Socialista Morena
Politik

O ódio insano a Lula, uma neurose a ser catalogada pela psicanálise

Em viagem de trabalho ao Rio na semana passada, peguei um taxista muito simpático, que durante o trajeto expunha reclamações pertinentes sobre a falta de educação no trânsito de alguns motoristas, como por exemplo usar excessivamente a buzina. Também fazia comentários bacanas sobre a futura Copa do Mundo na cidade, uma raridade diante do pessimismo […]

Cynara Menezes
04 de março de 2013, 20h30

Em viagem de trabalho ao Rio na semana passada, peguei um taxista muito simpático, que durante o trajeto expunha reclamações pertinentes sobre a falta de educação no trânsito de alguns motoristas, como por exemplo usar excessivamente a buzina. Também fazia comentários bacanas sobre a futura Copa do Mundo na cidade, uma raridade diante do pessimismo geral. “Será um sucesso, não tenho dúvida. Se houver algum problema os turistas vão estar tão felizes de estarem aqui que nem vão dar importância”, disse.

Enfim, era alguém que parecia de bem com a vida. Até que… O assunto recaiu sobre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Tal qual dr. Jekyll ao tomar a poção, o taxista se transformou de homem cordial em uma pessoa absolutamente enfurecida, à beira de um ataque de nervos. “Ele é o cara mais rico do Brasil hoje, é um milionário, um ladrão!”, vociferava. “Eu leio a revista Veja, eu vejo a Globo! Eu sei das coisas!” De nada adiantou nós lhe comunicarmos que integramos a imensa parcela da população que gosta de Lula. O homem não se acalmava, praticamente espumava pela boca.

No dia seguinte, já em Brasília, encontrei uma senhora muito fofa que também mostrou sua face menos afável ao falar de Lula. “Sabe, eu sou católica praticante. E quando vou me confessar, digo para o padre: ‘Padre, eu odeio o Lula! Eu odeio o Lula! Não posso nem vê-lo na televisão que começo a passar mal, padre! O que eu devo fazer? Posso comungar mesmo assim?’ E o padre sempre tenta me acalmar, responde que isso não é bom, que não é cristão, e me passa não sei quantas ave-marias e pais-nossos como penitência. Mas o que posso fazer? Eu odeio o Lula!!!” Confesso que achei hilário, meio bizarro.

Nas redes sociais, então, perdi a conta de quantas vezes tive minha página invadida por anti-lulistas fanáticos que não estão nem aí para as regras de boas maneiras na internet ou de respeito ao pensamento alheio. E não vou nem mencionar aqueles que desejaram a morte de Lula quando seu câncer foi revelado ao país. Insanidade a toda prova.

Entendo que o ex-presidente Lula, homem carismático que é, desperte amores e ódios. Entendo perfeitamente que muitas pessoas não gostem dele. Mas esse sentimento que vejo em alguns anti-Lula não me parece normal, mesmo porque a recíproca não é verdadeira. Nunca vi alguém ficar tão alterado ao falar do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Bufando pelas ventas e gritando como se estivesse louco, perdendo completamente a noção do que pode ser dito sobre uma figura pública, cruzando todos os limites do desrespeito. Nunca vi, nunca. E olha que conheço bem mais gente que não gosta de FHC do que quem gosta.

Fiquei pensando: será natural o ódio a Lula? Ou será que isto acontece porque o ódio a Lula é estimulado pela mídia e o ódio a FHC, não? Pelo contrário, a mídia tenta, com todo empenho e ao arrepio dos fatos e da memória coletiva, convencer os brasileiros de que o governo Lula foi péssimo, e o de FHC, ótimo. Obviamente não podemos esperar que as pessoas bufem ao falar do tucano. Mas com Lula a neurose é alimentada, até porque existem odiadores insanos do petista dentro das próprias redações, sobretudo nas esferas mais altas. Um ódio patológico que, diferentemente do que ocorre com outras enfermidades mentais, é transmissível –via jornais e revistas e pela televisão. Curioso que seja Lula quem é acusado de “disseminar o ódio”, embora nove entre dez colunistas dediquem a vida a falar mal dele.

Às vezes me dá vontade de, como nos filmes, sacudir uma pessoa dessas e falar para que se controle. É ofensivo com quem admira o presidente Lula (e somos maioria) que exista gente disposta a agredi-lo desta maneira ensandecida, típica de quem está com síndrome de abstinência de medicamentos para controle do humor. O que há com Lula para causar tal reação? Ou seria mais correto perguntar: o que há com estas pessoas para reagir dessa forma a um político? Seria só oposição ao ex-presidente ou é algo mais profundo, talvez inconfessável? Não sei dizer, esta neura só um psicanalista ou psiquiatra é capaz de resolver.

Tenho certeza que algum dia um profissional da área irá catalogar, ao lado do transtorno obsessivo compulsivo, do transtorno bipolar e demais neuroses do mundo moderno, o “ódio insano a Lula”. Sinceramente, se eu sentisse um só destes sintomas em relação ao ex-presidente –ou a qualquer outro personagem da política–, procuraria ajuda médica imediatamente. É doentio.


Apoie o site

Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para assinar, você pode usar apenas qualquer cartão de crédito ou débito

Ou você pode ser um patrocinador com uma única contribuição:

Para quem prefere fazer depósito em conta:

Cynara Moreira Menezes
Caixa Econômica Federal
Agência: 3310
Conta Corrente: 23023-7
(297) comentários Escrever comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da Socialista Morena. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Vicente em 04/03/2013 - 20h48 comentou:

É um sentimento que parece até ingênuo a princípio, pois é fruto de desinformação e raramente calcado em fatos reais. Porém, se parar pra pensar, é o sentimento daquela pessoa que se acha "diferente", que em geral completa as críticas com "o povo é muito burro". E claro, se considera alguém que não é do povo.

Outro dia, um colega, ao comentar alguma notícia de tumulto no Oriente Médio, lança essa: "Não consigo entender porque esse povo briga tanto, eles não trabalham, não tem o que fazer não? Sério, eu não tenho tempo pra brigar tanto tendo que trabalhar todo dia!"

Teeeeennnnnso!

Responder

    lenice em 29/04/2013 - 01h25 comentou:

    Reflexo da ditadura que vai passando de pai pra filho… Tem dias que chego a lacrimejar ouvindo tanta injustiça com o nosso querido ex presidente Lula. Com o FHC ningúem faz chacotas… Essses covardes da mídia brasileira deveriam agradecer a Deus por não serem norte coreanos. Lá, a coisa é diferente, ou seja, decaptam as cabeças de difamadores e caluniadores de baluartes. Tenhamos orgulho do nosso LULA, a história e trajetória dele é tão linda…

    Injuriada em 22/06/2013 - 02h39 comentou:

    Porra esse bandido faz tudo ao contrário do que pregou enriquece a familia toda, acoita todos oa outros bandidos ladrões como ele e ainda não pode ser motivo de ódio? O povo brasileiro é ainda um babaca pois ele já deveria ter sido eliminado.

    red em 28/06/2014 - 13h20 comentou:

    raramente calcado em fatos reais.
    Uma vez conversava com uma dessas figuras e ele me mandou uma dessa.
    "agora não consigo arruma um emprego o PT da faculdade para todo mundo"
    Se a pessoa odeia tanto um politico, ele deveria, ter no mínimo vários motivo para isso, mas a única coisa que escuto é (petralha),

Suely Temporal em 04/03/2013 - 20h50 comentou:

Conheço muita gente que vai precisar se tratar se isso acontecer mesmo!! kkkkk

Responder

Marcos Oliveira em 04/03/2013 - 20h56 comentou:

Sinto que o ódio vem de um preconceito velado relacionado à origem pobre e à pouca escolaridade de Lula. Isso acaba gerando pesos e medidas distintas para os dois ex-presidentes. O que é condenável ao petista – de acordo com a visão de cada um – recebe ares de absurdo, é hiperbólico, já o que é condenável ao tucano – também de acordo com a visão de cada um – é atenuado, muitas vezes é encarado como erro calculado, acidente de percurso, ou resultante de elementos externos – fora do controle de FHC.

Sinto que para muitos críticos é difícil aceitar a ideia de que o presidente do Brasil possa vir de classes mais baixas – economicamente falando – e mais difícil ainda é aceitar que seu governo esteve repleto de boas iniciativas, não estando isento de críticas.

Responder

    gustavo em 29/04/2013 - 05h53 comentou:

    na verdade não é difícil aceitar que ele venha de uma classe mais pobre pois muitos dos que não aceitam o lula, aceitam e até admiram o joaquim barbosa. o que é difícil para a classe média, que tem como única ferramenta para se sobressair no mercado o conhecimento, o estudo e a cultura é o discurso (e prática) do lula que soa como uma apologia ao "foda-se o estudo"…. e, pelo mesmo motivo é mais fácil para a maioria mais pobre, que não teve acesso a esse conhecimento, amá-lo como a um time de futebol.

    Inêz em 07/08/2013 - 12h29 comentou:

    agrega-se a isto a inveja dos que acham que deveriam estar no lugar do LUla.
    é patologico mesmo,

    Angela em 28/08/2013 - 01h21 comentou:

    creio ser essa a verdadeira razão.A "elite" brasileira não se conformará,nunca,ter sido comandada po um ex-metalurgico,semi-analfabeto e pior "pobre".Eles se acham!!!

    gy francisco em 11/10/2013 - 14h06 comentou:

    Cynara, o ódio ao Lula existia já na décade de 80, muito antes de ele ser eleito. Pram mim, te a ver sim com esse preconceito de que pobre não presta, é burro, nasceu pra obedecer. Complexo de vira-latas.

    Por isso, tanto ricos como trabalhadores pobres odeiem ele, não o suportem, sua cara de pobre, seus erros de português típicos de quem teve educação pública incompleta.

    Nossa elite podre, através dso governos e mídia, sempre doutrinaram que lugar de pobre é servindo o rico e obedecendo. Lula, desde o sindicatos e da Ditadura, nunca se sujeitou, sempre levantou a cabeça e nunca foi bem visto por isso.

    Nina em 22/08/2014 - 15h13 comentou:

    Concordo plenamente com vc Marcos Oliveira, o Brasil tem a "ala puro sangue" imaginária, claro!
    Ninguém lembra que, nenhum de nós brasileiros, sabe exatamente quem é quem e de onde vem e mesmo se soubéssemos seria preconceito; o medo da pobreza enlouquece,nem precisamos incomodar Freud com um dúvida tão simples, é lógico, total preconceito e desinformação, eu jamais vi um HOMEM e POLÌTICO
    tão autentico quanto LULA e tem os que odeiam mas tem tbm os que serão fãs e apoiadores eternos do MELHOR PRESIDENTE do Brasil, e Dilma tbm sofre o preconceito que vem diretamente do público feminino que prefere viver na sombra , viver e morrer ignorantes sem miséria!

    Ricardo em 12/11/2014 - 20h27 comentou:

    Nosso excelentíssimo ministro Joaquim Barbosa também possui origem humilde e é extremamente admirado por muitos brasileiros "coxinhas". Venceu na vida por méritos próprios, passando por diversos concursos dificílimos, não pediu aposentadoria por invalidez por perder dedinho da mão, não virou presidente com com ajuda do dinheiro das FARC etc.

    Nosso ministro é um excelente exemplo de como a meritocracia pode funcionar.

dukrai em 04/03/2013 - 20h57 comentou:

já li todas as explicações e também continuo a não entender.

Responder

Antonio Carlos em 04/03/2013 - 21h02 comentou:

Não sei se tal insanidade seria tratável por Freud, Reich, Melanie Klein ou qualquer outro grande estudioso da área. Há doentes intratáveis mesmo. Creio que este seria um caso para o Analista de Bagé, porque essa gente merece mesmo é uma técnica do joelhaço. Vão ser doentes lá onde Judas perdeu as meias!

Responder

Jonas Blau em 04/03/2013 - 21h05 comentou:

Eu conheci uma senhora que dizia "odiar mais o Lula do que o próprio Diabo". Nunca soube dizer o motivo. As respostas variavam entre "Pq ele rouba", "Pq ele é burro", "Pq ele é falso". Um dia – há testemunhas e fotos! – esta senhora cruzou com Lula no saguão de um aeroporto e fez questão de tirar uma foto abraçada com ele – e com um sorriso cheio de dentes. O caso desse povo é freudiano.

Responder

    Lais em 29/03/2013 - 21h29 comentou:

    Mais um exemplo similar a esse "causo" : trabalhei anos numa empresa do ramo metalúrgico aqui em São Paulo, e um dia conversando com um diretor que tinha larga experiência em negociações com sindicatos, ouvi de seus lábios quase gringos a seguinte frase ( mais ou menos,mas o teor é exato) : " O Lula é F___ ! Você entra na sala pensando : vou "jantar" esse FDP analfabeto… nem com reza braba que nós vamos dar o que eles querem.. " e coisas do tipo.. Aí o cara entra, começa a conversar, abre um sorriso, conversa , conversa… quando você vê, ele levou muito mais do que nós estávamos dispostos a dar… " Na opinião deste diretor e de outros que eu conheci , o Lula era o melhor e mais "temível" negociador com quem eles já tinham lidado… Isto ouvi da boca de gente com pós graduação, MBA, trilingue, com vivência no exterior… e por aí afora. Nunca ouvi nenhuma destas pessoas se referirem ao Lula com este ódio insano. Daí que pra mim. a doença está relacionada , além da má fé pura e simples a um alto nível da prejuízo à auto-estima. A doença, , conhecida como " Complexo de Vira-Latas", é grave, incurável, e não tem vacina até agora…

    Maria Motta em 21/12/2013 - 18h33 comentou:

    Engano seu, o caso deste povo não é freudiano, é kleiniano! Esclarecendo: Melanie Klein foi uma psicanalista inglesa que explicou magistralmente a origem do sentimento de inveja no ser humano.

    Erica em 31/03/2014 - 13h57 comentou:

    Conheço outra senhora, de família tradicional da região de Campinas… Nutre ódio mortal por Lula… Na ocasião em que Lula foi fotografado abraçando Maluf, ela escreveu no facebook: eu avisei, um falso, um corrupto, muito burro, abraçado a esse sujeito (detalhe que ela tem todo perfil de ex malufista que por vergonha, não assume mais o seu amor pelo politico…). Duas semanas depois aparece ela, sim, com direito a foto no facebook, dançando abraçada e sabe com quem? Sim, com o próprio Maluf… seria ela então tb. uma burra? uma falsa? uma corrupta por ter dançado com o político? Eu vou morrer e não vou entender essa gente.

Clistenes em 04/03/2013 - 21h07 comentou:

O velho e renovado "Ódio de Classe", talvez curável por uma boa dose de solidariedade aos mais desfavorecidos que, tal como o próprio Lula, superam e superaram as adversidades em meio a um mar de egoísmo e de ignorância, permitindo-se médicos, engenheiros, advogados, sociólogos, e, pasmem, preseidentes…. Onde essa gentinha pensa que vai e é? Essa Freud explicaria com uma facilidade irônica e com sorrisos no canto da boca… O velho e renovado "Ódio de Classe" ainda vai matar a velhinha durante uma confissão. Valei-me Deus e Nossa Senhora!!!

Responder

    Asdrubal Caldas em 11/04/2014 - 19h52 comentou:

    Compre o livro do Romeu Tuma Junior, ASSASSINATO DE REPUTAÇÕES, UM CRIME DE ESTADO. leia sem pré conceitos, e descubra que, você assim como milhões de brasileiros foram enganados por este parvo da política nacional. Eu disse parvo, mas cabe também pusilânime. Procure ler, também, o livro muito bem escrito por José Neumane Pinto, O QUE SEI DE LULA Ambos conheceram muito bem o Rei Lula, e portanto sabem o que dizem. E nunca foram contestado. O Rei Lula valeu-se do esquecimento deste povo de mente curta, e não tocou no assunto, Onde estão os processos que os capachos do Rei Lula disseram que iam abrir contra os autores dos referidos livros? Quem cala consente. E como diz o nobre Deputado Jair Bolsonaro: "A verdade Tortura". Se queres te redimir de sua ignorância, em ter caído no conto do vigário chamado "REI LULA" Vá e volte de onde você mora atá a cidade de Aparecida do Norte. Mas vá à pé.

Luis em 04/03/2013 - 21h07 comentou:

Psicanalistas, psiquiatras, psicólogos, mão a obra, a clientela anti Lula abunda.

Responder

George S. em 04/03/2013 - 21h15 comentou:

Ahh tá! hahaha eu adoro vocês porque sempre renomeiam as coisas quando se trata do outro lado.

Se a tomada do Poder é da esquerda – chama-se revolução;
Se a tomada do Poder é da direita – chama-se golpe;

Se as manifestações pelas ruas forem contra os governos tucanos: LUTA DO POVO PELO QUE É CERTO!
Se as manifestações forem contra os governos bandidos trabalhitas: são os burgueses reacionários!!!

Se os dissimulados destroem durante 1 decada toda a imagem de FHC – é normal;
Criticar o Lula – neurose a ser catalogada pela psicanálise.

Hahaha vocês são muito engraçadinhos, mas a população já tá caindo na real…

Responder

    Antonio J M Costa em 05/03/2013 - 11h54 comentou:

    acho que ninguém chama algo de golpe por se dar na direita, o que ocorre é um cinismo sem par no que tange a nossa direita de pijama de chamar o que ocorreu em 64 de revolução. Ora, seria a primeira vez na história da humanidade em que ocorre uma revolução e esta se dá de modo a manter o "status quo". Não existia ameaça ao governo Jango ou a democracia mas os militares o destituíram do poder apesar disso, não, não foi revolução pois os próprios militares admitem o fato de que esta se deu para manter a democracia( muito embora o que tivemos foi mais de 20 anos de ditadura), e sim um golpe de Estado que se deu unicamente por termos um presidente que propôs reformas necessárias ao país mas que aos olhos da elite eram ameaças aos seus privilégios sempre intocáveis!!

    Alex em 05/03/2013 - 14h55 comentou:

    O texto principal nao se refere a ditadura militar, faz sim uma analogia entre as "neuroses" ou nao relacionadas aos governos democraticos de FHC e Lula.

    FHC nao fez parte da ditadura se nao me falha a memoria. Foi eleito democraticamente pelo povo assim como Lula.

    Portanto assim como devemos respeitar a opiniao da bloggeira, penso devemos respeitar a opiniao do George S. exposta acima.

    Na realidade a neurose coletiva vai muito alem da discussão sobre individuos FHC/Lula. A neurose coletiva reside na necessidade da coletividade brasileira entender e assumir qual a SUA responsabilidade na construcao de um futuro melhor. Isso certamente vai muito alem do exercicio do voto neste ou naquele politico.

    Muito facil acusar este ou aquele politico pelo que acontece de RUIM em nossas vidas. Dificil e assumir a responsabilidades pelo que fazemos todos os dias a nos mesmos e aos que estao ao nosso redor independentemente de posicoes politico partidarias. Respeitar as leis, as pessoas, os colegas de trabalho seria um bom inicio.

    Queremos o fim da violencia, mas temos o "Capitao Nacimento" como heroi nacional.

    Queremos o fim da corrupcao, mas quando somos pegos em exesso de velocidade, nao nos incomodamos de pagar uma caixinha pro guarda, ou nos recusamos fazer o teste do bafometro.

    Chegamos ao ponto de achar que o "mensalao" e perseguicao politica e "neurose" elitista simplesmente pq o "geverno burgues" do FHC fez o mesmo para aprovar a emenda da reeleicao, como se um ato de corrupcao feito em um governo, fosse suficiente para validar o "mensalao" no governo "socialista" do Lula!.

    A verdade e que AMBOS estao errados o que prova que o problema nao esta no individuo, nem na midia, mas sim na forma como as pessoa interpretam os fatos da maneira que mais as convem, e isso tem relacao com os valores eticos e morais contidos na sociedade como um todo.

    Falta maturidade a todos brasileiros como seres 'sociais' independentemente de posicoes politicas.

    LeoContesini em 05/03/2013 - 22h19 comentou:

    Alex
    O problema é que se você for branco de classe média, tem que detestar o Lula em silêncio, ou a rotuladora esquerdista logo te pega.

    O que rola é uma crise moral. Coitadismo, relativismo. O cara é pobre, é coitado, nao pode criticar. O cara roubou, mas o PSDB roubou mais!

    O certo não é mais o que é certo. É apenas relativo. Não é certo, mas se todo mundo faz errado, então ele é meio certo.

    Outra coisa interessante é o que os petistas chamam de "elite". Tecnicamente eu, que comprei uma casa pelo minha casa minha vida e ando de moto, sou elite pois sou paulista branco de classe média (aquela mesma classe que a Dilma se orgulha de ter inflado) e não gosto do Lula.

    Gustavo Alves em 11/03/2013 - 20h29 comentou:

    Essa de "Coitadismo" é uma muleta intelectual tacanha da direita. É um idiotismo.

    Luiz em 06/08/2013 - 22h29 comentou:

    Roubou o que cara pálida? Discrimine o que ele roubou. Porque o que os tucanos roubaram pode ser muito bem detalhado e tem até livro. São apresentados quadros comparativos entre os dois governos e nada favorece os tucanos. De onde vem esse ódio então? Porque tanta mentira contra o filho do Lula (fazenda Fortaleza= ESALQ-USP de Piracicaba; Friboi=JBS, maior multinacional do setor; avião de 50 milhões, que novo vale 16 milhões e nem se sabe de quem é; e por aí afora. Lula como um dos homens mais ricos do mundo na capa de uma Forbes fake. Meu prezado, quando não se tem argumento, sobrevém o grito. Ódio, puro ódio.

