Socialista Morena
Politik

Parlamentares do PPS e PSDB partidarizam vistoria na Papuda, diz Jean Wyllys

Os cinco deputados da Comissão de Direitos Humanos e Minorias que vistoriaram hoje as condições em que se encontra preso o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu não encontraram nada que pudesse ser considerado regalia em relação aos outros detentos da Penitenciária da Papuda, em Brasília. Dirceu está numa cela comum, possui inclusive menos objetos […]

(O ex-ministro José Dirceu em 2010. Foto: Antonio Cruz/ABr)
Cynara Menezes
29 de abril de 2014, 23h32

(O ex-ministro José Dirceu em 2010. Foto: Antonio Cruz/ABr)

Os cinco deputados da Comissão de Direitos Humanos e Minorias que vistoriaram hoje as condições em que se encontra preso o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu não encontraram nada que pudesse ser considerado regalia em relação aos outros detentos da Penitenciária da Papuda, em Brasília. Dirceu está numa cela comum, possui inclusive menos objetos que outros presos –apenas uma televisão pequena e livros– e faz os mesmos trabalhos que os demais presos, como lavar o pátio do presídio. No entanto, na saída da penitenciária, diante das câmeras de TV, a deputada tucana Mara Gabrilli afirmou o contrário: que a cela de Dirceu é maior que as dos demais e que ele dispõe de várias regalias. O mesmo fez o deputado do PPS, Arnaldo Jordy. Os repórteres, à espera dos parlamentares na saída da Papuda, nem sequer deram a devida atenção aos demais deputados, Jean Wyllys (PSOL), Luiza Erundina (PSB) e Nilmário Miranda (PT), como se só quisessem ouvir o que lhes interessava ouvir.

“Na minha opinião, infelizmente a Mara e o Jordy resolveram partidarizar a questão. A Mara foi enfática ao dizer aos jornalistas que a cela de Dirceu é ‘ampla e iluminada’, sendo que nem pôde entrar no local, porque a cadeira de rodas não permitia a passagem”, disse Wyllys. “Respeito muito a Mara, mas ela não visitou a cela. Acho estranho afirmar categoricamente uma coisa sem ter entrado. Ficou na porta.” Segundo Wyllys, a cela de Dirceu está cheia de infiltrações e é compartilhada com outros presos, que não estavam presentes porque, ao contrário dele, receberam o benefício de sair para trabalhar. “Não tem privilégio algum, aquilo lá é um horror. O próprio Ministério Público apontou isso, é um absurdo dizer o contrário. Eu não tenho relação alguma com Zé Dirceu, meu partido faz oposição ao PT e posso afirmar o que vi com meus próprios olhos: não existem regalias.”

Os deputados puderam checar a veracidade da história divulgada pela imprensa de que José Dirceu teria comido feijoada, o que seria uma “regalia”. Na verdade, Dirceu comprou uma lata de feijoada na cantina do presídio, o que é possível a qualquer detento. Durante as visitas, os presos podem receber dos familiares até 125 reais em dinheiro para gastar dentro da Papuda. Absolutamente todos podem fazer isso, de acordo com a direção da penitenciária, que também explicou aos deputados que as diferenças entre as celas são estabelecidas de acordo com a periculosidade do detento. Por exemplo: se a direção considerar que determinado preso pode queimar um colega, não recebe autorização para possuir um forno em sua cela. “É este o critério”, disse Wyllys. Dirceu está magro, porém com postura “digna”, nas palavras do parlamentar.

No último dia 14, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, deu parecer favorável a que Dirceu, preso desde novembro do ano passado, saia para trabalhar durante o dia –direito que possui qualquer condenado ao regime semiaberto, como ele, mas que lhe tem sido negado pelo presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, em razão das supostas “regalias” apontadas pela imprensa. O ex-ministro pediu para trabalhar como auxiliar em um escritório de advocacia em Brasília. Resta saber como ficará sua situação agora, com três deputados dizendo que o ex-ministro não possui regalias e dois outros, da oposição, dizendo que sim. Barbosa liberará Dirceu para trabalhar ou atenderá à mídia e à oposição e o manterá encarcerado, ao arrepio da lei?


