, do jeito deles sem interferência! já imaginou se fosse o contrário e os índios chegassem à conclusão de que nosso modus vivendi é errado e viessem interferir e mudar isso?! alem disso tem o fato que a cada 10 índios que tem contato com o homem branco, 5 viram pinguços alem de adquirir o hábito da malandragem dos brancos! para quem acha que os índios da região de Andradina e Campo Grande no MS são santinhos, que vá lá e fique pelo menos uns 30 dias conhecendo a realidade que vão saber de que nada vai adiantar despropriar a fazenda que eles invadiram! não vai adiantar porque eles não vão trabalhar na terra e se for produzir, vai produzir o suficiente para subsistirem e para isso não vão precisar nem de um quarto da fazenda em questão. Não sei quantos índios tem naquela região, mas um grande número deles vivem na periferia das cidades da região e grande parte deles não trabalham e vivem na malandragem alem de ficar a maior parte do tempo bêbados. Em outras regiões do Brasil onde os índios tem aldeias organizadas e já assimilaram a cultura branca, o que se vê é cacique andando de Silverado, Ranger, Corolla, etc… e pode ter certeza que ñ é fruto de nenhum trabalho! vivem de espertezas e golpes, vendas ilegal de madeiras e de propina para deixar garimpeiros roubar minérios e pedras preciosas! coisas que o Globo repórter nunca mostrou é que quando chega algum visitante branco em uma aldeia dessa, a princípio, até qe é bem tratado, mas se quiser tirar uma fotografia ao lado de um índio, ou de alguma outra coisa, tem que pagar! lá nada sai de graça! até um olhar descuidado para uma índia tem seu preço! explico: não é preciso que se olhe para uma índia com olhar libidinoso, mas o olhar curioso que é comum em qualquer ser humano, isso já é motivo para o visitante sofrer terrorismo psicológico e com medo de acontecer alguma coisa de ruím, o visitante acaba pagando o que o que o índio pai ou irmão cobra para que não seja punido! por isso sou favorável a que se demarque logo as terras indígenas, coloquem eles lá e deixem eles viver a vida deles sem a interferência do homem branco! deve-se até criar uma lei que proíba o homem branco de por os pés lá!

    Priscila presotto em 17/06/2013 - 01h53 comentou:

    Penso o mesmo.Ter autocrítica é uma coisa ,mas sabe Cynara ,vc deixou de tocar nas conquistas inegáveis ,outro dia no face vc disse que a questão não era apenas COMIDA,fale isso para uma criança e uma pessoa subnutrida.Muito mimimi.E podem me patrulhar à vontade que não estou nem aí com vcs

    Antonio em 17/06/2013 - 02h38 comentou:

    Perfeita a sua reflexão.

    Tiago em 17/06/2013 - 18h14 comentou:

    Que absurdo! O cara vem com desculpas esfarrapadas, como falta de mobilização do movimento LGBT e que o mensalão ocorreu qd o PT tinha minoria no congresso. Os grandes nomes do PT estão todos envolvidos, esqueceu disso? Dilma se acovardou diante da luta pelos direitos humanos em troca de voltas, se vendeu. E ainda por cima o Governo Federal ofereceu o Exército para conter os manifestantes… É muita canalhice manipular a verdade para defender o PT, criticamos a direita por fazer isso, e vamos fazer igual? Comentário totalmente vergonhoso.

    Eduardo em 12/11/2013 - 23h39 comentou:

    Véi… Na boa! Formata a tua vida. Suas palavras exteriorizam o ser insignificante que és!

Anísio em 15/06/2013 - 11h11 comentou:

Gosto de pragmatismo. É vida, conviver legal com os diferentes da gente é legal, essa lógica não deveria servir só para as questões sexuais, raciais, etc., mas também para as questões ideológicas, sem pragmatismo nunca teria existido um governo Lula – vide Lugo -, além do mais perfeição é a utopia das utopias, nunca um voto meu à minha perfeição..
Concordo em grande parte que o partido abriu mão de alguns ideais, mesmo sendo mais lulista que petista, o "mensalão" me fez não votar em Lula no 1° turno de sua reeleição.
E não tenho dúvidas em afirmar que gosto menos do governo Dilma que do governo Lula, mas menos pelos motivos do texto, acho Dilma muito pouco pragmática.

Responder

Roberto Calçado em 15/06/2013 - 11h55 comentou:

Simpatizo com a esquerda, sou usuário de ônibus, acho caríssimo o preço da passagem, mas em nenhum momento uma manifestação como essa me representa. O que fizeram em Porto Alegre foi um absurdo.
Nem vou falar do vandalismo contra o patrimônio público e sim contra o que fizeram contra pequenos comerciantes. Vândalos, bandidos, que nunca suaram um camisa pra ganhar o seu dinheiro e duvido que andem de ônibus ou não fariam o que fizeram contra o dono do mercadinho, contra o dono da farmácia… Contra alguém que até aquela hora estava trabalhando. E o pior é que depois muitos se escondem no meio da multidão que esta protestando.
Ao contrário de SP aqui a BM deixou em um primeiro momento o vandalismo correr solto, só acompanhou com a justificativa de identificar os vândalos. Deu no que deu.
O vandalismo no patrimônio público é pago por todos nós. E quem paga o que foi feito contra o privado?
A Carta Capital deveria fazer reportagem com esse pessoal também.

Responder

azAPP em 15/06/2013 - 12h52 comentou:

Perguntinha que não quer calar…QUAL É MESMO O CARRO DA SENHORA??/ ANDA DE TREM? QUAL SUS A SENHORA VAI?

Responder

azAPP em 15/06/2013 - 12h55 comentou:

Mais uma socialista que come Camarão…

Responder

    helcio dias de sa em 16/06/2013 - 17h13 comentou:

    A Cinara admira o pt quando era pasta de dentes,embaladinho,agora amassado ,nao dá mais para voltar para o tubo.A oposiçao é o cartel midiatico,a catapulta é o haddad prefeito PT para atingir Dilma 2014,se nao fosse assim seria um carandiru sem nenhuma linha,nenhum rotulo, no cartel midiatico.

Gladyston Costa em 15/06/2013 - 13h03 comentou:

Marcio, excelente analise do contexto.Não é fácil agradar a todos em uma sociedade tão heterogênea.

Responder

Elomar Gomes em 15/06/2013 - 13h16 comentou:

Parabens Cynara. Faltou apensa acrescentar o descaso do PT com a educacao e seguranca publica e o foco do partido em se manter no poder a qualquer custo.

Responder

    roberto almeida em 17/06/2013 - 04h11 comentou:

    O PT é responsável pela segurança pública em São Paulo? Também é responsável pela educação neste Estado? Taí, dessas eu não sabia…!

    Paulo em 17/06/2013 - 17h43 comentou:

    O problema de educação, segurança e, também, da saúde não é "privilégio" do Estado de SP, é problema generalizado no país. Porém é mais facil para garantir o eleitorado investir em assistencialismo do que nessas áreas. Antes que me chamem de direitista burguês, reacionário e similares comunico que essas designação não me cabem, inclusive não sou contra o bolsa-familia, desde que tal programa vise relamente à ascensão social e nao a dependência em tais programas. E o que, de fato, o PT fez nesses anos de poder foi garantir o eleitorado atraves desses programas assistenciais, os quais agradam as camadas mais baixas e dependentes, bem como acordos nefastos com baqueiros e privatizaçoes que acabam agradando determinados setores das casses mais elevadas. E o que está entre essas duas classes? Bem, é melhor odiar esse terceiro grupo da sociedade.

Eudes Gouveia em 15/06/2013 - 13h18 comentou:

O que une os manifestantes?
Na época da ditadura os jovens se uniram "divididos" em várias facções para protestar e lutar contra a falta de liberdade e refletiram os moldes e as revoltas de 1968 principalmente na França.
Há pouco tempo, também na França os jovens descendentes de imigrantes e moradores da periferia também causaram estragos.
Todos tinham uma motivação ou um ponto de união.
Hoje o que une os que protestam?
Não existe uma pauta de reivindicação, só um chavão, um mote: 6,7% de aumento dos transportes. Reposição da inflação. Reajuste tão certo e esperado quanto os dos salários, planos de saúde, luz, água, pão….Sem falar que os principais interessados, os trabalhadores formais, TODOS, recebem vale transporte.
Há muitos anos atrás um Juiz da 10ª Vara da Fazenda Pública do Rio deu uma liminar a favor de empresas de transporte aumentando as passagens acima da inflação: nesta época não existia vale transporte e o aumento inesperado (este sim um aumento) causou uma revolta generalizada na Cidade. Desde esta época reajuste de passagem no Rio de Janeiro só ocorre no sábado. Nunca mais uma autoridade resolveu botar novo preço em vigor em dia de semana.
Ou seja, "aumento de passagem" é um tema de fácil aceitação e justificativa para um "movimento".
Junte no mesmo caldeirão as notícias sobre as manifestações na Turquia, o aumento das tarifas, jovens problemáticos ou não mas "secos" para discordarem de alguma coisa e coloquem tudo isto em um "evento" do facebook, onde 150 mil confirmam presença e apenas 2 mil comparecem, mas com vontade de "causar", incluindo confrontar, pichar, protestar contra o aumento das passagens, contra a copa, contra o toco que tomou da namorada, contra a frauda que mamãe não trocou….
Os "eventos" convocados pelo facebook não são novidade. Quando imitam movimentos protagonizados por jovens de outros países e que deram repercussão na imprensa teremos por aqui alguns soluços, lembram de algumas barracas armadas em algumas praças de cidades do Brasil quando do movimento "Ocupem Wall Street? No Rio, depois de tempos, a Prefeitura retirou as barracas em uma noite e ninguém notou, nem a imprensa. Nada significava.
Algumas pessoas sem caso ou causa obedecem ao chamado no facebook. E depois? Nada.
Não tem pauta. Não tem liderança. Não tem liderados. Não tem continuidade. Não tem cara. Não tem conteúdo. Aparecem os aproveitadores com bandeiras de partidos que nunca representaram uma parcela significativa da sociedade ou de votos eventuais.
Não sou da geração de 68, nem dos cara-pintadas. Sou das passeatas pelas Diretas Já, com milhões nas ruas com uma reivindicação que unia toda a nação, todas as correntes políticas democráticas, todas as organizações da sociedade como OAB, ABI, CNBB, UNE, sindicatos, partidos, etc….
Estas manifestações acabam quando este punhado de sem causa forem, unidos a outros grupos de interesse, assistir ao jogo do Brasil e derem uma trégua ao facebook.
PS.: Com quem o Haddad vai se reunir? está dando trela a quem?

Responder

    Carlos em 15/06/2013 - 15h06 comentou:

    Há muito a lógica tem sido pagar mais por produtos melhores. Diga o que tem melhorado nos transportes públicos para que seja aumentada sua tarifa?

    É impressionante sua submissão com a reindexação da economia, lição passada e aprendida com o sofrimento de várias gerações.

    Talvez o "mote" seja: nem um centavo a mais por essa porcaria toda que está ai. Incluindo saúde, educação, jogos do Brasil etc …

    Eudes em 15/06/2013 - 21h37 comentou:

    A questão não é indexa ou não indexa, protesta ou não protesta, A questão é para onde vai o protestar por protestar. Sem desdobramentos lógicos que não quebrar vidraças. Uma simples turba unida pelo facebook.
    Muitos morreram para que tivessemos a liberdade de expressão. Protestem à vontade, mas não me obriguem a concordar: eu também tenho direito a me expressar livremente.
    Minha geração trouxe de volta as eleições diretas no Brasil. Nessa época também tinhamos 20 anos. Não preciso falar mais nada.
    Quanto a questão da indexação a sociedade (com as lições dos anos 80 e 90 e as ORTNs, BTNs, URV e TR) preferiu que a mesma fosse prevista em lei (caso do salário mínimo que ainda tem um percentual real do PIB por exemplo), nos editais de licitação e nos contratos.
    Por ocasião das eleições (em homenagem aos que se sacrificaram para que existissem) poderemos demonstrar nossa satisfação ou não com atitudes, serviços e bens.
    A sociedade já decidiu que rupturas não democráticas não são aceitas.

    Paulo em 18/06/2013 - 05h54 comentou:

    Até posso concordar com você em alguns aspectos mas não existe nem se procura uma proposta de ruptura nem tomado do poder. As eleições não podem ser tomadas como o limite da democracia e essa onda de insatisfação que está relacionada a questões urbanas e necessidades pontuais cresce na parcela da população que não se sente adequadamente representada. Não se pode virar as costas para essa realidade.

    Anaita Lima em 15/06/2013 - 21h08 comentou:

    Adorei!

    Germano em 17/06/2013 - 00h50 comentou:

    amigo, no "seu tempo" os movimentos eram melhores né? Talvez pq não tivesse facebook e ipad, essas coisas de filho de papai de direita.
    rarara
    Tb corri do newton Cruz e fugi de bomba de gás em Brasília e tinha de todo tipo de gente e múltiplos perfis, uns mais engajados e conscientes outros não. Outros festejando apenas.
    A imagem de que antigamente era melhor é coisa para a sua "fantasia autobiográfica".

    perola em 17/06/2013 - 00h07 comentou:

    Muito bom. Acho a mesma coisa. Muito oba oba e pouca seriedade. Movimento liderado pelos alunos da USP.