    Cláudio E em 05/03/2013 - 19h11 comentou:

    Incrível!! Na sua digressão o GS matou a cobra e mostrou o pau (ops), respondeu a todas as questões referentes a sua indignação. E realmente estamos caindo na real há dez anos.

    margareth rezende em 19/03/2013 - 11h43 comentou:

    UFA!! Quanto baba ovo!!! Muito bem George! O LULA apareceu como um DEUS, como o ápice da moral…..é um ator!!! AMA o luxo, as benesses do poder. Bem diferente de Dilma em vários aspectos! MAKETING!! SEMPRE ELE! Ai que medo de retaliação!!!!!!

    Luiz Deschamps em 24/04/2013 - 00h30 comentou:

    huhuahuahuahuahua!!! sim, George, a população está caindo na real… e essa fração já chegou aos 80% … de aprovação à Dilma, bocó!!huahuahuahua!! esquerdofobia bem pronunciada, a sua, camarada! sorte sua q não é a direita, senão, ia levar uns "choquinhos" pra aprender, hehehehe!!!

    Catarino em 02/07/2013 - 11h00 comentou:

    Xiu!

    André em 01/08/2013 - 02h58 comentou:

    Amigo, concordo com você!

    E, relaxe, pela forma como a colunista fala do Lula, deve ser petista.

    Não há motivos para a população odiar Lula? Corrupção; mensalão; a forma como transformou sua ideologia, usando o Bolsa Família para manter o PT no poder; etc.

    São tantos motivos…

    M.M em 01/08/2013 - 21h05 comentou:

    Aaaah cara!
    O LULA inventou a corrupção e o mensalão né?! AHAHAHHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAH Faz me rir!

    Acho que nem devo comentar o número de gente que o Bolsa Família tirou da pobreza. Pra mim, esse ódio, não é destinado ao Lula, e sim aos pobres que hoje tem a oportunidade que nunca lhes foi oferecida. Hoje graças ao tão maldito Lula, posso estudar numa Universidade Pública, graças aos projetos de expansão das Universidades Federais, e muitos de meus amigos que estudaram assim como eu em escolas públicas, e são pobres, tem a oportunidade de cursar uma boa universidade, graças aos programas como ProUni e o Fies. E hoje como professora de escola da rede estadual de SP, vejo muito mais claro do que via quando aluna, a precariedade da educação, e a necessidade da saída imediata do PSDB do Governo do Estado de São Paulo, então parem de falar tanta baboseira, e aceitem que o Lula é FODA!

    mariluz em 06/08/2013 - 16h31 comentou:

    Muito BEM M.M, adorei seu comentário, você realmente é uma pessoa inteligente e sincera,Parabéns chega de tantos comentários ridículos destes que se acham elite, e que são manipulados por toda a imprensa escrita e falada.b=Bando de idiotas.kkkkkkkkk

    Marcel em 03/09/2013 - 21h03 comentou:

    Sensacional, é isso mesmo George…. não gosto de Lula que esta no mesmo saco de farinha podre de FHC ou Serra… PMDB então nem se fala… asco, asco!!!!!

    Tudo bem, ler Veja (com "viés de direita") para criticar o lula não é 100% correto, concordo… mas dizer que não há o pq ter ódio de lula, é brincadeira!!! Ele foi a esperança total contra a tucanaida e o que ele fez, se tornou um tucano… ficando até mais rico que um tucano!!! e os filhos então????

    Mas realmente, gosto de ler este blog para dar risada…. defender lula e sua família ou bando… tá de sacanagem… hoje não há um na política que podemos defender….

    yasnaya em 28/10/2013 - 20h47 comentou:

    Isso mesmo

    CAMELO em 13/11/2013 - 15h43 comentou:

    Assino embaixo!

    Miranda em 30/01/2014 - 03h49 comentou:

    Vamos analisar a situação, Luiz Inácio foi "criado" dentro de sindicatos, um dos lugares onde desenvolve-se o maior numero de malandros e pilantras, um "cara" que entra na política "pobre" e sai com milhões na conta de laranjas e seu filho "lixo" um fazendeiro multi-milionário, injeta no governo uma candidata "ex-terrorista" que prefere visitar Fidel Castro á amizade com EUA, potencia mundial.
    Resultado: Nosso Brasil está afundando a cada dia e sujando sua imagem perante outros países capitalistas, o que isso significa?, menos apoio dos "aliados" durante algum problema seja econômico ou militar. ( Viva o socialismo libertador ) sarcasmo On.

    morenasol em 30/01/2014 - 13h14 comentou:

    se você é um dos que acreditam nas “fazendas” do filho de lula não é neurótico, é só simplório, mesmo

    Nilton p souza em 19/03/2014 - 12h26 comentou:

    Esse ai é mais um coitado que é guiado pela a veja e outros meios de comunicação. Só temos que lamentar o quanto é desinformado.

    Asdrubal Caldas em 11/04/2014 - 20h20 comentou:

    O que é interessante é que tudo que a veja noticia em primeira mão, se torna realidade. Sabe porque? Porque os jornalistas da veja pesquisam antes de publicar. A revista tem tradição desde 1967 e até os petistas respeitam o que eles publicam. Criticam, mas respeitam. Veja se você consegue se lembrar de alguma matéria de repercussão nacional, que a revista foi obrigada à se retratar. Eu acompanho a revista veja à mais de 40 anos, e não me lembro de tal fato ter ocorrido. O Rei Lula comandou o país por longos 8 anos, e nunca processou a veja. Porque será?

    Luis Paulo em 15/03/2014 - 14h05 comentou:

    perceba que essa coluna deve ter sido lida apenas por PTralhas … parecem que eles desconhecem todos as calamidades praticadas pelos sucessivos governos PTistas …
    desde roubo de dinheiro público para financiar ideologias (estas associadas ao que há de mais espúrio em nossa história – Sarney, Collor, Renan, Maluf, etc ..) até a falta de comprometimento com as promessas de campanha e mentiras contadas ao longo dos anos.
    pobre brasil …

    maristela farias em 16/03/2014 - 20h27 comentou:

    TAMBÉM ACHO E NÃO ADIANTA SER LULA, FHC OU QUALQUER OUTRO QUE APAREÇA. TEM QUE AMAR ESSE POVO DILACERADO PELAS FALCATRUAS DE TODOS.

    Lili em 07/09/2014 - 20h30 comentou:

    Ué, eu vejo exatamente o oposto. O PT foi legitimamente eleito, mas as pessoas insistem em classificar o governo como ditadura.

    A população tá caindo na real? Onde? Parece que com as redes sociais a coisa retrocedeu, o povo virou uma massa de manobra das mais maleáveis. E veja bem… eu falei "redes sociais", antes que venham confundindo Facebook com internet.

George S. em 04/03/2013 - 21h15 comentou:

e que meus comentários sejam PUBLICADOS e não omitidos, como costumam fazer os autoritários.

Responder

    Ana em 01/09/2013 - 02h47 comentou:

    Que sejam bem vistos e publicados mesmo para serem bem negativados. hehe

    Diego em 09/01/2014 - 11h29 comentou:

    exatamente, Ana.

    Maria A. em 21/02/2014 - 12h41 comentou:

    Mais um doente.

João L. B. Penharvel em 04/03/2013 - 21h16 comentou:

Deixo aqui uma manifestação minha de 2007 sobre este tema, claro que fui sarcástico, a elite só pode ser compreendida assim: http://confligerante.blogspot.com.br/2007/07/demo

Responder

Vladimir Capelasso em 04/03/2013 - 21h22 comentou:

Cynara, eu também tinha esses sintomas! Sou de classe média alta, e, como a grande maioria deste grupo, tinha a Veja assinada em casa e assistia apenas a Globo; nem sabia que existia outras revistas e jornais televisivos, desconhecia a noção de parcialidade jornalística. Lembro de, desde o caso do Mensalão, pegava a revista Veja pra ler e lia comentários negativos a respeito de Lula, toda semana, em uma forma de escrita que realmente mexia com minhas emoções: sensacionalista, maniqueísta e reducionista.
Lembro também de como gostava do PSDB, sempre via o rosto simpático do Serra, sorridente, e bem preparado para governar o país.
Lembro que tinha a impressão de que o país só estava piorando nas mãos da "quadrilha do PT", dos "bandidos", que tinha o Lula como o lider.
E, por fim, lembro de ver com olhos negativos quem falasse bem do Lula, como se fosse um ignorante, desinformado, que não percebesse que o Brasil estava caminhando para um abismo.
A revista Veja tem uma escrita bem interessante do ponto de vista da psique e das emoções. Quem já gostou de veja ( como eu) e hj em dia não gosta mais (como eu) pode confirmar: a sua leitura, para quem não usufrui de outros meios de comunicação, é muito eficiente na arte da manipulação emotiva.

Responder

    Marcio Cione em 16/03/2013 - 00h58 comentou:

    Caramba, parece até que eu digitei tudo o que o Vladimir disse.

    Lais em 22/06/2013 - 17h59 comentou:

    O que te fez parar de gostar da Veja? Achei curioso isso. Principalmente por concordar com seu comentário sobre a forma como a Veja mexe com emoções. Fica difícil sair. Queria entender.

    Diego em 09/01/2014 - 11h32 comentou:

    mesmo barco que você…

    Paulo Pereira em 30/05/2014 - 11h54 comentou:

    Seu comentário nos dá os indícios da raiz do problema levantado pela Socialista Morena!

Ricardo Freitas em 04/03/2013 - 21h41 comentou:

Concordo muito com quase todo texto, na mesma intensidade que discordo de seu final, que acaba por ser a essência do mesmo: de que a solução passa por profissionais da área da saúde ….. entendo que a situação mudaria, em alguns anos, estabelecendo-se um claro CONTROLE SOCIAL de toda a mídia, de um grande investimento em redes públicas de comunicação, de quebra de todo o monopólio desse setor e seus afins … esse seria um ENORME PASSO, dentre tantos ainda que faltarão em outras áreas da vida, para a mudança de muitos paradigmas/mitos importantes retroalimentados na grande maioria do povo … especificamente ao LULA, enquanto conduta política e até pessoal, muito contribuiu e facilitou a vida desses detratores …… a vida do PIG seria ainda MAIS DIFICIL se opção política para garantir a governabilidade de LULA/DILMA não fosse as negociatas no Congresso, mas sim os movimentos sociais organizados, como acontece em vários outros países sulamericanos com muito mais avanços que o Brasil …..

Responder

    André em 06/05/2014 - 22h47 comentou:

    Controle social? Ditador detected.

Alan Leal em 04/03/2013 - 21h42 comentou:

Sou um dos que tem ódio do Lula (personagem político). Vou te dar os meus motivos. Quando Lula foi eleito pela primeira vez, eu era um rapaz de 23 anos, começando a faculdade de Letras. Durante a campanha, passei horas e horas discutindo com colegas e parentes em defesa do Lula. Quando ele ganhou, fui com milhares de pessoas comemorar na Praça do Marco Zero, em Recife. Parecia um Carnaval, principalmente para pessoas como eu: um estudante universitário pobre que achava que finalmente a esquerda ia ajudar a construir um Brasil mais justo para a maioria. Naquele dia, eu senti como se também tivesse vencido a eleição. Quando Lula lançou o Brasil Alfabetizado, me inscrevi, em parte por precisar de grana para continuar estudando, mas principalmente porque era uma maneira de participar do que pra mim era um epísódio importante da História do Brasil: a virada. Fui um dos alfabetizadores da primeira etapa, descobri que o projeto era uma palhaçada, pura estratégia de marketing. Depois veio o Mensalão, o ranso "populista"; as várias vezes que ele "não sabia de nada", a exploração da miséria das pessoas com fins eleitoreros; o ar arrogante que ele desenvolveu ao longo dos anos de mandato, como quem diz a todo tempo:"Os cães ladram e a caravana passa"; o cinismo…

Você pode perguntar: "Mas será que ele é o primeiro político que promete e não cumpre?" ; "Quer dizer que você acreditou mesmo que alguém fosse capaz de mudar o Brasil da água pro vinho?" etc.

Pois é, ele não é o primeiro nem o último. Só mesmo um jovem de 23 anos pra acreditar que a vitória do PT pudesse mudar o Brasil tão radicalmente. Mas é isso que os líderes carismáticos fazem: jogam com os sonhos e necessidades das pessoas. Quando FHC ou mesmo a Dilma discursavam em campanha, nós ouvíamos, avaliávamos, ponderávamos, acreditávamos ou não. Quando Lula discursava, nós sonhávamos. E, quando nós percebemos que tudo era uma farsa, que fomos manipulados, iludidos e, principalmente, que o sonho que nos alimentava não existe mais, o que sobra é mesmo ódio.

Responder

    Fábio em 03/06/2013 - 22h15 comentou:

    Realmente Alan, você continua manipulado e sendo enganado até hoje, mas não pelo Lula e sim pela Veja, Globo, Folha de SP, Estadão, etc..

    Gisele em 07/08/2013 - 00h00 comentou:

    Caro, você nunca foi de Esquerda, e nunca entendeu o significado histórico da realidade do nosso país. Só quem não tem raízes profundas é que desacredita fácil!!!!!!!!

    Jusel em 09/09/2013 - 22h40 comentou:

    Não é só o Alan que foi enganado…Fiz campanha para o Lula desde 1989…Quando ele finalmente assume faz aliança com Sarney, Collor, Renan Calheiros, Maluf, etc…Fecha os olhos para a corrupção…E faz a alegria dos banqueiros e empreiteiras….Só mesmo um cego para não ver a patifaria do Lula!!!

    naristela farias em 16/03/2014 - 20h30 comentou:

    resposta lúcida que envolve todos que sonharam e perceberam que o sr. lula era igual aos que utilizam o dinheiro público para mostrar uma imagem mentirosa, fajuta, falsa. parabéns

    Luiz Marcondes em 08/08/2014 - 12h59 comentou:

    Puxa, você realmente conseguiu inventar uma bela história do "pobre jovem inocente enganado pelo político safado". Só que não cola.

Nicolau em 04/03/2013 - 21h52 comentou:

Outro dia peguei um taxista em SP – categoria tradicionalmente malufista e direitosa na cidade – e apareceu o assunto política não sei porque. E não é que o cara falou bem do Lula? Falamos de alguma das denúncias contra ele e o motorista falou: "Quanto mais falam mal dele mais eu voto!"

Responder

Italo em 04/03/2013 - 22h05 comentou:

Muita gente não entende o conceito de direita e esquerda partidária….

Esquerda é a oposição…direita é quem está no poder

Hj, o PT é a direita e o PSDB é a esquera, então se voltar ao poder, seria sim uma revolução…para o George S. entender melhor ¬¬

Responder

    Bárbara em 05/03/2013 - 21h01 comentou:

    não sei quais são as suas referências pra essas definições, mas não é isso não… melhor voltar aos textos básicos de ciência política.

    Rosalina em 27/06/2013 - 12h48 comentou:

    Não, o senhor está errado! Conceitos de Esquerda e Direita são bem mais complexos. Questão ideológica,Esquerda é um sentimento humanitário, popular, democrático. Direita é autoritarismo, sentimento amigo da ditadura. O nosso poder hoje é de ESQUERDA, quer o senhor queira , quer não!

    Gabriel Borges em 07/08/2013 - 20h10 comentou:

    Isso Rosalina, aprendeu direitinho como seu professor de história comunista te ensinou. Ser de direita não tem nada a ver com autoritarismo ou sentimento amigo da ditadura. Isso se chama Fascismo, que é extrema direita. Extrema Direita e extrema esquerda são ambos ditatoriais e autoritários. Seu comentário além de errado é enviesado.

    marcel em 03/09/2013 - 21h11 comentou:

    Rosalina… o que é isso minha filha? Direita = autoritarismo, sentimento amigo da ditadura? e Esquerda = sentimento humanitário, popular, DEMOCRÁTICO??? nos livros, é vá lá!!! agora HOJE NOSSO PODER É DE ESQUERDA – tu tá de sacanegem!

    Alessandro Queiroz em 09/06/2014 - 02h54 comentou:

    Além do que a China , a Coréia do Norte e a antiga URSS eram ou são de Esquerda e o regime é ditatorial. Realmente a desinformação é a verdadeira causadora de ódios e preconceitos!!!!!!

    Maria em 18/10/2013 - 10h51 comentou:

    Vei…. tá tudo errado, cara. Você não pode definir termos que são definidos ao longo de anos e anos de pesquisa, estudo e discussão… Não seja assim tão arrogante e presunçoso!

    Alessandro Queiroz em 09/06/2014 - 02h44 comentou:

    Até onde sei e assim aprendi, quem esta fora do governo é Oposição – podendo ser de Direita ou Esquerda. Quem esta no poder é Situação – também podendo ser de Direita ou Esquerda. Aprendi dessa forma.

Comunista da Direita em 04/03/2013 - 22h17 comentou:

Lula pregou uma coisa, fez outra, ao contrario, e o povo esta cada vez mais ligado, nao vai ser tao facil enganar as pessoas daqui pra frente, lula o mal carater veio a publico, so nao veio antes pois ele comprava ate o jornalista da esquina.

abracos

Responder

    Erick Soares em 05/03/2013 - 02h03 comentou:

    O q significa Comunista da direita? kkkk mediocre

    swamy em 10/06/2013 - 20h31 comentou:

    O que esse fedelho entende de política? vai ver a Xuxa seu nerd.

    Márcio Cândido em 11/06/2013 - 13h58 comentou:

    Cruz credo! Se escrever besteira pagasse imposto, você ia ter que vender até seu lep top. Tão jovem e tão desinformado.

    Rosalina em 27/06/2013 - 12h53 comentou:

    Garoto deixe de bobagem! Vá estudar!

    Luiz em 08/12/2013 - 14h54 comentou:

    "lep top". Tá "serto". Vejo que não é só o garoto que é desinformado.

    M.M em 01/08/2013 - 21h09 comentou:

    O Gigante já voltou a dormir….

    Ana em 01/09/2013 - 03h04 comentou:

    Nunca acordou e ainda bem! Porque esse tal gigante tão famoso na Marcha da Família em 64 voltou a nos assombrar agora em 2013, e esse gigante era a própria ditadura disfarçada de manifestação pela democracia! Que esteja morto e enterrado esse tal gigante! hehehe

    Henrique Dortas em 16/01/2014 - 00h28 comentou:

    Percebe-se que o jovem necessita de muitas lições de história, geografia, sociologia e um pouco de educação doméstica para aí quem sabe um dia, vir a ter ideia do que é ser cidadão e exercer cidadania. Por enquanto, visto pelos seus argumentos, é só mais um leviano, por ingenuidade ou pura ignorância.

    Rosana em 21/08/2014 - 23h09 comentou:

    Antes de você falar mal do Lula estude o Brasil antes do PT ver se pobre podia ao menos pensar em se formar, o tamanho da dívida externa que o Meu presidente liquidou e entre muitas outras coisas boas que o mesmo juntamente com a Dilma fizeram e irão fazer .E o FHC?Estude e analise jamais acredite no que a globo transmite, e as pessoas repetem que nem papagaio. Fica a dica tá.

alexandre em 04/03/2013 - 22h26 comentou:

pqp voces realmente acreditam nessa balela de ódio ao lula? acho que nem mesmo ele acredita..agora, não é ofensa discordar, pode ser assim? tenho que concordar com ele por causa do passado dele etc? acho melhor parar com essa babaquice e começar a discutir que nem gente grande, se não acabo achando que o lulista precisa de psicanalista para tratar esse complexo de inferioridade….

Responder

    José em 08/08/2013 - 14h42 comentou:

    Nao se joga pedra em arvore que não dá fruto , e sinal claro que Lula contrariou e muito a classe dominante
    Esse ódio cego é compreensível, pois eles estavam a costumados com governos que so aumentavam sua riqueza e a desigualdade.

    Gabriel em 11/04/2014 - 14h25 comentou:

    Então como você explica pessoas pobres votando contra o Lula. Esse mito de "classes" é uma ótima estratégia para que as pessoas briguem entre si e esqueçam do governo.
    A verdadeira classe dominante é composta de políticos do PT, que hoje são milionários aos custos da população.

BCL em 04/03/2013 - 23h29 comentou:

é a fusão dos dois. A pessoa já tinha propensão e a mídia jogou a gasolina

Responder

loriregattieri em 04/03/2013 - 23h58 comentou:

Vou concordar com o comentário do Vladimir Capelasso. Não podemos perder de vista o poder da nossa mídia, imagina, sou do ES, um estado com dois jornais impressos e na TV o jornal Nacional, o jornal local do meio dia junto com aquele outro programa estilo "gritaria" ficam ligados enquanto a família almoça. E daí que vem o ódio ao Lula. Não é inexplicável e talvez o próprio Lula saiba disso, porque ele é um dos que sempre ironizam essa mídia monopolista da informação. Daí essa grande parte da população não acessa outras fontes de notícias, é como seu taxista falou, ele tem certeza que sabe das verdades sobre esse sacana! esse maldito Lula! Raiva! Raiva! Ele não aguenta, como pode, é a Veja que está falando! etc etc

A nossa triste realidade, é que o marco regulatório da comunicação que possivelmente traria uma pluralidade de pensamento, não foi pra frente. Nossos vizinhos, Equador, Argentina e Venezuela vem mostrando a força que uma mídia diversa traz para a política. Não estou falando que as pessoas passariam a defender o Lula, teríamos aspectos mais racionais ou talvez mais ideológicos de fato.

Responder

    Daniel em 24/01/2014 - 00h38 comentou:

    "Nossos vizinhos, Equador, Argentina e Venezuela vem mostrando a força que uma mídia diversa traz para a política". Isto é piada, né?

