Socialista Morena
Politik

Por que os capitalistas têm tanto medo dos comunistas? Algumas hipóteses

  É impressionante o pavor histórico que os capitalistas têm do comunismo. Basta mencionar a palavra “comunista” que alguns direitistas entram em pânico. Interessante que a recíproca não é verdadeira: comunistas e socialistas não têm nem nunca tiveram o menor medo dos capitalistas. Nossa reação diante do capitalismo sempre foi de desprezo e de luta, […]

Cynara Menezes
11 de julho de 2016, 17h04

 

É impressionante o pavor histórico que os capitalistas têm do comunismo. Basta mencionar a palavra “comunista” que alguns direitistas entram em pânico. Interessante que a recíproca não é verdadeira: comunistas e socialistas não têm nem nunca tiveram o menor medo dos capitalistas. Nossa reação diante do capitalismo sempre foi de desprezo e de luta, jamais de covardia.

O medinho que os reaças sentem do comunismo é tão grande que agora querem proibir que se mencione em sala de aula o nome de Karl Marx, um dos filósofos mais importantes da história da humanidade. Recentemente, uma brincadeira feita por estudantes no Paraná, que transformaram as ideias marxistas em um funk, causou chiliques na direita brasileira ao ponto de a professora que ensinava a matéria ser suspensa.

O medinho que os reaças sentem do comunismo é tão grande que agora querem proibir que se mencione em sala de aula o nome de Karl Marx, um dos filósofos mais importantes da história da humanidade

Afinal, o que pode acontecer quando uma professora ensina sobre marxismo em classe? Na cabeça dos reaças, o efeito óbvio é que todos os alunos se tornarão comunistas. Quem dera fosse verdade! A direita trata os jovens como se eles não fossem seres pensantes, capazes de discernir o que concordam do que discordam. Ainda mais na escola, quando a coisa mais comum do mundo é pensar o oposto do que o professor fala… Engraçado que a lavagem cerebral empreendida pela mídia (de direita), muito mais efetiva, não os incomoda nem um pouco, né?

Bem, vou levantar aqui algumas hipóteses para o medo, o pânico, a paúra, dos direitistas diante do comunismo. Acompanham o post cartazes clássicos de propaganda anticomunista da guerra fria, época que a direita brasileira aparentemente nunca superou.

anticomunismo6

Hipótese 1: Os reaças têm medo do comunismo porque acham que serão assassinados quando “o comunismo chegar”

O ataque aos comunistas tendo como base fatos ocorridos no século passado é um must entre a reaçada que pouco leu de fato sobre o socialismo. Eles adoram se referir aos regimes totalitários que mataram em nome do comunismo no início do século 20 e também aos fuzilamentos do regime cubano. Falam em “milhões de mortos” pelo comunismo, embora prefiram ignorar a quantidade de mortos pelo capitalismo, por fome e guerras, desde que os países comunistas acabaram, 25 anos atrás. Cuba já não fuzila ninguém desde 2003. Naquele ano, comunistas históricos como José Saramago protestaram e romperam com Fidel Castro, mas não deixaram de ser comunistas ou socialistas –assim como muitos dos perseguidos por Stalin foram comunistas até à morte. Enquanto isso, os EUA, por exemplo, continuaram assassinando gente no seu país e no dos outros: calcula-se que o governo norte-americano tenha matado cerca de 9 milhões de pessoas no Oriente Médio e na Eurásia entre 1945 e 2015. Além disso, a ideia de luta armada foi sendo revista ao longo das últimas décadas pelos próprios esquerdistas –eu, por exemplo, acredito que não há mais espaço para este tipo de coisa, acho que a revolução datou e que a defesa de uma sociedade armada combina muito mais com a direita. Finalmente, não há nada mais improvável atualmente do que a “chegada” do comunismo. Este medo, portanto, é uma viagem das mais insanas. Ter medo da polícia é mais racional: só em 2015, a polícia do Rio de Janeiro matou 25 pessoas a cada policial morto, segundo a Human Rights Watch.

anticomunismo3

Hipótese 2: Os reaças têm medo do comunismo porque acham que os comunistas confiscarão seus bens