    Fábio em 17/06/2013 - 17h21 comentou:

    Muito bom Eudes. Movimento liderado por ninguém que vai pra lugar nenhum. Os punks tomaram a frente e quebraram a cidade toda, por ai você já consegue perceber que grande liderança eles tem. Os que hoje protestam são os mesmos que nunca se preocuparam em mudar ou melhorar o país.

    julio cesar em 18/06/2013 - 10h22 comentou:

    seu comentário foi feito a dois dias ,acho que os fatos que vieram a seguir lhe demonstraram alguma coisa

Cynara Peixoto em 15/06/2013 - 13h19 comentou:

Basta ler a Revolução dos Bichos para entender o que aconteceu com o PT.

Responder

voute em 15/06/2013 - 13h35 comentou:

Deve-se ter uma 3ª opção, não nos acomodemos com a atual "esquerda" achando não ter outro jeito, como nas outras manifestações (diretas já, cara pintada etc.) onde conseguiram seus pleitos sem quebrar nada… sem quebrar nenhum paradigma da sociedade escravocrata, "estimulados" pelo capital… Essa é a verdade inconveniente, para quebrar esse laço de 500 anos não será só com flores, que o diga Antonieta.

Responder

Caio Toledo em 15/06/2013 - 13h48 comentou:

Sabe oq essa esquerda TACANHA merece?

Um governo de direita por 8 anos. Destruir todos avanços sociais e programas.

Quem sabe um dia da valor.

Responder

    Fábio em 17/06/2013 - 17h25 comentou:

    Exatamente Caio, essa dita "esquerda" que hoje protesta é a mesma coisa que a direita, o mesmo grupinho que sempre atrapalhou e nunca fez nada de importante pelo país. Só falta sair as ruas e pedir a volta do PSDB. Ainda não perceberam que a direita está adorando a manifestação, que a imprensa "chapa branca" já tomou conta do movimento.

Jueli Cardoso em 15/06/2013 - 13h58 comentou:

Muito bom Marcio, concordo plenamente com suas colocações. É fácil fazer críticas o difícil é ser governo. Um ponto que temos que entender é que o PT enquanto partido, defende dentro do governo as suas bandeiras, mas nem sempre, ou melhor, quase nunca temos a correlação de forças necessárias para mudar as leis e fazer o que necessita ser feito. O parlamento, a justiça, e todas as instituições tem grande maioria conservadora e contra as propostas de avanços.

Responder

Rubcler M. Rocha em 15/06/2013 - 13h59 comentou:

Infelizmente.Eu votei no PT.Como sempre fiz!!! Porém,só frustração.Ilusão.Decepção!!! Falo, principalmente,na questão do índio."Neste Mato Grosso… Terra de gigantes,onde bravos índios viviam antes…"

Responder

Sérgio em 15/06/2013 - 14h02 comentou:

Os ruralistas carregam este país nas costas e com sua competência, muito trabalho e nenhum blá-blá produzem alimentos baratos, contribuem para a balança de pagamentos e geram muitos empregos de qualidade. Quem anda de SWV é porque trabalha para comprar, gerando empregos e impostos e não vive mamando nas tetas dos governos.

Responder

    ted tarantula em 16/06/2013 - 10h35 comentou:

    ruralista é a tradução em novilingua para gigolô de vaca…

    Paulo em 17/06/2013 - 17h47 comentou:

    "Quem anda de SWV é porque trabalha pra comprar" visão muito limitada essa sua.

    Adriana em 17/06/2013 - 23h45 comentou:

    A sua ingenuidade é comovente! Acho que você não conhece a história brasileira, não deve saber como a amaioria das imensas propriedades rurais foram conquistadas no nosso país. Dizer que nós temos alimentos "baratos" também não deve ser do Brasil que você está falando. Defender os ruralistas e afirmar que eles geram empregos de "qualidade" para os trabalhadores rurais só pode ser brincadeira!!! Agora o mais hilário é ouvir alguém falar em méritocracia por aqui!!!!RSRSRS

Fábio de O. Ribeiro em 15/06/2013 - 14h10 comentou:

Mandou bem. O problema dos políticos, penso, é que eles acreditam que vivem apenas para servir aos interesses considerados legítimos pelo "campo político". E alguns, talvez a maioria, se esquecem que o próprio "campo político" pode ser destruído pelo povo nas ruas. Os que ignoram História ou pensam que ela acabou geralmente acreditam que o Estado é muito poderoso, que as forças estatais são invencíveis. A verdade verdadeira, porém, é que nem mesmo o Estado e suas forças podem controlar ou suportar os efeitos devastadores de um Tsunami político nas ruas. Alckimin que se cuide, pois ele também pode acabar como Mubarack (ou até pior que o ex-todo poderoso 'imperador militar" do Egito).
http://blogdosakamoto.blogosfera.uol.com.br/2013/

Responder

cirineu em 15/06/2013 - 14h14 comentou:

Belo relato contra o PT esqueceram de mencionar que só o escândalo do Banestado promovido pelo PSDB é mais que 70 mensalão também esqueceram de mencionar a Privatária Tucana que desviou trilhões foi a maior operação lesa pátria feito por uma quadrilha chamada PSDB, também esqueceram os Habeas Corpus canguru cedido ao banqueiro Daniel Dantas, diante destes fatos quem teve a ideia de mencionar esta merdas contra o PT, não tem credibilidade usa dois pesos e duas medidas, daqui a pouco vão dizer que o PT come criancinha e vão reevendicar um golpe militar como foi em 1964.

Responder

Luciano em 15/06/2013 - 14h16 comentou:

que " dois lados da moeda! " Enriquecer banqueiros aos bilhoes e praticar meia caridade é ver os dois lados da moeda? É mais fácil fazer analogia entao com uma balança da injustiça social, sempre pendendo pro lado do mais poderoso.

Responder

Thalita R. em 15/06/2013 - 14h28 comentou:

vi no facebook para as pessoas que não vão na passeata colocarem um lençol branco na janela em apoio. não sei se isso procede mas achei uma boa idéia.

Responder

    ted tarantula em 16/06/2013 - 10h36 comentou:

    apoio…a quem?

robson ortlibas em 15/06/2013 - 14h39 comentou:

Excelente texto cynara, é exatamente todo o que penso sobre o pt v.g. e o meu arrependimento por votar no partido na primeira eleição do Lula.

Responder

    morenasol em 15/06/2013 - 14h55 comentou:

    imagina! eu não tenho arrependimento ALGUM. amigo de verdade avisa quando tem feijão no dente. eu tenho certeza que o PT tem potencial para uma ruptura. basta resgatar a coragem perdida

    Ana Paula em 15/06/2013 - 19h18 comentou:

    Morena, vc acredita mesmo nisso? Por favor, me convença, porque o que vejo é justamente o contrário. Não me arrependo do voto, simplesmente porque no segundo turno não havia opção (ao menos para mim). Mas, no primeiro, nem em sonho votaria no PT. Meus ideais continuam os mesmos de quando eu votava neste partido, só que há anos o PT os abandonou. Nada, nenhum avanço, justifica a perda da ética, no sentido de valores, não só de corrupção. Abandonar Educação, Saúde, Questão Indígena em nome de "governabilidade"? Em qual momento Lula ou Dilma tiveram menos da metade da população a seu favor? Não é preciso acordo espúrio! Chega de escrever que estou ficando verde de raiva… e o texto de Cynara já me representou!

antonio silva em 15/06/2013 - 14h53 comentou:

sabes quem paga o vale transporte?quanto custa a meia passagem?sabes quanto custa a passagem de onibus em Diadema do PT?São bernardo do PT?Maua do PT?Guarulhos do PT?,Osasco do PT?Em todo cinturão vermelho do PT?quando tu vai nos convidar para estas cidade cara senhora?

Responder

antonio silva em 15/06/2013 - 14h55 comentou:

so se publica com elogios e concordançia,ou pode ser contrario?

Responder

Maicon Rosa em 15/06/2013 - 14h56 comentou:

Sabe qual o grande problema?
É que quem sempre protestou por tudo hoje está no poder, agora se for protestar junto não sobra ninguém do outro lado da trincheira.
A "esquerda" (pffff) tomou o Poder, agora porte-se como tal.
Talvez o PT tenha mudado alguns de seus ideais porque viu que (1) não são possíveis de aplicar ou (2) viu que são uma m$%&, com sempre se suspeitou.

É engraçado ver protestantes com medo de protesto, estou assistindo o protesto(por R$0,20!!!! kkkkkkkk, arranje uma causa bitch, plz!), comendo uma pipoca e rindo muito. Relembro que a autofagia sempre foi comum em partidos de "esquerda".

Agora, uma coisa é certa, a população está mostrando que pode se organizar/mobilizar em um piscar de olhos. Temei, governantes incautos. Já pensou se, por exemplo, o Supremo absolve os mensaleiros nos embargos?!?! uuuuuuuu, assusta só de pensar o destino de todos eles… rsrsrs

Responder

jõao em 15/06/2013 - 15h00 comentou:

percebi uma particularidade nesses ‘protestos’ que correm o país: A maioria tem ocorrido em capitais administradas pelo PT ou aliados.

Será que ninguém mais notou? Aqui em Manaus, o prefeito é o Arthur Neto do PSDB.

Em março ou abril, as passagens aumentaram de 2,75 para 3 reais e ninguém reclamou.

Na semana passada, às vésperas dos aumentos de São Paulo, Rio e Porto Alegre, o Arthur mandou as empresas “abaixarem” as passagens para 2,90 e tem anunciado sistematicamente na tv, a “bondade” da prefeitura.

Cadê Salvador, do oposicionista ACMnetinho, do DEM; Vitória, do PSDB tucano; Recife e Belo Horizonte, do presidenciável Eduardo Campos?

Nestas capitais não houve aumento? O pau não quebrou por lá também?

Em Curitiba, do Gustavo Fruet do PDT com governo PSDBista do Beto Richa, teve manifestações, mas sem violência. Já tivemos o tomate, o boato do bolsa família e agora, as tarifas.

Vcs estão deixando alguma coisa de fora. A maioria dos manifestantes são jovens da classe média que tem carro ou usam o do papai.

É a mesma galera do “CANSEI”, e não o povão. O povão, cansado de trabalhar o dia inteiro, estava era doido para ir para casa dormir e acordar cedo no dia seguinte.

Era a turma que se “aquece” para a batalha no facebook, assim como detona a Dilma e o PT por lá também. Isso tudo é articulação política: Guerra de guerrilha para 2014.

Responder

    Ana Paula em 15/06/2013 - 19h20 comentou:

    João, pode ser que vc tenha razão sim. Mas há uma exceção: Sorocaba é PSDB de carteirinha. E os protestos começaram tímidos e estão crescendo.

    Leticia em 16/06/2013 - 01h30 comentou:

    Me irritei muito com uma placa de uma menina na manifestação em direção aos pobres trabalhadores dentro dos ônibus (que mal entendiam o que acontecia, pois a maioria não tem facebook, e só queria voltar pra casa para fazer a janta, lavar roupa e quem sabe dormir) que dizia: "Desculpem o transtorno estamos lutando pelos SEUS direitos!). Só faltou colocar um "Ignorantes" na frente. Sério, se esse jovens reacionários realmente tivessem decidido alguma coisa nas últimas eleições, aí sim o povo estaria na merda. Sou contra a ação da polícia e acho que o Haddad está demorando para dialogar com essa multidão, mas apesar de acreditar ser difícil dialogar com esse "cansei ampliado", é preciso saber dialogar com todos da mesma forma.

    Germano em 17/06/2013 - 21h52 comentou:

    rararara Leticia. Deixe de ser preconceituosa todo mundo no buzão lotado tem face, tem celular, tem internet, etc. Deixa de ser preconceituosa e fora da realidade… Quem anda de ônibus são os “pobres trabalhadores”??? Quanto esteriótipo errado. Em todas as manifestações populares há a turma do contra. 30.000 na rua e os reacionários continuam criticando, desqualificando. Como você leticia!

L.A.Pandini em 15/06/2013 - 15h12 comentou:

Cynara, o que me desalenta é: se não for o PT, vai ser quem? PSTU? PSOL? Não me façam rir. Além de não terem qualquer viabilidade eleitoral, padecem de doenças infantis do esquerdismo, que já deveriam ter sido superadas há muito tempo. Minha namorada, neste momento, comenta: "Vamos pressionar para que o PT mude". Adoraria fazê-lo, mas sinceramente acho que não teria qualquer efeito. O PT já se "institucionalizou".

Responder

    Fábio em 17/06/2013 - 17h30 comentou:

    Ótima resposta, acreditar que Psol e PStu podem governar o país chega a ser patético, não conseguem nem se entender entre eles, não durariam 1 ano no planalto, sem falar que a população brasileira jamais votaria neles. Os que se julgam de esquerda, estão ajudando a direita.

Luciano em 15/06/2013 - 15h20 comentou:

É, não existe meio termo. Ou tu honras as calças que veste, ou se dobra a ganância.

Responder

Geraldo Magela Maia em 15/06/2013 - 15h35 comentou:

Maravilha de texto, Cynara. Há tempos o PT só se preocupa com reeleição. Não podemos nos aliar aos antigos críticos da esquerda (como Veja e demais PIG). Mas não podemos fechar os olhos a face demagógica e "pragmática" do PT.