Apoie o site

Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para assinar, você pode usar apenas qualquer cartão de crédito ou débito

Ou você pode ser um patrocinador com uma única contribuição:

Para quem prefere fazer depósito em conta:

Cynara Moreira Menezes
Caixa Econômica Federal
Agência: 3310
Conta Corrente: 23023-7
(52) comentários Escrever comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da Socialista Morena. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Lenir Vicente em 29/04/2014 - 23h54 comentou:

O que esperar de uma oposição canalha, que sempre se pautou pela mentira para prejudicar José Dirceu e todos os outros companheiros presos e assim atingir o governo do PT? Foi uma atitude desumana!cangar essa turma de canalhas com aquele destrambelhado presidente do Supremo. Um homem sabidamente mau.

Responder

    megane em 01/05/2014 - 04h55 comentou:

    Acorda!

    Celso em 04/04/2015 - 13h59 comentou:

    mentiras sobre Dirceu? oposição canalha? bom, ainda é melhor ler isso do que ser cego…

Rodrigo de Cassio em 30/04/2014 - 01h21 comentou:

Joaquim, Joaquim…

Responder

carlos em 30/04/2014 - 01h42 comentou:

chora mais que ta bonito.

Responder

Messias Macedo em 30/04/2014 - 03h04 comentou:

O PIG prova que o Dirceu é um preso político! ENTENDA! Oposição visita a Papuda e diz que Dirceu te 29.04.2014 às 23:57
O PIGolpista prova que o José Dirceu é um preso político! ENTENDA! *Oposição visita a Papuda e diz que Dirceu tem cela maior, TV e microondas. NOTA: a inacreditável e fascista *manchete acima está estampada no topo do portal uol/folha!FONTE: http://www1.folha.uol.com.br/poder/2014/04/144736

Responder

Dom Marcelo em 30/04/2014 - 06h16 comentou:

É isso Jean, você nunca partidarizou nada. Sempre me lembro das palavras de Marcio Retamero em uma das comissões em que você participa.

Responder

Bruno Garrido em 30/04/2014 - 12h10 comentou:

Não sei por que dar tanta atenção a um corrupto? Talvez fosse mais útil se os nobres deputados acompanhassem as condições dos presidiários no país todo (e sabemos que a situação é bastante grave em diversos Estados), em vez de darem cartaz e visibilidade a esse sujeito, que é tudo o que ele quer – afinal, ele é quem manda no PT. Pelo jeito, as viúvas do nobre político não devem se preocupar com as condições de instalação dele pois, se depender do companheiro que governa o DF, será muito bem tratado – para arrepio das leis, do bom senso e da vergonha na cara.

Responder

    José Vieira em 30/04/2014 - 22h07 comentou:

    Bruno
    Você tem a cabeça bem moldada pelo Sistema Globo de Televisão ou então esté se formando na Universidade do PSDB,Cuidado!! odio demais tambem mata.mesmo que não dá Infarto ou AVE. se conforme porque o PT veio prá ficar por muito tempo e Zé DIrceu um dia ainda vai ta no Poder , e voc^,como vai suportar ver isso?

    Bruno Garrido em 01/05/2014 - 00h17 comentou:

    Senhor miliciano, querer que se faça a justiça é muito diferente de se ter ódio, já que não desejo o mal de ninguém. E é justo que corruptos fiquem na cadeia, ainda mais quando a vítima é o povo brasileiro – como a sentença proferida pelo STF bem determinou – ainda que as viúvas dos mensaleiros insistam em questionar sua legitimidade. Como não defendo ladrões, durmo com a consciência tranquila, coisa que os admiradores desses sujeitos não podem fazer.