Vinícius em 05/03/2013 - 00h16 comentou:

Pra mim é ódio de classe. Por parte de quem é classe média que não admite um nordestino do povo ter sido tão bem sucedido e popular na presidência. E em relação a classe C é aquela coisa antropofágica.

Eu lembro quando estava no ensino médio, e a Benedita foi candidata ao governo do Rio a maioria dos alunos no terceiro ano, estavam votando pela primeira vez, e eu ia votar na Benedita, era muito criticado por ela ser negra e de origem pobre, e pasme até de amigos negros e pobres também…E nenhum deles tinha simpatia pela direita, pelo contrário, até admitiam votar no Chico Alencar (ainda no PT) caso ele fosse candidato, mas na Benedita não, era insuportável pra eles…

E, Cynara. Esse é um grande ponto de crítica minha ao PSOL hoje em dia, eu vejo muito desse encastelamento de classe-média, progressista, mas meio elitista, nos seus eleitores. Antes de me mudar para Florianópolis, convivia com muita gente de classe-média, por causa dos amigos e parentes, sendo que eu era o único da "turma" oriundo da baixada fluminense, todos os outros era da Zona Sul ou Tijuca, e pra eles eu era reacionário e ao mesmo tempo populista, pois gostava do Lula. Sendo que todos se diziam de esquerda.

Responder

    LeoContesini em 05/03/2013 - 22h32 comentou:

    O que faz do Lula um esquerdista?

    Roberto em 05/03/2014 - 22h44 comentou:

    Você percebe como sua generalização não ajuda seu argumento? A suposta "classe média" é tão plural quanto as outras classes sociais e portanto não cabe em um modelo pré-fabricado.

Angelo em 05/03/2013 - 00h17 comentou:

Muito bom, por isso eu sou de esquerda, estou sempre feliz.

Responder

Vinícius em 05/03/2013 - 00h21 comentou:

Ahhh e esqueci de falar uma coisa acima. certa vez numa entrevista assim que foi eleito, o Jean Wyllys disse que a maior resistência e preconceito ele sofreu dentro do próprio PSOL, por ser ex-bbb e etc, e hj é um dos deputados mais atuantes do país (sinceramente é um dos que mais admiro mesmo votando geralmente no PT). vou procurar essa entrevista e te mando o link por aqui ou pelo Facebook! 😉

Responder

    Julia Reis em 04/05/2014 - 03h33 comentou:

    Vinicius,vejo a mesma coisa que vc em relação ao PSOL. Eu gosto do partido e de muitas pessoas que fazem parte dele, mas acho que eles atingem muito mais a classe média (mesmo que uma parcela pequena) do que as classe mais pobres, o povo! Além disso não gosto que eles usam o mesmo discurso da direito para atingir o PT e o Lula.

Drinds em 05/03/2013 - 01h00 comentou:

Muito bom, Cynara!
Vi o meu pai retratado como "lulodiador patológico"perfeito do post. Em toda conversa de família, ele dá um jeito de por o Lula no meio da conversa só para poder falar mal dele, das maneiras mais grosseiras possíveis. Ele e a minha irmã ( e quase toda minha família classe média alta e frequentadora de Rotary Club, credo) precisam urgente de tratamento. Tá dando pena deles…

Responder

Granito em 05/03/2013 - 02h10 comentou:

Talvez o ódio insano ao Lula seja da parcela da população que esperava mais que um bom governo, ou resultados, esperava alguém que mudasse o modos operante e no final foi traído por um Lula que se mostrou uma pessoa normal e um político que se comportou como a maioria dos políticos se comportam, ou seja, usar o cargo para ter mais poder, dinheiro, fama, influencia, fazer conchavos, mamar na teta das oligarquias estabelecidas. Para ser sincero acho que inclusão deste governo foi um fato positivo apesar de não vir com uma contrapartida um projeto de futuro mais certo e rápido. Distribuir grana ( mesmo pouca) pra quem não tem nada , alimentar o povo é um grande feito, porém isso sem educação , contapartidas de quem recebe, prazos na minha opinião é só um jeito de ganhar votos. Independente disso, distrubuir renda , mesmo neste moldes poderá mudar o país, talvez em 50 anos. Com o mesmo dinheiro investido e tornardo a população consciente que o presidente ( ou presidenta) não está fazendo o favor , nem trocando ajuda por votos o país mudaria em mais um mandanto. Daí o ódio , daí o descontentamento, só se sente assim quem esperava algo diferente e mais honesto, e não mais um governo que fez mais do mesmo que outros fizeram.

Responder

    ana em 05/03/2013 - 16h26 comentou:

    ummm, não. A maioria dos que babam de ódio hoje já odiavam o Lula antes ou pelo menos o desprezavam.O ódio vem sendo alimentado desde 2002 pela imprensa do Sudeste, sem trégua, sem pausa. Some-se a isso a ‘audácia” do operário ser amado pela maioria dentro e fora do país, aí é difícil segurar a raiva que já existia.
    A maioria absoluta no Brasil, caro Granito, está satisfeitíssima com o Lula e Dilma. Seu argumento é, portanto, furadíssimo. O ódio não é porque Lula não fez o que se esperava dele. Pelo contrário. O ódio é porque ele fez mais, muito mais do que qualquer outro já fez, pelo povo, e conquistou mentes e corações. Isso, os 3% que odeiam insanamente nunca vão engolir.

Nuno Vasques em 05/03/2013 - 03h21 comentou:

Só um grande personagem causa tamanha comoção. Só presenciei reações semelhantes em relação a Vargas. Getúlio e Lula, dois gigantes da política brasileira. PT, o maior partido de massas da história brasileira.

Responder

Rodrigo Bentivenha em 05/03/2013 - 03h22 comentou:

Se quiser vir um dia a minha casa você vai encontrar pelo menos metade da minha familia ( e não estou falando só dos meus pais) que sofre dessa mesma enfermidade. Aliás, no meu bairro também acontece muito e olhe que moro num subúrbio de Osasco, bem longe (longe mesmo!) de Higienópolis. E olha que até um cego é capaz de perceber que toda essa gente que eu citei aproveitou bastante os benefícios de 8 anos de governo Lula, enquanto durante a era FHC passou um perrengue danado, minha familia incluisive.

Responder

Lucas Mustafá em 05/03/2013 - 03h24 comentou:

O mais sensato era você procurar saber o pq do ódio do Lula com o FHC, sendo que em todos os seus discursos ele lembra de alfinetar o governo da oposição, se como o Brasil antes de 2003 não tivesse existido. Mas enfim respondendo sua pergunta eu acho que o nojo/asco que as pessoas tem do molusco é do fato de que em todos os esquemas de corrupção ele nunca tomou uma posição firme, nunca agiu com austeridade contra os acusados frente as denuncias comprovadas de corrupção, pelo contrário sem deu uma de "joão sem braço" dizendo nunca ter sabido de nada,até por que o Dirceu já falou que não passa um cheque em branco sem o aval do Lula! Como dizia o filósofo francês Proudhon esses papos de lutas de classes, proletariados e afins era tudo balela, eles tinham é inveja da sociedade burguese e queria estarem em seu lugares p/ usurparem igual.Assim esta sendo feito nesse governo petista.

Responder

JLMartins em 05/03/2013 - 10h32 comentou:

O mais insano desse texto é verificar o comentário do taxista:
_ Eu leio a Veja, eu assisto a Globo, ambas mídias que são o câncer desse País, semente de sequoia, e que por mais que o mundo esteja escancarado via internet, as pessoas tem como base do "conhecimento" mídias "terroristas" que infelizmente invade todos os dias as casas das pessoas, e não sei se isso ainda terá um fim essa "escola" da desinformação

Responder

SilvioPinheiro em 05/03/2013 - 11h27 comentou:

Eu penso que esses doentes, que sentem ódio do ex-presidente Lula, precisam muito de uma sessão de descarrego na igreja do Edir Macedo. Lá essa sessões são aplicadas com caibros de peroba, dados de quina.

Responder

Luiz Seixas em 05/03/2013 - 12h15 comentou:

Do fundo de meus 66 anos posso testemunhar que o ódio a Lula antecede sua vitória eleitoral em 2002. É alimentado e insuflado pela mídia, mas não foi criado por ela. Tem algo a ver com o fato de que as palavras e as ações de Lula levam as pessoas a enxergar o que não querem ver: elas próprias. Cresceram desculpando-se dos males do mundo como se fossem naturais e necessários e eles não tivessem nada a ver com isso, enfrentando-os com as armas do egoísmo e da amoralidade. Achavam que a ética era um conjunto de regras a seu serviço. Lula desmistificou essa autoindulgência e as pessoas se veriam obrigadas a rever seus conceitos se não se furtassem a isso odiando quem lhes abriu os olhos, negando suas palavras e suas ações. Mas isso é só parte da verdade. Tem também o fato de que não aceitam que uma pessoa sem educação formal superior possa ser o dirigente máximo do país. E os direitistas doentios, que odeiam o que quer que esteja à esquerda. Last but no least tem ainda o sucesso: há odiadores profissionais de pessoas bem-sucedidas.

Responder

Arthur em 05/03/2013 - 12h26 comentou:

Na minha opinião a TV Bobo (entenda-se a "maior" do Brasil) influencia este sentimento a toda hora…

Responder

Pitanga do Amparo em 05/03/2013 - 15h51 comentou:

Sempre existirão exceções, casos raros e insondáveis que irão desafiar a Ciência, mas é certeza provada cientificamente que os mídia (as mensagens) conseguem se instalar nos reconditos cerebrais de forma imperceptível. Donde a constatação meio óbvia de que quanto mais 'bem informado' mais propenso a odiar o Lula (nosso caso em destaque) e qualquer pessoa ou coisa que os mídia decidirem satanizar. Veja que os exemplos citados são de pessoas 'que sabem das coisas' quando das classes mais desfavorecidas e nem é preciso ser sociólogo ou pesquisador pra entender o mapa de votação segundo a faixa de renda. O povão, chamado pela direita de ignorante ou desinformado, capta intuitivamente a mensagem do seu líder e confirma no dia a dia os resultados de sua escolha sábia. A comparação dos 10 anos de PT no poder com os 500 anos de uma elite de entreguistas, genocidas e exploradores da fragilidade humana é a mais prazerosa covardia que nós, a monumental maioria vencedora, podemos nos permitir.

Responder

Alex em 05/03/2013 - 19h28 comentou:

Na realidade a neurose coletiva vai muito alem da discussão sobre individuos FHC/Lula. A neurose coletiva reside na necessidade da coletividade brasileira entender e assumir qual a SUA responsabilidade na construcao de um futuro melhor para o pais. Isso certamente vai muito alem do exercicio do voto(obrigatorio) neste ou naquele politico.

Muito facil acusar este ou aquele politico pelo que acontece de RUIM em nossas vidas. Dificil e assumir a responsabilidades pelo que fazemos todos os dias a nos mesmos e aos que estao ao nosso redor independentemente de posicoes politico partidarias. Respeitar as leis, as pessoas, as opinioes ja seria um bom inicio.

Queremos o fim da violencia, mas temos o "Capitao Nacimento" como heroi nacional.

Queremos o fim da corrupcao, mas quando somos pegos em exesso de velocidade, nao nos incomodamos de pagar uma caixinha pro guarda, ou nos recusamos fazer o teste do bafometro.

Chegamos ao ponto de achar que o "mensalao" e perseguicao politica e "neurose" elitista simplesmente pq o "governo burgues" (eleito pelo povo) do FHC fez o mesmo para aprovar a emenda da reeleicao o outras coisas mais, como se um ato de corrupcao feito em um governo, fosse suficiente para validar o "mensalao" no governo "socialista" do Lula!. Isso e como se validassemos o crime gente! Temos que validar as LEIS e cumpri-las! Leis sao para todos! Devemos dar o exemplo de como gostariamos que nossos politicos as fizessem independentemente de cor de bandeira politica. Sera que e tao dificil assim?

A verdade e que AMBOS estao errados o que prova que o problema nao esta no individuo, nem na midia, nem nos politicos, mas sim na forma como as pessoas interpretam os fatos, ou seja, na maneira que mais as convem. De forma invariavelmente oportunista.

Isso certamente tem relacao com os valores eticos e morais contidos na sociedade como um todo, heranca que vem desde os tempos de Cabral.

Falta maturidade a todos brasileiros como seres 'sociais' independentemente de posicoes politico partidarias. E isso so vai mudar qdo comecarmos a agir como adultos responsaveis por seus atos e nao como adolescentes reclamoes.

Responder

Marcos em 05/03/2013 - 20h01 comentou:

Conheço uma pessoa como estas do exemplo, meu cabeleireiro. Conversar com ele é agradável, fala de tudo, pois é uma pessoa que está sempre lendo. Como eu não tenho muita paciência para cortar o cabelo, essa qualidade pesa na escolha deste profissional. No entanto, não toco no assunto política. Ele é um dos que tem ódio de Lula e do PT. Ele muda completamente o temperamento. Não arrisco vê-lo nervoso com uma navalha afiada perto do meu pescoço. Tanto que nem falo que sou simpatizante do PT. Refleti sobre o porquê disso. Ele não é um internauta. Só se informa pela Rede Globo e pela revista Veja que está sempre alí no salão. Então, creio que a mídia é sim a fonte deste ódio insano.

Responder

Cícero em 05/03/2013 - 20h37 comentou:

Cynara, como você bem o disse, se há meia-dúzia que o odeia, existem milhões que o amam. Na seara política, isso é perfeitamente natural. Nenhum, governante jamais conseguiu agradar a todos, durante todo o tempo…. Até J. Cristo foi (é) amado por uns, e odiado por outros.

Responder

paulo em 05/03/2013 - 20h51 comentou:

se você fosse corinthiana, entenderia melhor esse tudo isso 😉

Responder

    Fernando Romano em 06/03/2013 - 20h36 comentou:

    Falou tudo Paulo. Substitua "Lula" por "Corinthians" e verá que a insanidade é a mesma.

Roberto Melo em 05/03/2013 - 22h52 comentou:

Não diria que tenho ódio do Lula. fui Petista desde a a fundação, sai do PT em 2005, me sinto enganado, usado, pois nunca imaginei, que ele se apoiaria em tantas pessoas que repugnei, os coroneis do nordeste, Sarney, Collor, Calheiro e por fim, Maluf. Sempre fui contra assistencialismo barato e corrupção, e o PT se entregou aos prazeres mundanos, mudou eu, ou mudou o Lula?

Responder

luiz carlos em 06/03/2013 - 00h39 comentou:

Prezada Cynara,
Lamento te dizer que até psicólogos não estão livres dessa fobia pelo Lula. Tenho um amigo, psicólogo conceituado, que só falta babar de raiva. Me perturba a paciência mandando emails contra o Lula, o PT e a Dilma. Deleto todos, sem ler.

Responder

Vinicius Albuquerque em 06/03/2013 - 11h48 comentou:

Bom, casos patológicos certamente merecem atenção médica. Mas também, era só de se esperar que a reação contrária fosse de ódio e não uma argumentação bem montada. Afinal, faz-se política com as tripas, não com o cérebro – e o ex-presidente é um firme praticante dessa arte espúria. Como é que pode passar em branco o fato de quem em dez anos no poder, o Brasil não tenha entrado no ranking das potências em educação? Vá à UniABC e veja estudantes sem sequer prédio onde ter aulas. Como não ter ódio do discurso lulista de demonização da gestão anterior à dele, que deitou as bases para que ele pudesse ter com o que trabalhar – ainda mais sabendo que o PT foi sistematicamente contra o próprio plano real, alicerce da relativa estabilidade econômico-financeira em que o país se encontra? O partido que posava de paladino da moral inscreveu-se na longa lista de corrupção que esse país tristemente ostenta – como não despertar ódio assim? Em FHC havia corrupção? Certamente. Mas hoje temos internet porque a administração dele conseguiu desfazer a era jurássica em que esse país vivia em termos de telecomunicações. Como teria sido possível isso nas mãos de um partido que é virulentamente contra privatizar (claro, desde que o nome seja privatização; se for concessão, aí tudo bem)? O homem que trata brasileiros como filhos, visto como entidade mais que política, com a empáfia da pretensa sabedoria universal… imagine um colega de trabalho que tivesse essas características: não é esse o tipo de pessoa por quem costumamos ter ódio? Alguém que negue sistematicamente os próprios malfeitos, que demonizasse tudo que você faz perante o chefe ou os subalternos, que dissesse que nada se fez no departamento dele antes dele mesmo chegar lá… você não odiaria alguém assim? Alguém com a cara-dura do Lula, de só aparecer quando as opiniões estiverem todas domesticadas a favor dele e fugir quando os questionamentos incomodam, sumir quando precisa esclarecer… dá pra não odiar? Eu de minha parte certamente odiaria. Mas não odeio Lula; entendo que ele é uma fase no aprendizado desse país que vota há tão pouco tempo: nas próximas eleições, quem sabe, os eleitores estejam mais criteriosos e saibam reconhecer quem os está tratando como crianças e se recusem a serem tratadas assim – já que, acho eu, aprender a pesar se mais vale chafurdar no consumo e dane-se o país ou se seria melhor um pequeno sacrifício hoje, privando-se da farra do consumo a crédito (com conequências que ainda estamos para descobrir) em nome de um futuro rumo ao que um dia pode vir a ser a Suécia ou a Coreia do Sul da América Latina.

Responder

Rosário em 06/03/2013 - 13h12 comentou:

Paz plena…
Todo traidor sente o reflexo da traição…
Toda enganador sente uma imensa dor no coração…
Todo dissimulador sente que nunca errou e é o primeiro a ser enganada por sua dissimulação…
Nunca entendi as aposentadorias de anistiados ganhando mais do que quem trabalhou por 35 anos e pagou o teto máximo…
Quem assinou a lei das aposentadorias de anistiados? Não fui eu, pois nunca fui presidente…

Responder

Bárbara Tirzah em 06/03/2013 - 20h40 comentou:

Esse ódio insano mais me parece falta de senso crítico pessoal.
Utilizar o senso crítico da imprensa parcial para fundamentar a falta de inteligência política realmente deve ser estressante, visto que "nove entre dez" jornalistas se dedicam a criticar o governo lula.

Responder

Rossi em 07/03/2013 - 00h49 comentou:

O motorista do taxi deu a explicação:"Eu leio a veja e vejo a globo".O que fazem essas duas fontes a não ser destilar o ódio,inventar,distorcer,omitir,manipular.Nada de análise,a questão é puramente ideológica,manutenção de privilégios contrariados,reação da Casa Grande.

Responder

Lewis em 07/03/2013 - 03h07 comentou:

é o ódio de classes!

Responder

Felipe Martins em 07/03/2013 - 03h49 comentou:

Não sei se você lê os comentários Cynara, caso leia aqui vai: gosto do seu blog e da sua forma de escrita. Parabéns, continuarei por aqui prestigiando você…

Quanto ao Lula, penso que caso o ódio desferido contra o ex-presidente deva ser algo a ser diagnosticado e tratado, igualmente a defesa insana propalada por alguns também deve ser passível de estudo…

Votei em Lula nas duas eleições em que o mesmo se elegeu presidente… Mas, juro que eu cansei dele… Não o odeio, de forma, alguma, muito menos acredito que ele seja salvador da pátria… Leio Veja, Carta Capital, um pouco da folha, e acompanho muito o observatório da imprensa pra dosar as informações. Infelizmente, o que temos é ou um ataque feroz a Lula e ao PT, ou uma defesa até infantil ao mesmo. Ah, sim.. na maioria das vezes os ataques conseguem ser ainda mais infantis…

Se existe um Reinaldo Azevedo, existe um Paulo Henrique Amorim… Isso no campo jornalistico e intelectual… O povo mesmo está se lixando pra tudo isso… Está se lixando pra 2014, Dilma, Aécio, Eduardo Campos e Yoani Sanchez e sua ilha paradisíaca…

Quando Mino Carta fala com propriedade da Casa Grande e Senzala, eu consigo claramente ver Lula adentrando os portões da Casa Grande e em seguida tomando umas na Senzala… Quem é Casa Grande? A Globo e a Veja? Quem é elite? Apenas as famílias Marinho, Mesquita e Civita? Não cabe nesse bolo os congressistas, banqueiros ou o Eike Batista? Ele ficou bilionário em que época? Já era rico ou só enriqueceu mais?

Vejo com bons olhos as conquistas do PT… Vejo com tristeza o balcão de vendas de apoios e bancadas e tudo mais… Lula não precisa ser odiado. Já passei muita raiva com as declarações idiotas dele, votei nele, não votei na Dilma e gosto mais do governo dela do que o do Lula. Simples assim.

Paremos de idolatrias. Não é por que eu não gostaria de vê-lo como presidente outra vez que eu sou um alienado iludido pelo tal PIG… Mas alienado, na minha opinião, é quem venda os olhos e parte pra defesa ou ataques imbecis, sem nexo ou argumentos. Ou apenas os argumentos de sempre: "O povo não é idiota, 83% do povo está com a gente". Então, quem o PIG atinge? 17% da população? Isso muda o que?

No mais, acredito que sempre faz bem a reflexão.

Parabéns pelo Blog. Um abraço.

Responder

gusmão em 11/03/2013 - 12h26 comentou:

minha filha, olha só, votei em lula em todas as suas eleições, hj ele nao tem meu voto. nao precisamos justificar. após tantos escandalos que fizeram calar a boca que acusava deus e o mundo. Lula se acha acima da lei. será que vc nao percebe o nítido objetivo dele de tentar apagar fhc da história?? nunca reconheceu nehum mérito do antecessor. O pior pra mim, eleitor de lula, foi ler de seu marqueteiro oficia, as estratégias usadas na mídia e nas campanhas.Diante de qualquer crítica, lula aparecia como o nordestino descriminado pelas elites. sinceramente eu me senti meio idiota, justamente pq tudo contra ele acha-se que provém desse olhar, não que não houvesse discriminação, há sim, mas daí a ser um homem acima das leis é dose né??