Responder

Elyson em 15/06/2013 - 16h18 comentou:

Mesmo sendo verdadeiramente pobre – Não tenho casa própria nem tampouco casa – Não concordo que depredar o patrimônio público; botar fogo em banca de jornais e revistas; agredir policiais com paus, pedras, rojões; quebrar vidraças de lojas; impedir o trafego inclusive de ambulâncias; quebrar equipamentos em estações de metrô, etc. seja de fato legítmo. É perfeitamente possível, milhares de manifestantes se reunirem nas ruas dos grande centros urbanos, reivindicarem suas pautas sem agredirem outras pessoas, e sem causarem prejuízo ao patrimônio público. Os bens destruídos pelos manifestantes seram recuperados com dinheiro público. Toda população arcará com os prejuízos causados. Nos dias seguintes as manifestações, os jovens serão levados aos shoppings, aos colégios e as universidades nos carros dos pais. – Os operários que não participaram das manifestações usarão os ônibus depredados e pagarão os R$ 0,20 de aumentos.

Responder

    Germano em 17/06/2013 - 21h54 comentou:

    Todos, até o Datena, sabem que quem depredou foram os inflitrados, punks e freaks

    malvina cruela em 18/06/2013 - 10h19 comentou:

    "Mesmo sendo verdadeiramente pobre"…de espirito tb,,esqueceu de dizer

Zezo Oliveira em 15/06/2013 - 16h19 comentou:

É verdade que o PT tornou-se pragmático, isso se chama governar.

Responder

Bruna Dourado em 15/06/2013 - 16h41 comentou:

Moça, isso não é sobre partidos.

Responder

Danilo Padilha em 15/06/2013 - 17h10 comentou:

Nao citaria o mensalao aqui se fosse voce. As evidencias recentes tem apontado que esse mensalao ta virando mais é um mentirao. Se membros do Partido foram corruptos e o partido os puniu, acho que é o máximo que pode ser feito. Mas cuidado pra nao propagar mentiras e exageros de Veja e Rede Globo.

Responder

    Paulo em 17/06/2013 - 17h52 comentou:

    Que evidencias apontam que nunca exixtiu o mensalão??? A opinião de Paulo Henrique Amorim serve como evidencia?

    Germano em 17/06/2013 - 21h55 comentou:

    o mensalão não foi julgado por veja e globo, né? Foram julgados pela justiça. Ladrão tem que ir pra cadeia…. ou não?

André em 15/06/2013 - 17h20 comentou:

Tem outra pauta abandonada: a democratização da comunicação!

Responder

sergio sm em 15/06/2013 - 17h20 comentou:

Há muitos anos atrás eu já tinha visto integrantes do pt sairem do partido porque estava assumindo na liderança pessoas como Marta Suplicy, Dirceu e outros. Estes integrantes já sabiam no que ia dar, isto ocorreu quando o Lula ser tornou presidente pela primeira vez. Hoje vemos que a situação só piorou e a solução é criar outro partido muito mais leal e justo, o pt não tem mais solução e não representa mais nada do que defendia quando de sua criação.

Responder

igor gouveia em 15/06/2013 - 17h37 comentou:

só pra contextualizar.

"Protestos conseguiram, pela primeira vez, deixar claro que PT e PSDB estão do mesmo lado" (ESTADÃO, 2013)

e um ps: nao se esquecam que tem MUUUUUUUUITA gente apartidaria nas manifestaçoes. nao é algo da esquerda nao. galere em sp vaiou quando levantaram as bandeiras politicas nos protestos. oportunismo tem dos 2 lados….

Responder

JC Fonseca em 15/06/2013 - 18h15 comentou:

Apreciei muito sua lúcida reflexão. Lamento apenas que vc tenha dúvidas quanto à compra de apoio parlamentar e da participação do Lula no episódio. Em tempo: o Haddad é filho do Lula com o Maluf e quem sai aos seus não degenera. Ou vc é daqueles que insistem em dizer que não houve corrupção e que o Lula de nada sabia, dormindo tão distraído como a pátria citada por Chico Buarque frente a tenebrosas transações?

Responder

Ana Paula em 15/06/2013 - 19h00 comentou:

Obrigada, Cynara. Muitas vezes, obrigada. Conseguiu escrever com lucidez exatamente o que sinto; porém, no meu caso, com muita raiva, rancor, tristeza e desesperança.

Responder

JUNIOR em 15/06/2013 - 19h16 comentou:

O PT USOU A MAXIMA:"PODER É COMO TOCAR VIOLINO,TOMA-SE COM A ESQUERDA E TOCA COM A DIREITA".

Responder

João em 15/06/2013 - 19h43 comentou:

Deixa de ser besta, para variar socialistas sendo tão burros quando a mídia.

Votei no Alckmin, odeio o PT, PCdoB (principalmente), PCO, PSTU, ando de carro zero e moro em uma ótima casa, mas ainda assim apoio e participo destes protestos.

Responder

renan em 15/06/2013 - 19h45 comentou:

acharem que os protestos são só coisa de esquerda é o CÚMULO.

saia desse mundinho paralelo, please!

Responder

mario filho em 15/06/2013 - 21h44 comentou:

Enquanto o PT for odiado- mesmo no morde e assopra- pela rede globo e veja e Mainardis da vida- enquanto os direitistas ex-torturadores que vê-se nos comments dos Jornais tipo Globo ou Folha VEREM O PT NO PODER COMO "COMUNISTAS" NO PODER , não me importa se é ou não "ética" burguesa(sim ela existe e Lênin e Marx já a denunciavam)usar ou não o veneno da cobra para se fazer um antídoto para ela!CONTINUAREI FIEL AO PT! Fazer coro por reestruturação é uma coisa ,o resto é fazer o que o Merval e urubóloga torcem.VALE -TUDO COM A GENTE p/ganhar 2014? VALE-TUDO NELES TB!Deixem-os acreditar que o PT é "bom"…Pelo menos até a eleição.

Responder

Paulo Seibel em 15/06/2013 - 21h58 comentou:

O que as críticas feitas aqui esquecem ou não sabem, é que embora a esquerda brasileira e o PT conseguiram chegar ao Poder, é que o Poder ainda é comandado, em grande parte pelos velhos grupos que sempre mandaram nesse país. Ou você faz acordos com eles ou não consegue Governar.
Se fizessem um levantamento viriam que grande parte da política brasileira, nos estados e municípios ainda é comanda pelos velhos grupos políticos brasileiros. São eles quem dão as cartas nos municípios e muitos estados. Aqui no RS a grande maioria dos municípios são governados pelo PMDB, PP, DEM, PSDB e PDT. Não é diferente em outros Estados.
As grandes mídias, o Congresso fisiologista com seus interesses individuais, o poder econômico de grupos neoliberais e liberais impõem as cartas e definem as regras do jogo. Ou você faz acordos com eles ou não sobrevive. Vejo isso aqui em nossa cidade, onde a mídia (jornais e rádios) defendem dia e noite os velhos grupos políticos (DEM, PP, PMDB) e atacam sistematicamente o Governo do Estado e o Governo Federal.
E eu pergunto a vocês: Querem que esses grupos voltem ao poder novamente?

Responder

Claudio em 15/06/2013 - 21h58 comentou:

Cynara, não são só os endinheirados, que andam de suv, que são a direita nesse país, temos essa praga em todas as classes sociais no Brasil, vide estado de São Paulo, onde uma mídia truculenta, todos os dias, faz a lavagem cerebral.

Responder

nancy lima em 15/06/2013 - 22h10 comentou:

concordo com seu texto,quando vejo o PT com essa de patores evangélicos,ruralistas,kassab tudo no mesmo saco só podia dar nisso,vamos aguardar alguma resposta do governo se não a vaca vai literalmente pro brejo!

Responder

Plínio Paulos em 15/06/2013 - 22h39 comentou:

É por esses textos objetivos e claríssimos que eu amo o seu trabalho, cara Cynara!

Responder

Vagner Augusto em 15/06/2013 - 23h00 comentou:

Mas por favor, não vamos abandonar o PT. Tudo que os Jabores, William Wacks, Boris Kasoys da vida querem é isto. Se fizermos isto, eles venceram.

Responder

Anaita Lima em 15/06/2013 - 23h13 comentou:

Por isso a direita vai vencer sempre! Ô classezinha desunida essa da esquerda brasileira! Por que nunca fizeram passeatas quando os prefeitos do PSDB e do DEM subiam as passagens?

Responder

Carlos em 15/06/2013 - 23h42 comentou:

Engraçado, eu sou conservador e ando de ônibus. E tenho um Siena 2005 velho que uso só no fds. Aposto que a blogueira, esquerdista puro-sangue, tem um possante melhor que o meu.

Responder

    damastor dagobé em 17/06/2013 - 11h34 comentou:

    isso que é estranho em certos conservadores: eles nada tem para conservar.

    Germano em 17/06/2013 - 21h59 comentou:

    o meu vizinho é PT , do sindicato, engajadasso e tem um possante modernao, zerinho, beeeeeeem maior que o meu só toma vinho importado de sua adega subterranea, em um condomínio murado. É…. temos que rever conceitos.

Gilberto em 16/06/2013 - 00h27 comentou:

Desculpe-me, mas você usa o discurso repetido da direita.Ignoram (ou se esqueceram) de como o Brasil era e cobram da atualidade(Dilma) a resoluçao de todas as mazelas de décadas, ou séculos, pra nos fazer crer que estamos muito mal.Sim, esperávamos mais! Sim, nos depcepcionamos! Mas, sim, também podemos perceber que muita coisa melhorou. O governo é parte do PT. Se fosse só dele, já teria sido defenestrado há muito. O Governo representa todos os brasileiros, inclusive aqueles que querem a bolsa estrupo, aqueles que ao reconhecem a união de pessoas do mesmo sexo, aqueles religiosos que "deslaicizam"o estado brasileiro todo dia e querem nos submeter a uma república evangélica.

Responder

Irene Mello em 16/06/2013 - 00h42 comentou:

Descaso do PT com educacao? Como assim, e o Prouni, Fies, Ciencia sem Fronteiras, pelo amor de Deus, isso e descasocom educacao. Os governos anteriores fizeram melhor? Saude: O governo cogitou a possibilidade de trazer medicos ao Brasil para atender as comunidades carentes e foi a maior gritaria do mundo. Mensalao, agora voce vem falar de mensalao, depois de tudo que se sabe sobre ele, depois desse julgamento ridiculo, totalmente fora dos padroes. O governos assobiia e chupa cana para atender a indios, produtores rurais, micro empresa. Como disseo colega la em cima, tem agradar a todos senao pau neles. Cinara parece que voce esta abracando as desculpas da direita para descer o pau no PT. Temos um governo que mais atendeu a populacao em nossa historia, sera que nao da para ter um pouco mais de paciencia, como disse uma ministra esses dias. Nao da para fazer em 9 anos o que nao se fez em 30.

Responder

Aprilo em 16/06/2013 - 01h42 comentou:

em 2010 os idealismos que me foram incutidos em família e na escola tinham ido para o espaço, após a queda do muro e o desmonte da URSS.
não dava mais para distinguir qual era o idealismo dos candidatos.
nos projetos eram impossíveis de identificar uma nesga de idealismo: esquerda ou direita.
muito confuso.
então escolhi votar na Dilma devido ao pac, dentro do pac tem de tudo.
fiz a escolha certa, porque nesse imenso Brasil, que a mídia se esforça mostrá-lo que não é mais um país pobre, há ainda milhões de pessoas que valoriza ter em suas casas uma moeda de R$0,50, ou menos, demonstrando o tamanho da miserabilidade, e o pac, se os governadores e prefeitos fizerem uso honesto, ajudará e muito essas pessoas.
hoje, assistindo pela tv a aberta da copa, me senti envergonhada e infeliz diante das vaias para a Dilma, que estava hospedando, pelo bem pelo mal, estangeiros nesse evento.
o povo no estádio teve +- 5 anos pra fazer manifestação de repúdio a esse e outros eventos e todo mundo ficou calado, reclamando à boca pequena.
sacramentados esses eventos, de uma hora prá outra resolveram fazer esse papelão, fora de hora, e eu que não gostei de ler o que o jornal el pais falou que nós brasileiros não tinhamos costume de fazer protesto, obriguei-me a concordar com el pais.
o povo brasileiro não tem noção que o dinheiro do pac é enviado para que os governadores e prefeitos o usem para a finalidade do pac, estou enganada?
percebo que o grosso do povo não tem noção que escola pública, saúde pública, transporte público, saneamento, seca no nordeste as exigências para a tomada de providência devem ser exigidas junto aos governadores do estado ou prefeitos do município, para isso o presidente envia o dinheiro para eles, estou também enganada?

gostei muito do seu blog. tem as informações que preciso. obrigada.

Responder

Leticia em 16/06/2013 - 01h44 comentou:

Doce ilusão que a maioria lá é de esquerda. Talvez 10%, mas os outros 90% são os anti-petistas, extrema-direita, reacionários que sempre votaram no Serra, Alckimim ou nulo. Filhos e netos dos saudosistas da ditadura. É a essas pessoas que vocês estão se alinhando… santa inocência…

Responder

    Germano em 17/06/2013 - 22h02 comentou:

    sei não, acho que 90% estão é de saco cheio de tanta violencia sanguinária e corrupção. Isso dá uma sensação sufocante.