    Gabriel Braga em 01/05/2014 - 01h26 comentou:

    Vc ainda tem coragem de falar em arrepio das leis..

    Não vou nem discutir se Dirceu é inocente ou culpado,ou se pelo menos sua culpa foi provada,mas desrespeito as leis é o fato dele ter sido condenado a cumprir pena no regime semi-aberto e estar há quase 6 meses no regime fechado.

    Pelo teor de seu comentário vc não deve ser eleitor do PT,o que é um direito seu,mas se vc acha normal um adversário político ser privado de um direito,me desculpe,mas vc não entende o significado da palavra democracia.

    Bruno Garrido em 01/05/2014 - 17h06 comentou:

    Até onde sei, a principal diferença entre o regime fechado e o semiaberto é a possibilidade de exercer atividades externas, mas é algo que depende de autorização da autoridade competente (ou seja, o pedido pode ser negado). Se há alguma irregularidade no cumprimento das penas, ou se uma eventual recusa do Judiciário em autorizar o nobre político para trabalhar fora, é algo que compete aos advogados dele resolverem. Se não, é pura choradeira.
    Aliás, acho que não entende de democracia é o PT, já que seus métodos em muito se assemelham a dos facínoras de esquerda, como os bolivarianos da Venezuela. Com sorte, esse partido logo terá o lugar que merece – uma página sombria da História.

    Vitor B. em 12/05/2014 - 18h26 comentou:

    Nesse seu comentário você demonstra um grande desconhecimento do Direito e das instituições democráticas. Em relação à autorização do juiz para que o condenado ao regime semi-aberto possa trabalhar, essa possui requisitos e não devem ser julgadas ao bel prazer do magistrado. Mas como o Exmo. Presidente do STF e sente Deus, senhor da razão, indefere todos os pedidos, passando por cima da Lei. Se não há condições para que um condenado ao semi-aberto cumpra sua pena desta forma, nunca se deve mante-lo em regime fechado, como ocorre no caso do José Dirceu. Enfim, existem muitos direitos negados e violados.

Ricardo Fischer em 30/04/2014 - 12h25 comentou:

Eu fico aqui imaginando a sorte dos políticos brasileiros. Se eles tivessem nascido num país como a China a cadeia não seria o lugar para eles. Em um país serio, só a cadeia não seria suficiente para coibir os atos da corrupção. A perda vitalícia do direito ao ingresso à qualquer cargo público e o confisco dos bens obtidos sem a devida comprovação legal seria uma forma mais efetiva de desmotivar esse ato hediondo. Os que que corrompem e os que aceitam a corrupção deveriam ter o mesmo fim perante a lei. Incondicionalmente.

Responder

    cristian em 30/04/2014 - 20h42 comentou:

    Parabéns! E isso deveria valer para todos os políticos! independente do partido ou da posição política, o que vale pro povo é o que ele faz no congresso não o que ele fala.

    Jose Vieira em 30/04/2014 - 22h12 comentou:

    Porque você não vai morar na China ja que gosta tanto de là? tem medo de cair na tal perda vitalicia?

ana lins em 30/04/2014 - 12h58 comentou:

lamentável a maneira como distorcem a realidade e manipulam opiniões. Tem jornal que nem disfarça, em todas as colunas os "articulistas" dão um jeito de encaixar uma crítica ou inverdade sobre o governo, de preferência escolhendo Zé Dirceu como alvo de seus rancores e sentimentos menores.
Mais do que nunca desejo que a Dilma se reeleja p/ dar um cala boca nesses bichos escrotos!

Responder

Isabela em 30/04/2014 - 13h35 comentou:

É tão triste isso, pra não dizer nojento. Estamos mal de oposição; de mídia, estivemos sempre mal mesmo…

Responder

    Paulo em 07/05/2014 - 04h44 comentou:

    Estamos mal de governo.