Responder

oliveira em 11/03/2013 - 14h25 comentou:

Eu fico muito a vontade para fazer esse comentário,não votei no Lula no primeiro mandato,más logo de cara percebi que deveria te-lo feito,portanto é indispensável dizer por que votei no segundo e consequentemente na presidente Dilma.Trabalho em um local onde a predominância é de classe media alta, e esse tipo de comentário ,é frequente,infelizmente por questões comerciais as vezes me abstenho de contra argumentar. quero deixar bem claro que passei a admirar o ex. presidente e sua sucessora,isto não quer dizer que não vejo falhas em seus governos. Mas essa campanha difamatória,mentirosa,baixa,agridem meu bom senso e discernimento. O lula não é perfeito,nem a Dilma o é, más esse exagero,querer fazer acreditar que são os piores politicos que já passaram por lá é no minimo querer me tratar como um tolo,um débil mental,parabéns pela coragem de dizer tudo que eu queria dizer. Obs. a partir de hoje serei leitor de seu blog.

Responder

henriquealdias em 13/03/2013 - 07h56 comentou:

Ao meu ver, a coisa é simples. O brasileiro odeia corrupção, pois a mídia propagandeia nosso país como a terra dos corruptos.
A mídia associa fortemente a imagem de Lula ao mensalão, o qual eles dizem ser o maior escândalo de corrupção da nossa história.
Logo, aparecem os prafrentex xingando o ex-presidente e todo o povo que vota ou votou nele, ignorando todas as conquistas do governo Lula, por vezes até criticando-as com repetições das falas dos tucanos e da mídia elitista (mimimi bolsa esmola).
Estariam estes melhores se vivessem em um país governado por FHC e cia, ou quem sabe até por alguém do Arena, pois a ditadura não foi tão ruim como esses esquerdistas anacrônicos dizem, não é mesmo?

Responder

margareth rezende em 19/03/2013 - 11h54 comentou:

É DISSO QUE O PT GOSTA:

"Dilma prefere um
hotel de luxo à
bela embaixada

Hospedada desde domingo (17) no cinco estrelas The Westin Excelsior em Roma, para ver o Papa, Dilma e comitiva poderiam ter optado pela orientação de Francisco e economizado na ostentação dos cofres públicos, hospedando-se na magnífica embaixada do Brasil em Roma, o palácio Doria Pamphilj, do século XV. A diária na suíte mais simples, no Westin Excelsior, “hotel das celebridades”, custa cerca de R$ 6 mil.

Responder

Braz em 20/03/2013 - 14h27 comentou:

Quanto ao odio insano ao ex presidente, não vejo assim um caso para analise, mas a um povo que postou suas fichas em um individuo que acreditavam que mudaria a vida dos miseravéis e menos favorecidos, se vc for a região do nordeste do Brasil com certeza ele será mais popular, mas vindo ao sudeste sul centro oeste, tu verá que ele não é tão popular como se diz, ele expos uma imagem de coitado,de homem sofrido, que diz que sem ter estudo chegou ao poder( logico pelo povo que o venerou e acreditou que ele poderia mudar esse País)rsrsrsrsrrs mudou com certeza a conta bancaria dele…agora Eu em particular não votei nele, não tenho um odio desenfreado dele pois sei bem que a justiça DIVINA fará a parte dela sobre esse "ser",o que acredito que seja esse odio todo é que o POVO viu uma mudança, e tudo ficou do mesmo jeito e mascarado..saúde ( bem ele não usa a publica) educação comedia nesse País( os dele estudam fora do País? escola Publica kkkkkkkkkkkkk faça me rir), queria ver ele na fila do SUS para fazer o tratamento de cancer dele,( alguem acrediatria que ele estaria vivo? )então me diga qual a mudança substancial que foi feito no pais,em beneficio do POVO? haaa hj as pessoas podem comprar carro hummm 7, 8 anos pra pagar mas pode né…tem pessoas que conheço que tem carrão e mora em uma tapera…mas tenho carrão…temos bolsa gaz,bolsa familia…o bolsa sei la mais o que ( isso mais parece esmola) ( Cezar disse de pão e circo ao povo)que mudou bem não sei alguem pode me dizer? aquela transição de aguas do rio para o interior ja foi concluida? mas enfim a culpa não é dele pois que o elegeu sim é culpado, na verdade culpa de nós todos por permitirmos esse monte de corrupto solto e ganhando dos impostos que pagamos…. não sou anti lula mas sou contra esses que entram na politica pra ficarem milhionarios e o nosso povo continua a sofrer com saude, educação( estamos em primeiro no mundo nesse quisito certo?)é uma vergonha isso que acontece aqui em nossa maravilhosa terra…mas quem sou EU entre tantos que acreditam que ele é uma pessoa maravilhosa e sofrida….bem ficar aqui escrevendo sobre ele tbm não me agrada mas não dava pra não deixar minha opnião…….

Responder

Daiana em 23/03/2013 - 16h04 comentou:

George S. e Alan Leal, concordo com vocês e assino embaixo.

Responder

VLO em 31/03/2013 - 20h08 comentou:

Cynara, eu odeio FHC, não chego a desejar sua morte (a dele), como acontece com muitos que odeiam Lula, mas tenho um ódio visceral por FHC, por ter privatizado muitas de nossas empresas a preço de banana, com promessas vazias de melhoria do serviço, ter tentado privatizar outras como a Peterobrás, e, principalmente, por seu desrespeito pelas universidades públicas. Logo ele, um professor universitário! Não consigo olhar, nem ouvir esse homen. Se ele aparece na TV, mudo de canal, se fala no rádio, mudo de estação. Gostaria que ninguém mais falasse nele ou sobre ele. Seu governo foi danoso para o país. Que isso nunca volte a acontecer.

Responder

Rubin em 14/04/2013 - 17h51 comentou:

PERFEITO! Você expressou com total perfeição o que eu penso sobre o assunto. Permita-me repassar esse texto no FB.
Conheci seu blog hoje, voltarei sempre. ABS

Responder

Ulisses em 23/04/2013 - 03h05 comentou:

Vou tentar ser bem claro : o que enfurece a pobre criatura chamada humana, moderna, não é o fato de não ter todo o dinheiro que gostaria de ter, mas sim, ver que o seu semelhante, das classes inferiores melhorou de vida , mesmo que ele tb. tenha melhorado, mas como sabemos, o que motiva o lado negro da vida social é o prazer de se ver gente em situações muito piores que a sua. Descobri isto vendo o filme 'a noite dos desesperados" hoje.

Responder

Maria Medeiros em 23/04/2013 - 13h59 comentou:

Suponho que esse ódio, além de ser estimulado pela mídia con formação política deficiente, vém do complexo de vira lata que muitos brasileiros carregam. Acreditam que quem os representa bem tem de ser uma pessoa muito diferente deles, muito superior em intelectualidade e origem – é síndrome de colonialismo mesmo, ignórância, pequenês.

Responder

Alex em 23/04/2013 - 21h13 comentou:

"O que há com Lula para causar tal reação?"

… Em que Brasil vc esteve nesses últimos anos?
Acredito que, em paralelo com os psicólogos, um estudo com sociólogos seria de grande valia e mais abrangente, do que simplesmente avaliar a angústia de um cidadão impotente de ações, vendo tudo acontecer neste país enraizado de corrupção.
Sinceramente…

Responder

rochinhabreaknews em 30/04/2013 - 07h03 comentou:

É duro para a classe média e elite saber que um "nordestino",sem diploma,pobre,metalúrgico,líder sindical chegou a presidente do Brasil por dois mandatos e colocou o Brasil como 6° potência econômica mundial.
É duro e humilhante para eles saberem que Lula tem o respeito e o reconhecimento mundial.
É duro e humilhante para eles saberem que Lula o "pau de arara" agora está escrevendo no New York Times numa coluna mensal.E duro para eles reconhecerem que Lula o "analfabeto" elegeu Dilma e Haddad até então dois desconhecidos.AGORA O MAIS HUMILHANTES para todos estes canalhas que cresceram assistindo a Rede Globo,lendo a Folha,Estadão e Veja é que Lula em UMA SÓ PALESTRA POR MÊS GANHA O MESMO QUE UM EXECUTIVO MÉDIO EM UM ANO.
CHORA PERIFERIA__CHORA FHC_CHORA AÉCINHO NARIZ DE PLATINA__E FINALMENTE CHORA TODOS OS COMENTÁRIOS PRECONCEITUOSOS NESTE POST __

Responder

rochinhabreaknews em 30/04/2013 - 07h07 comentou:

Recomendo também a todos os leitores de Veja,Folha,Estadão e loucos pelo "ópio do povo" que é o Jornal Nacional este texto de Mino Carta da Revista Carta Capital.

Efeitos da pregação midiática

No princípio era e é a mídia. A primazia vem de longe, mas se acentua com o efeito combinado de avanço tecnológico e furor reacionário. De início a serviço do poder até confundir-se com o próprio, um poder ainda medieval de muitos pontos de vista, na concepção e nos objetivos.

Ao invocar o golpe de Estado de 1964, os editorialões receitavam o antídoto contra a marcha da subversão, obra de pura fantasia, embora os capitães do mato, perdão, o Exército de ocupação estivesse armado até os dentes. Marcha da subversão nunca houve, sequer chegou a Revolução Francesa. Em compensação tivemos a Marcha da Família, com Deus, pela Liberdade.

Há tempo largo a mídia cuida de excitar os herdeiros da Casa-Grande ao sabor de pavores arcaicos agitados por instrumentos cada vez mais sofisticados, enquanto serve à plateia, senzala inclusive instalada no balcão, a péssima educação do Big Brother e Companhia. Nem todos os herdeiros se reconhecem como tais, amiúde por simples ignorância, todos porém, conscientes e nem tanto, mostram se afoitos, sem a percepção do seu papel, em ocasiões como esta vivida pelo presidente mais popular do Brasil, o ex-metalúrgico Lula doente. E o estímulo parte, transparentemente, das senhas, consignas, clichês veiculados por editorialões, colunonas, artigões, comentariões.

Celebrada colunista da Folha de S.Paulo escreve que Lula agora parece “pinto no lixo”, cuida de sublinhar que “quimioterapia é dureza” e que vantagens para o enfermo existem, por exemplo, “parar de tomar os seus goles”. Outra colunista do mesmo jornal, dada a cobrir tertúlias variadas dos herdeiros da Casa-Grande, pergunta de sobrolho erguido quem paga o tratamento de Lula. Em conversa na Rádio CBN, mais uma colunista afirma a culpa de Lula, “abuso da fala, tabagismo, alcoolismo”. A cobra do Paraíso Terrestre desceu da árvore do Bem e do Mal e espalhou seu veneno pelos séculos dos séculos.

Às costas destas miúdas aleivosias, todas as tentativas pregressas de denegrir um presidente que se elegeu e reelegeu nos braços do povo identificado como o igual capaz de empenhar-se pela inclusão de camadas crescentes da população na área do consumo e de praticar pela primeira vez na história do País uma política externa independente. Trata-se de fatos conhecidos até pelo mundo mineral e no entanto contestados oito anos a fio pela mídia nativa. E agora assistimos ao destampatório da velhacaria proporcionado pelo anonimato dos navegantes da internet, a repetirem, já no auge do ódio de classe, as tradicionais acusações e insinuações midiáticas.

Há uma conexão evidente entre as malignidades extraordinárias assacadas das moitas da internet e os comportamentos useiros do jornalismo do Brasil, único país apresentado como democrático e civilizado onde, não me canso de repetir, os profissionais chamam o patrão de colega.

Por direito divino, está claro. E neste domínio da covardia e da raiva burguesotas a saraivada de insultos no calão dos botecos do arrabalde mistura-se ao desfraldado regozijo pela doença do grande desafeto. Há mesmo quem candidate Lula às chamas do inferno, em companhia dos inevitáveis Fidel e Chávez, como se estes fossem os amigões que Lula convidaria para uma derradeira aventura.

Os herdeiros da Casa-Grande até mesmo agora se negam a enxergar o ex-presidente como o cidadão e o indivíduo que sempre foi, ou são incapazes de uma análise isenta, sobra, de todo modo, uma personagem inventada, figura talhada para a ficção do absurdo. De certa maneira, a escolha da versão chega a ser mais grave do que a própria, sistemática falta de reconhecimento dos méritos de um presidente da República decisivo como Lula foi. Um divisor de águas, acima até das intenções e dos feitos, pela simples presença, com sua imagem, em toda a complexidade, a representar o Brasil em tão perfeita coincidência.

Responder

    evandro_epb em 27/05/2013 - 02h35 comentou:

    fantástico!

Pedro Sanches em 30/04/2013 - 13h02 comentou:

É muito simples. Esse sentimento vem da imensa frustração daqueles que sempre vislumbraram um fracasso no governo Lula (comparando o histórico acadêmico e social dele e de FHC). Mas, quando Lula governou, fez o melhor governo do Brasil dos últimos tempos. Não restando argumentação, resta o ódio, a insanidade, a compulsão, a necessidade de que se ignore o que foi feito para criar espaço para críticas e, assim, acalmar os ânimos daqueles que torceram para o fracasso do Lula.

Responder

Jose Lula em 01/05/2013 - 16h44 comentou:

textinho rasinho…
mas não dá pra esperar muito de um site cujo titulo seja socialista morena. rs

Responder

    morenasol em 01/05/2013 - 18h42 comentou:

    ou será raso você, que nunca ouviu falar do socialismo moreno? "rs"

Aquiles em 02/05/2013 - 02h10 comentou:

Não é um caso exclusivamente relacionado ao Lula. Na Venezuela, essa patologia também acomete os anti-Chavez, na Argentina os anti Kirchner, na Bolívia os anti Moráles, e assim por diante…

Responder

PedroAurelioZabaleta em 03/05/2013 - 21h50 comentou:

"O causo é que o NuncaDantes é filho de pobre, não é bom moço, não tem boa dicção, não estudou, não fala inglês, é um retirante nordestino, não tem boa estatura, não é elegante, não é bonito…
E apesar de tudo isto o desgraçado é muito mais inteligente do que eu, que tive bom colégio e sou bem comportado. Não só é infinitamente mais inteligente do que eu, como também foi muito mais longe. Tornou-se presidente do meu país, com aprovação esmagadora. Pior, é hoje uma referência na política mundial.
Assim não dá, isto não está certo. Isto subverte a ordem "natural" das coisas. Ele não pode ser mais do que eu, que tive muito mais oportunidades. Isto me ofende, me humilha. Toda vez que ele se sai bem, eu sinto como se alguém (em mim talvez, ou muitos alguéns externos) está me chamando de burro em público. Eu é que tinha que ser ele (mas não sou capaz). E eu não posso suportar isto. Ele não tem este direito. Por isso eu o odeio. Pronto, falei."
É só isso: não são capazes de admirar a superação e a superioridade de alguém que não foi favorecido pelo estabelecido. É inveja, muita inveja. Já foi catalogado.

Responder

Walter Frota em 03/05/2013 - 23h51 comentou:

Ódio idêntico é observado quando se menciona o nome de ACM. Você já observou? Não! Não porque muitos blogueiros sobrevivem com os recursos públicos que são distribuidos aos que elogiam o Lula!

Responder

thiago joao em 04/05/2013 - 03h53 comentou:

Mais uma vez você se junta a quem critica num argumento ralo e raso. Penso que deves confundir a beleza da sobrevivência na periferia como beleza intacta e inovadora. Triste. Essas pessoas não conhecem o Lula, mas você faz questão de dar o tom pessoal sem sequer perguntar por que essas pessoas não gostam dele. Quando não gostam, será porque quando o chorume do governo incomoda ele não se responsabiliza e nunca vê nada? Quando gostam, será porque se utiliza de obras assistencialistas (que devem existir, sim) e não faz questão de progredi-las porque as mantém em suas rédeas de um salário de 700 dolares, quando nem se deveria afirmar ser classe média? Lendo teu blog, recordo da época de colégio, quando recebia nota baixa nas minhas primeiras aulas de gramática, redação e literatura.

Responder

um ser pensante em 05/05/2013 - 20h51 comentou:

Hahaha adorei o artigo, embora me entristeça o tema. Bom ver que alguém expressou ainda melhor que eu aquilo que sinto. Críttica é uma coisa, não gostar, não concordar, até ter raiva, é normal. Mas o que essa gente sente é maior que é raiva, é uma loucura, uma histeria. Ás vezes pra testar pergunto pra pessoa qual é a opinião dela sobre o Geisel, Castelo Branco ou Hitler. Se ela não tem mais ódio desses do que do Lula, então não faz sentido nenhum. E ódio sem motivo é doença.

Os PiGaristas costumam usar o termo "esquerdopata", mas são eles que sofrem de Lulafobia.

Responder

Luiz Guadagnini em 05/05/2013 - 21h51 comentou:

Não adianta espernear. Aos poucos as pessoas estão se conscientizando que foram enganadas e ficam loucas de raiva mesmo.

Responder

lucianosousa em 08/05/2013 - 03h51 comentou:

Ainda bem que você se assume de esquerda. Assim não me resta dúvidas de que alienado não sou eu, já que tenho a mesma concepção do seu amigo taxista, e tão pouco assisto televisão e leio revista veja, coisas que fazem 1 e 2 anos respectivamente que abandonei de vez em minha vida.

Aposto que você acha super legal essa juventude à la UNE arrecadar dinheiro para pagar advogado para o José Dirceu e sua turma também, estou certo?

Responder

evandro_epb em 26/05/2013 - 05h36 comentou:

Não vejo dificuldade em entender esse ódio. Acompanhe. O FHC é alguém que ocupa um lugar pouco expressivo tanto na mente e nos corações dos brasileiros quanto no que diz respeito as suas acertividades políticas, mesmo tendo toda uma bagagem acadêmica e ter realizado o ritual da trajetória linear pregada pelos manuais do "homem bom". É esse sujeito escolhido pela direita para representar seus interesses, é esse mesmo homem que não emplaca e não dá certo. Ninguém ama FHC e por isso mesmo não instiga o ódio em outros. O Lula é o avesso disso, aquele homem que veio de baixo, chegou onde chegou e fez o que fez e a ganhar os corações dos brasileiros quando se esperava que ele se atropelasse nas suas próprias pernas. Ora pois, não é possível admitir o sucesso daquele que se espera ansiosamente pela sua queda. E a classe dos abutres não consegue suportar esse fato. O ódio de um é proporcional ao amor e a admiração do outro. A paixão de uns não é suportada por aqueles que estão do outro lado. Parecido com torcida de futebol. Saber que seu time perdeu é uma coisa mas ver a alegria e a felicidade descomunal do torcedor do time adversário gera dor, repulsa e ódio naquele que não compartilha da mesma idéia, ideologia, visão de mundo etc. Tamanho é o ódio que as pessoas realmente se matam a pauladas. O Lula é o ganhador de muitas taças, e os do time adversário nunca vão gostar disso e farão o impossível para quebrar, desfazer e apagar o mito que tanto lhes causa incômodo. Mas qual seria a origem psicológica, digamos, de não poder suportar a comemoração e felicidade alheia? Simples, é como escancarar o abismo que há entre um e outro, a felicidade alheia é o enxadão que cava a terra do hiato que há entre dois seres e que de outra forma não se poderia ver, e deixa evidente o desnível de posição entre o perdedor e o ganhador, é sublinhar as conquistas de um que é o mesmo que sublinhas as derrotas do outro porque nisso só há apenas uma mudança de referencial.
Quanto mais Lula acertar, mais amado será e tb mais odiado, pq a chave que abre a porta do amor tb abre a do ódio.
A mulher que confessa com o padre que odeia o Lula tem um tipo de visão do mundo que a faz entrar em parafuso quando pensa no Lula pq ele contradiz e derruba suas crenças, convicções; um nó se instala dentro da cabeça dela e isso lhe gera muita insegurança. O problema não está no Lula, está na visão torta dela onde o Lula não se encaixa.

Responder

Carlos Morelli em 03/06/2013 - 20h28 comentou:

Infelizmente vejo e me deparo muito com esse tipo de procedimento descontrolado, meu irmão mais velho, vira e mexe vocifera contra o maior estadista do mundo contemporâneo. Em contrapartida, adoro esse cara. Ele fez tudo que eu imaginava que um presidente poderia vir a fazer e ainda por cima qintuplicou minhas expectativas. Fez tanto pelo nosso país que não dá para se ficar falando aqui, acabaria o espaço permitido.
Mas acredito que, o que acontece com essas pessoas, realmente é a má informação com altas dosagens de ódio imbutido. Disfarçadamente provocam essa ira com pequenos trejeitos e meias palavras e sempre querendo dizer: "olha como você é engandao por esse metalúrgico" , "tá vendo como voce é burro".
Sabe-se e conhece-se muito bem o poder da mídia, mas isso que temos aqui já passou do limite e hoje somos um exercito muito melhor informado.
Eles não perdem por esperar, receberão o que plantarem. Óbvio.

Responder

augusto em 03/06/2013 - 20h47 comentou:

Aqui tanto para os odiadores como os admiradores, vai uma listinha dos mais emblematicos pensamentos e principios do inacio lula tsé tung:
"muito $$ na maos de poucos é desperdicio, pouco $$ nas maos de muitos é investimento"
"Teima, teima lula, que dá certo"
"A fome nao pode esperar". -"Faminto não faz revoluçao"
"Eu não sou de esquerda. Eu sou torneiro mecânico"
"Modernidade é poder comer tres vezes por dia"
e por fim:
"Eu não sei de onde vem tanto ódio"
ja pedi para a secretaria dele no Instituto publicar o Livro Vermelho de Lula.
Ela vai pensar no assunto.