André Ferraz em 16/06/2013 - 02h11 comentou:

Cynara, muito legal o texto.

Fui criado no típico ambiente classe média burgues do PSDB… me "esquedizei" na universidade nas bandeiras do mov estudantil e vi de camarote a "centralização" do PT em nome da governabilidade…
Hoje me contento em ser o engravatado que tem opiniões diferentes no "mundinho consultorias"….

Essa sempre foi a minha piadinha diária com meus amigos PTistas… os mesmo que outrém me condenaram como o "direitosa" (para não usar o jargão pelego…)

Acho que a decepção maior é a de quem ficou no meio…. que se recusou a apoiar um tucano 2nd tier como o serra assim como votar no Lula (e sua tropa 1982)…
A Dilma era o que o Brasil esperava… alguém com veia de esquerda mas com o status de CEO (como a direita adora)

Mas me parece que a tal governabilidade, que matou o FHC de 99 em diante, está cobrando o seu preço para Ms Rousseff… Guido Mantega é "indemitível" para a sua tristeza… o Renan Calheiros virou o paladino das pautas no senado e para completar o PMDB resolveu cobrar o "free lunch" do governo Lula…

A decepção que fica é…. "E agora José"…. o que teremos para 2014?

Responder

Roberto em 16/06/2013 - 02h11 comentou:

Morena, se o PT já não é o mesmo, faliu em sua maioria das propostas, qual o partido da hora? (Aguardo a sua resposta)

Responder

Eugênia em 16/06/2013 - 02h50 comentou:

É, realmente o negócio é bater no PT!!!!! E a direita sai andando. Êta bloguinho ruim. Carta Capital té afundando. Joga descaradamente para a platéia, para vender revista.

Responder

Rogerio em 16/06/2013 - 03h59 comentou:

Aceitem as regras do jogo e aprendam a jogar.

Responder

ted tarantula em 16/06/2013 - 10h32 comentou:

parece a historia dos cegos apalpando o elefante..cada um vê um bicho diferente…ahhh….a algaravia..a algaravia

Responder

malvina cruela em 16/06/2013 - 10h40 comentou:

"a revolução politica é a forma mais superficial de politica" GB Shaw

Responder

damastor dagobé em 16/06/2013 - 10h45 comentou:

o óbvio é sempre o mais difícil de entender: desde a famosa " queda do muro" a politica já não não tem nenhum papel no mundo….a realidade é determinada somente pela economia. Esqueçam esse negocio de democracia, voto, parlamento, esquerda, direita..isso não quer dizer mais nada.

Responder

Adrian em 16/06/2013 - 11h14 comentou:

Meio Ambiente! Meio Ambiente! Meio Ambiente!

Responder

Edson Araujo em 16/06/2013 - 11h45 comentou:

Passe livre? Tarifa zero? Alguém acha isto possível?De graça nunca vai ficar pois os ônibus e trens (apesar de vocês ficarem falando somente dos ônibus) não andam movidos por ar e dirigidos por robôs, alguém vai ter q pagar.. E no ano passado q aumentou 14% onde estavam vocês?Porque ñ fazem manifestações no anhangabaú q ñ vai atrapalhar ninguém? Eu sei, é porque se a polícia ñ bater , ñ da ibope e você q ta de bobeira nesse meio fica esperto p ñ ser levado por aquilo q você ñ quer , violência de qualquer lado.

Responder

Cris Pereira em 16/06/2013 - 11h52 comentou:

Após ler o texto e todos os seus comentários, é fácil notar que todos têm suas razões. Presenciei da janela de casa os primeiros movimentos do que viria a ser o golpe militar para a instalação de uma ditadura e vivi todos os anos de minha juventude posicionando-me contra qualquer tipo de atitude que impedisse a liberdade legítima do cidadão em suas escolhas. O mundo mudou muito, como era de se esperar, as pessoas envelheceram, como é natural, as formas de protesto mudaram, porém, as necessidades do cidadão continuam as mesmas. Não nasceu ainda alguém ou alguma idéia que torne a sociedade menos injusta ou pelo menos, mais igual. Longe de mim a idéia de qualquer conformismo, até porque, como diz o Rappa," paz sem voto não é paz, é medo"(bem lembrado num texto de Pedro Serrano). Mas penso que o problema maior, hoje, é em quem ou no que acreditar. Enquanto isso, " la nave va".

Responder

tonio cunha em 16/06/2013 - 12h09 comentou:

A esquerda realmente tem que andar em veículos clássicos americanos dos anos de 20 a 50 quem estao caindo aos pedaços em Cuba. Ou passar metade do dia esperando o "guagua" ou tentando arranjar carona na ilha da fantasia do socialismo.

Responder

Éden Amorim em 16/06/2013 - 12h40 comentou:

Só pra constar: outro ponto que o governo do PT foi positivo foi na universidade. O período anterior era de 'vacas magras' em investimento, tanto em ensino, quanto pesquisa. Porém… sim, o PT, em nome da tal governabilidade, tem traído muito as bandeiras que os colocaram 'Lula lá'. Inaceitável =(

Responder

Lincoln em 16/06/2013 - 12h48 comentou:

"(…) quando poderíamos pensar que a direita ficaria feliz com o PT no poder, e a esquerda, contrariada?" é uma síntese excelente de um sentimento que há muito tempo surge nas nossas conversas, de gente que viveu o tempo da construção dos sindicatos, da CUT e do PT e que se decepciona também com o abandono de pelo duas outras bandeiras fundamentais: uma, o desenvolvimento ambientalmente sustentável (desculpe o pleonasmo) em nome da aceleração do crescimento que no primeiro momento beneficia, de novo, o grande capital e outra, o relacionamento do governo com as organizações da sociedade civil, hoje em crise e também ausentes das manifestações.

Responder

Tiburinho cioran em 16/06/2013 - 13h29 comentou:

A Cynara é linda,culta, ética e divertida! Queria ser irmão dela!

Responder

Antonio José em 16/06/2013 - 14h00 comentou:

Um barco sem piloto é um desgoverno. Governo que outrora fez greve e articulou pesado em movimento político, tanto levantou a bandeira da ordem, decência e vias pacíficas, perdeu sua verdadeira identidade. Virou a costa aos direitos trabalhistas. Não tolera greve e não sabe negociar. Rasga a constituição e não cumpre leis, como diz. No entanto, da forma como esta, não passa credibilidade com a sua política de partido e propaganda. Pois, o povo esta mais politizado e a ideologia da consciência ingênua e migalhas estão mostrando, que não estão sendo satisfatórias.
É ridículo pagar IRPF em alíquotas de mais de 20% sem ter retorno adequado, vendo um SUS falido e o dinheiro público sendo desviado, enclusive pela própria Administração Pública e Parlamento. O povo esta ficando sufocado com a inflação e perda do poder aquisitivo.
O povo quando se manifesta e chega a ir as ruas é porque algo não está entoando. É o limite do tolerável.
Pagamos muito em Impostos, taxas e contribuições de melhorias e não podemos ficar a mercê de Gestores irresponsáveis. Exemplo: 12 elefantes brancos para 2014. E depois?
Para dar reajuste não tem dinheiro por causa do orçamento. Mas como pode perdoar 12 Países Africanos. Então, não vai fazer falta. E por ai vai …

Responder

Observador em 16/06/2013 - 14h24 comentou:

Essa onda de violência contra Lula vem de jornalistas que extrapolaram o limite do jornalismo e fazem ataques pessoais as pessoas. Hoje se ouve o Jabor dizer verdadeiras agressões ao PT a Lula e a Presidente DIlma e não é só ele o Marco Antônio Villa, também é outro que prega a desconstrução de biografias em detrimento ao jornalismo.

Responder

Luis Lima em 16/06/2013 - 14h30 comentou:

Vai ter uma versão PC do B ? Ou não quer se indispor com honestíssimo amigo Orlando Silva.

Responder

    morenasol em 16/06/2013 - 14h51 comentou:

    pra mim o PCdoB e o PT são iguais, não tem diferença. o PCdoB há anos está a reboque do PT.

recguerra em 16/06/2013 - 14h32 comentou:

Tudo bom, Cynara?

Preparei um post sobre o caso das manifestações, concentrando várias referências sobre o que está em jogo de verdade no caso do vinagre: o direito de Manifestação, especialmente com a proximidade dos eventos internacionais. O Estado não pode prender ou coibir simplesmente por se fazer manifestações; se fizer isto estará retrocedendo à época medieval, onde o povo, se fizesse uma pergunta "sem jeito" para o Rei, ia para o calabouço, ou guilhotina ….

Ajude a divulgar!

Nem todos irão às ruas, mas todos podem mudar a maneira de pensar!!
http://cidadaoguerra.com/2013/06/15/nao-e-o-vinag

Responder

castro em 16/06/2013 - 15h17 comentou:

Ceder aos R$0,20, seria admitir que vocês estão certos, ESTANDO ERRADOS.

Responder

Marcos em 16/06/2013 - 15h50 comentou:

ISSO NADA TEM A VER COM PARTIDOS! Eu podia até dar valor ao texto, mas quando começou a falar como se tudo fosse culpa do PT, eu parei de ler. DE QUE PARTIDO É O ALCKMIN MESMO? SÃO TODOS INDIGNOS, TODOS CORRUPTOS, NENHUM PARTIDO APOIA O POVO. O NOSSO PARTIDO É O BRASIL, ESQUEÇAM ISSO DE PT OU QUALQUER OUTRA MERDA ESQUERDISTA OU DIREITISTA!

Responder

julio cesar em 16/06/2013 - 16h01 comentou:

dia após dia minha certeza aumenta. o pt nunca teve um projeto para o pais ou qualquer coisa que o valha.foi um amontoado de desejos de ordem pessoal de quem não teria condições de conquistar uma vida com luxo e mordomias lutando na iniciativa privada que uniu os hoje mensaleiros condenados e alguns outros que ainda estão impunes por ai.nosso presidente escutou algo ao tentar discursar para uma plateia que estava fora do controle dos subordinados.pode se enganar muitos por pouco tempo ,pode se enganar poucos por muito tempo ,mas não se pode enganar todos o tempo todo.

Responder

julio cesar em 16/06/2013 - 16h02 comentou:

sim,claro .tem de passar pela censurara

Responder

Vitor em 16/06/2013 - 16h36 comentou:

Parabéns! Após 10 anos vc descobriu que o PT é a mesma coisa que PSDB, PMDB, etc… Só se preocupam com o poder e o próprio umbigo!

Responder

José Ricardo Romero em 16/06/2013 - 19h23 comentou:

Calma que a coisa pode não ser bem assim. Claro que não consigo ler tudo o que se escreve aqui (e em outros blogs), mas não vi uma vez sequer alguém dizer que descer o cacete nos manifestantes faz bem ao Alckmin, faz bem ao PSDB. Os conservadores paulistanos (e paulistas também) querem ordem. O que a direita mais detesta e teme é o povo na rua. O cacife do Alckmin aumentou depois destas decisões truculentas da PM. Na cabeça da maioria dos eleitores, ricos, classe média e trabalhadores (sim, tem muito trabalhador que é de direita: pequenos comerciantes, feirantes, taxistas, empregadinhos do comércio, focas das redações, bancários que começam “lá de baixo”…. Aliás, são os mais radicais), o governo tem mesmo é que botar ordem na rua. Pau na cabeça desta molecada desordeira. Eles querem é levar sua vidinha miserável e sem sentido em paz. É cedo para tirarmos conclusão deste movimento e que quem hoje apoia pode se arrepender. A mim, o mau cheiro típico de ação sorrateira para desestabilizar governos outros que não sejam de direita está entupindo o meu nariz.

Responder

SILAS ARRUDA em 16/06/2013 - 19h54 comentou:

Conluindo,vamos votar no PSDB em 2014.

Responder

jonatasaparecido em 16/06/2013 - 21h00 comentou:

Corja de vândalos que agem de modo organizado. É isso o que escutamos de sujeitos como um ilustre médico, eleito pelo povo para governar o estado conhecido como “Locomotiva do Brasil”, escondido atrás de seu motorista, sobre as manifestações do Movimento Passe Livre. Como se não bastasse, assistimos aos mais variados episódios de violência durante as manifestações de São Paulo e do Rio de Janeiro. Não apenas à violência física, mas, sobretudo, à violência simbólica dos que desejam apagar nosso direito à voz. Lembremos a origem do termo violência: do latim violare (violação no sentido mais amplo que se possa imaginar).

Nessa direção, muitos indivíduos acomodados e, por que não dizer, amordaçados ideologicamente por uma mídia manipuladora defendem a irrelevância de meros vinte centavos que não trariam impactos à tão cultuada economia ou ao bolso do consumidor. É interessante lembrar, contudo, as semelhanças que essas manifestações têm com o movimento Ocupe Wall Street. Em seu célebre discurso de apoio àqueles jovens (que pode ser visualizado em: &lt ;http://www.sul21.com.br/jornal/2011/10/as-palavras-do-filosofo-zizek-aos-manifestantes-em-nova-york/>), o filósofo e sociólogo Slavoj Zizek contou a história de um homem que havia viajado à Sibéria e iria enviar notícias aos amigos sobre a situação no país. Mas, como não sabia se iria passar ou não por um sistema de censura, combinou que se a carta chegasse escrita em tinta azul as notícias seriam verdadeiras; se chegasse em tinta vermelha, falsas. Um mês depois de sua partida, os amigos receberam uma carta escrita em tinta azul relatando tudo o que havia de maravilhoso naquele local. Um local onde nada faltava. Porém, a única coisa que não tinham era tinta vermelha. Com esse irônico discurso, Zizek defende que os manifestantes de Wall Street nos fornecem exatamente essa tinta vermelha. Algo que poderíamos chamar de uma resistência contra a violência simbólica do Estado.