Rodrigo em 30/04/2014 - 14h46 comentou:

Ele pode até ta sendo tratado como igual,mas vindo de um cara que comandou um dos maiores atos de corrupção da história Brasileira,deveria era ser bem mais castigado. Deveriam açoita-lo em praça publica.

Responder

    Maria do carmo souza em 30/04/2014 - 17h37 comentou:

    Rodrigo, o seu comentário passa a impressão que és bandido ou tem bandidos na família…Estou correta?

    Marcio em 30/04/2014 - 17h42 comentou:

    "Ricardo Cunha Martins, notável criminalista gaúcho e professor universitário, acentuou 3 pontos centrais:
    – O STF tinha jurisprudência consolidada sobre sua incompetência em julgar os réus sem foro privilegiado. Levou ao debate 17 (!) precedentes, inclusive um de Joaquim Barbosa meses antes da AP 470. E depois deste caso, ao julgar o chamado “Mensalão tucano”, voltou ao desdobramento, enviando os réus sem foro privilegiado à primeira instância. Em outras palavras, o julgamento conjunto dos 40 réus, dos quais só 3 tinham foro privilegiado, foi a única exceção da História do STF. Trata-se de uma enorme quebra do direito de defesa.
    – A Teoria do Domínio do fato , de origem alemã, não dispensa a prova cabal da participação direta daquele apontado como líder. Assim, a famosa frase da Min. Rosa Weber ( Condeno José Dirceu sem provas porque me autoriza a literatura jurídica) não só não é verdade como consagra a perseguição a que foi submetido o líder petista. Poucos dias depois, ao julgar outro rumoroso caso com meandros políticos, o processo de corrupção contra o ex-Presidente Collor, o STF mais uma vez reverteu sua jurisprudência e absolveu-o por “ falta de provas” , sem sequer examinar a possibilidade de aplicar a “ teoria do domínio do fato” da forma como aplicou a José Dirceu.
    – E , por fim, o exame da aplicação de agravantes das penas demonstra que estas foram elevadas entre 63 e 73% . Trata-se de um aumento artificial das penas para evitar a prescrição ou mudar seu regime de cumprimento . A média de elevação de penas por agravantes mal chega a 25%. Aliás, no julgamento dos embargos infringentes, o próprio Min. Joaquim Barbosa confirmou que agiu desta forma por estes exatos motivos. Um absurdo contra os mais elementares direitos humanos, que igualmente comprova a perseguição aos réus."

    Luigi em 01/05/2014 - 12h42 comentou:

    Perfeito Marcio. O senhor so não falou do inquerito 2474 sob sigilo . Eu nunca vi na mia vida(70 anos) un processo baseado no Dominio do fato(sem prova) . Um dia a casa cai .

Alex em 30/04/2014 - 14h50 comentou:

O que esperar dos pilantras do PSDB?

Responder

Vitor em 30/04/2014 - 19h07 comentou:

Eu ainda não acredito que a comissão de direitos humanos da câmara dos deputados fez uma visita quase pessoal a um dos presidiários mais bem tratados nesse país. Quem se importa com o tamanho da televisão que tem o Dirceu! Que belo desperdício de dinheiro público é essa comissão. Demonizaram tanto o maluco do Feliciano, fizeram tanta questão de assumir a comissão… Pra isso? Que vergonha, que vergonha! O Brasil não tem outros problemas relacionados a direitos humanos? É isso? Mas parece que a picuinha adolescente entre 2 partidos é mais importante que qualquer coisa… Parabéns deputados! Vcs cada dia mais ridicularizam o Brasil e principalmente o congresso…

Responder

Messias Macedo em 30/04/2014 - 19h44 comentou:

… O MONSTRO a serviço da Casa Grande escravagista!… E a DIREITONA "aposta todas as fichas [sujas!] na seguinte Lei da Física: 'a toda ação corresponde uma reação'"!… ENTENDA

BARBOSA DEVOLVE GENOINO À PAPUDA

Vida de Genoino está nas mãos de Barbosa

FONTE: http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2014/04/3

Responder

cristian em 30/04/2014 - 20h45 comentou:

Ahhh tadinho dele, não fez nada de errado né ? é tudo culpa da mídia e da oposição…pensar assim de forma extrema é tão burro e ruim para qualquer debate do que ser simplesmente um alienado. Fez merda vai pra cadeia e acabou! o que é atitude desumana? ira pra cadeia ou usar a máquina política em benefício do partido? aposto que vão defender o Vargas tb…outro coitado…Alias o Eduardo Azeredo já devia estar ai tb

Responder

    Joao Batista em 01/05/2014 - 00h24 comentou:

    Cristian, se há justiça no Brasil, mande email para o STF, pergunte sob o inquerito 2474, o mensalão Tucano de Azeredo, Caso Siemenns e Alston de SP, a Privataria Tucana, agende com eles o dia do Julgamento, peça para pelo menos tirarem da gaveta.

    cristian em 02/05/2014 - 20h10 comentou:

    Pois é um erro não justifica o outro…temos que cobrar é o julgamento desses casos e não defender aqueles que já foram condenados…

José Vieira em 30/04/2014 - 21h44 comentou:

Os Comentários de Bruno e Rodrigo dão a impressão que eles eles não estão vivendo um momento Historico de séculos anteriores quando se resolvia tudo na Guilhotina ou no paredão.Alias eles me dão a impressão de que são neonazistas, talibãs ou remascentes das ditaduras de Sadan Hussen ou Mubarak do Egito. ou então são apenas desesperados do PSDB mesmo

Responder

    Bruno Garrido em 01/05/2014 - 01h00 comentou:

    Filho, não viaje, OK?

Armando em 30/04/2014 - 22h33 comentou:

Tudo isso é decepcionante, triste, abate a auto estima dos cidadãos eleitores que acreditam no país em evolução para melhor. Neste momento, situação e oposição se confundem.
PT e PSDB tem o mesmo berço explêndido. Está difícil de entender. Amém.

Responder

Joao Batista em 01/05/2014 - 00h21 comentou:

Nossa Justiça esta contaminada por absurdo fora da lei, pergunto?, a condenação é semi aberto,certo, então o STF quer uma condenção de (regime fechado e com sofrimento), tipo assim, se o Ze Dirceu rir, é regalia, temos que ve-lo sofrer, onde foi parar a sensatez do Homem, por que isto é ideia de animal. se ele tem um TV de 14 ou 80 polegas é problema da familia que levou, e etc….

Responder

Maia Kaefman em 02/05/2014 - 17h24 comentou:

O caso do JG é o pior. Revoltante. Eu tenho nojo da oligarquia brasileira.

Responder

    Duílio em 05/05/2014 - 15h29 comentou:

    A oligarquia que financia a esquerda e se alia a ela? Eu também tenho nojo.

    Maia Kaefman em 05/05/2014 - 19h58 comentou:

    Não, a oligarquia tradicional reacionária que financia os meios de comunicação que fazem a cabeça de simplórios como você. 😉

Flavio Lima em 02/05/2014 - 18h20 comentou:

Não bastasse a vergonha que é essa situação, ainda tem porcos que vem sujar nos comentários. Cynara, bem que você podia dar uma limpada nos comentários nojentos, não?

Responder

    morenasol em 02/05/2014 - 21h44 comentou:

    eu filtro agressões em geral. a que você se refere?

    Vitor em 05/05/2014 - 12h33 comentou:

    Cynara, para algumas pessoas, todo mundo que discorda de um pensamento que essa pessoa acredita é nojento… Liga não! E parabéns por manter o ambiente democrático…

Messias Macedo em 02/05/2014 - 21h29 comentou:

[Manual para se ler o PIG – para iniciantes, e experientes também!]

A manchete deveria [deveria!] ser:

ALTA das ações da Petrobrás impulsiona Bolsa de Valores.