Responder

augusto em 03/06/2013 - 20h50 comentou:

O prefeito de Macapa, luis vilhena eu acho, vai importar um cardume assim de medicos cubanos para seu municipio.Tambem promete eliminar o analfabetismo de la.
Metodo cubano.
"NAO importa a cor do gato. O que importa é que cace os ratos"

Responder

Renato em 07/06/2013 - 02h49 comentou:

Excelente texto da autora.

Responder

Claudio Hess em 11/06/2013 - 01h21 comentou:

Amo meu ódio ao Lula, mantém meu coração pulsando. Expulsa o marasmo!!
Quanto ao FHC, amo ele, e me apaixono especialmente qdo fala mal do PT! Contrabalança.
E já estou treinando odiar bastante a Dilma, calculo mais uns 4 anos dela e estarei à beira do colapso!
Entrementes, agendei a consulta a um psi do SUS, ali em meados de 2015.
Enquanto isso, leio Veja, Isto É, FSP, Samuel, piauí, entre outras very instrutivas.

Responder

Márcio Cândido em 11/06/2013 - 13h55 comentou:

Eu vou tentar simplificar: Lula representa o "pobre" que chegou ao poder. E ser pobre no Brasil, foi ao longo dos séculos (e assim é pregado até hoje pela mesma classe dominante) tido como OFENSA. Daí não é exagero dizer que "pobre odeia pobre". Não o pobre propriamente dito, mas aquele que tem pavor à pobreza. Uma coisa leva a outra.

Responder

Jujuba em 11/06/2013 - 23h21 comentou:

quem devia se tratar é quem ainda tem a coragem de admirar o Lula… fala sério!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Responder

Laís em 11/06/2013 - 23h26 comentou:

Acabei de conhecer o blog, e posso dizer que, para a minha geração, Lula foi a grande decepção da adolescência. Para os mais velhos que eu, o fim trágico de uma fase da nossa democracia recém-nascida. E aliado a tudo isso, o denuncismo "heróico" da mídia reacionária e oportunista, que cravou os dentes na jugular que bombeava o sangue de sonhadores em desenvolvimento como eu e tantos outros. Acontece que, com o revés, não houve avanço. Muitos escolhem e elegem o "homem" candidato, a personificação de um líder que vai guiar à nação a uma vitória épica, construído pela mídia e pelos marketeiros, desvinculado de qualquer projeto político.

Responder

Afonso Ladislau em 13/06/2013 - 18h54 comentou:

Cara Cynara,
Como jornalista, parece estar pouco atenta à psicologia social! Fernando Henrique, Fernando Collor…ou até mesmo qualquer um dos presidentes militares, o que os diferenciam do seu amado Lula, é o fato de pertencerem a uma elite da qual não podia-se esperar muito mais do que deram ao nosso país, diferentemente do querido Lula, do qual se esperava menos hipocrisia, politicamente falando, e maior prestígio junto às causas sociais, como saúde, educação, segurança….isso, só pra começar!

Responder

M.Siqueira em 14/06/2013 - 00h06 comentou:

O nome dessa doença é LULITE CRÔNICA! Mas a imensa maioria gosta de Lula assim como gosta de um craque do futebol. Lula é um craque da política, e a maioria gosta justamente por isso:gosta de ver um craque falando a linguagem do brasileiro, dando olê nesses políticos "normais"… e quando esse povo chega em casa e ver na TV falando mal de Lula, pensa: ô povo para viver falando mal dele… e nem leva mais a sério. Veja aí,. as eleições de 2012.. um banho do PT de cabo a rabo do Brasil. Os reaça ficam malucos… Lula pega um cara como Haddad, contra tido e contra todos, dentro do QG da oposição, e diz o homem é esse. e o elege ! É por isso que eles o odeiam

Responder

Karl Marx em 16/06/2013 - 10h54 comentou:

O ódio insano que a Classe Média (branca) tem do Lula é o mesmo ódio terrível que a Classe Alta tinha (e tem até hoje) por Evita Perón na Argentina… até hoje não pronunciam o nome dela: Aquella MUJER!!! Aqui no Brasil houve um ódio intenso da Classe Média (branca) contra Carmen Miranda. Mesmo antes de Carmen mudar-se para os USA, já havia uma animosidade contra ela partindo desse setor, mas o ódio se tornou avassalador quando começaram a aparecer os primeiros filmes norte-americanos, onde Carmen era 'vista' com 'empregadinha' dos yankees. Isso trouxe à tona um ódio imenso, pois a classe média (branca) brasileira se VIU RETRATADA na pele da 'empregadinha' que nem sabia falar inglês direito (taí mais um paralelo com o ódio da CMB contra o Lula). Carmen SENTIU o ódio dessa classe quando se apresentou no Cassino da Urca em 1940. Carmen, que não era boba, pois tinha crescido na Lapa, sabia com quem estava lidando, voltou p'ros USA e NUNCA mais voltou…

Responder

Noilton H Dutra em 21/06/2013 - 14h52 comentou:

O problema é tão simples: Um sujeito que veio de uma classe social mais baixa (como metalúrgico no ABC já tinha mudado de classe, pois já era classe média) que foi eleito presidente e mostrou a todos os "doutores" como se faz a coisa, é demais pros egocentristas de plantão, cuja admiração evoca a títulos acadêmicos e não à capacidade de liderança e discernimento.

Responder

Bruno em 23/06/2013 - 15h11 comentou:

Talvez a resposta melhor pelo ódio ao Lula é pelo fato de ele ter passado uma imagem que não era a real. Foi criada a imagem de que o Lula seria o "salvador" ou o "homem que vai enfim combater a corrupção enraizada na política". E não foi nada disso. Daí a sensação de raiva do povo, que se sentiu enganado. Já o FHC talvez nunca criou essa imagem de "eu serei o salvador da nação", daí não tenha despertado esse sentimento de raiva. Resumindo: FHC, assim como Lula, não foram exemplos de presidentes bons, mas o Lula veio carregado de rótulos de "salvador da Nação", atrelado a um partido igualmente farsante, mas foi um grande traíra.

Responder

maria em 23/06/2013 - 15h17 comentou:

parabens, voce e realmente muito lucida e corajosa. seus pais devem estar orgulhosos. eu estaria….

Responder

Alice Lino Elon em 24/06/2013 - 00h11 comentou:

Essa é uma questão que envolve interdisciplinariedade de conhecimento: antropologia, psicologia, sociologia.
Muitas pessoas precisam de ídolos, como as crianças precisam de um pai. É uma relação intensa, desenvolvem paixão pelo ídolo e quando este ídolo provoca frustração, o amor vira ódio. Essas pessoas criaram a fantasia que o Lula resolveria todos os seus problemas, e como isso não aconteceu, de super herói ele passou a vilão. Obviamente que os setores reacionários trabalharam para fomentar este ódio com todo seu poder financeiro aplicado no marketing contra Lula. (a famosa luta de classes).

Responder

André em 24/06/2013 - 01h20 comentou:

O ódio contra Lula é um tipo de neurose que nos mostra bem como a ideologia dominante brasileira funciona: o ódio contra indivíduos excluídos que passam a ter uma alta importância política para o Brasil são objeto de fúria abjeta e imbecil.Lula representa a política de esquerda , o povo trabalhador que muda o rumo da ordem social, que representa muita coisa ao mesmo tempo.Isso é objeto de ódio para muitos , desde o "homem comum " ao magnata.A elite brasileira , além disso, não quer ver-isso é importante observar-outro Lula na história brasileira.Mas haverá , sim, outros.

Responder

Clau em 27/06/2013 - 14h00 comentou:

A ignorância reina, eu tenho ódio é desses babacas. Gente que pede perdão no confissionário porque tem ódio do Lula? Fico pensando quais as outras confiencias dessa tal…

Responder

Paulo de A. Bergman em 28/06/2013 - 07h45 comentou:

Muito bem posto, Cynara. É uma patologia social habilmente construída pela mídia nativa contra Lula, que emblematiza como nenhum outro político o sucesso eleitoral do PT. Interessante é que, sendo uma doença desenvolvida no topo da pirâmide da cadeia alimentar, acabe por contaminar também segmentos bem menos favorecidos do sistema, quiçá os mais raivosos.

Responder

ze_ruela em 28/06/2013 - 19h37 comentou:

O Lula mente muito. Esse é o problema. Já vi ele falando que controlou a inflação no Brasil, falando que 'é de esquerda', falando mau do FHC assim como falam dele e ele não gosta. Acho que as pessoas atraem para sí o que elas emitem ao mundo e no caso do Lula, é isso que acontece. Ele se coloca numa posição onde as pessoas obrigadas a cultuá-lo, age como se cada cidadão devesse a graça de seu emprego para ele mesmo. E quem não se lembra da censura que ele impôs à imprensa? E essa patrulha ideológica que fica fazendo culto à personalidade dele? Elementos de ditaduras autoritárias… Enfim; ele tem mais problemas. Muitos mais e nem dá para falar aqui. Trata-se de um sujeito incapaz de admitir que errou, incapaz de mudar de opinião; mas é capaz de dizer olhando no seu olho, que se arrependeu por ter errado. Não vale entrar em termo técnicos aqui, mas fomos enganados por lula: o sujeito mais neo-liberal, falso e corrupto que poderia ter passado por essas bandas. Um verdadeiro flagelo.

Responder

    João Martins em 08/07/2013 - 18h50 comentou:

    Aqui está um bom exemplo do que é ter Ódio Patológico por Lula.

Ramon em 29/06/2013 - 23h34 comentou:

Hoje o acesso a informação é mais fácil, talvez por isso o FHC não foi tão odiado. É só colocar o Google seu nome que aparece: Lula confessa ja ter feito sexo com cabrita/lula comeu seu companheiro de cela enquanto teve preso/Filho de Lula virou um empresário bem sucedido da noite pro dia, etc. Entendo o povo!

Responder

katiusca em 05/07/2013 - 19h25 comentou:

O ódio a Lula da classe média é regado a preconceito, é irracional, obtuso e geralmente vem de pessoas que não estudaram historia e acham que fazer politica é só votar. É alimentado pela mídia e aí , o ódio de classe tipo , como pode usufruir da minha casa grande um originário da senzala ? este é disseminado por revista tipo veja que é levada até para escolas como se fosse a voz da verdade….,juntando a manipulação constante da rede Globo ,que persegue Lula desde a época da disputa com Collor,,mais as redes sociais onde varias vertentes direitistas navegam e postam slogans contra Lula e Dilma ,partilhadas diariamente até por gente que a gente pensava que era como a gente….gerou esta obsessão ,que não aguento mais ver e nem ouvir , sinto asco….e uma certa vergonha alheia por tanto fascismo …..

Responder

Carlos Francisco em 10/07/2013 - 00h34 comentou:

Duas correções. 1- Se 51% admiram o ídolo ex-sindicalista, isso não impede os outros 49% de vaiar esse ídolo,ainda mais sabendo que o mesmo nada faz a não ser autopromoção com o dinheiro daqueles que o vaiam,que o admiram e dos que passam fome. 2 – Não chega a 1/3 os que admiram Lula( veja % de votos na última eleição). Ou seja, 2/3 o odeiam ou são indiferentes, maioria de não-admiradores do ex- maior enganador na presidência.Getúlio foi mais popular.E fez de verdade.

Responder

Carlos Francisco em 10/07/2013 - 00h40 comentou:

As Tvs comem na mão do Lula.Estão refens com medo de medidas administrativas e das tentativas de controle da imprensa e censura.Restam as revistas que são lidas pela elite. Como a mídia incentiva o ódio a Lula ? Acho que o ódio à Lula é o mesmo de quando vemos a massa idolatrar coisas de baixa qualidade.Sobe um ódio… Não odeio políticos mentirosos.Faz parte da política mentir.Odeio quando acreditam nele.

Responder

Raquel de Bareu em 01/08/2013 - 17h36 comentou:

Já passei por muitas situação como a descrita na crônica. Já rompi com familiares e "amigos de longa data" por conta desse ódio inexplicável contra o Lula. Aqui em Santa Catarina, até pessoas muito, muito pobres, odeiam o Lula. Eu juro, não entendo até hoje porque tanto ódio. Eu achava que era ódio de classe, mas como tantos odeiam o Lula, sendo que eles estão representados na história de menino e jovem pobre, na figura do Lula? Será que os pobres não querem se ver no Lula? olha, acho que é caso para a psiquiatria se debruçar e tenho certeza que vai ser difícil encontrar diagnóstico e tratamento.

Responder

M.M em 01/08/2013 - 21h10 comentou:

Isso é coisa de gente que acredita que pobreza pega!

Responder

Maria em 02/08/2013 - 11h59 comentou:

Se todos anti-Lula forem se tratar com psicologos vai faltar psicologos no pais!!!

Responder

Cintia em 02/08/2013 - 15h18 comentou:

é preconceito !!! Só isso !

Responder

lizio_s em 03/08/2013 - 11h36 comentou:

Lula é odiado por ser oportunista de um Plano que condenara. Além de se aliar com outras hienas históricos como o PMDB e Ruralistas.
Lizio

Responder

Laura BV em 06/08/2013 - 02h03 comentou:

Socialista morena, me diverti com este post sobre o ódio insano a Lula. Ocorre algo parecido na Argentina, com os "portadores do ódio anti-K", uma espécie de neurose com sintomas semelhantes aos do taxista que espuma pela boca. Mesmo com a grande populaçao de psicanalistas que eles têm por lá, nao estao conseguindo dar conta dessa epidemia! Um abraço, Laura

Responder

Flávio Luiz Sartori em 06/08/2013 - 15h41 comentou:

Li o texto acima sobre o ódio ao Lula e cheguei a conclusão que só pode ser o sentimento de inveja que existe em uma parcela, felizmente muito minoritária, da população. Recentemente tive uma experiência de ocupar um cargo de poder por alguns meses na administração pública. Uma imensa maioria de pessoas amigas se mostraram de certa forma até lisonjeadas com a minha conquista, mas uma minoria, inclusive até alguns que eu pensava que eram amigos, demonstraram uma reação muito estranha e agressiva inexplicável em relação a minha pessoa. Isso foi muito frustrante para mim e até hoje me pareceu difícil de compreender.
Acho que quando certas pessoas alcançam o poder e ja pertenciam a setores abastados financeiramente, ou seja eram ricos, isso não causa tanto impacto como quando uma pessoa que vem das classe trabalhadora, ou seja é mais pobre, chega ao poder ou "sobe de vida".
Até existem falas populares para explicar isso, vocês se lembram quando nossos avós diziam que "quem tinha nascido pra vintém não chegaria a tostão"?

Responder

Marcelo em 06/08/2013 - 19h20 comentou:

Não é necessario um psicanalista nao. O problema é extremamente simples. é So cataloga-lo como passional. O Fernando henrique era um estranho que nao conheciamos e que fez cagada, o Lula é o cara em quem confiavamos, que colocamos dentro de casa, que adotamos como parente, e tambem fez cagada, passamos entao a odia-lo.Provavelmente as duas pessoas que a Cynara consultou eram ex-petistas apaixonadas.
Neurose é justamente o contrario, admirar tanto a ponto de ignorar tudo o que foi feito de errado, mas essa ja deve estar catalogada com o titulo de "sindorme de mulher de malandro!" kkkkk

Responder

Dulce Alvarenga em 06/08/2013 - 20h52 comentou:

Nunca vi um texto tão real, pois tenho um cunhado aposentado, ex-metalúrgico da CSN, que tem ódio insano do Lula. O interessante é que ele tb é filiado ao PT , já foi candidato a Vereador, é bem informado pois, apesar da baixa escolaridade, lê muito e é casado com uma professora. O mais interessante ainda é que ele SEMPRE teve esse ódio do Lula. Sempre disse para ele (tb sou filiada há anos) "isso é inveja" e ela aumenta cada vez mais, pois a velhice cristaliza maluquices tb, assim como as virtudes.

Responder

Horridus Bendegó em 06/08/2013 - 23h26 comentou:

Isso é só a expressão limite de um sentimento irresignado de preconceito puro, que começa nas origens de Lula (o significante do estereótipo sertanejo/nordestino é inaceitável até como significado do estereótipo mais trivial do brasileiro); passa pela forma de como sua vida decorreu (retirante pau-de-arara imortalizado só se algum personagem de Vidas Secas); passa por sua profissão (metalúrgico só se for para falar errado em propaganda de montadora); e chega a atuação sindical (barbudo de sindicato alude à revolução cubana, ou Deus nos Livre) e ter chegado à Presidência do Brasil e reeleito é dose cavalar para bestas preconceituosas!

Responder

nemomaxime em 07/08/2013 - 00h04 comentou:

Este tipo de ódio é patológico, é uma doença chamada Síndrome de Stephen.
http://sindromedestephen.blogspot.com.br/2013_06_

Responder

André em 07/08/2013 - 12h50 comentou:

O ódio contra Lula, além de baseado numa ignorância política tremenda alimentada em grande parte pela mídia como bem colocado nesse artigo, demonstra algo muito mais perverso que permeia grande parcela da população de classe média no Brasil. É um sentimento de preconceito de classe, típico da mentalidade pequeno burguesa dessas pessoas. Tenho minhas críticas ao Lula, embora tenha votado nele minha vida toda, mas ainda o considero o líder político mais progressista desse país. Embora muitos neguem, o preconceito e o racismo são muito latentes no Brasil, por vezes camuflado, mas é algo inegável. Na primeira oportunidade, essas pessoas destilam todo seu ódio principalmente contra negros, nordestinos, indígenas e homossexuais, ao passo que um branco e de "procedência" como FHC, pode cometer as maiores barbaridades do mundo que passam incólumes diante da opinião pública dos pequenos burgueses. Falta formação política decente para essas pessoas. a formação delas é nutrida diariamente pelo veneno da grande mídia.

Responder

Ana Cristina em 07/08/2013 - 14h30 comentou:

Na minha opinião ,o que ocorre é que essas pessoas não tem opinião alguma ,elas fazem parte de um fenômeno chamado ECO ,diante de alguma frustração dela com o governo que até pode ser legitima afinal nunca vai se conseguir agradar a todos elas ouvem alguém vociferar de forma intencional ,sabendo que esse fenômeno vai acontecer e aí começa o processo doido eu faço o ECO e o outro e outro e os comentários acabam virando verdade ,O Lula é milionário por roubar ,é o criador do mensalão e por ai vai ,a grande verdade é que o nosso povo não esta preparado para Democracia ,não sabe como usa-lá a maioria nem sabe em quem votou na ultima eleição e aí fica mais fácil cobrar do Presidente que tem mais visibilidade e sem falar na questão política onde os envolvidos estão andando para o desenvolvimento do país o que interessa é o poder nosso da cada dia.

Responder

Matosalém Freitas Jr em 07/08/2013 - 19h18 comentou:

O ódio (poderia ser amor ou qualquer outro sentimento) não é natural, pois para ser natural precisaríamos de causas, causas essas baseadas em fatos da realidade. A realidade dos governos Lula é positiva. Poderia ser melhor, muito melhor sem dúvida, mas foi de progresso para quem pensa o Brasil e os brasileiros. Houveram erros e omissões (que pode ter ferido alguns), mas teríamos desaprovações quanto ao homem-presidente a frente de um governo. O que temos em parte da sociedade em relação ao Lula é na esfera da pessoa humana, fora da esfera política, logo é irracional. Ódio irracional, plantado ao longo do perpétuo martelo da mídia batendo na bigorna do mau-caratismo. O que leva as pessoas e abrirem mão da racionalidade, de deixarem de pensar para serem pensados: o preconceito e a ignorância (dois pilares de sustenção da midia nativa).

Responder

Daniel Cortes em 07/08/2013 - 19h18 comentou:

FHC nunca disse "ta pra nascer nesse país alguem que possa discutir ética comigo".
Tambem nunca disse "estamos pertos atingir a perfeição na saúde publica nesse país".
Assim como "a saúde tá tao boa que até dá vontade de ficar doente".
Nem "fizemos mais pela política externa nos ultimos 5 anos que os outros nos ultimos 500".
FHC nunca ficava se auto-elogiando todo o tempo. Nao tinha essa magalomania. Sempre reconheceu os méritos do Lula, enquanto a recíproca nao é verdadeira.
Talvez isso mostre um pouco o porque disso.

Responder

Gabriel Borges em 07/08/2013 - 20h05 comentou:

Ahh a mídia, essa mídia elitista de direita, alienadora que não sabe que o capital é do mal. Esse "ódio" ao lula que o blog aponta com certeza é gerado pela midia manipuladora, e não por ele ter sido um dos homens mais corruptos do Brasil, e o filho dele hoje ser um dos maiores latifundiários de MT e GO (Já passei em frente fazendas dele, não foi a midia que me contou isso). Coitado, ódio injustificado esse.