Pois bem, MPL! O que precisamos nos lembrar hoje é que mais que vinte centavos, a despeito de toda a violência simbólica, o movimento fornece a tinta vermelha para questões muito maiores! Não se trata apenas de se colocar contra o aumento de vinte centavos. Trata-se antes, e muito mais, da crítica a todos os abusos e incongruências de todo um sistema. Capitalista? Globalizado? Ditatorial? Independente de qualquer definição: autoritário. É um estranho cenário em que vemos um pseudoesquerdista PT (de Haddad) de mãos dadas ao direitista PSDB (de Alckmin), coadunados em um sistema que prega interesses alheios aos da sociedade.

Contra o apagamento de nossas vozes, esse movimento impõe a força do grito daqueles que não assistem passivamente aos desmandos de um sistema. Muitos dizem que o movimento não trará resultados na diminuição da passagem. Mas um movimento não se faz meramente de resultados pragmáticos. A partir de agora qualquer decisão abusiva de empresários ou governantes precisará ter todos os receios possíveis frente à voz de uma união que não se cala. Já nos anos 1960, o cineasta e ativista político Pier Paolo Pasolini defendia que o sistema de alienação política era pior que o Nazifascismo. Embora tal afirmação possa parecer forte, ela se fundamenta no fato de que tal sistema fazia com que nós próprios negássemos um direito conquistado após séculos de luta contra poderes despóticos: o direito à voz. E é contra essa imposição do autoamordaçamento que protestamos nas ruas, nas faixas, nos blogs, no Facebook. Contra os vinte centavos sim, pois ele é mais uma das pontas desse enorme e gélido iceberg. Mas o fato de mostrarmos que ainda temos voz e que ela é capaz de se insurgir contra todo o lixo que nos tem sido imposto por governos, empresas, mídia, comércio, megaeventos da Copa e das Olimpíadas é o maior ganho que poderíamos ter. Vozes que se unem, vozes que esbravejam, vozes que cantam, vozes que citam, vozes que recitam. Se estamos falando de toda essa estapafúrdia violência simbólica, esse movimento não faz frente unicamente à barreira que se impõe contra a mobilidade urbana: ele faz frente contra tudo o que serve como barreira diante de uma jornada maior, que envolve caminhos e fins muito mais complexos. Resultados? Não queremos um ponto de chegada único, queremos poder enxergar com clareza todos os possíveis caminhos que podem se abrir em nosso horizonte.

Esse não é o grito de gargantas solitárias, mas de corações que batem unidos.

Responder

    Germano em 17/06/2013 - 22h12 comentou:

    genial

    Isabela em 18/06/2013 - 01h39 comentou:

    Maravilhoso esse texto! Descreveu com toda a propriedade o que é o movimento e do que precisamos agora. Inspiradíssimo!

Marco em 16/06/2013 - 21h45 comentou:

Pára com isso! Que esquerda que nada! Isso não existe mais! A luta é do povo, não da "esquerda".

Responder

damastor dagobé em 16/06/2013 - 21h55 comentou:

sobre os manifestantes a direita (veja, o globo, folha) diz que são de esquerda e manda a policia descer a borracha; a esquerda diz que eles são de direita e querem deter a felicidade do povo que obviamente está sendo promovida pelo atual governo..enfim isso so significa uma coisa; se direita e esquerda estão contra é pq o pessoal está no caminho certo; avante baderneiros e baderneiras, nada nos segura…

Responder

    Germano em 17/06/2013 - 22h13 comentou:

    os modelos binários não tão servindo mais: direita x esquerda, capital x trab alho, rico x pobre. Ih! Precisamos novos modelos

Wagner Brito em 16/06/2013 - 23h04 comentou:

É uma pena ver que o PT resolveu adotar estratégias tão erradas para se manter no poder. É uma pena mesmo.

Responder

carlos saraiva em 16/06/2013 - 23h32 comentou:

"A Direita está satisfeita com o PT/Governo". " A Esquerda está contra". Pergunto. Qual direita e qual esquerda? "A Esquerda, apoiou Dilma em 2010". Qual esquerda? Estas singelas perguntas, me parecem importantes. Pois quem afirma e denomina, é de esquerda? E continuo, meus questionamentos, e vejo que o PSDB, DEM, PPS( ou o que o substitui), os banqueiros, os ruralistas, a mídia golpista, fazem uma campanha ferrenha, contra o PT/Governo. Estes são representantes da Esquerda? Qual esquerda apoiou Dilma? O PSOL, PSTU, e a maioria dos "intelectuais de esquerda", fizeram campanha, contra o PTe o Governo. Um "intelectual do PSOL", chegou à pregar voto contra o PT. O PT, não abandonou, nada e está favorável aos movimentos, veja a participação dos petistas(repudiada, pelos "esquerdistas), a nota das instâncias partidárias. As declarações do Haddad, chamando para uma conversa. Precisamos, enquanto esquerda, fazer uma bela auto crítica. O governo e o PT, precisa fazer sua auto crítica, sim. Mas sejamos honestos politica e ideológicamente. Lutar, não entre nós e sim contra a direita.

Responder

jorge em 16/06/2013 - 23h34 comentou:

fora petralhas. cadeia para os condenados no caso mensalão. fora lula. fora dilma.

Responder

milton em 16/06/2013 - 23h37 comentou:

Sou nordestino, de Aracaju, PTISTA, FÃ DO LULA. Não consigo entender esse blog que se diz de esquerda com tais comentários, penso até que é a debita da volta do FHC, como citou várias vezes a nome do GRANDE INTELECTUAL que recebeu várias homenagens que esta fazendo politica ate hoje como o LULA( (((saiba que falei ironicamente ) …haha só rindo mesmo infeliz postagem sua. NÃO SOU CEGO, não morro de amores pelo LULA, por exemplonao concordo com as alianças que foram feitas COMO POR EXEMPLO COM O maluf. Esse país ESSE POVO AINDA QUE NAO RECONHECE O GOVERNO DO PT, SO VAI SENTIR ESSA DIFERENÇA DAQUI HÁ UNS 10 ANOS… Enxerga tal feito e tais realizações que vem sendo feitas POR DILMA, com toda a imprensa direitista como a globosta, veja, folha, estadao de minas…enxerga isso é dificil…mas o pobre reconhece.

Responder

Eric Paiva em 17/06/2013 - 00h40 comentou:

Infelismente senhorita Cynara o seu desconhecimento sobre o setor rural é a desgraça de muitos urbanóides
que todos os dias acordam e tomam : café , leite, pão frances (trigo), ovos , frutas etc ; no almoço comem ver-
duras , arroz , feijão ,carne bovina , carne de frango , suina , peixes etc ; no entanto essa esquerda que não produz nada e só consome aproveitam problemas urbanos como o do transporte público vindo colocar o setor
rural no meio , você devia nos agradecer todos os dias por esta consumindo alimento de qualidade , foi o único setor da economia que vem apresentando resultado positivo nestes anos de crise . Portanto quando se dirigir sem conhecimento a uma classe de trabalhadores rurais que acordam na madrugada para encilhar o seu cavalo para buscar suas vacas para tirar o leite que você consome pelo menos informe-se sobre o que é o setor rural . Eric Bernardes de Paiva – Zootecnista / Pecuarista

Responder

Fabiano em 17/06/2013 - 00h49 comentou:

Pois é, concordo com tudo, mas será que essa insatisfação toda não acaba elegendo o Aócio?

Responder

Paulo Silveira em 17/06/2013 - 01h41 comentou:

"A direita anda de SUV". Deve ser por isso que alguns estados e cidades são governadas pela direita, pois ela consegue 50% dos votos facil, só com esse pessoal que anda de SUV. Genia.

Responder

Rafael alves em 17/06/2013 - 01h48 comentou:

Ótimo texto, segunda nos vemos la.

Responder

Thiago Peçanha em 17/06/2013 - 02h36 comentou:

Texto fraco, parcial e tendencioso. Não falou nada com nada. No atual momento, não tem que se discutir "direita" e "esquerda", tem que se buscar solução para os problemas comuns a todos. Lembrando que só estamos na atual situação exatamente pelos governantes pensarem desta forma. De extrema infelicidade essas declarações, pois não condizem com o que tá acontecendo.

Responder

Anonymous em 17/06/2013 - 02h41 comentou:

Sua defesa da esquerda só mostra o quanto você está não está comprometida com o povo.

Dane-se a esquerda. Dane-se a direita. O movimento de hoje não é representado por partidos políticos corrompidos. O povo se manifesta contra a violência. Contra o aumento do custo de vida. A favor de pobres. A favor de todos. Sindicatos obtusos e outras organizações escusas não nos representam. Ninguém nos representa. Todos nos representam.

Responder

Paulo Luiz Martins em 17/06/2013 - 03h01 comentou:

Perfeitamente impecável. Resumiu todo o sentimento de uma geração que construiu o PT a duras penas e se decepcionou com os rumos do partido. No PT existiam os núcleos de base, onde se pretendia estabelecer democraticamente, a participação e conscientização política. Isso foi aos poucos sendo jogado na lata de lixo e as lideranças sindicais principalmente, dirigentes dos movimentos foram se transformando em burocráticas "lideranças políticas" e ai, todos sabemos, grassou a corrução. Se elegeram prefeitos, enriqueceram, se tornaram proprietários, fazendeiros, etc. Estão aí os fatos e as consequências. O PT dissociou-se das verdadeiras bases.

Responder

Ebenezer Andrade em 17/06/2013 - 05h06 comentou:

É pura verdade. Nas reuniões do PT hoje, só se debate: governabilidade, as eleições de dois em dois anos, a politíca de aliança e as interminavéis querelas internas onde todos os gupos falam em aproximar o PT dos movimentos sociais e entra e sai eleição interna e nada. Álias, a cada dia se distancia. Alguns no PT têm que entender que a politíca institucional é importante, mas a do dia a dia das lutas sociais também são. Se o PT continuar nessa linha vai acabar ficando sozinho. Muitas pessoas que vêm participando dos atuais protestos votaram nos candidatos do PT e nem por isso são obrigados a enterrar a cabeça igual a um avestruz fingindo que não estivesse acontecendo nada. Uns dizem? esses movimentos é pra desestabilizar o PT nos municípios, é um movimento de radicais extremistas é uma minoria revoltada que está fazendo o jogo da direita. Só que esquecem de um detalhe: o movimento e os protesto tem o apoio da maioria da população. Pois, o atual modelo de transporte público não atende os anseios da populaçao. Os ônibus só andam lotados, é caro, demora muito e sem falar no caos do trânsito. Justificativas têm de sobra para protestar. Antes quem estaria na frente destes protestos era os movimentos sociais históricos CUT, UNE e UBES vários militantes de esquerda. Álias cadê eles? Estão todos dominados? Enrolaram a bandeira e foram para salas refrigeradas e se cansaram da luta? Mexam os trasseiros e vamos pra luta! Conquistamos avanços importantes nos governos Lula=Dilma, mas é preciso avançar muito mais na melhoria de vida dos brasileiros. Passeata em João Pesoa, dia 20 concentração 16hs, em frente ao Lyceu paraibano

Responder

Silvio Melgarejo em 17/06/2013 - 10h57 comentou:

De um total de 513 deputados federais, o PT tem 89 (17,3%). De um total de 81 senadores, o PT tem 12 (14,8%). É essa a força do PT no Congresso. E em política não se faz milagre. Prá conseguir a diminuição da pobreza, da desigualdade social e étnica – que não é pouca coisa -, o PT teve que fazer alianças e concessões. Não abandonou bandeira nenhuma, isso é uma bobagem. O que faltou não foi vontade, foi força política no parlamento e na sociedade para transformar em realidade, no governo aquelas bandeiras de luta. A esquerda no país é minoria, a sociedade é majoritariamente conservadora, despolitizada e desorganizada.

"Os homens fazem sua própria história, mas não a fazem como querem; não a fazem sob circunstâncias de sua escolha e sim sob aquelas com que se defrontam diretamente, legadas e transmitidas pelo passado", dizia Marx em seu 18 Brumário.

E Lénin, em seu "Esquerdismo: a doença infantil do comunismo", assevera: "O bolchevismo fez sua e continuou a luta contra o partido que mais fielmente representava as tendências do revolucionarismo pequeno-burguês (isto é, o partido dos 'socialistas revolucionários') em três pontos principais. Em primeiro lugar, esse partido, que repudiava o marxismo, obstinava-se em não querer compreender (talvez fosse mais justo dizer que não podia. compreender) a necessidade de levar em conta, com estrita objetividade, as forças de classe e suas relações mútuas antes de empreender qualquer ação política".

O PT não escolheu as condições em teria que fazer o seu governo. A correlação de forças lhe favorece para realizar algumas coisas, outras, não. O que o PT deveria fazer? Ignorar que é minoria e que não tem força para fazer tudo o que quer?