A mesma manchete (sic) no PIGolpista:

Bolsa sobe 2,62% com Petrobras e Vale, e atinge maior nível desde novembro

FONTE “da manchete do PIGolpista”:
UOL, em São Paulo
02/05/201417h37 http://economia.uol.com.br/cotacoes/noticias/reda

EM TEMPOS FASCIGOLPISTAS: dizer mais o quê?!

Lá isso é jornalismo, sô?!…

Passa a régua!

República Destes Bananas da [eterna] oPÓsição ao Brasil – “O cheiro do PÓ ‘cheiroso’ e dos cavalos ao do povo!”
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

    Duílio em 05/05/2014 - 15h28 comentou:

    Nossa, que grande ato golpista! Conta outra.

flaliman em 04/05/2014 - 09h09 comentou:

Eu quero e torço para que o Zé Dirceu morra na cadeia!! cadeia que é lugar de vagabundo!!!

Responder

Messias Macedo em 04/05/2014 - 12h37 comentou:

VÍDEO: Entrevistado foge do script em programa da Globo sobre a Petrobras – http://globotv.globo.com/globo-news/jornal-globo-

Responder

Tutameia em 04/05/2014 - 22h00 comentou:

nos anos 60/70, quando o mundo começou a se tornar o que é hoje, difundiu-se a estranha teoria de que a inteligencia existente no planeta seria uma especie de recurso não-renovável, uma grandeza fixa, um volume invariável de tal modo que quanto mais nascia gente, mas nascia gente burra por conta da fração cada vez menor de inteligencia que cabia a cada um…isso foi muito discutido e depois abandonado pela ciência oficial..mas hoje olhando bem as coisas como andam, não é que essa tese pode estar certa? não concordam?? como cheguei a essa conclusão?? simples; basta ver o teor dos comentários dos que vão me contestar em …3..2..

Responder

Duílio em 05/05/2014 - 15h27 comentou:

É óbvio! Os únicos que nunca partidarizam nada são o Nilmario, a Erundina e o Jean Wyllys.

Responder

Pablo em 05/05/2014 - 19h01 comentou:

O que Jean Wyllys diz não se escreve.

Responder

Joao Batista em 06/05/2014 - 02h31 comentou:

Uma oposição sem projetos sem nada, somente ist: http://cronicasdomotta.blogspot.com.br/2014/05/no

Responder

Messias Macedo em 10/05/2014 - 13h10 comentou:

Será necessário um novo Sobral Pinto para interromper as arbitrariedades cometidas contra Dirceu e Genoíno?

Sobral Pinto: "A advocacia não é ofício para os covardes!"

Por jornalista Antonio Mello –

Durante a ditadura do Estado Novo, de Getúlio Vargas, o advogado Sobral Pinto (imagem) invocou a Lei de Proteção aos Animais para defender os líderes comunistas Luiz Carlos Prestes e Harry Berger. Será necessário que se faça o mesmo agora?
Em termos de tortura física, evidentemente não se pode comparar as aplicadas a Prestes e Berger (que morreu louco na Alemanha, graças às torturas) com o que está acontecendo agora a dois réus do chamado mensalão.
Mas o que está sendo feito aos Josés – Dirceu e Genoíno – é crime covarde e continuado, tortura, bullying, aplicado pelo presidente do Poder que, em tese, deveria promover a Justiça, sob silêncio cúmplice de seus pares, aplauso mais, ou menos efusivo da mídia e alegria e regozijo de colunistas vendidos e seus leitores, "indignados úteis" (sobre estes, leia Mídia corporativa e Instituto Millenium, aliados dos EUA, usam 'indignados úteis' para transformar o Brasil numa nova Venezuela) que não percebem que ao aplaudirem a injustiça hoje abrem caminho para sofrê-la amanhã.