Vivemos em sociedades democráticas e os partidos comunistas estão sujeitos a todas as regras que valem para os demais partidos. É mais fácil o PSDB, que está no governo, confiscar os bens de alguém do que os partidos comunistas. Ou a Petrobras não é um bem nosso, do povo brasileiro? O PCdoB está governando o Estado do Maranhão há dois anos. Perguntem aos maranhenses se perderam alguma coisa ou se ganharam desde que a oligarquia dos Sarney foi derrotada pelo comunista Flávio Dino. O que nós, comunistas e socialistas, queremos não é confiscar os bens das pessoas e sim que todos tenham direito a possuir bens. Na verdade, o que a direita parece temer é que a maioria dos cidadãos possam ter acesso aos bens de consumo que eles tanto endeusam, porque aí deixarão de se sentir “diferenciados” da população em geral.

anticomunismo4

Hipótese 3: Os reaças têm medo do comunismo porque acham que o Brasil vai virar uma Venezuela

Para começo de conversa, cada país tem suas próprias características geográficas, raciais, econômicas etc. e sua própria história. É impossível, portanto, que um país se transforme em outro. Os problemas da Venezuela estão relacionados ao governo e à oposição de lá, e não ao socialismo. Não é o socialismo quem está mandando os empresários esconderem produtos para sabotar o presidente Nicolás Maduro; e não é o socialismo quem está fazendo Maduro tomar decisões equivocadas. Esta confusão entre governo e socialismo é uma constante entre a direita, claro que proposital. Não interessa aos direitistas que as pessoas se deem conta de que o socialismo é uma forma de ver o mundo, independentemente de quem está no governo. Curioso é que ninguém culpa o capitalismo pela fome na África, embora praticamente todos os países africanos sejam capitalistas. Por que, em vez de temer que o Brasil se transforme numa Venezuela, não temem que o Brasil se torne um Paraguai, um dos países com maior desigualdade da América do Sul, segundo o Banco Mundial, e que também foi alvo de um golpe, em 2012?

anticomunismo5

Hipótese 4, a mais provável: Os reaças têm medo do comunismo porque sabem que se as pessoas souberem dos problemas do capitalismo, irão se rebelar

Embora se digam “defensores da liberdade de expressão”, o que os direitistas mais desejam, no fundo, é que as pessoas não sejam informadas sobre os graves problemas do capitalismo, coisa que os comunistas e socialistas são capazes de fazer melhor do que ninguém: não existe capitalista com autocrítica. A maior missão do socialismo e do comunismo sempre foi, sem dúvida, apontar as desigualdades, as injustiças e as perversidades do sistema capitalista. Uma vez que a pessoa se dá conta disso, é claro que não vai mais se submeter, abaixar a cabeça. E é aí que mora o perigo para os exploradores: seus empregados não vão aceitar salários de fome nem condições de trabalho indignas. Os estudantes não vão se calar diante de uma educação opressora. Negros e mulheres irão se levantar contra a intolerância e o preconceito. Homossexuais conquistarão seu espaço na sociedade. E os camponeses continuarão a lutar contra os latifundiários pelo direito de ter terra para plantar. O medo que a direita tem do comunismo é, em suma, o medo da conscientização e, consequentemente, da rebelião. Querem manter o status quo a todo custo e, para isso, é preciso calar os inconformistas. Neste aspecto, os reaças têm toda razão para temer o comunismo: é somente a nossa crítica quem ameaça a manutenção de seus privilégios. Outro medo dos direitistas é que os comunistas façam as pessoas perceberem o vazio da sociedade de consumo. Sem o pilar do consumo excessivo, sobre o qual se sustenta, o sistema capitalista pode desmoronar a qualquer momento. E, sim, é verdade que nós, socialistas e comunistas, dedicamos a nossa vida a pregar contra a sociedade de consumo e a escravidão que ela significa para os seres humanos e seu potencial de destruição para o planeta. Nós, comunistas e socialistas, acreditamos que é mais importante ter tempo para desfrutar a vida e os nossos entes queridos do que gastar nossas existências trabalhando como máquinas, apenas para obter mais e mais bens materiais. Esta nossa certeza faz chacoalhar a direita –de pavor de que estejamos certos.