Responder

Fábio em 17/06/2013 - 12h59 comentou:

Afirmar que tais protestos são oriundos da esquerda é, no mínimo, uma bobagem muito grande! Nos tempos atuais, já não existe mais esquerda ou direita quando diz respeito às manifestações populares contra aumentos, violência e ausência do poder público na solução dos problemas mais básicos do nosso povo.

Responder

Milton Groppo em 17/06/2013 - 13h48 comentou:

Ainda está nessa de esquerda e direita? meu Deus! O protesto pode até ser usado pelas "esquerdas" pra se promoverem, mas é maior, muito maior do que esta cabecinha pequena e dinossáurica. A questão é honestidade e respeito ao povo. E só. Eu adoraria usar transporte público na minha cidade, mas NÃO DÁ, pois é de péssima qualidade, e até tenho de usar o meu carro. E aí, sou de direita? Faça-me o favor!!

Responder

zuzé em 17/06/2013 - 15h35 comentou:

Obrigado por exprimir tão bem em palavras os meus sentimentos.

Responder

paulo leal em 17/06/2013 - 16h06 comentou:

parabéns, é tudo. militei sem ser ligado de carteira ao pt e tenho certeza que as minhas bandeiras estavam representadas pelo verdadeiro PT e não esta mediocridade dos conchavos, dirceus da vida, toma lá da cá.

Responder

Edison Carvalho em 17/06/2013 - 16h32 comentou:

Medrando diante do possível julgamento da Mídia Tapúia………, nessa o Partido se emasculou………!!!!!!

Responder

Thiago Alves em 17/06/2013 - 16h51 comentou:

vamos lutar pelos nossos direitos por pais melhor nos somos uma grande familIA estou do lado de vcs !!

Responder

Bacellar em 17/06/2013 - 17h13 comentou:

Quem planta vento colhe Aecio Neves 2014. Nao sou petista mas a diminuicao consistente da miseria precisa continuar a todo o custo. Revolucao de facebook nao eh revolucao eh manipulacao de massa. So vai pra frente em paises subdesenvolvidos, a Otan nao bombardeou NY em apoio a molecada do Ocupa Rua do Muro. Onde estava a revolta na campanha de exterminio promovida pela PM paulistana ano passado?

Muita calma nessa hora.

Responder

Germano em 17/06/2013 - 17h13 comentou:

O PT nos traiu (segundo artigo acima), a esquerda enfraqueceu.
A direita, fraca, desarticulada, só contando seus níqueis no banco. Tb se vende para qqer um
a oposição moderada gemendo e reclmando pelos cantos, baixinho diga-se.
Os inaques colonizadores estão mais é tentado resolver os problemas deles e atrair mais génte prá Disney. No meio disso tudo…….
Vem aí o fundamentalismo religioso gente! Preparem-se!!!

Responder

Fábio em 17/06/2013 - 17h13 comentou:

Li o seu texto e acho sinceramente que tem alguma coerência, mas vamos ao que interessa. A manifestação já deixou a muito tempo de ser um movimento de esquerda, a direita se apropriou, Globo, Arnaldo Jabor, Folha de São Paulo todos mudaram de opinião e apoiam o movimento. Os R$ 0,20 centavos foram esquecidos, agora o que se ouve é vamos acabar com a corrupção, com os mensaleiros, os gastos da copa, ou seja, bandeiras da direita para atacar o governo do PT, que pode não ser de esquerda, mas certamente não é de direita com o do PSDB.
O que me parece sinceramente é que o protesto começou de forma coerente mas perdeu o rumo, perdeu a liderança, e se bobear o ato da "esquerda" vai acabar colocando novamente a verdadeira direita pra governar o país.
Não se iludam, PSTU, PSOL podem até parecer partidos mais a esquerda, mas não tem nenhuma condição de governar o país hoje, em 2 minutos seriam massacrados pela mídia e pelos setores conservadores.
Mudar sim, mas mudanças conscientes, ajudar a direita a derrubar o governo que eles não conseguem a mais de 10 anos nas urnas é burrice.

Responder

José! em 17/06/2013 - 18h14 comentou:

Achei EXAGERADO o Texto. Mais parece um Texto da oposição se esforçando para neutralizar todas as conquistas obtidas através do PT, que não mudaria jamais a estrutura completa do país em apenas 10 anos. Ao invés de só culpar o PT, porque não culpar a população que entregou o partido nas mais do Congresso? Nas mãos do PMDB ? A bandeiras antigas não foram jogadas foram e sim não foram implantadas de maneira mais contundente. A Educação recebeu muitos investimentos , ou esqueceram do ENEM, Prouni ,cotas, das dezenas de universidade e cursos técnicos? Esqueceram do 40 bilhões que a oposição roubou da saúde? Acho que os movimentos atuais devem apoiar o PT a seguir uma caminho que se distanciou graças a estrutura política brasileira, e não a falta de ética nem covardia do PT. E para que isso não continue o PT precisa desse respaldo da população , senão iremos fazer o jogo que a oposição deseja , que é enfraquecer a esquerda dividido-a e assim aplicar o Golpe do Paraguai aqui.

Responder

Arnaldo Araujo Dias em 17/06/2013 - 18h22 comentou:

Eu há bastante tempo venho pensando até quando a população deste país aguentaria calada presenciando a tantos acontecimentos absurdos,porém, não acho que só protestar seja a solução para tantas mazelas existentes no BRASIL. O caso do governo Dilma é para ser pensado profundamente e acho que seria uma oportunidade a população traçar objetivos e ser colocar ao lado da presidenta para resolver, pois muitos não tem consciência do ela tem enfrentado a frente do governo com um legislativo corroído e cheio de chantagistas que não deveriam estar lá. Pessoas conscientes poderiam levantar bandeiras e exigir da presidenta a busca das soluções se colocando ao seu lado para enfrentar o legislativo que trava tudo o que não for para o bem dos interesses próprios e isso vem acontecendo há muito tempo e a população não percebeu ainda que partidos como o PMDB são fortes e só defendem o que lhes interessa e DILMA é refém deste sistema sendo obrigada a ceder sempre ou o país trava, pois as casas legislativas e o judiciário travam tudo o que vai contra os interesses de poderosos.
Enquanto não entenderem que o problema está no sistema e não na pessoa ou partido nada se resolverá.

Responder

Abdel Al Hassan em 17/06/2013 - 18h36 comentou:

O PT como ninguém imaginava, nem as mais célebres mentesanalíticas e críticas do páís, tinha um projeto de poder – conquista, manutenção, perpetuação – que em sua estrutura impede qualquer vinculação com seu passado pseudo-revolucionário e simplesmente o contextualiza como apenas um partido de pessoas movidas pelo desejo intenso de conquistar a supremacia política e se beneficiar dele.

Responder

palo em 17/06/2013 - 18h57 comentou:

eu jamais na minha vida imagineimver Lula defender FernandomCollor e beijar Maluf…hj sou do partido FORA PT

Responder

Elvira em 17/06/2013 - 19h02 comentou:

Não querendo defender o PT, mas algumas coisas são mais complicadas…. Veja o caso dos ruralistas, por exemplo…
Enquanto o Brasil cresceu 0,6%, a agropecuária cresceu 10,9% no último trimestre…
A realidade é que o agronegócio sustenta o país….
Sobre as passagens, a resposta também não é fácil… Será que a prefeitura tem que comprometer milhões com subsídios ? O Haddad está entre a cruz e a espada…. Para o Alckmin a situação também não é boa, mas o fato é que o Alckmin tem base eleitoral interiorana e o dano será menor…

Responder

    ted tarantula em 17/06/2013 - 19h48 comentou:

    Elvira do Ipiranga as margens plácidas..de um povo heroico..etc…etc..etc

fernanda em 17/06/2013 - 19h12 comentou:

Nossa, um artigo desses há um mês seria coisa de neguinho à direita de Genghis Khan

Responder

Fernanda em 17/06/2013 - 19h14 comentou:

Esta enquete é engraçadíssima para quem compra água perrier no pão de açucar no plano piloto! rs.

Responder

Renato Nunes em 17/06/2013 - 19h18 comentou:

Prezada socialista morena,

Se o PT abandonou as bandeiras de esquerda, temos um governo de direita? Ou ainda, como é possível chamar de reacionário alguém que critica um governo de um partido que abandonou tais bandeiras??? Não estou entendendo mais nada, vcs se embaralham com as próprias palavras, eu hein…. Gente esquisita.

Responder

Marcel em 17/06/2013 - 20h52 comentou:

Ahhh vá falar que é protesto de esquerda???? Qual é a esquerda hoje??? Dilma tirando foto com o Marin? Aldo Rebelo falando que irá reprimir a onda de protesto para não atrapalhar a copa??? Há anos não temos mais esquerda ou direita, tudo foi para o lixo… quem chega ao poder, deseja somente mais poder!!!

Responder

Guilherme em 17/06/2013 - 21h22 comentou:

a população apoiou apesar da esquerda… e a população está cada vez mais contra qualquer partido político e grupos que defendem ideologias mas que só aparecem quando existe interesses políticos.

Responder

João Mello em 17/06/2013 - 21h27 comentou:

Cuidado Morena. A direita está arrependida. Ao invés de criticar os protestos, eles descobriram que é mais inteligente interpretá-los como uma revolta contra a imoralidade do governo do PT. O Arnaldo Jabor, que soltou os "20 centavos" na televisão, agora já está se redimindo e dizendo que o protesto é muito mais profundo do que isso.

Responder

Germano em 17/06/2013 - 22h11 comentou:

Os manifestantes são de direita? De esquerda? Ricos? Pobres? ´São contra o PT ou contra o PSDB? E daí???? Por que desqualificar? , é uma manifestão democrática e legítima e, neste segundo, MUITO expressiva. Demoramos séculos para conquistar isso. Bravo galera! os frustradinhos que engulam, democracia é isso

Responder

ViniPoaRS1 em 17/06/2013 - 22h37 comentou:

Acho que é o abandono das bandeiras dos governantes do PT. A militância continua com as mesmas bandeiras, ligadas a esses mesmos movimentos sociais abandonados pelos governantes. E, no que se refere aos últimos protestos, a Juventude do PT esteve e está presente em todos eles.

Responder

Artur Marciano em 17/06/2013 - 23h04 comentou:

Lamentavelmente, o artigo corresponde, em sua grande parte, à realidade. O PT assumiu a mais elementar definição de transformismo político.
Pois bem, a diminuição da pobreza, na realidade, não é bem a bandeira histórica defendida pelo partido, pois atrela-se à lógica financista neoliberal de FHC sob a seguinte premissa: 'Miserável não se endivida'. Dessa maneira, necessita-se dar renda ao miserável, fazê-lo ser 'nova classe média' e, posteriormente, mais um escravo do crediário. Ora, essa política claramente alimenta, no final das contas, o sistema financeiro.
Outra bandeira que o partido abandonou foi a defesa do serviço público. Em 2012, o Governo Federal atacou ferozmente os servidores e, inclusive, a própria organização dos servidores, isto é, a CUT, central sindical que abriga a maioria das categorias de trabalhadores do Estado. Lembro, ademais, o envio de projetos de lei ao Congresso Nacional para proibir greve no serviço público e congelar salários dos servidores por 10 anos Atacou o serviço público, também, mediante ampliação massiva de cargos comissionados em detrimento do concurso público.
Mais uma. O partido abandonou o combate ao pagamento das dívidas e é o maior opositor da proposta de auditoria das dívidas interna e externa. Hoje, sob o governo do PT, metade do PIB é destinado ao sistema financeiro, por meio de religiosos pagamentos de juros de rolagem das dívidas.
Mais outra. A democratização dos meios de comunicação foi trocada por derrames de dinheiro público na grande mídia (Organizações Globo e Abril, por exemplo).
Infelizmente a história repetiu-se: Primeiro como tragédia (FHC). Depois, como farsa (PT).

Responder

mineiro em 17/06/2013 - 23h20 comentou:

parabens pelo texto corajoso e verdadeiro e esse texto diz tudo o que esta entalado na nossa garganta. é isso mesmo que voce diz, o pt é partido mais asqueros do brasil , cuspiu na bandeira que defendia. e sobre essa sujeita que ta governando o brasil , os partidos que tem vergonha na cara pde começar a pensar em outro candidato porque essa morta viva , a fhc de saias para a proxima eleiçao pode correr o risco de vazar do poder , ela foi cumplice e traiou mesmo a nos todos junto com esse partido miseravel , ela ajudou a direita e os poderosos e desceu o cacete nos movimentos sociais. e o povo ta começando a mostrar a cara , mas eu so espero que essas manifestaçoes nao sirva para ajudar a direita golpista , so espero isso. e é exatamente sobre isso o nosso dilema , se nao votarmos nessa traidora dessa pres. em quem vamos votar . porque é ela ou os demonios tucanos , apesar asquerosa nao ta muito diferente deles . mas é de longe muito melhor do que essa corja . apesar que eu nao vota para ninguem mais.