Responder

FernandoU em 07/08/2013 - 22h12 comentou:

Eu sinceramente não acho que a autora desse pequeno texto leia os comentários, mas mesmo assim vou comentar.
Para dessa sua ignorância esquerdista de achar que tudo é culpa da mídia, e que se alguém odeia o Lula é porque a mídia influenciou, porque pelo seu texto dá a entender que uma pessoa que não gosta do ex-presidente ou é influenciada pela mídia ou é louca.
Tenho 25 anos e não assisto muito televisão, sou mais da Era da internet, leio só o que quero ler. No entanto(contrariado a tese que você defende), não sou esse fã do Lula, simpatizo com algumas coisas que ele fez, mas nem tudo. Você, petista, que criticou o taxista ao vê-lo ficar enfurecido ao falar mal do Lula chegou até a dedicar parte do seu tempo e da sua página apenas para expor sua opinião, também de revolta assim como a do taxista e da senhora de Brasília, do fato de alguém não gostar do seu presidente preferido. E aí, você não precisa de psicanalista também?
Surpreendente como existem tantos lados em relação ao PT. De um lado os que odeiam, e de outro os cegos, que não sabem nem de 1% do que se passa entre quatro paredes aqui no congresso. Que brigam pelos partidos e no fim do mês levam no rabo por um salário miserável. Assusta-me ver os alienados criticando o PT e falando mal do PSDB, sem nem saber direito o que se passa. Tanto os alienados do PT, como os alienados do PSDB, assim como os alienados de qualquer partido, só fazem contrubuir para a atual situação da política nacional. Um que rouba no mensalão e os bonequinhos controlados por cordas que dizem ser conspiração, outro que desvia verba do metrô e mais uma vez os bonequinhos fecham os olhos. Esses bonequinhos só servem para dar o voto no dia da eleição, só!
Eu me surpreendo em ver a Carta Capital dando crédito para alguém que escreve tantas asneiras. Tá certo que uma revista deve buscar cada vez mais leitores, diversificando seu conteúdo, mas tudo tem limite.

Responder

tania aguiar em 08/08/2013 - 01h28 comentou:

EU vou pro pau… pena que tenho problema de voz. Outro dia tava no mercado e uma riquinha aqui do meu bairro começou a falar alto e mal do Lula. FUi pro pau, chamei de mentirosa. Sorte que uma moça veio me ajudar e começou – "que é, tá com raiva porque domestica agora tem direito? Que foi?!" E por ai afora. A mulher se calou na hora. Eu vou andar com o artigo do codigo penal que condena de 3 meses a dois anos de prisão quem cometer infamia, injuria ou difamação, vou entregar copia na mao da pessoa e pedir para filmar. Arre. Vão se lascar.

Responder

    Marcel em 03/09/2013 - 21h18 comentou:

    Isso aí legal a tal democracia de esquerda, stalin e castro "encinaram" direitinho!

    Jusel em 09/09/2013 - 22h45 comentou:

    Que fanatismo….!! Mais uma adepta do São Lula….

André em 12/08/2013 - 20h34 comentou:

Essa galera da esquerda ia estar feliz da vida sem o Fernando Henrique Cardoso, ele foi só o criador
Plano Real. Iam estar vivendo num mundo caótico, com uma inflação que sobe e desce de hora em hora. Resultado: coisas incontáveis para reclamar nesses sites de esquerda que não fazem nada, a não ser defender partidos com ideais populistas, que falam muito, e fazem muito pouco, mas tiram muito, isso é fato. Meu Deus, ficar defendendo um tipo malandro como o lula. Vocês que se acham certos, e únicos por defender ele, nada mais são do que uma cópia dos defensores do Maluf na década de 90.

Responder

Maristela Kosinski em 13/08/2013 - 12h00 comentou:

Segue então uma análise psicanalítica não LEIGA

Maristela Mello Kosinski

http://ilpcsp.blogspot.com.br/2013/06/texto-de-si

Responder

Marco Abreu em 15/08/2013 - 20h19 comentou:

Cynara você realmente apoia o mensalão e todas as proezas de um presidente babaca e autoritário você realmente é uma IDIOTA

Responder

    Marco Abreu em 15/08/2013 - 20h21 comentou:

    ok espero que minha opinião não seja ofensiva para vocês obrigado

Cacá Ahmadi em 17/08/2013 - 06h08 comentou:

Não é somente ao Lula. A Dilma tb e qualquer figura ou partido de esquerda. E dão os argumentos mais toscos possíveis.

Responder

ATILA GUERREIRO em 21/08/2013 - 04h16 comentou:

VOTEI NO LULA CONTRA COLLOR, VOTEI NO LULA INSISTENTEMENTE ATE ELE SE ELEGER, NAO TENHO CARRO NAO TENHO CASA PROPRIA NAO SOU BURTGUES VIVO DO MEU TRABALHO, TENHO AUTOGRAFO DO LULA GUARDADO NA GAVETA ATE HJ, GUARDO PRA QUEM SABE NUM ENCONTRO FAZER ELE ENGOLIR O AUTOGRAFO,ESTE ODIO VISCERAL VEM DA DECEPÇAO, DA ROUBALHEIRA , DAS MARACUTAIS DAQUELE QUE CARREGOU A ESPERANÇA DE MUITOS,E TRANSFORMOU O PAIS NO PARAISO DAS FALCATRUAS, PT NUNCA MAIS LULA JAMAIS,QUE O BRASIL RECUPERE A SUA DIGNIDADE BANINDO ESTES BANDIDOS DA POLITICA .

Responder

    Felipe em 08/10/2013 - 13h57 comentou:

    Vai se tratar: vc tem claramente o transtorno

    Odete em 01/03/2014 - 22h43 comentou:

    Você já foi contaminado pela Veja, Globo e Folha. Quais provas você tem disto que está falando? Transformou o país no paraíso das falcatruas??!!! De quem você acha que está falando? Das privatizações do FHC? Dos paraísos fiscais do Serra, filha et caterva. As falcatruas já existiam muuuuuuito antes de o Lula ser Presidente. Continuaram acontecendo não por causa do Lula, mas por tantos picaretas tradicionais da política que infelizmente não tem como defenestrar. Mas que muita coisa moralizou com o governo Lula, com a polícia federal investigando realmente, diferente da gestão anterior. PS – respondi ao seu comentário, mas não acredito em uma vírgula do que você berrou (caixa alta) no seu comentário. É mais um coxinha insano que sempre odiou tudo o que é povo e vem do povo.

Osvaldo Cruz em 22/08/2013 - 05h46 comentou:

É simples…
Tem um pouco de tudo. Preconceito (nordestino, analfa, fala mal, corinthiano, sem dedo, ex-metalurgico, ex-sindicalista, Ptista, populista, etc, etc)
Para os coxinhas é lavagem cerebral da mídia.
Para as elites é aquele que pode tirar privilégios (vc é "amiga" de sua doméstica até o dia que ela faltar para ir ao manicure – Um absurdo!).
Para os mais pobres é aquele que nunca quis trabalhar. Político só de casaca e com fala bonita.

Responder

Insurreição Treze em 24/08/2013 - 13h22 comentou:

Quem confiou no lula sabe muito bem quem ele é.
Covarde, manipulador, falso, criminoso, torturador, praticante de lavagem cerebral, etc.
Sinto muito por vocês.

Responder

Sandra De Conti em 26/08/2013 - 00h28 comentou:

Concordo plenamente com este texto!! E manifesto aqui a minha indignação! Tem muita gente no meu Facebook também falando em ódio, só ódio, nem eles sabem porque! eu acho que essas pessoas são do tipo fanáticos pela globo, tipo religião, a globo fala e eles acreditam sem pensar, Pois não é possível tanta insanidade!!! Tem médicos dizendo que o PT odeia a classe. Isso também pode ser medo, medo pois tem muita gente saindo da pobreza, tem muita gente indo para a faculdade, tem muita gente com acesso a informação, tem muita gente andando de avião, e tem gente que acha isso um absurdo, que este tipo de mordomia é só para alguns.

Responder

Jusel em 09/09/2013 - 19h01 comentou:

Lula ao assumir esqueceu tudo que pregava…Se aliou com Sarney, Collor, Renan Calheiros, Maluf e outros que ele tanto criticava…Era conivente com a corrupção…Criou o mensalão…Tá bom ou quer mais???

Responder

Marco Tullio em 09/09/2013 - 19h33 comentou:

Creio que a questão não é o Lula como pessoa, e sim como homem público que por décadas acusava os governos o os políticos de serem os picaretas.
Bastou os incautos colocá-lo no poder para ver quem realmente é: O MAIOR DOS PICARETAS.
Levantava a bandeira da honestidade, do caráter, do trabalho, da honra e de tudo mais que é louvável, e no fim deu no que deu: A MAIOR PICARETAGEM.
Se fosse igual aos tantos políticos e governantes anteriores com suas demagogias baratas e cansativas, poucos o odiariam tanto. Mas a pior coisa é ser falso e não ter caráter, ou melhor ter caráter como o dele.
JAULA NESSE PICARETA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
O POVO NELES!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Responder

Krishnamurti em 12/09/2013 - 01h35 comentou:

Já catalogaram:
http://esquerdopatia.wordpress.com/2013/03/08/esq

Responder

José em 24/09/2013 - 23h11 comentou:

O ódio imposto ao Lula é simples. Talvez se o Lula tivesse nascido na tão famigerada elite, ele não ganharia o ônus do enriquecimento ilícito. Ver o senhor ex-presidente ocupar um esquadrão de um dos homens mais ricos do Brasil é suscitar dúvidas acerca desse caminho.

Responder

Vera Oliveira em 30/09/2013 - 22h49 comentou:

Mas também existe gente que o AMA muiiiiito …eu!!!!

Responder

alexandre em 02/10/2013 - 00h10 comentou:

Nada mais revolucionário do que um conservador na oposição e nada mais conservador que um revolucionário no poder.

Responder

Víctor em 02/10/2013 - 07h51 comentou:

Cara Morena, acredito que o ódio do povo é tão natural e compreensivo como o de qqr pessoa que sentiu traída por alguém que lhe tinha inspirado tanta confiança e alimentado seus sonhos (até sua 1a eleição apenas sonhos de idealista). As "traições" teriam se dado em momentos precisos: 1- manutenção da velha estrutura política e seus preceitos (modelo de desenvolvimento econômico, privatizações, matriz energética, desenvolvimento cultural, etc): 2- Consolidação da forma"esmolas" ao invés de mudanças profundas: pra racismo-cotas, pra pobreza- bolsas; 3- Ter esquecido que as "minorias' no Brasil não são só os pobres, ms aqueles que tem um poder e protagonismo ínfimo nas decisões políticas, e 4- (Talvez o pior de todos) Ter "empurrado" a Dilma como sua melhor sucessora. Eu particularmente não sinto ódio, nem raiva, nem rancor…apenas uma tristeza, uma melancolia. Até ele ser reeleito, eu acreditava de vdd que valia a pena ter esperança, sonhar com um país verdadeiramente democrático, com educação de qualidade, em saúde pública eficiente (vivi em muitos rincões do Brasil, falo por conhecimento de causa), no fim das cotas (até então aceito por todos pq era "apenas o início" de uma transformação profunda). Enfim, jogou em mim aquele baldão de água fria dizendo: "camaradinha, foda-se em quem vc votar (PMDB, PSDB, REDE, PT, DEM…) a base não mudará e a política do café com leite só se modernizou para a política do "SOJA COM BÍBLIA". Abç. Víctor

Responder

Veralucia em 05/10/2013 - 22h22 comentou:

Bem, diante de tantas doenças catalogadas no mundo moderno desde as inúmeras neuroses e transtornos obsessivos e bipolararidade, poderíamos bem catalogar o ódio ao ex-presidente, que alias é dito assim, como se ele fosse ainda o presidente, como "viroselulismo", afinal tal sintoma toma conta de determinadas pessoas e acaba por contaminar muitas outras também desprovida da capacidade racional e intelectual, de ao menos se dar ao trabalho de buscar informações em fontes diversificadas e confiáveis e mais ainda exercitar o senso critico e uso do próprio cérebro e inteligencia e não ficar repetindo como papagaio de pirata tudo que uns e outros afetos dizem para incentivar ódio mortal aquele mais mudanças e promoveu a ascensão social a grande maioria dos desfavorecidos dessa terra. Sabemos essa é a maior de todas as contrariedades de uma classe social que não suporta a igualdade e justiça, a menos que seja pra eles próprios. Enfim é preciso que a mídia séria e comprometida com a igualdade, liberdade e justiça cumpra o papel de manter o povo bem informado com imparcialidade e veracidade até que muitos daqueles que sequer compreendem seu ódio a Lula venham enfim ter noção de sua insanidade, despropósito, cegueira, e falta de inteligencia em seguir opinião alheia. É isso!!!

Responder

Carlos Castilho em 07/10/2013 - 01h30 comentou:

Quem melhor profetizou esta síndrome foi Chico Buarque numa entrevista à Folha de São Paulo. Lá ele já dizia que os senhores de engenho já não toleram que o escravo permaneça na casa grande. É hora de voltar para a senzala, mas quem tiver um mínimo de consciência, nem precisa gostar do Lula, basta apenas ser sincero e verdadeiro. Com sua chegada ao Poder a vida do pobre melhorou substancialmente. Era só isto que queríamos. A direita reacionária entocada nas redações endereçam diuturnamente seus canhões contra ele, mas nós somos a sua garantia, seu testemunho.

Responder

Abel em 07/10/2013 - 01h52 comentou:

É um ódio de classe – mesmo quem não pertence à dita cuja classe acaba absorvendo o ódio da mesma através dos grandes meios de comunicação. Mas, realmente, é uma coisa doentia e que assusta. Deve fazer um mal tremendo ao fígado…

Responder

Marinalda em 07/10/2013 - 02h17 comentou:

Acredito que essa ira insana com o ex presidente Lula se aproxima muito daquela que os negros sofrem, sobretudo aqueles que destacam em áreas que não sejam de esporte, música, carnaval, pagode, como a medicina por exemplo.

Responder

jose bernardes neto em 07/10/2013 - 18h42 comentou:

Esse ódio insano e neurótico ao ex-presidente LULA só tem uma explicação: " Preconceito bestial"…..Aliás, a elite raivosa, rancorosa e a mídia golpista não aceitam que o ex-presidente LULA fez um ótimo governo beneficiando a classe pobre que é maioria de nossa Nação, até porque o queridinho deles "FHC" só governou para essa elite preconceituosa e para essa mídia nojenta…

Responder

Fábio de O. Ribeiro em 07/10/2013 - 21h49 comentou:

Quando o objeto de fixação neurótica dos anti-lulistas desaparecer, em pouco tempo muitos passarão da euforia histérica à depressão aguda. E alguns certamente cometerão suicídio acreditando que poderão assim poder perseguir Lula na outra vida (admitirei aqui, para fins científicos, que eles tenham tido uma vida entre os vivos). Outros, os casos mais graves, começarão a sofrer delírios persecutórios e impetrarão um HC no STF, com pedido para o Gilmar Mendes livrar-lhes da perseguição lhes imposta pelo fantasma do falecido Lula.

Responder

Jean Carlo V Dias em 08/10/2013 - 14h25 comentou:

Pelo visto o autor deste texto deve receber um bolsa família. É "cumpanheiro" do presidente analfa ladrão e corrupto.

Responder

orlando catanduva em 10/10/2013 - 16h58 comentou:

Se as pessoas que gostam do Lula fossem a maioria, ele não teria vencido as eleições que venceu somente no segundo turno. E se ele fosse tão amado assim, Dilma não teria vencido também no segundo turno da eleição.

Responder

HelioGP em 14/10/2013 - 21h57 comentou:

A mídia golpista tem um papel decisivo no, digamos, "cultivo" dessa psicopatia. Cito como exemplo a rádio Jovem Pan AM de SP, no auge das manifestações de junho, mais especificamente no dia 21/06/13, deu voz a vários desses psicopatas, e às 14:24h (registrei no meu twitter), uma senhora idosa da Zona Norte da capital disse, entre outros impropérios, que Lula é um "vagabundo analfabeto desdentado que infelizmente só perdeu um dedo".
Usam uma concessão pública para espalhar o ódio.
É este tipo de gente que temos que denunciar e combater (com lucidez) todos os dias.

Responder

Maria em 18/10/2013 - 10h48 comentou:

Há comentários nos corredores da vida privada que o PT INSTITUCIONALIZOU a Corrupção (vide mensalão). Porque o Brasil não tinha corrupção no alto poder do executivo antes do Lula… porque Collor e PC Farias nunca existiu.

Eu vejo dois tipos de ódio quanto à Lula. O ódio Revista Veja, que são daqueles que empenam as tochas contra o Lula por causa de sua política mista de distribuição de renda/ neo-liberalismo, enriquecendo os extremos e deixando a classe média com menos status e privilégios… mas também vejo o ódio da decepção, isso salvaguardado aos antigos petistas. Eu até aceito essa, já que foi realmente decepcionante ver o partido a qual você tanto lutou ao lado tornar-se tão fisiologista e corrupto quanto aqueles que você odeia.

Responder

Bibiana em 20/10/2013 - 21h30 comentou:

Não gosto do Lula, mas não lhe tenho nenhum ódio, inclusive fui uma das suas eleitoras, do primeiro mandato. Nunca teria votado nele, não fosse a esperança de mudança, que, nem preciso dizer, foi malograda, com requintes de perversidade. Horror e total aversão tenho é ao ex-presidente Fernando Collor de Melo, desse não dá para falar, sem alteração do sistema nervoso ( e também da sua comparsa, Zélia Cardoso).E olha que não retiveram nenhum dinheiro meu.

Responder

Odivio Neto em 21/10/2013 - 00h31 comentou:

Creio que tanto ódio possa está relacionado também pela decepção causada pelo Lula e o PT ao trair o seu discurso político de mais de 2 décadas antes de chegar ao poder em 2002. São muitas as traições e por último temos a venda do petróleo do pré-sal do campo de libra para as empresas internacionais dia 21/10. Mentiu para chegar ao poder e continua mentindo para permanecer no poder. Assim, tornou-se igual aos outros políticos e partidos (Lula e PT). E as pessoas que fazem isso é justamente aquelas que não aceitam mais essa política corrupta e atrasada mantida pelo PT e seu Lula! Um exemplo: Lula em 2010 fez o diretório nacional do PT obrigar o PT do Maranhão a apoiar a reeleição de Roseana Sarney, quando os militantes do PT decidiram em congresso do partido apoiar o candidato Flavio Dino do PC do B. Não odeio Lula, mais também não tenho nenhuma admiração por ele.

Responder

Jeferson em 21/10/2013 - 01h22 comentou:

Sou do que espumam,

Ei!, vc do texto ou é muito burro , ou torce pela falência do Brasil, ou tem muito mas muito dinheiro que pode pagar uma fortuna de impostos, para serem roubados e depois vc vai ao US viver, e não tem filhos ou netos e nessa pocilga. o cara que sente alguma coisa pelo lugar onde nasceu no minimo faria uma vaquinha para mandar , , esses caras pro inferno, já que homens não estão em extinção não farão falta.

Responder

Youseff em 22/10/2013 - 06h54 comentou:

Estou conhecendo melhor seu site agora, porque já tinha uma péssima impressão sua, por ser muito incoerente e fraca na argumentação, tomando um baile dos reaças de dar vergonha a qualquer esquerdista que se preze.

De qualquer forma, o ódio a Lula se assemelha ao ódio ao FHC, só que infinitamente maior, porque este não vendeu peixe por lebre como Lula.

Hoje o PT vendeu o Brasil para a China e os comunas assistem silentes, engolindo a seco o que sempre condenaram.

Responder

Marcelo em 25/10/2013 - 18h49 comentou:

É só avaliar a adesão em massa que o Collor teve, e os argumentos que eram dominantes: que era preparado; que falava mais de dois idiomas…etc etc…e assim em relação a FHC…os brasileiros , alguns claro, odeiam o fato de ter que se enxergar no rosto do Lula, e um Lula bem sucedido! Não é esse o Modelo de Herói que o brasileiro foi condicionado a apreciar. Já a Classe dominante o odeia…porque queria que ele fosse como Lampião, ou seja, um fora da lei, para poder fincar a cabeça do Lula na praça pública e deixar bem claro qual é o lugar do Zé Povinho. sustentei um debate desses com o Gerente de A&B do Restaurante onde trabalho: ele ficou vermelho e quase infartou, mas não dei trégua …quase mato o homem defendendo, não o Lula, mas o caminho que estamos seguindo: cotas – pac – moderação nas privatizações – manutenção do bolsa família etc.

Responder

Helder em 25/10/2013 - 19h30 comentou:

Não vejo diferença entre o ódio a Lula e o ódio a Serra. Se a Veja fascista chega promover uma enquete sobre qual seria o apelido que melhor qualificava Lula, e ganhou Ali Babá, o site do PHA faz igual ou pior com Serra. Lula foi presidente e é normal o amor ou o ódio. Já o ódio ao Serra é mais inexplicável, pois esse nem presidente foi.

Responder

Henrique em 26/10/2013 - 02h24 comentou:

Os odiadores de Lula costumam odiar também a psicanálise. Fica difícil.