 

 


Apoie o site

Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para assinar, você pode usar apenas qualquer cartão de crédito ou débito

Ou você pode ser um patrocinador com uma única contribuição:

Para quem prefere fazer depósito em conta:

Cynara Moreira Menezes
Caixa Econômica Federal
Agência: 3310
Conta Corrente: 23023-7
(11) comentários Escrever comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da Socialista Morena. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Sidney Campos em 22/01/2018 - 13h49 comentou:

Caro amigo! Nenhum capitalista têm medo dessa coisa machada comunismo. Quem de fato teme o capitalismo é o próprio comunismo. Primeiramente a grande ameaça ao comunismo e o fato do capitalismo possibilitar a prosperidade da sociedade, uma sociedade próspera não existem motivos para a revolução. Qualquer linha de pensamento filosófico comunista resultará no ponto final, a luta arma. Segundo, todo o movimento comunista no mundo dependeu de dinheiro, esse dinheiro veio de fundos CAPITALISTA, lamento! dinheiro é poder.

Responder

    John em 06/03/2018 - 20h12 comentou:

    Sua ladainha só expos o seu pavor sor capitalista sem capital
    viva lá revolucion
    Pelo fim do capetalismo

    luis ibarra em 06/03/2018 - 22h44 comentou:

    Vc. é a confirmação daquela frase.¨O producto melhor terminado do capitalismo é o pobre de direita¨e eu digo mais POBRE E TROUXA

Jane em 07/03/2018 - 14h05 comentou:

O ideal da direita é que o pobres continuem ignorantes para serem manipulados. O oprimido quando alcança o sucesso vira opressor. A única coisa que a direita faz é tentar destruir quem está à margem da sociedade.

Responder

    Nicolly em 07/04/2018 - 13h15 comentou:

    Não faz o menor sentido o que você falou.

    Donna Furlan em 25/04/2018 - 15h57 comentou:

    Jane, Nicolly disse certo, uma parte, Descreve Comunismo pra nós, é quase isso, você explicou O COMUNISMO DE FORMA ATÉ INTELIGENTE, SÓ NÃO FOI INTELIGENTE VOCÊ DIZER QUE O PESSOAL DA DIREITA É ASSIM, ISSO MOSTRA QUE ALGUÉM DISSE ISSO PRA VOCÊ COMO SENDO O COMUNISMO, E VOCÊ REPETE A IDEIA, PRÓPRIO DE LULISMO, QUE TENTA SER UM SOCIALISTA, MAS COM CAPITAL DE UM VERDADEIRO CAPITALISTA, Mais SUA COLEGA COMO VISTO, TEM INTERNET, TEM CELULAR, NÃO SABEMOS O VALOR DO CELULAR, OU UM NOTEBOOK, ENFIM TEM UM APARELHO DO QUAL ELA PODE SE COMUNICAR COM O MUNDO, ENQUANTO TEM PESSOAS QUE TRABALHARAM UMA VIDA TODA, E NA ULTIMA DÉCADA RESOLVERAM AJUDA-LA, NÃO PRECISAVA TRABALHAR TANTO, QUE O GOVERNO LHE DARIA SAÚDE, BOLSA FAMÍLIA, MAS ELA JÁ TINHA PAGO IMPOSTOS A VIDA TODA, E O AMPARO À SAÚDE QUE LHE PROMETERAM ELA SÓ FOI VER AGORA, QUE PRECISOU DO TAL AMPARO E FOI PRO SUS, E FOI TRATADA FEITO UM ANIMAL, PASSOU NOITES DORMINDO NA CALÇADA PRA PREGAR UMA SIMPLES SENHA, E MORREU EM CASA, UMA ATÉ ME PEDIU QUE EU NÃO A DEIXASSE MORRER DAQUELE JEITO …. O MARIDO VENDEU UMAS CABEÇAS DE GADO, MAS COM A CRISE DE 2015, O COMPRADOR DEU UM CHEQUE PRÉ, MAS LEVARAM NA A UM MEDICO PARTICULAR QUE VIU QUE OS REMÉDIOS QUE DERAM Á ELA FOI PIOR, NA VERDADE OS REMÉDIOS ADIANTOU A SUA MORTE, FICAMOS MUITO REVOLTADOS, MAS QUEM CONSEGUE FALAR COM ALGUM POLITICO, E MUITO MENOS COM O CARA QUE PROMETEU TUDO A ELA…. E ELA MORREU PESANDO 35KGS, NA NOITE DE 5 pra 6 JAN. 2015….. Mas como meu trabalho me leva pra inúmeras cidades, e tenho A Horrível Oportunidade de ver isso, Os filhos do Presidente comprando um CARRO DOURADO, DE MAIS DE 1 MILHÃO, MORANDO EM UM APTO DE 6.300.000,00R$, Donos das Maiores Empresas do País, e Minha amiga que tinha uma terrinha umas cabecinhas de gado e uma promessa de um lazarento mentiroso, e eu prometi a ela que eu ia mudar isso, E VOU …. POR ISSO OUÇO PESSOAS, DE TODOS OS LADOS, APESAR QUE NÃO TENHO LADO, SÓ SEI QUE NÃO SOU ESTUPIDA NEM TAMPOUCO HIPÓCRITA, E SOU CRISTÃ QU NÃO ME PERMITE SER HIPÓCRITA, FALAR MAL DE CAPITALISTA, TENDO CASA E CARRO E TUDO QUE É CONFORTO QUE O CAPITAL NOS PERMITE E DEIXAR MINHA AMIGA MORRER A MÍNGUA, AGORA COMO SEMPRE TRABALHO POR MINHA CONTA, GUARDO DINHEIRO, TO LONGE, MAS FALO QUASE TODO DIA COM MINHA MÃE, QUE TEM CASA PRÓPRIA QUE MEU PAI COMPROU NO TEMPO DOS MILITARES, E EU NÃO VOU DEIXA-LA MORRER A MÍNGUA PORQUE UM ANALFABETO QUE NÃO ESTUDOU, E RESOLVEU QUE ELE ERA DONO DO MEU PAÍS, E RESOLVEU FICAR RICO AS CUSTAS DO IMPOSTO QUE EU PAGO E TODOS QUE TRABALHAM E “PRODUZEM” PAGAM . SE EU QUISER IR DAQUI PRA QUALQUER OUTRO PAÍS EU VOU, JA MOREI EM VÁRIOS PAÍSES, E QUANDO VOLTEI TAVA ESSA ZONA, GENTE MORRENDO A TIRO, OUTROS POR FALTA DE RECURSOS, OUTROS POR FALTA ATÉ DE LEITO, QUE CUSTA A METADE DO APARELHO QUE SUA COLEGA MORENA USA PRA FALAR MAL DOS OUTROS AQUI, EM VEZ DE MOSTRAR O CONTEÚDO DO QUE ELA PREGA, MAS O QUE ELA PREGA ? VOCÊ QUE PARECE MAIS INTELIGENTE, ME DIZ , UMA PALAVRA ? O SOCIALISMO, OU O COMUNISMO, O QUE ELA PREGA ? CADÊ O CONTEÚDO ? O COMUNISMO, SOCIALISMO EU SEI DE COR E SALTEADO, MAS O DA MORENA DEVE SER DIFERENTE, POIS ELA FALA MAL DE ALGUÉM QUE ELA FAZ PARTE, DO CAPITALISTA, COMO É ISSO, ? POR FAVOR … EU QUERO ENTENDER, ESTUDEI EM EXCELENTES ESCOLAS, DE CONTEÚDOS RIQUÍSSIMOS, MAS NÃO CONHEÇO AS BENEFICIES DESSE AQUI, OU DESSE QUE ELA ACREDITA, AH E PERGUNTA SE ELA JÁ FOI OU JÁ VIVEU EM ALGUM PAÍS SOCIALISTA …POR FAVOR, EU QUERO CONVERSAR COM AS PESSOAS E ENTENDER O QUE EU AINDA NÃO APRENDI TALVEZ, .. AGUARDO ….

    Cynara Menezes em 25/04/2018 - 16h56 comentou:

    “donna”, essas “notícias” que você postou são falsas. favor verificar antes de acreditar. da próxima vez seus comentários não serão aceitos.
    link:
    http://www.e-farsas.com/filho-do-ex-presidente-lula-foi-visto-com-ferrari-de-ouro-no-uruguai.html

IVONEI SILVA NUNES em 28/05/2018 - 14h39 comentou:

Linha do tempo:

Mercantilismo: O rei garantia o monopólio das fábricas em troca de impostos para se enriquecer.