Responder

Aparecido em 17/06/2013 - 23h23 comentou:

Apesar das manifestações, ainda não tivemos melhor Governo do que Lula e Dilma. O governo do PT fez o Estado voltar a atuar como importante investidor da economia, todas as cidades do Brasil estão crescendo, praticamente, não faltam empregos… Entretanto, temos que exigir muito mais… A vaia e o aplauso são dois momentos de reação do ser humano…Por isso mesmo, o povo tem o direito de se indignar e de revelar as mazelas que giram em torno da Copa…
Os Governos Estaduais, Municipais e Federais, assim como os políticos, precisam sim de críticas para corrigirem as suas ações. Temos que lutar para que os serviços públicos reflitam o tanto que pagamos em impostos, pois hoje milhares de pessoas ficam jogados como lixo em hospitais públicos, a educação está péssima (O Livro Didático Público é reutilizado pelos alunos das Escolas públicas, durante três anos), estamos nas mãos dos criminosos e a infra-estrutura do país está um caos, certamente é o reflexo do desvio do dinheiro que acontece nos municípios, das obras públicas superfaturadas, etc… Ser patriota não é defender os corruptos e sim a população que paga impostos e está esquecida pelos governos… Somos sumariamente roubados por alguns políticos, nos municípios onde vivemos…nas nossas caras…
Na abertura do jogo, o Presidente da FIFA, se achou no direito de suprimir, de forma constrangedora, a fala da Presidente Dilma ao dar “uma bronca” na torcida que estava no estádio. A grande questão é que não se pode permitir a supressão da democracia, que foi duramente conquistada com o sacrifício de muitas vidas… Não se pode querer impedir, pelo uso da força policial, que as pessoas se manifestem livremente contra os absurdos jurídicos, sociais e econômicos gerados pelo advento da Copa no Brasil. O que se passou antes do jogo em Brasília, a repressão dos policiais aos manifestantes, constituiu grave atentado ao Estado Democrático de Direito, pois a Constituição consagra, expressamente as mobilizações sociais pacíficas, pois assegura a liberdade de expressão e traz como preceito fundamental a preservação da dignidade humana. Aparecido Do Nascimento Olinto

Responder

    malvina cruela em 18/06/2013 - 10h16 comentou:

    o que vc está descrevendo como as maravilhas do governo petista é só mais uma versão da piada do inferno brasileiro..o cara que traz a merda que todos devem comer costuma matar serviço, o que acende a caldeira que esquenta o rabo do pessoal esquece do serviço…e por aí vai

Francisco Lemos em 17/06/2013 - 23h55 comentou:

Qual esquerda ? a que eu conheço anda de Land Rover, automovel chapa branca c/chofer, devemos esquecer este papo furado de esquerda/direita o povo quer é oportunidades iguais ( educação e saúde de qualidade) e poder fazer, construir o seu futuro. Infelizmente aqui não existe partidos politicos o que existe são agremiações interessadas única e exclusivamente em seus projetos de poder e em beneficios de seus associados.

Responder

Romario em 18/06/2013 - 01h05 comentou:

Estão doidos a DIREITA que está nesse protesto, podem ver pela classe social dos manifestantes, eu não sou contra as manifestações, mas começaram somente contra a aliança PT + PMDB, e agora se generalizou…. Quero que o PT se lasque!! Mas devemos protestar também contra o governo tucano nos estados do BRASIL!!!

Responder

Milton Cardoso Rosa em 18/06/2013 - 02h17 comentou:

Isso é centavos???

Se for centavos
Então avante.
E acordem
O gigante.

Resgatem
Dos fariseus.
O meu Brasil
Que se perdeu.

Nas entranhas
Afanado.
Que recuperemos
O usurpado.

Escancarado
O seu destino.
Ao contorcer
Dos intestinos.

Antes
Que seja tarde.
Fechem a fábrica
De miseráveis.

Autor: Milton Cardoso Rosa

Responder

walas em 18/06/2013 - 03h49 comentou:

Nossa,parece que eu entrei numa máquina do tempo e fui parar na década de 50/60,com esse discurso simplório e maniqueísta direita x esquerda.Esses 0.20 centavos foram só o estopim para todas as revoltas reprimidas: educação, saúde,transporte,segurança,corrupção,que tanto no governo FHC quanto PT foram deixados de lado.

Responder

Ed Junior em 18/06/2013 - 03h53 comentou:

Ou o Governo Petista acelera, de verdade, ou se comprometerá talvez de forma irreversível ao menos a curto prazo. Pela primeira vez em 12 anos vejo, de fato, o governo questionado legitimamente em prol de mais mudanças e menos acomodação. Em décadas pela primeira vez vemos bases sociais fora do PT se levantando sem sua influencia. Algo em termos históricos simplesmente espetacular de se compreender. E que é fantástico em todos os aspectos políticos pois abre espaço para a necessidade de luta e participação como formas de se fazer politica. Sim, pois isso tudo é A POLITICA tão demonizada se manifestando de novo e sempre querendo incentivar romances e revolução. Cabe ao governo corrigir seus rumos e lembrar por que está lá: equilíbrio e negociação, que defendo, dependendo do que estiver em jogo, não podem cair em equilibrismo vazio e sem substancia. Se é pra se mudar que se mude de verdade. Pensou que o que vinha fazendo era suficiente e podia enrolar. Não é bem assim… Ao que já foi feito, que já foi muito, deve se acrescentar muito mais. A mobilização só ajuda ao Governo se o PT souber aprender com ela e respeita-la.

Pra frente é q se anda e em dias assim a História está assim "assanhadinha" querendo parir coisas novas rs. Claro que todos querem se aproveitar e embucha-la, quem não ia querer: e o PT deve querer faze-lo, assim como todos os movimentos, e se aproveitar pro PT, ou pra quem quer mudanças mais rápidas, só tem uma definição – pisar no acelerador e deixar oportunistas e fisiologias pra trás ou ao menos mudar a correlação de forças: barrar a presença do Marin na COPA, novos nomes da organização do COI e COPA, além de corruptos são ineptos, enfrentar os latifundiários-modernizantes-fascistoides; federalização já da educação retirando de prefeitos e governadores inaptos e comprometidos o desenvolvimento do país; não precisa baixar a passagem, seria bom, mas como é mais difícil – o essencial é incentivar o transporte publico de verdade, contra os interesses particulares da industria do diesel automóveis etc; menos violência policial e mais democratização da policia e mais investigação e inteligencia no combate as drogas e crime organizado.

Ao que já foi feito é preciso fazer muito mais, é a lição que, espero, o PT aprenda e realize. Pois senão ele, enquanto governo, quem mais? As mobilizações são uma benção não um problema. Elas não pedem a volta ao passado e sim mais passos rumos a um futuro de mais desconcentração de renda e menos desigualdades sociais.

Por isso quanto aos movimentos sociais que venham mais, que venham todos, ainda é pouco…

Responder

fabio em 18/06/2013 - 04h26 comentou:

o rei esta nu , precisamos de renovacao quem se habilita,
fazer politica de verdade..

Responder

Rafa em 18/06/2013 - 04h46 comentou:

O que estamos vivendo hoje no Brasil é o fim de um partido que enganou a grande maioria do povo deste País durante os quase 11 anos que se mantém no poder. Os princípios que nortearam a criação do partido e se tornaram a grande esperança de todas as pessoas de bem que aderiram a bandeira vermelha, não só como um símbolo contrário a ditadura, mas com a esperança do surgimento de um novo País, foram abandonados, ficando apenas um discurso de uma esquerda velha e ultrapassada. O sonho de um País mais justo, menos corrupto, mais educado, com mais saúde, foi se resumindo no BOLSA FAMÌLIA, usado não mais como instrumento de promoção social, mas sim como um mecanismo de submissão dos menos favorecidos.
Esqueceram de tudo e de todos, governam com um único objetivo, a manutenção do poder a todo custo. Não se envergonham de mais nada. Aprenderam rapidinho com os seus novos aliados (Sarney, Maluf, Roriz, Renan e outros tantos que execravam até a pouco tempo) que bastaria dar ao POVÂO a famosa dieta: PÃO e CIRCO, que tudo se resolveria.
Acontece que a tal da classe média instruída, a grande responsável pela chegada do PT ao poder, cansou e resolveu dar um basta a todo esse lixo que se transformou a política brasileira comandada por esse partido, que hoje não representa mas nada, além dos interesses dos grupos que formam sua elite dirigente.
Qual a consequência exata disso tudo é difícil de imaginar, mas uma coisa é certa. O PT não mais representa o instrumento de promoção da mudança de um País arcaico para um outro, moderno, justo e democrático.

Responder

Horridus Bendegó em 18/06/2013 - 09h44 comentou:

Ou seja, como partido político ator da realidade social, o PT faliu.

Responder

julio cesar em 18/06/2013 - 10h16 comentou:

8 anos de propaganda e olha a herança maldita que surgiu. achava que a historia demoraria mais para colocar os pingos nos is ,mas vejo com satisfação o governo de lula começar a ser compreendido e colocado em seu devido lugar da historia,A LATA DE LIXO., quem sabe a prisão dos mensaleiros comece a acalmar o povo nas ruas.nunca antes na historia este pais ………

Responder

julio cesar em 18/06/2013 - 10h19 comentou:

a sim ,desculpe .havia me esquecido que antes de ser publicado meu comentário tem de passar pela censura.,senhores se preferirem posso mandar uma receita de bolo de fubá ,delicioso .

Responder

Mauro em 18/06/2013 - 10h20 comentou:

QUE PT, PT AONDE, PT FOI EM 2002 até 2008 DEPOIS DISSO QUEM COMANDOU O GOVERNO FOI O PMDB.

HOJE O PT NADA MAIS QUE O PMDB O SARNEY…

Responder

Jair Almansur em 18/06/2013 - 11h24 comentou:

Muitas verdades e algumas inverdades:
O PT e o Prefeito de São Paulo protestaram sim, e energicamente, contra a violência policial. e levou a PM e o Governador a recuarem, tendo cessado a violência nas manifestações seguintes.
A campanha "venham ser felizes na prostituição" é indefensável. Nem você é capaz de repetir a frase.
O PT assumiu a prefeitura há poucos meses e já inicia a maior revolução no transporte coletivo de São Paulo (a desoneração de tributos do setor é exemplo) É muito cedo para o público ver. É imperdoável que a jornalista ainda não tenha visto.
Concordo com os demais comentários.

Responder

Fabio em 18/06/2013 - 11h49 comentou:

Ate agora a passagem continua custando R$ 3,20 aqui em São Paulo faltando ônibus, vagão de metro e trem quebrado todo dia da CPTM, Apesar de toda a indignação , não podemos perder esta referencia.

Responder

Germano em 18/06/2013 - 11h50 comentou:

Como pode um governo ter tantos personagens importantes do seu partico condenados por delitos e não serem presos? E mais: serem considerados inocentes por seus pares e desqualificarem o julgamento? Considerarem ilegitimo? Isso é o fim vamos pra rua.
Como pode alguns petistas, que tanto valorizaram movimentos populares genuinos e espontaneos no passado – algo que sempre admirei – desqualificarem e criticarem este movimento, tentarem considera-lo perverso, ilegitimo?
Por isso, se não mudar, vai desmoronar de vez.

Responder

votolegal em 18/06/2013 - 12h26 comentou:

Lamentável… Dizer que violência e vandalismo é protesto democrático!!! Não vi trabalhadores, pobres nestas "manifestações"… Desestabilizar o país é interesse exclusivo da Eupropa e EUA!!! Abram o olho, pois estão usando vcs para quebrar o Brasil e assim eles voltarem crescer!!

Responder

    GGR em 19/06/2013 - 00h09 comentou:

    "Dizer que violência e vandalismo é protesto democrático!!! " R: uma minoria de malucos e inflitrados é que praticou vandalismo.
    "Não vi trabalhadores, pobres nestas "manifestações""… R: tem de tudo lá. E porque só "trabalhadores pobres" podem se manifestar. E por que os únicos insatisfeitos seriam os mais pobres? Aliás, segundo o mantegas, os pobres não existem mais pois viraram classe média.
    "Desestabilizar o país é interesse exclusivo da Eupropa e EUA!!!" R: kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Pensador em 18/06/2013 - 12h47 comentou:

Não entendo porque a esquerda deve ser por princípio contra os agricultores (ruralistas). A comida de qualidade e barata é bom para os pobres também, não só para os ricos.

Responder

    Germano em 19/06/2013 - 00h10 comentou:

    por que eles acham, por preconceito e falta de informação, que todo ruralista é um latifundiário perverso e do mal

ney orro em 18/06/2013 - 12h57 comentou:

Meu PT se distanciando de suas origens que nortearam o seu nsascimento

Responder

Paulo Cardoso em 18/06/2013 - 13h03 comentou:

O PT não abandonou nada, inocente militante, porque na verdade nunca se comprometeu de fato com as causas no texto relacionadas. É sempre mais do mesmo, um meio de chegar ao poder e, lá instalado, às favas com o discurso de campanha. Essa esquerda sem vergonha, com a qual você se decepcionou, gosta mesmo é de champagne, caviar e desvios de dinheiro público.

Responder

Marcelo em 18/06/2013 - 13h11 comentou:

Esse imbecil ainda está colocando em termos de direito esquerda, PT e bla bla bla.
A Insatisfação é geral, tanto da esquerda, quanto da direita, quanto do centro.
Quando temos uma corrupção como essa, TODOS os lados saem perdendo. É uma questão de governo x governados.

Responder

Paulo em 18/06/2013 - 13h44 comentou:

Nao vejo dessa forma, o que mais se ouvia dos manifestantes, era o bordão "sou contra tudo isso que está aí". Vazio de idéias, sem conteudo, fácil de ser manipulado (e será).