Responder

Messias Macedo em 10/05/2014 - 13h25 comentou:

Leiam com atenção e se possível despindo-se de preconceito este precioso texto de Paulo Moreira Leite, publicado originalmente *aqui.
*http://www.istoe.com.br/colunas-e-blogs/colunista/48_PAULO+MOREIRA+LEITE

A notícia de que uma das filhas de José Dirceu furou a fila da Papuda para encontrar-se com seu pai tem a relevância de um episódio menor numa grande tragédia.
Ninguém precisa ter compromisso com erros e deslizes.
Quaisquer que sejam as falhas e faltas cometidas neste caso, que ainda aguarda esclarecimentos maiores, é preciso distinguir o principal do secundário, o que é certo do que é absurdo.
José Dirceu, hoje, é vitima de tortura moral contínua.
Como esse tipo de violência não deixa marcas físicas, muitas pessoas acham fácil conviver com ela. Não sentem culpa nem remorso.
O pai de Joana Saragoça encontra-se preso na Papuda desde novembro de 2013.
Jamais foi condenado a regime fechado mas até hoje lhe negam o direito de sair para trabalhar. Sua privacidade foi invadida e, sem seu consentimento, suas fotografias na prisão chegaram aos meios de comunicação, várias vezes, onde foram exibidas de modo a ferir sua imagem. Nada aconteceu com os responsáveis por isso. Nada.
No esforço para encontrar – de qualquer maneira – o traço de qualquer conversa telefônica indevida, um indício, um ruído, uma procuradora chegou a pedir o monitoramento ilegal das comunicações do Palácio do Planalto, o STF, o Congresso – e nada, absolutamente nada, lhe aconteceu nem vai acontecer, fiquem certos.
Infiltrados numa visita de caráter humanitário, parlamentares da oposição chegaram a divulgar mentiras convenientes para prejudicar Dirceu. Lançaram a lorota do banho quente na cela. Uma deputada que sequer entrou em sua cela deu entrevistas falando dos privilégios. O que ocorreu? Nada. Nada. Nada. Sequer sentiu vergonha. Talvez ganhe votos.
Situações como aquela enfrentada por José Dirceu podem criar situações insuportáveis entre pessoas próximas.
São capazes de provocar reações irracionais, erradas, por parte daqueles que mais sentem a dor da injustiça.
Sem suspiros moralistas, por favor.
Lembrando as reações iniciais ingênuas da família do capitão André Dreiyfus, Hanna Arendt sugere que os parentes – muito ricos — chegaram a pensar em subornar autoridades que poderiam libertá-lo.
Quer um episódio mais chocante? Em 1970, Carlos Eduardo Collen Leite, o Bacuri, militante da luta armada, foi preso e massacrado pela tortura do regime militar. Não custa lembrar que, antes de ser executado, os jornais fizeram sua parte no serviço: noticiaram sua fuga – dando a cobertura para um assassinato impune.
Bacuri foi apanhado num momento em que fazia levantamento para um sequestro no qual pretendia salvar a mulher, a militante Denise Crispim, presa e grávida. Quando seu corpo apareceu, Bacuri tivera as orelhas decepadas, olhos vazados, dentes quebrados, vários tiros no peito.
Claro que estamos falando de situações diferentes. Muito diferentes. Graças a atuação de homens e mulheres no passado mais duro – inclusive José Dirceu – o país tem hoje um regime de liberdade.
Estes casos mostram, contudo, como é difícil reagir diante da injustiça.
Mostram como é pequeno falar em “privilégio” diante de um poder que se arvora o direito de espionar a presidência da República e nada sofre. Que desrespeita a lei, enrola e ganha tempo, apenas para punir e perseguir.
E é errado, muito errado, cobrar de quem está nessa situação, oprimida, injustiçada, comportamentos exemplares, racionais, sem enxergar o conjunto da situação. Até porque nada se compara com outras reações surpreendentes e tão comuns no país, como a de empresários que corrompem políticos, constroem fortunas imensas e, mais tarde, apanhados em flagrante, alegam que foram vítimas de extorsão. Nada disso.
O pai de Joana Saragoça está sendo submetido a um processo continuo de violência moral. Sua base é o silêncio, o escuro, é a cela fechada, o presídio trancafiado, os amigos distantes, o trabalho proibido, tudo para que se transforme numa não pessoa, com a cumplicidade e o silêncio dos mesmos que se mostram muito incomodados com banhos quentes, um papelzinho de uma lanchonete fast-food, uma feijoada em lata…
E se você acha que, talvez, esse negócio de “tortura moral” pode ser invenção deste blogueiro, talvez seja bom desconfiar da natureza de seus próprios princípios morais. Eles podem ter-se tornado flexíveis ultimamente.