Anarco-capitalismo: Adam Smith percebeu que o monopólio era um atraso, pois as fábricas simplesmente não evoluíam por não ter razão para isto. Ele então idealizou o que conhecemos hoje como capitalismo, onde não haveria monopólio e sim a concorrência, e não haveria Estado, pois a “mão invisível” do Capitalismo erradicaria a pobreza, ou seja, não haveria impostos! A economia seria livre, sem amarras, sem cargas tributárias. Pois as pessoas seriam livres para abrir seus negócios, trocar mercadorias, e trocar de emprego se estivesse insatisfeito. Porém, falhou pois os burgueses (donos de fábricas) exploravam cada vez mais os trabalhadores, aumentando a luta de classes e a desigualdade social.

Socialismo: Hegel criou a ideia de um Estado. Carl Marx continuou seu estudo. Marx chegou a conclusão de que o Estado deveria ser grande e forte (através da cobrança de impostos cada vez mais abusivas). Porém, essa arrecadação seria distribuída de forma justa para a população mais pobre. Isso é lindo, muito bonito! Mas não funciona! Porque o Estado se corrompe, rouba e só distribui migalhas! O Brasil arrecada cerca de 200bi com impostos. É o sétimo País que arrecada mais impostos e é o primeiro que menos tem retorno para o povo (analisando PIB e IDH). O socialismo torna todos iguais na pobreza e miséria. Vide Venezuela, Bolivia, etc.

Comunismo é um processo do socialismo. Ao ponto que os impostos tornam-se tão sufocantes para o povo que o Estado passa a tomar tudo acabando com a iniciativa privada, com a desculpa de que irá erradicar a pobreza.

Você acredita que com o Governo que temos, se dermos tudo a eles, eles vão nos salvar?

Conversa pra boi dormir! Temos um Governo corrupto. O socialismo e comunismo nunca funcionará aqui!

Existem 3 tipos de capitalismo. O anarco-capitalismo (que vimos que não funciona), o liberalismo (capitalismo de livre mercado) e o conservadorismo.

Conservadorismo e Liberalismo – Prega a liberdade econômica, menos gastos públicos, consequentemente menos impostos, aumentando o poder de compra das pessoas, acabando com a burocracia, facilitando investimentos, consequentemente o surgimento de empresários querendo investir no País, consequentemente geração de empregos, mas tudo isso sem extinguir o Estado como prega o anarco-capitalismo. O Estado continua existindo, arrecadando impostos (de forma controlada) e garantindo as necessidades básicas como saúde, educação, segurança, etc. Mas o Estado é reduzido.

O que difere um do outro é que um é conservador nos costumes (casamento homossexual, contra as drogas e ao aborto) e o outro é liberal em ambos aspectos, tanto na economia quanto nos costumes.

Responder

    IVONEI SILVA NUNES em 28/05/2018 - 16h13 comentou:

    Tiradentes lutou e morreu por bem menos que 50% de imposto que é a média hoje em dia no Brasil. Ele morreu por lutar contra 20%. E hoje consideramos como Herói brasileiro e pagamos 50%

D em 05/06/2018 - 16h22 comentou:

“Os reaças têm medo do comunismo porque acham que os comunistas confiscarão seus bens”. Na verdade, o comunismo pega sim os pertences do outro!

Responder

D em 05/06/2018 - 16h31 comentou:

Preconceitos contra negros e mulheres sempre existirá, e isso não tem nada ver com a forma de governo.

Responder

Deixe uma resposta

 


Mais publicações

Politik

Sobre os protestos: mais do mesmo. Não há clima no país para impeachment


Pouco importa que, segundo o Datafolha, tenha tido mais gente nessa manifestação de hoje em São Paulo do que no outro “recorde de público”, em março do ano passado. Naquela época, a manchete era que…

Politik

10 razões para amar o Cristo de Saramago (ainda que você não seja cristão)


Tem um livrinho clássico de Miguel de Unamuno, São Manuel Bueno, Mártir, que conta a história do padre de uma cidadezinha no interior da Espanha que esconde um terrível segredo. O segredo de Dom Manuel,…