Responder

vagner de oliveira em 28/10/2013 - 21h12 comentou:

Olá,bom não sei bem quando esse texto foi postado,encontrei ele por acaso e o li com todo o cuidado. Antes de mais nada gostaria de dizer que tenho uma visão politica diferente, mas que leio coisas da esquerda para poder ter um real noção desta linha de pensamento, outra coisa que gostaria de deixar claro é que em nenhum momento irei usar palavras ofensivas, isto é apena suma discussão no campo das idéias. Logo de cara você se diz socialista de esquerda, logo falar algo contra LULA e seu governo seria um tanto conflitante, vendo também que você gosta dele, ok, até ai nada de mais, eu sinceramente não tenho tais sentimentos, acredito que o mais é a verdade e não o ponto de vista sobre os fatos, muita gente odeia o LULA porque ele rompeu com o povo que o elegeu, já que pregava uma coisa, mas no final das contas fez outra. Eu mesmo gostaria que ele fosse um bom presidente, isso seria muito bom pra mim e pra todos, apesar de a grande maioria dos brasileiros serem incultos existe e reside uma certa sabedoria, sabedoria esta que sabe quando alguém esta falando a verdade ou não, certas nunces perceptíveis no modo de fala r e agir, além das pessoas que as cercam. Durante o seu governo muitas coisas realmente melhoram, porém seria necessário fazer uma revisão justa o por que tudo isso aconteceu, quais o fatos que levaram a esse crescimento, o ódio que as pessoas tem por ele é válido, pode não ser justo, mas somente daqui a algumas décadas poderemos fazer tal juízo de valor, este ódio é tão válido quanto a devoção de alguns, e tudo isto, por ter um valor subjetivo e não pode ser questionado em nenhum dos dois pontos, afinal cada um sabe o que é melhor pra si. Morena uma sugestão que faço é que lute pra que os maus que fazem parte da esquerda sejam expurgados, assim como faço do meu lado, para que o bem seja feito pra todos. Muito obrigado e estou a disposição para uma nova conversa.Vagner Carlos de Oliveira – Proletáriado

Responder

Marcial em 04/11/2013 - 08h29 comentou:

Cynara, vc leu o livro "A Cabeça do Brasileiro"? Este livro explica claramente o ódio insano ao melhor presidente que o Brasil já teve no período pós-ditadura. Resumindo a explicação (que é beeeeem mais profunda do que esse breve resumo), a resposta é uma só: inveja. O brasileiro, desde que o mundo é mundo, foi alimentado com a frase "cada macaco no seu galho", ou seja, para ser presidente, governador, ou qualquer outro cargo, a pessoa precisa ter grana, ser formado no exterior, ou coisa do gênero. Aí chega um nordestino, pobre e sem estudo ao maior cargo do país. Isso gera revolta e sensação de que as coisas estão "fora do lugar". A mídia aproveita e deita e rola em cima disso. Pronto. Tá feito o caldeirão de cozimento do Lula. Felizmente, como você diz, somos a maioria que gosta dele. Mas experimente dizer isso no Facebook (que eu chamo carinhosamente de PSDBook) ou em qualquer outra rede social…
Parabéns pelo blog e pela página na internet.

Responder

    Fernando em 05/11/2013 - 03h35 comentou:

    Odeio o lula porque ele tirou a possibilidade de mudar o pais quanfo existiu o mensalao, apos isso ninguem mais pode ser honesto no pais. Porque se o pt que era honesto mostrou que so se faz politica assim, ninguem mais poderia ser, votei no pt por muito tempo e hoje infelizmente estou triste e desiludido, mas diferente de muitos daqui, pra mim politica nao eh futebol onde a paixao encegueirada faz pessoas inteligente e honestas defenderem os maiores absurdos… Muito triste…

Joubert Oliveira em 10/11/2013 - 23h01 comentou:

Preconceito puro! Ele é nordestino, retirante, sem instrução e não é branco, isso deixa as "elites" desesperadas e com muita raiva, eles pensam, como esse "nordestino retirante" conseguiu fazer tanto? Isso deve doer muito!!!!

Responder

Edmir Figueiredo em 11/11/2013 - 22h12 comentou:

Se pensarmos em nossa História republicana, independente do Império, todos nossos Presidentes eram oriundos de "boas" famílias. Até mesmo Jânio Quadros, que a ideia comum remete a categoria de professor, não o era. Assim o médio brasileiros se acostumou a "obedecer" quem lhe é superior, com ideia de que com afinco chegaria ao mesmo patamar, e se não chegasse, ele tentou, já que esta classe é diferenciada. Agora, esse nordestino fdp não tem nenhuma credencial para o poder, ele acaba com a minha teoria de que, se não cheguei, é porque esta classe é realmente diferenciada. Então tenho que revisar minhas ideias, mas como reconhecer que não cheguei porque não consegui. Onde vou por minha ideia de direcionamento social, de uma elite preparada que comanda. Não isto não é possível, não posso reconhecer isto, e quem é o culpado disto é ele, este nordestino sem eira nem beira que desafiou minhas crenças positivistas. Então meu ódio não vira às minha mazelas, mas a quem as desconstruiu. Não importa se a mídia hoje fala de empresário que pagavam propinas para manter a corrupção, pois os culpados são os políticos. Como a mulher que se oferece ao estrupo. Essa é a lógica brasileira. Essa é a lógica desta classe média.

Responder

castro em 11/11/2013 - 23h49 comentou:

"Nunca vi alguém ficar tão alterado ao falar do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso."
As pessoas que não APROVARAM o GOVERNO FHC, são politizada e por isso consegue separa o HUMANO do POLITICO, as pessoa que odeiam o LULA são eleitores de CABRESTO são CONDUZIDOS.

Responder

Bob 'mecânico' em 13/11/2013 - 12h43 comentou:

Notem que os socialistas de praticamente todos os matizes promovem de uma forma ou de outra o ódio de classe, de categorias, etc.

Sobre a questão de que a esquerda brasileira diz sobre o ódio a Lula, não é verdade, são criticas e opiniões. Agora por que não dizem também a promoção que fazem de ódio ao governo de FHC e ao PSDB? Afinal de contas esse partido e aliados e o seu governo deixou uma herança bendita ao governo petista. É preciso honestidade intelectual para dizer isso e quais foram esses pontos que pavimentaram a avenida por onde o PT e aliados desfilaram. É preciso dizer que estão chutando o pau da barraca do Plano Real, e agora uma coisa está ai viva em nossa cara que é a INFLAÇÃO.

Responder

João em 13/11/2013 - 15h59 comentou:

http://www.escandalodomensalao.com.br/indice.php

Segue 21 razões para odiar o Lula pelas coisas que ele fez.

Posso citar outras 21 para odiá-lo pelas coisas que é e fala por aí.

Responder

sergio em 14/11/2013 - 00h04 comentou:

aceitar que um ex-operário tenha feito um governo que transforma tão profundamente um país é difícil. significa se libertar dos dogmas de 500 e tantos anos de elite no poder. é difícil se desvincilhar de tudo o que isso representou. e requer alguma reflexão mais aprofundada. o que é raro hj em dia.

Responder

Petista em 15/11/2013 - 03h01 comentou:

Moro numa cidade em que mais de 70% do povo é assim. eu sou petista desde que nasci e conheço pessoas que tem esse ódio irracional desde que lula era somente um candidato a presidente e esse ódio também se transfere a mim. Gostaria de que acabasse que além de ser algo triste, é impensável, faz mal a pessoa e a todos!

Responder

Ulisses em 18/11/2013 - 15h53 comentou:

creio não tratar-se de algo explicável pela ciência, vejo em sua descrição algo mais sério, pessoas sendo tomadas pelo ódio, a ponto de desejarem o morte de um cidadão que por suas ações, certamente, livrou milhares de pessoas do limbo da miserabilidade e desesperança. Eu acredito tratar-se de uma força que transcende nossa humanidade. Deve ser o tal mal que se personifica e que se apossa destes com o visceral ódio que se tem dos salvadores. rss
São pessoas más e muito mal informadas.

Responder

Wagner em 24/11/2013 - 05h54 comentou:

o cara é um inerte! são 12 anos de governo que vão-se em 2014 pra o lixo. Governos falsos, sem conquista alguma, só esbórnia e comentários futebolísticos. nem há o que comentar, não é ódio, é aversão ao comportamento medíocre mesmo. E viva o comunismo que vai tirar os ociosos do charco e por o trabalhador a serviço dos poderosos. Esse é o Brasil do retrocesso.

Responder

Fernando Pires em 28/11/2013 - 14h17 comentou:

Eu não tenho ódio ao Lula. Me reservo o direito de não gostar dele e de seu partido!
O PT hoje é um covil de bandidos. Vejam na Itália, um senador foi cassado tão logo condenado e esgotado todos os recursos de que dispunha. Aqui não! Depois de 8 longos anos chicanes e mais chicanes, os PTistas condenados no mensalão, são elogiados pelo Sr. Lula. Estamos juntos. Uma pessoa que se prese, que porventura tivesse a ombridade de ser correto, jamais se colocaria ao lado de um bandido. Ele é mentiroso. Pagou a dívida externa….tomando dinheiro na banca nacional triplicando a interna. O FHC pode ter seus defeitos mas se tivesse roubado, duvido que o PT como oposição deixaria barato. E se tem defeito que lhe cobrem que lhe processem, mas se coloquem no seu lugar. Não justifiquem suas falcatruas com a falcatrua do outro.Vocês acham justo, o Brasil sem saúde, sem estradas, sem educação perdoar dividas de ditadores africanos. Mandar dinheiro para o Maduro. Trazer médicos cubanos para trabaharem em regime de escravidão aqui. ( Não podem viajar, não tocam no dinheiro que vai para Cuba na maior parte).
Me poupem. Um cara que é analfabeto por opção.

Responder

Seven Lush em 01/12/2013 - 15h02 comentou:

Para começo de conversa a postagem fala de "neurose", mas põe como imagem a foto do filme o Iluminado que na realidade sofre de um surto psicótico. Ou a pessoa que postou é ignorante e não sabe a diferença entre neurose e psicose, ou agiu de má fé ou pior ainda: nunca viu o filme!! Não é necessário apelar para rede Globo, Veja, Estadão para falar mal do PT minha cara "Morena socialista". Que tal apelar para os próprios petistas??Só tenho uma coisa a dizer: todo ódio insano ou não, seja lá por qualquer pessoa, não é um sentimento plausível, virtuoso ou moderado (muito menos sadio), entretanto toda frustração política é o cimento social pelo qual a raiva e a crítica moral perpassam não de forma isolada, mas de forma consequencial, afinal houve e algum momento quebra do suporte fático entre ideologia, sentimentos e perspectivas… No caso de LULA os exemplos são ambulantemente correlacionados com o discurso da hipocrisia que preencheu durante a crise ética petista ( o Mensalão) Ver http://www.youtube.com/watch?v=Qj-w3i9_hpQ & http://oglobo.globo.com/pais/noblat/posts/2012/10…. Nesse vídeo o até então presidente pede DESCULPAS para o povo brasileiro pelo seu governo e pelo PT. ora se não houve corrupção então porque as desculpas???? Se ele não sabia de nada por que se sentiu tão culpado (esse discurso para raiva dos petistas não foi encomendado pelo Fantástico não, mas si pelo próprio PT) . O viés do rótulo e do estigma sofrido pelo PT e LULA foi as razões e motivos que a falência ideológica entre discurso, análise do discurso e realidade proporcionaram. E quem fez isso? O PT, O LULA e sua base aliada!!! Mais uma prova disso é o revanchismo de Dirceu ao criticar também o LULA: http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/politica/notici…. Quem não se lembra que o Próprio aliado Ciro Gomes chamou de aloprados os escândalos envolvendo os petistas ??? Pois é, basta olhar para a própria sujeira para ver o tamanho do nojo! Agora quanto aos esquerdofrênicos, analfabetos funcionais, ou doutores, digo o seguinte: você vivem em um delirante e permanente "Estado de Teste Rorschach": quando analisam a esquerda falam mais de vocês mesmos e dos seus medos do que de qualquer outra coisa!!

Responder

Camille em 02/12/2013 - 21h06 comentou:

Estou que nem consigo ver essa gente … começa a dizer besteira … eu me afasto …. penso nessa gente no meio de uma guerra como a Civil Espanhola e vejo o quanto são perigosos … dispenso esses "amigose conhecidos : " alguem assim raivoso e ignorante não quero proximo… nem vou dar meu dinheiro , nada mesmo…

Responder

Haertel em 03/12/2013 - 01h23 comentou:

Acredito que nossa sociedade cultiva o conceito de sucesso sempre associado a uma bela formação acadêmica. Um belo berço onde o bem nascido começa desde a mais tenra idade a estabelecer as conexões que irão lhe abrir as portas para o sucesso num futuro que se projeta super dourado. Como resultado disso se constrói a imagem de uma figura polida, bem educada, profunda conhecedora do vernáculo nativo e quem sabe de mais uns dois ou três países do primeiro mundo que deverão avalizar o sucesso desse príncipe tupiniquim. Entretanto, o destino, esse ente cruel, se encarregou de inverter aquilo que tanto se preza neste elitizado (?) país. O tal príncipe que mudou o país e ficou marcado na história do mundo contemporâneo é a antítese daquele sonhado pela "elite" brasileira. Moldado para ser sabujo virou príncipe enquanto o "príncipe" virou sabujo.

Responder

CatiV em 03/12/2013 - 14h44 comentou:

Acho que muita gente acreditava em Lula justamente por ele ser pobre e representar minorias. Nao acho que seja preconceito de uma senhora catolica odiar mais a lula do que a proprio diabo. Acho q do mesmo jeito que as pessoas que nos magoas sao as que mais importam, Lula foi uma desilusão tao grande aos olhos de certas pessoas que gerou o sentimento oposto.

Responder

Rafael Costa em 03/12/2013 - 20h13 comentou:

Tem um colega meu que tem ódio do PT, quando perguntado o porque baixa o belzebu, os olhos ficam vermelhos, e ele espuma gritando "É um bando de ladrão, filho da puta". Não desenvolve mais que isso. É reflexo do estímulo-resposta nas mídias de massa, quanto mais se propaga o ódio com matérias que beiram ao rídiculo como a VEJA, pessoas que não refletem são automaticamente infectadas com essa doença.

Responder

Gilson Raslan em 04/12/2013 - 03h19 comentou:

Cynara, imagine uma pessoa pouco politizada e com tendência oposicionista, assistindo, todos os dias, ao JN falando mal de Lula e de seu governo. Não dá outra: é ódio, ódio e ódio;

Responder

riva em 07/12/2013 - 00h25 comentou:

Hoje (06/12/13) a Folha Online publicou uma matéria em que a Fernanda Lima diz que o que a impede de fazer carreira internacional, entre outras coisas, é a 'barreira do idioma'. Na hora pensei: se fosse o Lula que tivesse dito isso, seria chamado de ignorante pra baixo. Mas como se trata de uma global queridinha da mídia…

Responder

Luiz em 08/12/2013 - 14h10 comentou:

História totalmente forjada. Vejo muitas pessoas inventarem histórias para utilizá-las como amostragem e tentar comprovar suas teorias. Me poupem disso. A propósito, Lula é um canalha e não um herói, mas estranhamente somente os esquerdistas não veem isso. Será também isso uma neurose epidêmica? Antes que alguém utilize esse comentário como amostragem para "comprovar" o texto acima, eu não tenho ódio do Lula, apenas o considero um ladrão, como muitos outros que estão soltos por aí.

Responder

Cleto Guedes em 09/12/2013 - 01h10 comentou:

Segundo a mídia, se Lula assumisse o governo, o Brasil viraria uma Cuba, iria tomar as terras dos grandes fazendeiros, dar calote no FMI e a balela de sempre. A direita adoraria se ele fizesse isso, a esquerda radical exigia que ele fizesse isso. E Lula começou seu governo convidando para presidente do Banco central, pasmem, o mesmo do governo FHC. Lula conseguiu descontenter os dois lados, não chutou o balde, como queriam uns e exigiam os outros. Pronto, milhões de inimigos…..dos dois lados.

Responder

Arduini em 10/12/2013 - 07h23 comentou:

Só duas palavras justificam esse ódio: Analfabetismo político! O povo vota nos candidatos às escuras e depois os odeiam.

Responder

Luciana em 21/12/2013 - 20h19 comentou:

Bem, se ele lê a Veja e o Globo então tá explicado, né, gente?

Responder

Rodrigo Caruso em 25/12/2013 - 18h32 comentou:

Isso aqui não tem lógica. É apenas um *culto* de ódio ao "ódio de Lula". Insanidade propagada e desinformação emocional. Qualquer argumento lógico é destratado como "ódio" de completamente emocional e logo após floreado poeticamente exaltando um Super-Lula. Super-pessoa essa que as pessoas colocam cegamente a mão no fogo de uma forma a qual adultos sabem que não se deve arriscar por ninguém. Dados reais são sobrepostos por uma conversa sentimental melódica. Um abraço à todos que comentaram, mas tenho um mundo real, com necessidades reais, para voltar e tentar melhorar enquanto essas fantasias acontecem.

Responder

Ciro Messias em 27/12/2013 - 12h22 comentou:

Acredito que o brasileiro de classe média sofra ao ouvir falar de justiça social (o que eles insistem em chamar de assistencialismo). Quando os porteiros de seus prédios chiques (muitas vezes nem tão chiques assim) tem condições de passar férias nos mesmos lugares que eles, é de causar um calafrio. Já ouvi gente falando que não vai mais para NY pq sua empregada doméstica também irá pra lá.
Morro de pavor das reações que nosso ex-presidente causa nessas pessoas que foram "cegadas" por uma anti-propaganda que mostra as realizações desse governo, e ainda assim fazem disso um problema.

Responder

Emilio em 02/01/2014 - 15h44 comentou:

É a lei de I.Newton : toda ação tem uma reação igual k e contrária. Semeas o ódio terás mais ódio.

Responder

Horridus Bendegó em 05/01/2014 - 17h25 comentou:

No meu trabalho só tenho dois colegas que não sofrem desse distúrbio mental.
Sendo admirador de Lula só fico um pouco irritado quando um desses irascíveis anti-Lula dizem generalizando "que ainda tem idiota que vota nesse ladrão do Lula"!
Aí, apelo para meu refrão: "esses moços. pobres moços, ah, se soubessem o que eu sei"

Responder

Brasil em 21/01/2014 - 20h03 comentou:

Babacas em geral, pelegos potenciais, pau mandado de todas as facções e quadrilhas organizadas tudo isso tem o comandante supremo Lula (O Molusco) que nunca vai saber de nada exceto por onde entra a verba em suas contas correntes.

Responder

Anderson em 22/01/2014 - 09h57 comentou:

Sensacionalismo TOTAL da Senhora, nunca vi essa tal "neurose a ser catalogada pela psicanálise" contra o ex presidente " LUIZ Nunca antes na historia desse país".
A historia da velhinha kkkk, dava para inventar uma mais convincente nehh
O PROBLEMA COM O LULA É UM SÓ, trair tudo que pregava, defendia, sua ideologia, se torna quase um Tucano de Vermelho!

Responder

Daniel em 24/01/2014 - 00h55 comentou:

Meu Deus, vocês são totalmente ridículos! Não acredito no que estou lendo. Poderia te dar dezenas de razões para odiar este jumento grotesco. Querer compará-lo com o FHC foi demais! Não vou perder o meu tempo porque, obviamente, vocês são doutrinados. Pelo amor de Deus, cresçam! Esta história de mídia das Zelites já encheu o saco, não cola mais. Perguntas: Que mídia é essa que "não gosta" do Lula? Eles não gostam dele de graça? A troco do quê? A Economist, quando fala que o Brasil perdeu o rumo, também foi comprada pelo tucanato? E, além do mais, vocês estão falando da mesma mídia que o PT usava e abusava pra vociferar contra o governo, quando eles eram oposição? Nessa época eles não eram inimigos da mídia não, viu! Talvez, vocês crianças imaturas, não se lembrem, mas eles viviam nos mesmos jornais e revistas que agora chamam de "zelites" jogando pedra em todo mundo. Agora que a imprensa descobre o que eles fazem a culpa é de quem dá a notícia e não de quem faz? Tenham um pouco de vergonha de serem tão babacas, pelo amor de Deus! Precisa de psicanalista para explicar a cegueira auto induzida de vocês, isso sim. E eu vou dizer mais: Odeio o Maluf, mas votaria nele contra o PT. Só não vou fazê-lo porque agora eles estão do mesmo lado.

Responder

    Joubert em 30/01/2014 - 14h16 comentou:

    Desculpa, mas só posso sentir pena do senhor. Acho melhor procurar um psiquiatra URGENTE!!!

Joubert Oliveira em 30/01/2014 - 14h14 comentou:

Tenho quase certeza que todo esse ódio é por simples inveja, muitos "intelectuais" NUNCA chegarão aos pés do Presidente Lula, por isso essa raiva toda. Essas pessoas que se acham "superiores" e que não fazem parte do "povo, são as que sofrem mais. Só posso rezar e sentir pena por elas, mais nada, pois é difícil explicar que aquela capa da Forbes e uma montagem, a fazenda não é dele e que o super jato não é do Lulinha, aff…….

Responder

chico em 30/01/2014 - 20h22 comentou:

O ódio só alimenta o que a de ruim em um ser,cujo espaço vital detém ao seu potencial mais que sobre-humano,em um determinado tempo e lugar,somos vivos e realistas quando a crueldade está a corromper os desejos mais ardentes e vis do homem.Sobre tal coisa que aferre os sentimentos mais brutos e medonhos são causas venenosas e ásperas que destelham o poder de quem as detém no seu máximo apogeu de virtude,que soslaio eterniza e marte-la na cabeça de quem aferre a brutalidade e a própria insanidade ao máximo da brutal reação que deixa aflorar do seu destemido pujante processo de injuriar o que tanto se deseja e como abstém estes desejos, ou o próprio ódio que suscitamos a alimentar e a nutrir com receio venenoso.

Responder

cfsalvador em 05/02/2014 - 22h25 comentou:

Não sou psicólogo e nem psiquiatra, mas, penso que uma das razões é a tal da inveja mesmo. Eles invejam o Lula por ser uma pessoa vinda das camadas mais simples ( e desprezadas), e que até o Obama reconheceu como "O cara!".
Contrariou todas as previsões de fracasso feitas pelos "sangue azul"; como ele pode superar o seu modelo de governante? (FHC, sociólogo, culto, um príncipe, etc…).
Lula sofre o preconceito desse povo metido, eles fracassaram e não admite um Lula que fez tanto e continua em alta.