FONTE: http://blogdomello.blogspot.com.br/2014/05/sera-n

Responder

Messias Macedo em 13/05/2014 - 23h30 comentou:

ENTENDA O PIG “cheirosa”!
Apesar de todos os contratos da Labogen do doleiro Yousseff terem sidos firmados nas ‘jestões’ TUCANAS, ‘a dondoca’ da BAND *discorreu – com sorriso nos lábios – que “a Polícia Federal recebeu documentos procedentes do Pará, que podem comprovar a influência do ex-petista André Vargas em negócios do referido laboratório com o Ministério da Saúde”!… Ah, no transcurso da notícia requentada, a sigla PT foi citada umas cinco vezes!…
*Jornal da Band, edição da noite de 13/05/2014

Lei dos Meios ou ‘remote control’?!…

Responder

Ramoom em 23/05/2014 - 18h30 comentou:

Por, PIG – Partido da Imprensa Golpista, do facebook: Desculpe-nos. A única maneira de divulgarmos a página é através das redes sociais. Eu, administrador da PIG, sou um simples inspetor de alunos e não tenho condições de fazer qualquer tipo de publicidade. Acompanho e leio, todos os dias, suas matérias e artigos. Apesar de você ter sido a única (entre dezenas de página que divulgamos) que reclamou, continuo a admirá-la pela grande lutadora que é! Não é spam, no sentido literal da palavra. É um jovem com ideais (mas sem a visibilidade da Carta Capital, sem a importância que vc tem nos meios de comunicação de esquerda) que posta manualmente cada um dos comentários. De qualquer maneira, não os coloco mais aqui, não tinha a intenção de incomodar. Bjs no coração e vamos à luta, querida Cynara! PS: ao terminar de escrever esse comentário, notei que você nos bloqueou para futuros comentários. Além da maneira seca e rude na qual dirigiu suas palavras a nossa insistência em propagandear a PIG, mostrou um lado das pessoas que, às vezes, me entristece em nossa esquerda. A desunião. Alguns esquerdistas, quando tornam-se famosos, adquirem a síndrome do RAR (Reynaldo Azevedo, Augusto Nunes e Ricardo Sette). Fique em paz!

Responder

    morenasol em 23/05/2014 - 18h42 comentou:

    é uma questão de justiça e coerência: proíbo às pessoas de direita de ficarem enchendo o saco dos leitores com memes. então, não vou deixar que pessoas da esquerda façam o mesmo. se você quer participar da página, será bem-vindo. comente, interaja. agora, ficar repetindo a mesma mensagem em TODAS as postagens é spam. não vou permitir, de esquerda ou de direita. em respeito aos leitores.

Deixe uma resposta

 


Mais publicações

Politik

Salve Joaquim, Axé Barbosa


Acredito menos em destino do que em sincronicidade, esta coreografia de acasos que permite a alguns acontecimentos se tornarem emblemáticos. E é, sem sombra de dúvida, emblemático que a posse do primeiro presidente negro da…

Politik

Cadê o mea culpa, PT?


Na quarta-feira 14 de novembro, a direção nacional do Partido dos Trabalhadores divulgou uma nota de cinco páginas criticando a atuação do STF (Supremo Tribunal Federal) no julgamento do mensalão. Diz o partido que o…