Responder

Fábio em 18/06/2013 - 13h54 comentou:

Acho que não hein…
Esse é um movimento CONTRA a esquerda.
Tando que bandeiras de PSOL e PSTU foram sumariamente vaiadas na manifestação.
Foi a esquerda que fudeo com esse país nos últimos anos.
Muita gente já não acredita mais neste discurso demagógico da esquerda, queremos desenvolvimento de verdade.

Responder

Luis dal Colleto em 18/06/2013 - 14h11 comentou:

Liebe Cynara, schreib doch mal!

Responder

GGR em 19/06/2013 - 01h09 comentou:

Escreve aí: depois da reunião com Lula e Dilma, Haddad vai reduzir o preço. Tentativa inútil de não perder a px eleição. Enquanto isso, o video abaixo é de encher os olhos dágua: "não, não tô indo pra Copa no Brasil" Dá o que pensar, gente: http://youtu.be/ZApBgNQgKPU

Responder

GGR em 19/06/2013 - 22h04 comentou:

Movimento sem líder? Claro que não, articulado demais. Esqueça sua noção tradicional de "liderança". Se o facebook, por exemplo, mapear o fluxo de informações e páginas visitadas, identificará nódulos nas redes, pontos de convergência, mediação, intermediação e influência. Esses pontos não representam, necessariamente, um indivíduo, podem ser um grupo. Todos esse nódulos são lideranças dessa movimentação e podem ter perfis diversos e até antagônico. As trocas entre nódulos e indivíduos ocorrem em função de vários objetivos e moedas, podem mover-se independentes; mas, subitamente, um certo grau de convergência em torno de um interesse ou objetivo, pode ser fonte de grande mobilização focada. Taí a "liderança"; esqueça a lógica tradicional de líder.

Responder

Fabio em 20/06/2013 - 22h12 comentou:

Terra em transe, estamos fazendo um brainstorm coletivo , cada um fala o que lhe convém.

Responder

Jossimar em 21/06/2013 - 02h15 comentou:

Estes protestos me decepcionam e mostram a fraqueza do povo brasileiro. A falta de foco escancara a ignorância das pessoas que lá estão. não sabem nem porque estão protestando. Parece que estão em uma rave. Não enxergam a gravidade do momento. E o pior, foram transformados em massa de manobra por aqueles que não conseguem ganhar no voto e desde 2006 tentam o golpe através da imprensa e do STF.
Há agitadores pagos infiltrados para provocar vandalismo e os outros inocentes úteis vão atrás sem perceber, como gado. Acho que nos últimos 10 anos avançamos muito. Agora, temo um grande retrocesso. Acredito que a Dilma vem fazendo um governo muito bom, mas, a inoperância do seu governo na comunicação com as massas tem parte da responsabilidade pelos distúrbios de agora.

Responder

Wellington Santana em 22/06/2013 - 04h30 comentou:

Recentemente, o Senador Buarque – PDT, defendeu uma proposta de reforma política onde propõe a dissolução dos atuais partidos políticos brasileiros e propõe nova forma de organização política. Escorraçaram o homem. Entendi a mensagem do Senador Cristóvam Buarque e concordo parcialmente com ela.

Primeiramente, somente um percentual ínfimo de pessoas adultas são filiadas a algum partido político porque não se sentem representadas por nenhum dos atuais partidos ou porque são avessas à militância política partidária e, se o voto não fosse obrigatório, já teríamos tido eleições com índices alarmantes de abstenção, o que não legitimaria os eleitos e, consequentemente, resultaria em novas eleições com outros candidatos que, repetido o fracasso, levariam à extinção de muitos partidos que vivem em função do rendimento eleitoral.

Quem se lembra do PRN, sigla de aluguel pela qual Fernando Collor foi eleito Presidente do Brasil? Até Collor ser eleito por essa legenda, não havia um único deputado por ela eleito, mas esta veio a ser uma das maiores agremiações em números de parlamentares federais durante o curto império collorido. Podemos dizer que o PRN era um Partido Político?

Esse fenômeno, o inchaço das legendas, é observado desde as eleições municipais, passando pelas eleições estaduais e federais. Geralmente observamos uma migração de parlamentares para as legendas aliadas ao prefeito, governador ou presidente eleitos. Esse "crescimento" não se dá por convicções políticas ao programa desses "partidos", mas por puro oportunismo, pelo que cada um pode auferir em proveito próprio. Cada um pensa mais nos seus privilégios e na melhor estratégia de se reeleger do que nos problemas sociais que afetam a maioria da população.

Entendi. O que o senador Buarque defende é o fim dos partidos políticos no formato atual. Precisamos de partidos mais ideológicos, com programas políticos bem definidos, com mecanismos de controle social e com democracia interna (se o partido for democrático, claro). É preciso que a participação política da população não se resuma ao momento do voto nas eleições periódicas, mas que as pessoas possam exercer a democracia direta, que possam debater e decidir questões que são inadiáveis e que afetam a vida da grande maioria da população. Questões como uma auditoria da dívida pública e as medidas sanativas daí decorrente, saúde e educação públicas de boa qualidade e acessível a todos, a Reforma Agrária, a questão indígena, etc.

Discordo, contudo, das candidaturas avulsas sem vinculação com qualquer compromisso político explícito, posição defendida por Cristóvam, pois os eleitos individualmente acreditariam que a população estaria lhes dando uma carta branca para, em nome de todos, fazerem como bem entendessem e passariam a defender interesses inconfessáveis.

Wellington Santana
E-mail: [email protected]

Responder

Depoisdolula em 22/06/2013 - 14h56 comentou:

Depois do pronunciamento da presidente, é preciso ficar muito atento. O risco, agora, é o MPL, a UNE, a CUT e outras organizações chapas brancas serem convocadas para falar em nome dos manifestantes que estão nas ruas. Cuidado com um golpe do PT. Cuidado para eles não tentarem mais um assalto aos cofres públicos e enfiarem o financiamento público de campanha na reforma política. Financiamento de campanha tem de ser exclusivamente pelo eleitor, limitado a R$ 5 mil por CPF doador. Com voto facultativo, para que a maioria dos votantes seja de pessoas conscientes e politizadas. Em vez de líderes irem falar com Dilma, é mais prudente a formação de uma frente suprapartidária formada por parlamentares que ainda têm alguma credibilidade – como Simon, Cristovam, Reguffe, Pedro Taques – para se chegar a um entendimento nacional sobre uma ampla reforma política e convocação de uma constituinte para passar o Brasil a limpo.

Responder

pedro em 24/06/2013 - 11h13 comentou:

o povo tá de saco cheio de canalhice, pode ser a quebra da bastilha…

Responder

SAULO DOS ANJOS em 24/06/2013 - 21h01 comentou:

No meio do protesto.

No meio do protesto tinha uma globo
tinha uma globo no meio do protesto
tinha uma globo
no meio do protesto tinha uma globo.

Nunca me esquecerei desse acontecimento
na vida de minhas retinas tão fatigadas
pelo espectro eletromagnético.
Nunca me esquecerei que no meio do protesto
tinha uma globo
tinha uma globo no meio do protesto
no meio do protesto tinha uma globo.

Responder

katiusca em 05/07/2013 - 19h49 comentou:

Sinceramente, achei a critica bem direitista ,os mesmos argumentos de Veja e não pensava ler isto por aqui. Navegando na rede pude ver o véu do fascismo levantado e é de dar arrepios…Se o povo brasileiro elege as excrescências do nosso legislativo não podemos culpar o PT por todas as mazelas,pois estas excrescências é que envergonham,e emperram o aperfeiçoamento da nossa democracia … A reforma politica poderá ser aprovada por estes politicos? claro que não….e para governar infelizmente se teve de fazer as alianças espúrias, e cometer tantos erros… Se Não fosse assim Lula não governaria 6 meses ,esta é a realidade, a ferida que machuca e dói. Portanto bem vinda as manifestações para pressionar o nosso congresso, só mesmo a pressão popular poderá reascender os nossos sonhos., junto aos movimentos sociais organizados que sempre foram criminalizados. A hora é agora….

Responder

Bob 'porongo' em 12/11/2013 - 13h15 comentou:

Foi pelos R$ 0,20 e não ao mesmo tempo. O pessoal percebe que que algo está errado, mas não sabe de onde vem o erro. Percebem que os preços estão alterando sob os mais diversos motivos, mas não sabem porque isso está acontecendo. Quem usa transporte coletivo sabe de suas péssima qualidade, como super lotação, atrasos, assaltos constantes a ônibus, valor de passagens alta, etc. Agora não sabem porque isso acontece, apenas fica revoltado, claro, se você paga por uma coisa e não tem essa coisa de volta com qualidade, ou até mesmo faltando alguma coisa nela, então é dose para elefante, não dá outra, anos a fio, a mesma coisa.

Somado a isso vem a propaganda dos governos locais (prefeituras e governos estaduais) e do governo federal, de que tudo está uma maravilha, que o brasileiro movimentando para a classe media, que tem veiculo novo na garagem, que tem pleno emprego, etc. Mas, ao mesmo tempo ele olha para a escola do filho e os professores estão de greve, até na universidade faz greve, as policias não dão conta da violência e da criminalidade – Brasil 2012 50.108 homicídios – as estradas a maioria cheias de buracos, as ruas das cidades com asfaltos de péssima qualidade que basta dar uma chuva e pronto ali já surge uma cratera, esgoto nem pensar, não existe na maioria dos bairros da maioria das cidades, a água é jogada em fossa, ou até mesmo na rua diretamente, e as prefeituras não estão nem ai, e a coisa vai juntando ao ponto de a propaganda do governo não funcionar na mente das pessoas que precisam desses serviços do governo estatista que temos.

Ora, se o governo é em ultima instancia o controlador dos transportes coletivos, pois por lei ele é gerido pelas prefeituras, então porque as prefeituras ficam nesse jogo de esconde esconde e deixam as empresas que ganham as licitações para explorar o serviço de transporte coletivo fazerem o que quer, ou lei lá o que oneram as tarifas com tantos impostos?

A coisa tem que ser discutida sim, e não está sendo discutida não, o transporte coletivo na maioria das grandes cidades do Brasil está uma porcaria, principalmente depois desse impedimento do reajuste das tarifas, que sejamos sinceros, uma parte desse índice é INFLAÇÃO cujo responsável é o governo federal, pois é ele quem provoca inflação e qualquer economista sabe disso.

Responder

Bob 'mecânico' em 12/11/2013 - 13h31 comentou:

Transporte coletivo é por lei regulado pelos municípios, são as prefeituras por meio de algum tipo de órgão que faz a relação entre o poder publico e o prestador de serviço que ganhar a licitação, até um táxi para prestar serviço tem que ter permissão da prefeitura. Se os transporte coletivos estão ruim em parte a culpa é do poder publico que regula o setor. Agora porque com tanta regulação e o serviço é assim tão ruim? Muitas cidades tem companhias para fazer essa gestão do transporte. Vamos ser sinceros no Brasil existe muita burocracia e pouca eficacia com a coisa que tem que ser feita, são poucas pessoas que poe a mão na massa.

Qual é a carga tributaria em cima do transporte coletivo? Alguém sabe? Os esquerdistas esquecem de uma coisa que é fato, se existe patrão dono do negocio, mas existe também burocrata publico de gravata que passa longe da graça com medo de sujar a roupa, apenas ficam em escritórios de ar condicionado bem longe de onde estão os problemas de sua alçada administrativa. São poucos os que realmente trabalham faz jus ao emprego.

Responder

Danilo em 19/11/2013 - 18h48 comentou:

Protesto de esquerda ?, o mesmo protesto que XINGOU E RETIROU A FORCA OS MILITANTES DO PT ?

Responder

Roberto em 23/11/2013 - 21h01 comentou:

Concordo em gênero, número e grau com o texto da socialista morena!

Responder

Joao em 09/01/2014 - 21h15 comentou:

Parei de ler quando você disse que a direita anda de SUV.
Eu não me considero de direita nem de esquerda, porque pra mim isso não existe no Brasil. O que eu sei é que não concordo com seu pensamento que toda direita anda de SUV.
Gente como você acha que todo pobre tem que ser comunista ou socialista.
Gente como você acha que não existe pobre branco neste país. Por isso as cotas raciais estão aí….
Vocês são uma praga!

Responder

Priscila em 06/11/2014 - 13h54 comentou:

Eu não condenei Eduardo Jorge por não apoiar Dilma, pois apoiar um partido de esquerda que se tornou um representante ruralista e a presidente que menos demarcou terras indígenas desde o governo FHC foi muito difícil para mim, imagine para um ambientalista como ele. Votei na Dilma somente por alguns avanços sociais importantes e devido a ameça de um retrocesso tucano.

Responder

Deixe uma resposta

 


Mais publicações

Direitos Humanos

A teoria da relatividade do amor reaça


Nós, de esquerda, cometemos um erro ao falar que os reaças só sabem odiar. Não, gente. Os reaças também amam! Só que depende. Que negócio é esse de amar incondicionalmente? Mesmo se dizendo cristãos que…

Trabalho

FGV: esquerda está convencendo brasileiros que reforma trabalhista = perda de direitos


Uma análise das redes sociais elaborada pela Fundação Getúlio Vargas no dia 28 de abril, dia da greve geral, indica que a esquerda está ganhando a disputa narrativa sobre a reforma trabalhista e conseguindo convencer…