Responder

Rafael em 14/02/2014 - 02h43 comentou:

Adorei seu texto, ele me fez lembrar a maravilha que o Brasil está, e a Copa coisa boa, pra mim o mensalão é tudo invenção da Globo e do STF, a sim, e todo aquele pessoal da direita são tudo uns analfabetos políticos.E pra terminar eu penso que o que define um qi de uma pessoa é se ela é de direita ou esquerda.

Responder

bardepolitica em 27/02/2014 - 23h56 comentou:

Sinceramente heim.
'
Duas histórinhas bem da mal escritas a do "taxista boa praça" e da "velhinha bondosa".

Nem vou me alongar no comentário. Somente mais um. Quanto ao "somos a maioria" (que gostamos do Lula) não se esqueça que FHC ganhou em primeiro turno duas vezes. Lula nenhuma. 😉

Abraços,

Responder

Carla em 01/03/2014 - 19h46 comentou:

Eu posso estar enganada, mas acredito que o ódio ao Lula não é exatamente só por ele. Envolve questões como ódio ao PT, o grande problema é que a maior parte das pessoas encaram partidos políticos, como times de futebol e existe uma verdadeira torcida pró ou contra o partido. Não é novidade que o PT é amado ou odiado, e não há meios termos, um adepto a um partido, salvo raras exceções, costuma crer que tudo o que aquele partido faz é da mais absoluta certidão, as pessoas em geral, não entendem que os partidos devem e nós também, preservar pelo bem estar geral. Já ouvi coisas do tipo: "Ah o Lula ou a Dilma ganhou, espero que o governo dela/e seja uma bosta". Jesus! Eu não votei neles porque discordo de certas políticas, mas eu não espero que seja um governo ruim, muito pelo contrário, eu torço pra morder minha língua e tais governos me oferecerem serviços de qualidade, desenvolvimento, boa projeção no cenário internacional, enfim, como brasileira, espero que a maior parte da nação tenha acertado na escolha de seus representantes. Mas infelizmente veremos com certa frequência essas reações, pois ainda fazemos parte de uma sociedade facilmente manipulada e muito despolitizada.

Responder

LUIZ EDUARDO em 01/03/2014 - 19h57 comentou:

Cynara, seu artigo e sua conclusão foram excepcionais, digna de ser colocada num quadro e pregado na parede.
Realmente é doença, contudo a relação com Lula é de ódio e amor.
Deve sr o custo de 80% de popularidade.
Salve e Viva LULA.

Responder

Andre Brasil em 02/03/2014 - 20h02 comentou:

Acho fascinante verificar empiricamente, através dos comentários, a verossimilhança do texto

Responder

Roberto em 05/03/2014 - 22h41 comentou:

Sinceramente eu não entendo, se alguem não consegue concordar com nada que o ex-presidente faz é doente, o individuo que acredita piamente e abre mão do senso crítico em função de uma posição politica é normal? Não adianta fingir que existem pessoas perfeitas, NENHUM presidente nunca acertara em 100% das suas atitudes assim como é impossivel que erre em todas também.

Responder

Sidney em 06/03/2014 - 11h48 comentou:

Quer dizer que todas as promessas de honestidade e trabalho, comparados aos roubos, corrupção, incompetência, cabides de empregos, empréstimos há países corruptos, compra de votos com dinheiro público, investimentos em Copa do Mundo, enquanto a saúde, educação e segurança estão cada vez pior, não contam? É simplesmente ódio ao Lula? É doença ser contra tudo o que está ocorrendo, é culpa de quem não admite e tenta reagir de alguma forma? Não nos esqueçamos de quem foi o Lula e o PT em época de oposição. Promovendo greves e quebra-quebras por todos o país.

É muito fácil defender o Socialismo vivendo em país capitalista e se beneficiando de todas as suas vantagens. É fácil ser um líder socialista, quero ver fazer parte do povo que vive em regime socialista de verdade.

Responder

Mauricio em 09/03/2014 - 21h38 comentou:

Este ódio todo pelo Lula tem uma explicação bem simples. Eu não gosto nada do nosso ex-presidente, muito menos do seu antecessor, porém há um agravante muito sério no caso do Lula: As pessoas apostaram muito nele, apostaram que seu passado de luta pelo direito dos trabalhadores refletisse em uma limpa no senado, na politica em geral. Ninguém esperava que ele se tornaria um cumplice de toda corrupção, mesmo que a celebre frase fosse verdade "ele não sabia de nada", ainda assim, seu poder sobre o país era o maior, ele era o presidente, nunca fui presidente, nem nunca serei, mas uma coisa era certa, mesmo que ele fosse uma marionete, ser uma marionete não era aceitável para um ex-representante do povo.

Responder

jose em 12/03/2014 - 22h48 comentou:

Besteirol puro, quanto leva para tentar santificar tal individuo, já vi muitos comentários, mas tentar justificar por ele sair da "classe operária" se é que se pode dizer isto, ser nordestino, tentar implantar o socialismo"comunista", dai vem esta historieta de burgues é contra, mas ´so porque sempre procurou diminuir seus antecessores, usurpando idéias e ideáis como sendo seus, resumindo falta de dignidade e enriquecimento ilícito ao meu ver é normal para quem defende estes supostos representantes do povo.

Responder

ronan em 13/03/2014 - 18h28 comentou:

moça do céu..não venho aqui te agredir de forma alguma.. mas sinceramente..vc não ve falhas no pt, lula e no socialismo não?? Tanta utopia.. nossa economia está péssima e o estado inchado que não consegue nem ser eficaz na questão da segurança.. não sei quais são suas pretensões .. mas tenho muito medo disso

Responder

    morenasol em 17/03/2014 - 20h03 comentou:

    vejo inúmeras falhas no lula, mas não a ponto de começar a babar e arfar.

Mauro Alexandre em 15/03/2014 - 21h33 comentou:

'' Não há pensamentos perigosos; o pensamento é perigoso.''
Hannah Arendt

Responder

djmegabox em 27/03/2014 - 18h10 comentou:

O Lula não resolveu todos os problemas, mais o bastante para ganhar notoriedade e respeito mundial. O que causa medo nos grande do Brasil é sua popularidade. E com isso a Burguesia perder seus privilégios. Lula diminuiu em oito anos a distância do Rico para o Pobre. E se isso acentuar, as filas para clinicas psicológicas serão extensas.

Responder

Gabriel em 11/04/2014 - 14h23 comentou:

Engraçado que quando o ódio é direcionado à uma pessoa que veio das "classes mais baixas" e que hoje é bilionário, é infundado. Agora quando a culpa de coisas que aconteceram no governo do PT é do PSDB, aí é lógico. O PT achou o espantalho que queriam para culpar todos os seus erros. Similar à Napoleão no Livro "Revolta dos Bichos", que mesmo depois da saída de Bola de Neve, continuava a culpar tudo no inimigo que sequer estava presente. Quem sabe o ódio venha de uma pessoa que estava no centro do Mensalão e "não viu nada", quem sabe seja porque seu filho trabalhava em um zoológico e hoje é um empresário milionário, quem sabe seja por suas alianças à governantes e déspotas de países falidos e comunistas, ou quem sabe, seja porque realmente, mesmo depois de todos esses motivos, todo mundo que não goste dele seja preconceituoso APENAS COM ELE, pois notem que existem diversos outros políticos com origens no Nordeste, como Eduardo Campos, e outros com origens mais humildes que a de Lula, como Marina Silva, e ainda sim não sofrem desse ódio.
A Psicanálise descreve a Neurose, a Psicose e o Perversão e realmente, depois de tudo isso, falar que ódio ao Lula deve ser classificado pela psicanálise como uma neurose, eu acho correto, pois é uma aflição aos nervos de qualquer brasileiro que pense e raciocine, ver que uma figura pública tão nojenta e desprovida de caráter ser defendida por pessoas que são formadas em política pelo Partido.
Agora, defender o Lula, isso sim é uma Psicose, para não dizer uma Perversão.

Responder

Aldair em 12/04/2014 - 02h23 comentou:

Ignorância, propaganda, lavagem cerebral, má-fé, isoladas ou combinadas. Não que Lula esteja acima de críticas, mas este ódio é mesmo irracional. Acredito que determinados grupos de interesses investem pesado para "zumbificar" estas pessoas. Pré-Sal é muita grana, gente. Vale é fichinha perto. Querem porque querem. http://www.equilibriodistante.com

Responder

Jonas Paulino em 17/04/2014 - 15h34 comentou:

Ódio tipo esse, da Marilena Chauí? http://youtu.be/lbzu9yvC4sw?t=23s

Responder

Endira Salgado em 18/04/2014 - 21h55 comentou:

É doentio.

Já liguei o botão do foda-se automático, simplesmente deixei de me importar, o dia a dia do antes pobre miserável sem perspectiva me deixa muito mais feliz, é onde eu procuro me importar de verdade.

Responder

Regina em 21/04/2014 - 16h19 comentou:

Na época do FHC não havia internet, hoje as informações circulam, você sabe o que um acara que mora do outro lado do mundo pensa… Hoje é fácil esbravejar uma opinião e lançar na internet… textinho sem pé nem cabeça!!!

Responder

Edson em 23/04/2014 - 21h43 comentou:

A resposta ao ódio é simples, Ele foi a esperança deste país por muito tempo, e ao assumir o cargo de maior importância, mostrou que não era nada do que pregava. Apesar de sempre estar ao lado de empresários, e não de trabalhadores, sempre mostrou a sua outra face…E quando assumiu, não teve como segurar tanta arrogância. Quanto ao FHC, que realmente não desperta tanto ódio, assim como os antigos políticos, é porque não havia tanta expectativa sobre ele, ao contrário do Sr Lula que frustrou a massa que critica… Se uniu aos endinheirados, e deu migalhas aos pobres. Mas quem paga a conta?????

Responder

Jaime em 25/04/2014 - 17h36 comentou:

Eu tenho este tipo de ódio, mas contra os personagens da ditadura militar: Castelo Branco, Figueiredo, Médici, e outros.
O que eu faço? Procuro um médico?

Responder

André em 07/05/2014 - 00h17 comentou:

Eu me encaixo no perfil. Vi uma entrevista do Lula, na década de 80, realizada no meio do mato (acho que era o sítio dele), onde o repórter fazia perguntas a um clone do Fidel Castro: uniforme de guerrilheiro, boné, barba imensa, charuto cubano no canto da boca.

Como é fácil observar, pelo número de pessoas que quer viver em Cuba vs. o de pessoas que querem sair de lá, arriscando até mesmo suas vidas, e pelo tempo que Fidel é o chefe de estado, conclui-se que Cuba é uma ditadura e que o povo está extremamente insatisfeito com seu ditador.

Não querendo que o Brasil passasse nem perto disso, adquiri ódio mortal estantaneamente. Vê-lo, a ele e sua cria, afundar o Brasil só fez aumentar o ódio.

Responder

Jonathas Galdino em 07/05/2014 - 16h07 comentou:

O argumento mais racional que já li para não gostar do Lula!
Realmente, não há como não gostar daquela coisinha barbudinha, carismática e populista! E que de hipócrita não tem nada.
Este é o melhor jeito de categorizar que que não gosta/odeia do Lula, é um lunático, rs. E principalmente, se a maioria gosta dele é por que o sujeito é dos "bão". Bom esta argumentação para se autojustificar gostar dele. Ahhhh, eu gosto do Lula. A maioria da população brasileira gosta! Estes fanáticos ensandecidos que o odeiam tem sintomas patológicos, neuróticos! Só sendo neurótico para não gostar do Lula.

O FHC é outro medíocre, mas o ódio contra ele, divulgado, cessou quando o poder saiu das mãos dos tucanos, aí não tinha mais políticos da esquerda precisando dizer que o ex-presidente FHC, merecesse ser metralhado.

A verdade é que estes adoradores do Lula, são incapazes de ver outra coisa além de pontos positivos, ou quando muito minimizar algum defeito. E os odiadores, digamos aqui de pessoas melhor informadas e não de populares que algumas vezes estão pessimamente informados, são incapazes de ver qualquer ponto positivo.

Em círculos esquerdistas nunca ouvi ninguém xingar, falar mal, demonstrar um ódio igualmente hilário contra o FHC. Nunca!!! São extremamente razoáveis em seus apontamentos.

Responder

diogo em 16/05/2014 - 21h22 comentou:

Sou Petista!

Responder

Que doença em 19/05/2014 - 07h07 comentou:

Que doença defender um governo tão ruim.

Responder

Valéria em 20/05/2014 - 21h43 comentou:

Talvez estas pessoas se sintam traídas, o que não aconteceu com o FHC de quem não esperavam nada!
Pense nisso.

Responder

Adrian em 22/05/2014 - 21h39 comentou:

O que é mais incrível são pessoas instruídas, com o currículo lates vultuoso, aprovar o governo atual ou manter qualquer simpatia pelo molusco presidencial, já são quase doze anos de governo e o resultado está em nosso cotidiano, a corrupção e a ultra violência vai permanecer por mais quatro anos devido ao apoio de jornalistas parciais que escrevem artigos desse tipo.

Responder

Chico Lobo em 27/05/2014 - 05h09 comentou:

É normal em uma democracia sadia que haja oposição, diferentes ideias e ideais, afinal é nas diferenças que se constrói coisas novas.

Porém, de fato esse sentimento de ódio exacerbado é muito socio-patológico. Uma histeria coletiva de parte da população que os deixam perigosos para se viver em sociedade.

Não estou acusando nem defendendo o PT, pois sei que todo partido político, seja aqui no Brasil ou no exterior tem suas coisas boas e seus equívocos, mas chegar ao ponto do ódio, aí já é demais doentio.

Vejo que existem pessoas oportunistas que vociferam em videos nas redes sociais e no youtube de forma insana contra o Lula e o PT, o que se multiplica na voz daqueles desprovidos de Q.I. e informação.

E nesse sentido tenho notado que a ampla maioria das pessoas com esses sintomas de ódio contra Lula ou seja lá quem for, são pessoas de baixo nível intelectual, pouca informação verídica e absolutamente entregues aos supostos líderes pretensos "popularescos" e carismáticos que usam desses artifícios para mostrar sua insignificante existência nesse planeta perdido no Cosmo.

Responder

Alexandre em 03/07/2014 - 17h19 comentou:

Desculpe, mas achei o texto muito ruim. No final das contas, não traz nada de novo ao publico, baseia-se no final das contas em um clichê (seja ele verdadeiro ou não) do "contra tudo e contra todos" ao utilizar pela milésima vez o artificio de que a imprensa joga contra.
Ter opinião diferente do outro é sadio e normal. Ser contra ou a favor também. O que não creio que caiba num artigo, ainda mais que tenta buscar o respeito que com certeza o Lula, FHC e qualquer figura publica merecem, é dizer que deve haver respeito e depois insinuar que existe uma PATOLOGIA em quem não gosta do Lula, e que este deve ser tratado pois certamente não está em plena saúde mental. Francamente…
Já ouvi falar muitas vezes bem dessa pagina, mas creio (e espero) que esse tenha sido um dos textos menos informativos ou reflexivos.

Responder

Wagner Souza em 19/07/2014 - 00h26 comentou:

Eu sinceramente nao entendo estas pessoas, sao elas as mais beneficiadas pelo que fez o ex presidene Lula Inacio da Silva ou melhor o nosso Lula e estao ai com o virus da raiva, totalmente insanos e o que e pior nao tem nenhum argumento ou razao para estar assim, so posso dizer e que este tipo de ser humano e o sonho da midia brasiUSAleira, compram a briga mas nao sabem o porque e se voce tentar salvar a alma desta pessoa ela acaba botando voce para fora do taxi e ainda te manda tomar no *&(*&^ como fizeram com nossa presidenta!

Responder

Lucas Machado em 23/07/2014 - 19h31 comentou:

Avalio que o ódio ao Presidente LULA deve-se a merchandagem feita contra ele diuturnamente a mais de 12 anos. Toda a nossa mídia recebe verbas publicitarias direta ou indiretament para denegrir a imagem dos TRABALHADORES.

Responder

Guilherme em 30/07/2014 - 18h20 comentou:

Perdi a paciência com esse tipo de gente. Cortei – pra valer – relações e contatos, pois não admito gente egoísta, mal agradecida, mesquinha e nojenta no meu círculo de amizades. Viva este grande brasileiro! Viva este gigante! Viva Lula!

Responder

Cristiano Candido em 09/08/2014 - 04h59 comentou:

A cegueira petista também é tão peculiar que também deverá ser objeto de estudo, um dia…

Responder

diguito em 04/09/2014 - 15h12 comentou:

Eu odeio Lula, tenho pavor, nem vou escrever muito porque fico com odio desse vagabundo. desse corrupto que só pensa em foder com o povo brasileiro…. FORA LULA E SUA CORJA, SEU VERME. – esse é o sentimente que a população tem desse vagabundo. graças a Deus ele já está coim idade avançada, as pernas já não respnde . estamos ficando livre desse nefasto.

Responder

Csilveira em 10/09/2014 - 20h50 comentou:

Lendo a revista veja, o famoso panfleto tucano e vendo a globo, já disse tudo

Responder

Carlos Henrique em 08/10/2014 - 00h53 comentou:

Sério que você não entende o ódio ao lula?
Então obviamente você nunca leu uma linha sobre lula, se tivesse lido, não teria simpatia por esse senhor.
Sempre que eu critico o lula, sempre vem alguma pessoa com uma resposta pronta do tipo "Você odeia o lula por um ódio velado a pobre" …. Meu avô, cresceu nas ruas, ex mendigo, e odeia o lula também.
Eu votei no lula e não me arrependo, mais este senhor foi levado a categoria de iluminado e isso o cegou, e pior , criou uma massa de zumbis que não contestam uma só palavra que este senhor fala, isso é o mais impressionante.
Se você estudar o lula, verá porque o ódio, porque pelo visto você nunca leu uma linha da história dele.

Responder

José da Silva Santos em 30/10/2014 - 13h35 comentou:

Se as pessoas odeiam Lula é menos por sua origem, afinal se ele gostasse tanto de pobreza continuaria até hoje no sertão de Pernambuco comendo calango, do que por sua arrogância e corrupção, e pelos maus exemplos que ele passa ao povo.

Pobreza material não é remédio contra você ser uma boa ou má pessoa, principalmente no último caso. Há ricos que são excelentes pessoas e pobres arrogantes ao extremo, e também o contrário. E você sabe disso muito bem, Cynara!

Se existe ódio ao Lula, pode ter certeza que vocês da esquerda contribuíram efetivamente pra que isso ocorresse e não deveriam se espantar, pois isso nada mais é do que o próprio veneno de vocês, que agora lhes está sendo dado a beber. Que bebam até a última gota, e não reclamem pois vocês, semeadores do ódio e da discórdia, merecem!

Mas como a hipocrisia é mais necessária a vocês do que o próprio ar que respiram ou mesmo a roupa que vestem, agora dão uma de vítimas coitadinhas, fazem-se de doentes para serem visitados.

Vocês sofrem de burrice endêmica, mau-caratismo crônico e duplicidade comportamental. Resumindo: militante de esquerda raramente não possui tendências psicopáticas. Mentem quando isso favorece os seus interesses;condenam a mentira quando objetivam as mesmas coisas. Tenho certeza de que assim como Lula, você seria capaz de assassinar a sua própria família em troca de um cargo no seu governo, uma doação milionária, ou algo semelhante, pois tudo que interessa a um militante é o poder – e pelo poder vocês não possuem qualquer escrúpulo, qualquer pudor: fazem o que tiverem que fazer.

Sem mais!

José da Silva Santos.

Responder

    morenasol em 30/10/2014 - 13h46 comentou:

    "se gostasse tanto de pobreza lula continuaria até hoje no sertão comendo calango". sua resposta diz muito sobre quem tem uma psicopatia

Ricardo em 27/12/2014 - 01h42 comentou:

Nunca fui anti PT, mas mudei de ideia. Hoje sou anti PT depois de tanto ouvir o Lula falar merda. Quem prega o ódio é o proprio Lula com as merdas que ele fala.

Responder

NILTON CUNHA em 30/01/2018 - 12h35 comentou:

O tratamento eu posso prescrever: 12 anos sem assistir a rede Globo, 08 anos sem ler as revistas da editora abril e globo, desfazer as amizades virtuais com fanáticos, fascistas e durante 06 anos evitar (se possível) aproximação com racistas, homofóbicos e conservadores da classe média.

Responder

Bruno em 16/04/2018 - 17h21 comentou:

Realmente é um ódio profundo e sem lógica, baseado em pura ignorância, e o Bolsonaro é o maior estimulador (ou representante desse grupo) que existe na politica. Também não sei explicar por que… mas tem a ver com racismo e preconceito, pois Lula é o Nordestino que veio para SP e se deu bem, virou presidente. Um representante dos Nordestinos governando o País?? Creio que esse é o motivo…

Responder

Antonio Paulo Alves em 02/05/2019 - 14h08 comentou:

Creio que a adoração quase canônica a Lula tambem deva ser estudada. Será que ninguem acha que a concentração Lula Livre lá em Curitiba já está beirando a insanidade tbm? Ou essa publicação é tendenciosamente esquerdista?

Responder

Deixe uma resposta

 


Mais publicações

Politik

Dilma, o menino e a mulinha


Não sei se vocês conhecem uma fábula de Esopo que se chama “O velho, o menino e a mulinha” –também aparece com o nome de “O velho, o garoto e o burro” em algumas versões.…

Politik

O povo não consegue derrubar Temer, mas a Globo está conseguindo


O povo detesta Michel Temer, mas foi preciso a emissora dos Marinho entrar na jogada para que os pauzinhos se mexessem contra o presidente da República: o deputado Sergio Zveiter (PMDB-RJ), relator da denúncia por crime…